Um sistema de coleta automática de 
dados ambientais para corpos hídricos 
em apoio à aquicultura 
• João A. Lorenzzetti 
...
Fontes de dificuldades 
• Escalas temporais presentes nos sistemas aquáticos: a) 
baixas frequências: inter-anuais, decada...
Uma solução conceitual 
• Sistemas autônomos ancorados, capazes de: i) adquirir 
regularmente um conjunto mínimo de variáv...
Solução proposta: SIMA 
SIMA 
SATÉLITES 
BRASILEIROS; 
NOAA/ARGOS 
Usuários 
Usuários 
INPE
Solução Proposta: SIMA 
SIMA 
Satélites 
Brasileiros; 
NOAA/ARGOS 
Usuários 
Usuários 
INPE
Int. Seminar GHGs, 8-12 Aug., 2005 
SIMA 
BRAZILIAN 
SATELLITES; 
NOAA/ARGOS 
Users 
Users 
INPE 
Solução Proposta: SIMA
Int. Seminar GHGs, 8-12 Aug., 2005 
SIMA 
BRAZILIAN 
SATELLITES; 
NOAA/ARGOS 
Users 
Users 
INPE 
Solução Proposta: SIMA
SIMA 
Satélites 
Brasileiros; 
NOAA/ARGOS 
Usuários 
Usuários 
INPE 
Solução Proposta: SIMA
Segmento de coleta in situ 
O SIMA é constituído de uma plataforma flutuante, 
ancorada firmemente num ponto, sobre a qual...
Segmento de coleta in situ 
SIMAs fundeados em Furnas (MG) 
SIMA completo: com transmissão de 
dados por satélite 
SIMA aq...
Segmento Espacial: satélites brasileiros e da 
NOAA 
SCD1,SCD2, 
CBERS. TIROS 
ALCÂNTARA 
RECDAS 
Centro de 
controle de 
...
Banco de dados: o INPE criou e mantém um banco de dados onde 
são armazenados todos os dados limnologicos e meteorológicos...
Dados coletados pelo SIMA 
• Variáveis Meteorológicas: 
• Vento: Direção e velocidade 
• Pressão Atmosférica 
• Radiação I...
SIMAs instalados em Furnas, Guapé (MG) 
P1: sem aquicultura (controle) 
P2 a P6: com atividade de 
aquicultura 
SIMA compl...
Distribuição vertical da temperatura da água (SIMA) 
Local: Furnas, Guapé 
Período: 01/10 a 31/11 20013 
Plataformas A-F: ...
Pressão, temperatura do ar, humidade relativa do ar 
Velocidade do vento 
Local: Furnas, Guapé 
Período: 01/10 a 31/11 200...
Variações do pH (esquerda) e oxigênio dissolvido (direita) 
Reservatório de Furnas 01/10 a 31/11 de 2013
Exemplos de análises possíveis em maior detalhe 
Reservatório de Furnas 04/10 a 13/10 de 2013
SUMÁRIO 
• O SIMA possibilita coletar, transmitir e receber dados 
ambientais horários de sistemas hidrológicos remotos em...
OBRIGADO
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Um sistema de coleta automática de dados ambientais para corpos hídricos em apoio à aquicultura

209 visualizações

Publicada em

Um sistema de coleta automática de dados ambientais para corpos hídricos em apoio à aquicultura_João Carlos Lorenzzetti_Siagro 2014_Embrapa Instrumentação

Publicada em: Engenharia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
209
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Um sistema de coleta automática de dados ambientais para corpos hídricos em apoio à aquicultura

  1. 1. Um sistema de coleta automática de dados ambientais para corpos hídricos em apoio à aquicultura • João A. Lorenzzetti • Carlos A.S. Araújo • José L. Stech Divisão de Sensoriamento Remoto Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais - INPE
  2. 2. Fontes de dificuldades • Escalas temporais presentes nos sistemas aquáticos: a) baixas frequências: inter-anuais, decadais, mudanças climáticas; b) escala sinótica: efeitos de passagens de frentes; c) escalas diel e mais curtas: eventos abruptos. • Consequência: coleta de dados difícil, cara e de logística complexa. • Em muitos casos, dados em tempo real são importantes para tomadas de decisão.
  3. 3. Uma solução conceitual • Sistemas autônomos ancorados, capazes de: i) adquirir regularmente um conjunto mínimo de variáveis limnológicas e meteorológicas, ii) transmitir os dados coletados a um centro de processamento, e iii) disponibilizar imediatamente os dados processados para pesquisadores, autoridades e usuários interessados.
  4. 4. Solução proposta: SIMA SIMA SATÉLITES BRASILEIROS; NOAA/ARGOS Usuários Usuários INPE
  5. 5. Solução Proposta: SIMA SIMA Satélites Brasileiros; NOAA/ARGOS Usuários Usuários INPE
  6. 6. Int. Seminar GHGs, 8-12 Aug., 2005 SIMA BRAZILIAN SATELLITES; NOAA/ARGOS Users Users INPE Solução Proposta: SIMA
  7. 7. Int. Seminar GHGs, 8-12 Aug., 2005 SIMA BRAZILIAN SATELLITES; NOAA/ARGOS Users Users INPE Solução Proposta: SIMA
  8. 8. SIMA Satélites Brasileiros; NOAA/ARGOS Usuários Usuários INPE Solução Proposta: SIMA
  9. 9. Segmento de coleta in situ O SIMA é constituído de uma plataforma flutuante, ancorada firmemente num ponto, sobre a qual é fixada uma torre construída em alumínio naval. No espaço central do flutuante é fixado um compartimento à prova d`água onde são instalados a bateria, a bússola e a eletrônica do sistema. Os sensores meteorológicos, a antena de transmissão e os painéis solares são instalados na torre fixada sobre a plataforma. Os sensores limnológicos são fixados abaixo da linha d`água.
  10. 10. Segmento de coleta in situ SIMAs fundeados em Furnas (MG) SIMA completo: com transmissão de dados por satélite SIMA aquicultura: somente dados limnológicos e sem transmissão de dados por satélite
  11. 11. Segmento Espacial: satélites brasileiros e da NOAA SCD1,SCD2, CBERS. TIROS ALCÂNTARA RECDAS Centro de controle de satélite CUIABÁ Segmento de solo: Rastreio e Controle
  12. 12. Banco de dados: o INPE criou e mantém um banco de dados onde são armazenados todos os dados limnologicos e meteorológicos coletados nos projetos em execução.
  13. 13. Dados coletados pelo SIMA • Variáveis Meteorológicas: • Vento: Direção e velocidade • Pressão Atmosférica • Radiação Incidente e Refletida • Temperatura do ar • Umidade relativa • Variáveis Limnológicas: • Temperatura da água em várias profundidades • pH • Oxigênio Dissolvido • Condutividade • Clorofila a • Turbidez • Os dados são coletados a cada 10 min e a média horária é transmitida por satélite.
  14. 14. SIMAs instalados em Furnas, Guapé (MG) P1: sem aquicultura (controle) P2 a P6: com atividade de aquicultura SIMA completo: P5
  15. 15. Distribuição vertical da temperatura da água (SIMA) Local: Furnas, Guapé Período: 01/10 a 31/11 20013 Plataformas A-F: 1 a 6
  16. 16. Pressão, temperatura do ar, humidade relativa do ar Velocidade do vento Local: Furnas, Guapé Período: 01/10 a 31/11 20013 Plataformas A-F: 1 a 6
  17. 17. Variações do pH (esquerda) e oxigênio dissolvido (direita) Reservatório de Furnas 01/10 a 31/11 de 2013
  18. 18. Exemplos de análises possíveis em maior detalhe Reservatório de Furnas 04/10 a 13/10 de 2013
  19. 19. SUMÁRIO • O SIMA possibilita coletar, transmitir e receber dados ambientais horários de sistemas hidrológicos remotos em tempo quase real; • Para aplicações em tempo real, se o SIMA e a estação de recepção estiverem dentro da cobertura dos satélites, os corpos d´água monitorados podem estar distribuídos num circulo de até 5000 km de diâmetro; • Esses dados podem ser bastante úteis às atividades de aquicultura para tomadas de decisão e para o estabelecimento de melhores práticas de manejo. • Se o monitoramento contínuo puder ser mantido por alguns anos, ele servirá para o levantamento de variações sazonais e inter-anuais, necessário para planejamentos de longo prazo.
  20. 20. OBRIGADO

×