Nobytes Tipos de Dados

236 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
236
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
31
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Nobytes Tipos de Dados

  1. 1. Tipos de Dados Tema: Tipos de Dados Assunto: Linguagem C Aula: #01 – Parte: #01 Requisitos: Nenhum Próximo Assunto: Modificadores http://nobytes.wordpress.com/ Autor: Thiago Odilom Doc.: 002 – Atualização: 01.01
  2. 2. Sumário  1.0 Introdução  2.0 Tipo int  3.0 Tipo char  4.0 Tipo float  5.0 Tipo double  6.0 Bibliografia http://nobytes.wordpress.com/ Autor: Thiago Odilom Doc.: 002 – Atualização: 01.01
  3. 3. 1.0 Introdução  Todo programa armazena e manipula dados em posições especificas na memória do computador, para controlar esta movimentação usamos as “variáveis”.  As variáveis sempre possuem um endereço de memória e um valor especifico que pode pertencer a apenas um dos quatro tipos de dados: int, char, float e double.  Todos os dados possuem duas características, seu tamanho e sua faixa que pode variar conforme o tipo de processador e implementação do compilador C usado.  O padrão ANSI (American National Standards Institute) estipula a faixa mínima de cada tipo de dado, porém não menciona o seu tamanho em bits ou bytes. http://nobytes.wordpress.com/ Autor: Thiago Odilom Doc.: 002 – Atualização: 01.01 Tabela ANSI Tipo bits Faixa Mínima char 8 -128 a +127 int 16 -32.767 a +32.767 float 32 3,4E-38 a 3,4E+38 doulble 64 1.7E-308 a 1,7E+308
  4. 4. 2.0 Tipo int  O termo reservado “int” indica que a variável irá armazenar um valor numérico compreendido no universo amostral dos número inteiros (negativos e positivos).  O compilador em tempo de execução reserva na memória um total de 16 bits (2 bytes) para armazenar o valor de uma variável declarada como inteiro (int).  Se o usuário da aplicação inserir um número que possua uma parte fracionada (2.24), o compilador geralmente trunca o número e ignora a parte fracionada (2). http://nobytes.wordpress.com/ Autor: Thiago Odilom Doc.: 002 – Atualização: 01.01 Exemplo: int Valor 1 byte 2 byte Dados Sinal
  5. 5. 3.0 Tipo char  O termo reservado “char” indica que a variável irá armazenar um valor de caractere alfanumérico ou símbolo gráfico presente na lista do padrão ASCII.  Se o usuário inserir um número inteiro em uma variável definida como char o compilador vai entender como um indicação de um símbolo da tabela ASCII.  Uma variável do tipo de char pode receber uma contaste como parâmetro, basta usar o os apóstrofos adequadamente antes e depois da letra (exemplo: ‘A’).  Um variável do tipo char pode armazenar apenas uma letra ou símbolo ASCII, para armazenar múltiplos caráteres é necessário declarar uma “string” de caracteres. http://nobytes.wordpress.com/ Autor: Thiago Odilom Doc.: 002 – Atualização: 01.01 Nota:  ASCII – American Standard Code for Information Interchange Exemplo: char Nome 1 byte Dados Sinal
  6. 6. 4.0 Tipo float  O termo reservado “float” indica que a variável irá armazenar um valor numérico compreendido no universo amostral dos número reais (negativos e positivos).  O compilador em tempo de execução reserva na memória um total de 32 bits (4 bytes) para armazenar o valor de uma variável declarada como float.  O compilador C sempre vai dividir o espaço reservado para o ponto flutuante da seguinte forma: 23 bits para a Mantissa, 8 bits para o Expoente e 1 bit para o Sinal. http://nobytes.wordpress.com/ Autor: Thiago Odilom Doc.: 002 – Atualização: 01.01 Exemplo: float Media 1 byte 2 byte 3 byte 4 byte Expoente Mantissa Sinal
  7. 7. 5.0 Tipo double  O termo reservado “double” indica que a variável irá armazenar um valor numérico compreendido no universo amostral dos número reais (negativos e positivos).  O compilador em tempo de execução reserva na memória um total de 64 bits (8 bytes) para armazenar o valor de uma variável declarada como double.  O compilador C sempre vai dividir o espaço reservado para o ponto flutuante da seguinte forma: 52 bits para a Mantissa,11 bits para o Expoente e 1 bit para o Sinal. http://nobytes.wordpress.com/ Autor: Thiago Odilom Doc.: 002 – Atualização: 01.01 Exemplo: double Base 1 byte 2 byte 3 byte ..... 8 byte ..... Expoente Mantissa Sinal
  8. 8. 6.0 Bibliografia  C Completo e Total – Revisada e Atualizada  [Herbert Schildt]  Programando em C/C++ “A Bíblia”  [Kris Jamsa e Lars Klander] http://nobytes.wordpress.com/ Autor: Thiago Odilom Doc.: 002 – Atualização: 01.01 Dúvidas, Sugestões e Críticas: Acesse o nosso blog e deixe um comentário. Obrigado!

×