éTica em auditoria

792 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
792
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

éTica em auditoria

  1. 1. Auditoria de Sistemas de Saúde Ética em Auditoria Esp. Daguia Narielly Galvão Enfermeira - Auditora do SEA/Sesap/RN
  2. 2. Ética x Moral  Há quem não distinga ética de moral.  ÉTICA – do grego ethos = modo de ser ou caráter; MORAL – do latim mores = hábitos ou costumes.  A ética pode encontrar-se com a moral pois a suporta, na medida em que não existem costumes ou hábitos sociais completamente separados de uma ética individual.
  3. 3.  A moral representa a ação; a ética a norma;  Como moral é a experiência vivida na prática, a ética é o que deveria ser em teoria.  Na prática, a finalidade da ética e da moral é muito semelhante. São ambas responsáveis por construir as bases que vão guiar a conduta do homem, determinando o seu caráter, altruísmo e virtudes.
  4. 4. DEVERES DE CONDUTA DO AUDITOR        INTEGRIDADE INDEPENDÊNCIA OBJETIVIDADE IMPARCIALIDADE CONFIDENCIALIDADE COMPETÊNCIA EFICÁCIA
  5. 5. CONDUTAS ANTI-ÉTICAS OU INACEITÁVEIS EM AUDITORIA • Leitura do texto de Marilena Chauí; • Estimular a discussão da turma;
  6. 6. REFLITA Pensar na morte deveria ser exercício diário. Exatamente porque se morre é que se pode conferir intensidade a cada dia que se vive. Cada dia vivido é um dia a menos na trajetória terrena. Ninguém deixará de morrer. É a mais democrática das ocorrências para a humanidade. A inseparável, a inevitável, a indesejável está aí, à espreita. Viver com ética e pensar sobre o que se acumula nesta breve trajetória terrena é dever ético que, bem exercido, faria com que as pessoas se relacionassem melhor. Deixassem as insignificâncias e o supérfluo para pensar no fundamental.

×