Quem mexeu na minha Skynerd?

"Cada um de nós tem a sua própria ideia do que é um Queijo, e o procuramos porque
acreditamo...
“Logo Hem e Haw passaram a considerar o Queijo que encontravam no Posto C seu Queijo. O
estoque era tão grande, que eles a...
[....]
“- Isso não deveria ter acontecido conosco, ou se acontecesse, pelo menos deveríamos
obter alguns benefícios.
- Por...
[...]
“– Vamos! – exclamou de repente.
– Não – respondeu rapidamente Hem. – Eu gosto daqui. É confortável e familiar. Além...
[...]
“- Você não entende – disse Haw. – Eu também não queria aceitar esse fato, mas agora
percebo que O Velho Queijo nunc...
“– Às vezes – disse Haw – as coisas mudam e nunca mais são as mesmas. Essa parece
ser uma dessas ocasiões, Hem. É a vida! ...
E para finalizar o recado mais importante é para a própria Skynerd:
“Se

Você Não Mudar, Morrerá.”

De todo esse ocorrido ...
* Lembrando que o texto foi escrito em janeiro de 2014 e assumindo que os leitores
acessavam a Skynerd na época. Leitores ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Quem mexeu na minha Skynerd?

703 visualizações

Publicada em

Artigo sobre o possível fim de Skynerd e as reações dos usuários da rede sobre o assunto. A semelhança entre o ocorrido e o livro "Quem mexeu no meu queijo?", de Spencer Johnson, são notáveis.

Publicada em: Diversão e humor
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
703
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Quem mexeu na minha Skynerd?

  1. 1. Quem mexeu na minha Skynerd? "Cada um de nós tem a sua própria ideia do que é um Queijo, e o procuramos porque acreditamos que nos fará felizes. Se o obtemos, frequentemente ficamos ligados a ele. E se o perdemos, ou se nos é tirado, isso pode ser traumático." Você, leitor deste artigo e usuário da Skynerd, muito provavelmente não estava preparado para ler o conteúdo da mensagem enviada pelo Jovem Nerd nesta quarta-feira (15/01/2014)*. Claro que o vídeo do último NerdOffice de 2013 já deixava uma dúvida no ar: o JN iria mesmo acabar com a rede social desenvolvida por eles no seu website? Apesar dos bugs e outros problemas, a rede era visitada por seus usuários com frequência. Mediante a confirmação do seu primeiro fim, também foi dada a possibilidade de se salvar o conteúdo do seu perfil feito lá, como os posts, etc. Já os vários tipos de comportamento que surgiram como reação a essa notícia é que chamam a atenção e nos fazem lembrar de um livro em particular, principalmente devido às características do evento gerador ou causador de todas essas reações; também em como as pessoas ligadas à Skynerd demonstram suas ligações pessoais por ela, e tentam buscar meios de ou fazer voltar tudo para o que era antes ou fazer algo novo; o livro em questão é "Quem mexeu no meu queijo" de Spencer Johnson. "Há muito tempo, em um país muito distante, quando as coisas eram diferentes, havia quatro pequenos personagens que corriam através de um labirinto à procura de queijo para alimentálos e fazê-los felizes. Dois eram ratos, chamados Sniff e Scurry, e dois duendes - seres tão pequenos quantos os ratos, mas que se pareciam muito com as pessoas de hoje, e agiam como elas. Seus nomes eram Hem e Haw." O livro conta uma parábola sobre esse labirinto e a incessante busca dos 2 ratos e dos 2 duendes à procura de queijo. “Os ratos não analisavam demais as coisas”; já os duendes “usavam um método diferente e confiavam em sua capacidade de pensar e aprender com suas experiências”. Um dia eles encontram uma sala com queijo, não sabiam de onde vinha, porém acreditavam que “Há Queijo suficiente aqui para nos alimentar para sempre”. Isto não nos faz lembrar a ideia de um local onde pode se encontrar “gratuitamente” e “infinitamente” conteúdos com os quais você se identifica? Pois bem, vou transcrever alguns trechos do livro e vou relacionar com alguns posts encontrados nesses dias na Skynerd que tratam do assunto:**
  2. 2. “Logo Hem e Haw passaram a considerar o Queijo que encontravam no Posto C seu Queijo. O estoque era tão grande, que eles acabaram se mudando para mais perto do Posto C, e criaram uma vida social ao seu redor.” Especificamente para a Skynerd, ela potencializou a capacidade de se atrair mais usuários da rede para grupos, eventos online e externos, comunidades na internet, entre outros. Agora os posts: “Mais tarde, [.......] Eles não haviam prestado atenção às pequenas mudanças que ocorriam diariamente, por isso tinham como certo que seu Queijo estaria lá. Não estavam preparados para o que descobriram. – O quê? Não há Queijo? – gritou Hem. Ele continuou a gritar: – Não há Queijo? Não há Queijo? – como se gritando muito alguém fosse colocá-lo novamente no Posto C. – Quem mexeu no meu Queijo? – berrou. [....] Hem [...] gritou o mais alto que pôde: – Isso não é justo! [...] Hem estava gritando algo, mas Haw não queria ouvi-lo. Não queria enfrentar a situação, por isso apenas “saiu do ar. [...]”
  3. 3. [....] “- Isso não deveria ter acontecido conosco, ou se acontecesse, pelo menos deveríamos obter alguns benefícios. - Por quê? – perguntou Haw. - Porque temos direito – respondeu Hem. - Direito a quê? – quis saber Haw. - Ao nosso Queijo. - Por quê? – perguntou Haw. - Porque não causamos este problema – disse Hem. – Alguém o causou, e deveríamos tirar algum proveito disso. - Talvez devêssemos parar de analisar tanto a situação e ir procurar um Novo Queijo – sugeriu Haw. - Ah, não – argumentou Hem. – Vou tirar isso a limpo.”
  4. 4. [...] “– Vamos! – exclamou de repente. – Não – respondeu rapidamente Hem. – Eu gosto daqui. É confortável e familiar. Além disso, é perigoso lá fora. [...]” [...] “[...] O Queijo nunca reaparecia. A essa altura, eles estavam enfraquecidos devido à fome e ao estresse, e Haw estava ficando cansado de apenas esperar que as coisas melhorassem. Sabia que quanto mais tempo ficassem sem Queijo, pior seria. Haw sabia que eles estavam perdendo o controle da situação. Finalmente, um dia, Haw começou a rir de si mesmo. - Haw, olhe para você. Faz sempre as mesmas coisas e se pergunta por que elas não melhoram. Se isso não fosse tão ridículo, seria ainda mais engraçado.”
  5. 5. [...] “- Você não entende – disse Haw. – Eu também não queria aceitar esse fato, mas agora percebo que O Velho Queijo nunca reaparecerá. Esse foi o Queijo de ontem. É hora de procurar o Novo Queijo.”
  6. 6. “– Às vezes – disse Haw – as coisas mudam e nunca mais são as mesmas. Essa parece ser uma dessas ocasiões, Hem. É a vida! A vida segue em frente, e nós também deveríamos fazer o mesmo.” “Haw sorriu. Sabia que Hem estava se perguntando: “Quem mexeu no meu Queijo?”, mas Haw se perguntava: “Por que eu não me mexi e fui procurar o Queijo mais cedo?”
  7. 7. E para finalizar o recado mais importante é para a própria Skynerd: “Se Você Não Mudar, Morrerá.” De todo esse ocorrido nós podemos aprender lições importantes sobre o que valorizamos, o que consideramos como nosso Queijo e como podemos nos enganar sobre determinados acontecimentos se nós agirmos ou permanecermos de forma confortável acreditando que nossa situação atual, quando benéfica, nunca mudará. Aproveitando a citação do livro, seguem abaixo alguns links para compra: http://www.livrariacultura.com.br/Produto/LIVRO/QUEM-MEXEU-NO-MEUQUEIJO/222916?gclid=CKLa5ZODg7wCFTNp7AoddgsAKg http://www.livrariasaraiva.com.br/produto/421755/quem-mexeu-no-meu-queijo http://livraria.folha.com.br/livros/comportamento/mexeu-queijo-spencer-johnson1011670.html http://www.americanas.com.br/produto/170812/livro-quem-mexeu-no-meu-queijo#specTec http://www.fnac.com.br/quem-mexeu-no-meu-queijo/p/401583
  8. 8. * Lembrando que o texto foi escrito em janeiro de 2014 e assumindo que os leitores acessavam a Skynerd na época. Leitores futuros não terão problemas em ler o texto. ** Os posts copiados tiveram o perfil do autor apagado para não gerar problemas. O propósito não é promover discórdia, mas sim ilustrar as reações expostas. --------------------------------------------------------------------------------------------------------Da minha parte eu pretendo participar de algum grupo que esteja desenvolvendo uma nova rede social ou algo semelhante. Ao menos espero doar ideias para que algum projeto interessante seja realizado. Para o pessoal que quer se aventurar em desenvolver novas Skynerds: “Sempre que começava a ficar desencorajado, lembrava-se de que o que estava fazendo, independente do quanto fosse desagradável no momento, na verdade era muito melhor do que ficar sem Queijo. Estava assumindo o controle, em vez de simplesmente deixar que as coisas lhe acontecessem.” Até! Zero_Sharer

×