Conversas sobre Fotografia

543 visualizações

Publicada em

Tanto a fotografia, o cinema, o vídeo quanto a pintura partilham da mesma necessidade de tentar transmitir a sensação da imagem tridimencional através de um meio bidimencional. Esse é um dado fundamental para as técnicas de iluminação.

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
543
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
41
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Conversas sobre Fotografia

  1. 1. Conversas sobre Fotografia Michel Montandon www.michelmontandon.com Outono 2013
  2. 2. Pintura pré-renascentista
  3. 3. Giotto e o Renascimento á partir do século 14
  4. 4. Profundidade, volume e perspectiva
  5. 5. Tanto a fotografia, o cinema, o vídeo quanto a pintura partilham da mesma necessidade de tentar transmitir a sensação da imagem tridimencional através de um meio bidimencional. Esse é um dado fundamental para as técnicas de iluminação.
  6. 6. Luz intermediária Michelangelo
  7. 7. Luz suave Boticelli
  8. 8. Luz dura Caravaggio
  9. 9. Características da luz
  10. 10. A luz dura é aquela que provém de uma fonte pequena em relação ao objeto, enquanto a luz suave provém de uma fonte grande em relação ao objeto iluminado. Essa característica da luz não está condicionada à intensidade maior ou menor da fonte de luz.
  11. 11. Luz Dura ou Pontual: • É a que deixa as sombras de uma imagem bem definidas. Para obter esse tipo de luz basta utilizar um refletor, ou outra fonte de luz, que tenha uma área de emissão de luz pequena e que provenha de um único ponto. Ex.: as sombras que são provocadas pela luz do sol, de uma lâmpada, ou da chama de uma vela.
  12. 12. Luz Suave, Difusa ou Refletida: • É a que não deixa as sombras de uma imagem bem definidas. Para obter esse tipo de luz é necessário a utilização de um refletor, ou outra fonte de luz, que seja grande em relação ao objeto, ou pode-se rebater ou difundir a luz que provém de um único ponto. Ex.: a luz que chega de um dia nublado, a luz refletida do sol em uma parede, a luz que entra através de uma cortina.
  13. 13. Estruturas de iluminação
  14. 14. Regra dos terços
  15. 15. Observando os espaços •Espaço vazio e espaços preenchidos • Observar a direção da imagem
  16. 16. As regras são feitas para serem quebradas?
  17. 17. Movimento •Espaços vazios aumentam a sensação de movimento
  18. 18. Utilizando os pontos de fuga (Diagonais) •O sujeito é colocado sobre a linha diagonal da moldura • Adiciona drama e ação
  19. 19. Minimalismo • Organiza • Destaca • Atrai o olhar
  20. 20. Perspectivas • Fotos de cima pra baixo • Fotos de baixo pra cima • Nível dos olhos
  21. 21. DE CIMA PRA BAIXO (plongé) • O objeto fica diminuido
  22. 22. DE BAIXO PRA CIMA (Contra-plongé) • O objeto parece dominador
  23. 23. NÍVEL DOS OLHOS •Mais confortável para telespectador • Relaciona-se com o ponto de vista
  24. 24. USANDO LINHAS E TEXTURAS
  25. 25. HORIZONTE FORA DO NÍVEL • Atrai a atenção • Desestabiliza o olhar
  26. 26. HORIZONTE NIVELADO • Sentido de estabilidade
  27. 27. Fotografias abstratas
  28. 28. FOTOGRAFIA CINEMATOGRÁFICA
  29. 29. FOTOGRAFIA CINEMATOGRÁFICA • Se aplicam as regras de composição •Existem alguns tipos básicos de enquadramento
  30. 30. Enquadramentos básicos •Plano detalhe •Primeiríssimo plano/Close up •Meio primeiro plano •Plano americano •Plano conjunto/plano médio •Plano Geral
  31. 31. Plano detalhe: • mostra uma parte do corpo de um personagem ou apenas um objeto.
  32. 32. Primeiríssimo plano/Close up •mostra o rosto de um personagem •Usado para expressar emoções
  33. 33. Meio primeiro plano •mostra um único personagem em enquadramento mais fechado
  34. 34. Plano Americano •mostra o/os personagem(s) enquadrado(s) não de corpo inteiro (da cabeça até a cintura, ou até o joelho).
  35. 35. Plano médio •mostra um trecho de um ambiente, em geral com pelo menos um personagem em quadro.
  36. 36. Plano de conjunto • mostra um grupo de personagens.
  37. 37. Plano geral • mostra uma paisagem ou um cenário completo.
  38. 38. Ponto de vista
  39. 39. Perspectiva (cognitiva) • O ponto de vista ou perspectiva na teoria cognitiva, é a escolha de um contexto ou referência (ou o resultado desta escolha) de onde se parte o senso, a categorização, a medição ou a codificação de uma experiência, tipicamente pela comparação com outra. • Fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Perspectiva_%28cognitiva%29
  40. 40. Visão de Mundo • Costuma-se chamar uma visão de mundo como a perspectiva com a qual um indivíduo, uma comunidade ou uma sociedade enxergam o mundo e seus problemas em um dado momento da história, reunindo em si uma série de valores culturais e o conhecimento acumulado daquele período histórico em questão • Fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Perspectiva_%28cognitiva%29
  41. 41. Fotografia Digital
  42. 42. A Câmera Fotográfica Básica
  43. 43. Diafragma
  44. 44. Profundidade de campo
  45. 45. Obturador
  46. 46. Formas de segurar a câmera
  47. 47. Tipos de Objetivas
  48. 48. Pixel Pixel ou Píxel(sendo o plural pixels) (aglutinação de Picture e Element, ou seja, elemento de imagem, sendo Pix a abreviatura em inglês para Picture) é o menor elemento num dispositivo de exibição (como por exemplo um monitor), ao qual é possível atribuir-se uma cor. De uma forma mais simples, um pixel é o menor ponto que forma uma imagem digital, sendo que o conjunto de milhares de pixels formam a imagem inteira. Fonte: pt.wikipedia.org/wiki/Pixel
  49. 49. Megapixel • Megapixel (ou Megapíxel) designa um valor equivalente a um milhão de pixels/píxeis. É utilizado nas câmeras digitais para determinar o grau de resolução, ou definição de uma imagem. Uma resolução de 1,3 megapixels significa que existem aproximadamente 1.300.000 pixels na imagem, o que corresponde a nada além da multiplicação da largura pela altura da imagem, ou seja, uma imagem de 1280 pixels de largura por 1024 pixels terá exatamente 1.310.720 pixels.
  50. 50. Megapixel 0,3=640x480 1,2=1280x960 2,0=1600x1200 3,0=2048x1536 5,3=3008x1960 6,3=3088x2056 11,1=4064x2704
  51. 51. JPEG JPEG - Joint Photographic Experts Group A extensão em DOS é "JPG". É o formato mais utilizado e conhecido atualmente. Quase todas as câmaras dão esta opção para guardar as imagens. Arquivo muito utilizado na Internet e em multimidia, por ter uma compactação excelente, algo fundamental ao meio, e por suportar até 16.777.216 cores distintas.
  52. 52. TIFF TIFF - Tagged Image File Format Arquivo padrão para impressão industrial (offset, rotogravura, flexogravura); também muito usado como opção nas câmaras fotográficas. É um formato de arquivos que praticamente todos os programas de imagem aceitam. O TIFF é capaz de armazenar imagens true color (24 ou 32 bits) e é um formato muito popular para transporte de imagens do desktop para bureaus, para saídas de scanners e separação de cores.
  53. 53. GIF e BMP • GIF - Graphics Interchange Format Criado para ser usado extensivamente na Internet. Suporta imagens animadas e 256 cores por frame. Foi substituído pelo PNG. • BMP - Windows Bitmap Normalmente usado pelos programas do Microsoft Windows. Não utiliza nenhum algoritmo de compressão, daí esse formato apresentar as fotos com maior tamanho.
  54. 54. SVG e PNG • SVG - Scalable Vector Graphics É um formato vetorial, criado e desenvolvido pelo World Wide Web Consortium. • PNG - Portable Network Graphics É um formato livre de dados utilizado para imagens, que surgiu em 1996 como substituto para o formato GIF, devido ao facto de este último incluir algoritmos patenteados. Suporta canal alfa, não tem limitação da profundidade de cores, alta compressão (regulável). Permite comprimir as imagens sem perda de qualidade, ao contrário de outros formatos, como o JPG.
  55. 55. RAW Família de formatos de arquivo RAW RAW refere-se à família de formatos de imagem RAW que são originados pela maioria das câmeras digitais profissionais. O formato RAW não é padronizado nem documentado, e difere de fabricante para fabricante.
  56. 56. Creditos: •Wikipedia •Nikon D80, Canon S2IS, Google •All rights reserved to Aditya Rao • Tradução e adaptação: Michel Montandon de Oliveira •pt.wikipedia.org/wiki/Plano_%28cinema%29 •http://lucassville.blogspot.com.br/2011/04/cinema-alma- transgressao-afetiva.html •Baseado no curso de direção de fotografia de Alziro Barbosa

×