Mãe Da Vida

3.080 visualizações

Publicada em

Mãe da vida
Teatro de Educação Ambiental

Um teatro de bonecos que se baseia na técnica de manipulação japonesa Bunraku

Prêmio Ambiental
Chico Mendes - 2007

Prêmio no 4º BENCHMARKING AMBIENTAL BRASILEIRO com o projeto Eco-Cidadania - Embrapa e Petrobrás onde está incluída a peça “Filhos da Terra” de Suzana Montauriol ( Educação Ambiental ) encenado no ano de 2005/2006

Publicada em: Tecnologia, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.080
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
448
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mãe Da Vida

  1. 1. <ul><li>A Empresa </li></ul><ul><li>A Seiva Arte-Educação é uma produtora cultural focada na implementação de projetos educativos, com ênfase em temas psico-pedagógicos e de formação de consciência coletiva, como meio-ambiente, cidadania, </li></ul><ul><li>auto-estima, percepção e inclusão social. </li></ul><ul><li>Em 2006, com o projeto “Eco-cidadania – Embrapa e Petrobrás”, foi premiada no “4º Benchmarking Ambiental Brasileiro”, evento que reúne os melhores trabalhos de gestão ambiental corporativa do mundo. </li></ul><ul><li>A peça “Filhos da Terra”, de Suzana Montauriol, integrante do projeto, foi encenada para milhares de crianças nos anos de 2005 e 2006, ganhando notoriedade do público e crítica especializada. </li></ul><ul><li>O mais recente espetáculo “Mãe da Vida”, iniciado em 2007, foi selecionado para receber o prêmio “Chico Mendes”, uma das principais referências de credibilidade no país. </li></ul>
  2. 2. Produto cultural: O “Mãe da Vida” é um espetáculo teatral com duração de 60 minutos, que emprega a técnica japonesa de manipulação de bonecos “Bunraku”, unindo atores-manipuladores, bonecos de 90 cm à 1,70 metros, cantores e contadores de história, em prol da educação ambiental. Em um cenário divertido e rico em recursos de luz, som e efeitos especiais, “Mãe da Vida” enfatiza a consciência ambiental, explorando temas como a preservação do meio-ambiente, a percepção da responsabilidade, da ética e da auto-estima do público-alvo, crianças de 5 à 12 anos. O espetáculo será financiado com incentivo da Lei Rouanet, Lei nº 8813/91, conhecida como Mecenato, permitindo a captação de recursos em contrapartida a oferta de benefícios fiscais aos patrocinadores.
  3. 3. <ul><li>Técnica </li></ul><ul><li>O cenário é composto por floresta, cidade, rio, mar e árvores. Há também cicloramas com duas faces: o lado 1, representa a floresta tropical, com relevos de folhagens; O lado 2, é o mundo azul da fada, com relevos de castelo, pedra, vegetações e pintura monocromática. </li></ul><ul><li>Outro ciclorama é o cerrado, também em alto relevo, com galhos secos representando a queimada. Do outro lado, a cidade, em alto relevo em relação ao céu, pintado em tons de cinza, no estilo anti-construtivista. </li></ul><ul><li>O rio é representado na linguagem tailândesa, medindo 20 x 3 metros, com um efeito de encontro com o mar. </li></ul><ul><li>O elenco é formado por experientes atores-manipuladores de bonecos, estes por sua vez todos confeccionados com grande riqueza de detalhes e com elementos cênicos expressivos. </li></ul><ul><li>O texto, poético e ilustrado com 22 trilhas sonoras de músicas brasileiras, fala de uma história de amor pela vida, dentro da visão do meio-ambiente, respeitando e conhecendo esta imensa teia de conexões que é a vida. O espetáculo tem um escopo entre o bem e o mal que está dentro de nós mesmos, a ignorância versus o conhecimento. </li></ul><ul><li>A personagem “Ignorância” representa os argumentos a favor do progresso descontrolado, que agride o meio ambiente, e que esta dentro de nós enquanto não mudamos nossas atitudes frente ao meio-ambiente e ao mundo. Em contraponto, termina sendo convencida e transformada pela fada, que também esta dentro de nós, pois “só o amor e o conhecimento transformam ignorância em sabedoria”. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Público, Praça e Preço: </li></ul><ul><li>Em dois meses, serão realizadas 52 apresentações, 06 por semana, nos períodos da manhã e tarde, e, 4, nos respectivos domingos. </li></ul><ul><li>Serão destinadas ao público de escolas públicas municipais e estaduais do ensino fundamental, crianças de 5 a 12 anos, da cidade de Indaiatuba, interior de São Paulo. </li></ul><ul><li>Os espetáculo será assistido por cerca de 33.500 crianças, com ingressos inteiramente gratuitos. </li></ul>
  5. 5. <ul><li> Vantagens ao Patrocinador: </li></ul><ul><li>1) Benefício fiscal pelo patrocínio através da Lei Rouanet </li></ul><ul><li> Artigo 18 </li></ul><ul><li>Os contribuintes que realizam doações e patrocínios para projetos culturais enquadrados no Artigo 18 da Lei Rouanet poderão deduzir do imposto de renda devido 100% do valor investido, respeitando-se o limite de 4% do imposto devido, no caso de pessoas jurídicas, e 6% no caso de pessoas físicas; </li></ul><ul><li>2) Veiculação da marca em todo material promocional do espetáculo, associando-a a educação, cultura, consciência ecológica e ambiental: Folders, cartazes, out-doors, flyers, ingressos, spots de rádio, VTs em Televisão, site oficial, DVDs, citação em entrevistas, anúncios em jornais e testemunhal dos atores nos espetáculos; </li></ul><ul><li>3) Fixação da marca por formadores de opinião e consumidores potenciais; </li></ul><ul><li>4) Utilização de imagem do espetáculo para fins publicitários e promocionais da empresa; </li></ul><ul><li>5) Realização de uma apresentação “In-House” para colaboradores e seus familiares; </li></ul><ul><li>6) Contribuição da empresa para o desenvolvimento sócio-cultural de nosso país. </li></ul>
  6. 6. Equipe e Contatos: Idealização: Grupo Seiva Arte-Educação Direção Geral: Suzana Montauriol Direção de Produção: Carlos Rezendes Texto e Pesquisa: Suzana Montauriol Produção executiva: Ozana Rodrigues Marcelino Elenco: Suzana Montauriol, Tatiane Gonçalves, José Reynaldo, Rômulo Montauriol, Priscila Souza, Iziely Ayres e Flávio Rabello. Contato: Iná 55-11-9910-9997 [email_address]

×