Mayra Pontes de Queiroz
Professora: Karine Bastos
Disciplina: Bioquímica
“A diferença do
veneno e do remédio é
a dosagem”.
Paracelso

Médico, Alquimista, Físico E
Astrólogo Suiço.





Doces
Para que uma molécula seja doce, ela
deve ativar os receptores do sabor
doce da língua.
Grupos funcionais el...


Características da molécula doce:



Um átomo de nitrogênio ou oxigênio
carregando um hidrogênio (N-H ou
O-H) no vérti...









Adoçantes
Substância que adoça os alimentos
assim como o açúcar, mas
administrado
em
menores
quantidades já ...





Edulcorantes
Naturais: são os obtidos sem
reações químicas a partir de
plantas ou de alimentos de
origem animal.
E...





Aspartame C14H18N2O5
É um produto sintético com as
mesmas calorias do açúcar, em peso,
porém aproximadamente 200 v...





Composição
e
Propriedades
É o resultado da
combinação química do
metanol
e
dos
aminoácidos aspartato e
fenilalanin...







Como o corpo lida com o aspartame?
O consumo constante e em longo prazo
de produtos com aspartame, pode gerar
p...







Como o corpo lida com o
aspartame?
As excitotoxinas do ácido aspártico
podem causar a morte de células que
comp...







Doenças provocadas pelo
aspartame:
Tumores no cérebro e outros
canceres;
Esclerose múltipla;
Doença de Parkin...
Obrigada!
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aspartame Doce Veneno

846 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
846
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aspartame Doce Veneno

  1. 1. Mayra Pontes de Queiroz Professora: Karine Bastos Disciplina: Bioquímica
  2. 2. “A diferença do veneno e do remédio é a dosagem”. Paracelso Médico, Alquimista, Físico E Astrólogo Suiço.
  3. 3.    Doces Para que uma molécula seja doce, ela deve ativar os receptores do sabor doce da língua. Grupos funcionais eletronegativos que possuem átomos pequenos capazes de interagir fortemente entre e si e com outros compostos de características similares através de pontes de hidrogênios e dos receptores da língua.
  4. 4.  Características da molécula doce:  Um átomo de nitrogênio ou oxigênio carregando um hidrogênio (N-H ou O-H) no vértice X, Um átomo de nitrogênio ou oxigênio em Y Um grupo repelente a água em Z (por exemplo, um grupo derivado de um hidrocarboneto).  
  5. 5.      Adoçantes Substância que adoça os alimentos assim como o açúcar, mas administrado em menores quantidades já que adoça mais que a sacarose. Edulcorantes São substâncias, diferentes dos açúcares, com a capacidade de adoçar alimentos. Tem poder adoçante muito superior ao da sacarose (açúcar comum).
  6. 6.    Edulcorantes Naturais: são os obtidos sem reações químicas a partir de plantas ou de alimentos de origem animal. Ex: frutose, polióis,esteviosídio, ebaudosídio, glicirrizina.  Artificiais ou sintéticos: são obtidos de produtos naturais ou não através de reações químicas apropriadas.  Ex: sacarina, ciclamato, aspartame, acessulfame, perilartina e xilitol
  7. 7.    Aspartame C14H18N2O5 É um produto sintético com as mesmas calorias do açúcar, em peso, porém aproximadamente 200 vezes mais doce que a sacarose do açúcar. É o adoçante mais utilizado em bebidas como refrigerantes e energéticos. É consumido por mais de 200 milhões de pessoas, em todo o mundo e está presente em mais de 6000 produtos.
  8. 8.    Composição e Propriedades É o resultado da combinação química do metanol e dos aminoácidos aspartato e fenilalanina. É um solido cristalino, branco, sendo muito estável em ambientes secos, mas sofre degradação em soluções aquosas, quando submetido a um calor prolongado.
  9. 9.     Como o corpo lida com o aspartame? O consumo constante e em longo prazo de produtos com aspartame, pode gerar problemas sérios de saúde. Bastam 30 graus para transformar metanol presente no aspartame em formol e ácido fórmico, neurotoxinas que provocam a morte celular. O aspartame encontrado em um litro de refrigerante diet contém em média 56 miligramas de metanol - sete vezes a quantia diária de consumo considerada segura pelos médicos.
  10. 10.     Como o corpo lida com o aspartame? As excitotoxinas do ácido aspártico podem causar a morte de células que compõem a bainha de mielina das fibras nervosas. O fato das excitotoxinas estarem em forma líquida piora tudo, pois são absorvidas com muito mais rapidez e os malefícios são mais rápidos no organismo. Uma vez absorvido pelo corpo, o metanol é oxidado em formaldeído e ácido fórmico; ambos esses metabólitos são tóxicos.
  11. 11.       Doenças provocadas pelo aspartame: Tumores no cérebro e outros canceres; Esclerose múltipla; Doença de Parkinson; Mal de Alzheimer; Defeitos no feto;
  12. 12. Obrigada!

×