Palácio Rio Negro
Localização <ul><li>Endereço:  </li></ul><ul><li>Av. Sete de Setembro, 1546 – Centro - Cep: 69005-141 - Manaus/AM - Brasil...
Histórico <ul><li>O Palacete Scholz foi construído em estilo eclético em 1903 para ser residência particular de um abastad...
<ul><li>O Palacete Scholz foi primeiramente alugado ao Governo do Amazonas por um conto de réis, através do então governad...
Influências dos Ingleses e Franceses <ul><li>As influências foram apenas, os móveis, o estilo da obra, pouquissímos detalh...
Significado do nome da rua <ul><li>O significado da rua 7 de Setembro (onde se localiza o Palácio Rio Negro), é em homenag...
Antes e Depois <ul><li>O palacete Rio Negro foi construído para ser uma residência particular do empresário alemão Waldema...
Informações <ul><li>Diretora:  Ângela Rosa Simões </li></ul><ul><li>Gerente: Francisco Assumpção Neto </li></ul><ul><li>En...
Trabalho de Artes Equipe: Anderson Silva Jean Claudio Matthaus Souza Yann Neblina F9ºC
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

ApresentaçãO1

676 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
676
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ApresentaçãO1

  1. 1. Palácio Rio Negro
  2. 2. Localização <ul><li>Endereço: </li></ul><ul><li>Av. Sete de Setembro, 1546 – Centro - Cep: 69005-141 - Manaus/AM - Brasil. </li></ul>
  3. 3. Histórico <ul><li>O Palacete Scholz foi construído em estilo eclético em 1903 para ser residência particular de um abastado comerciante da borracha, o alemão Karl Waldemar Scholz. O Amazonas era a época um dos estados mais prósperos da União por ocasião do Ciclo da Borracha.  </li></ul><ul><li>A partir de 1911, em virtude da forte concorrência da produção gomífera em terras asiáticas, houve o iminente declínio do comércio da borracha no Amazonas. Além disso, com advento da Primeira Grande Guerra, a linha de navegação entre Manaus e Hamburgo na Alemanha foi interrompida, o que prejudicou de sobremaneira os negócios do Senhor Scholz. </li></ul><ul><li>Waldemar Scholz, Presidente da Associação Comercial do Amazonas a partir de 1911 e Cônsul da Áustria desde 1913, na infeliz tentativa de sanar suas dívidas, hipotecou o Palacete por 400 contos de réis ao rico seringalista do Purus, Luiz da Silva Gomes, que foi o mesmo que o arrematou em leilão: Era o fim da próspera estada de Scholz em terras amazônicas e seu retorno ao país de origem. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>O Palacete Scholz foi primeiramente alugado ao Governo do Amazonas por um conto de réis, através do então governador, Dr. Pedro de Alcântara Bacellar que não obstante à crise econômica que se abatia no Amazonas; as deficiências do Erário e das críticas de seus opositores, o adquiriu em 1918 por 200 contos de réis recebendo a denominação de Palácio Rio Negro. De 1918 a 1959, portanto, de Bacellar a Mestrinho, serviu de residência aos governadores e Sede do Governo. De 1959 até 1995, somente como Sede de Governo. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Tombado como patrimônio histórico estadual em 1980, o prédio, antes e depois, foi reformado, restaurado ou adaptado em alguns governos, sendo que a partir de 1997, em virtude de sua beleza arquitetônica e relevância histórica, o Governo do Amazonas, através da Secretaria de Cultura, o transformou em Centro Cultural. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>O CCPRN, como ficou conhecido desde sua criação, atende, entre turistas e visitantes locais, Chefes de Estado, Embaixadores e outras personalidades importantes quando em visita ao governador, tendo este um gabinete em exposição permanente, montado para tal, além de outras salas que contam, com a opulência de seu eclético mobiliário, grande parte da história do período áureo da Belle Epóque. </li></ul><ul><li>Os visitantes, devidamente acompanhados por monitores bilíngües, usufruem gratuitamente do conforto de salas climatizadas, que homenageiam cada uma delas um Governador do Amazonas ao longo da história da República. </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  5. 5. Influências dos Ingleses e Franceses <ul><li>As influências foram apenas, os móveis, o estilo da obra, pouquissímos detalhes, mais extramemente fino, como vidros, lustres e várias outras coisas no estilo Francês, “art-noveau” </li></ul><ul><li>Há também influências do Oriente com algumas madeiras como a acapú, pau-amarelo, e várias outras. </li></ul><ul><li>Azulejos, ladrilhos, escadas, o jardim, a sacada, no térreo a influência é: O reforço com cunhais em forma de pilastras dóricas; </li></ul><ul><li>No primeiro andar é: Bossagem interrompida; </li></ul><ul><li>No segundo andar é: Bossagem contínua. </li></ul><ul><li>E assim vai as minímas influências dos Franceses e Ingleses. </li></ul>
  6. 6. Significado do nome da rua <ul><li>O significado da rua 7 de Setembro (onde se localiza o Palácio Rio Negro), é em homenagem à independência do Brasil, apesar de não ter nada haver com o Palácio Rio Negro, mais é bastante importante, só pelo fato de ter uma rua em homenagem há uma das datas mais importantes do Brasil é muito importante para o nosso patriotismo, por isso não tem muito o que dizer, pois o nome da rua não tem muito o que haver com o nosso assunto, é apenas isso: O dia 7 de Setembro, que é qual a rua homenageia, foi a data onde D. Pedro proclamou a independência do Brasil. </li></ul>
  7. 7. Antes e Depois <ul><li>O palacete Rio Negro foi construído para ser uma residência particular do empresário alemão Waldemar Scholtz, na época da borracha, mais hoje em dia está aberto para visitas, e tem vários salões com nomes de pessoas que marcaram décadas, lá ocorre algumas exposições, shows musicais, palestras, reuniões, visitas de políticos do exterior tudo isso no Palácio Rio Negro. </li></ul>
  8. 8. Informações <ul><li>Diretora: Ângela Rosa Simões </li></ul><ul><li>Gerente: Francisco Assumpção Neto </li></ul><ul><li>Endereço: Av. Sete de Setembro, 1546 – Centro - Cep: 69005-141 - Manaus/AM - Brasil. </li></ul><ul><li>E-mail: [email_address] </li></ul><ul><li>Telefone: (92) 3232-4450 / 3633-2850 (ramal: 236) </li></ul><ul><li>Horário: De Segunda a Sexta de 09h às 14h. </li></ul>
  9. 9. Trabalho de Artes Equipe: Anderson Silva Jean Claudio Matthaus Souza Yann Neblina F9ºC

×