Fisica1

2.956 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.956
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fisica1

  1. 1. Introdução à Eletrostática
  2. 2. • Newton afirmou que matéria atrai matéria, porque há uma força de atração gravitacional entre os corpos (F =(G m1 . M2)/ d2)• As cargas elétricas presentes na matéria podem provocar uma força de atração ou repulsão entre dois corpos. Essa força é chamada de ELÉTRICA.• A ELETROSTÁTICA (eletricidade estática) estuda situações em que há interação entre cargas elétricas contidas em corpos fixos em relação a um referencial.
  3. 3. Carga Elétrica• O grego Tales de Mileto (620-580 a.C.), ao atritar o âmbar (resina fóssil) com lã ou pele de animal, observou que este atraía pequenos objetos, como penas, fios de algodão, fios de cabelo.• O que é carga elétrica? É uma propriedade física fundamental, intrínseca a todos os corpos presentes na natureza. Está ligada à estrutura atômica, dependendo, portanto, das partículas fundamentais que compõem a matéria.
  4. 4. • Quando um bastão de vidro é atritado com seda, adquire essa capacidade graças a passagem de “algo”;• Esse “algo” é chamado genericamente de carga elétrica;• Os corpos nesse estado se encontram carregados de eletricidade, isto é, eletrizados;
  5. 5. • Existem dois tipos de cargas elétricas: – Carga Positiva; – Carga Negativa.• Cargas elétricas de mesmo sinal se repelem e de sinais contrários se atraem.
  6. 6. • Comportamento Elétrico dos Materiais• No núcleo atômico temos prótons (carga positiva) e na eletrosfera, os elétrons (carga negativa);• Para que sejam eletricamente neutros, o número de cargas positivas e negativas deve ser igual.• Mas, quando um objeto tiver falta de elétrons ou excesso de elétrons, dizemos que ele está eletricamente carregado ou eletrizado.
  7. 7. Eletrização• Uma substância estará eletrizada quando a quantidade de prótons e elétrons forem diferentes;• Durante um processo de atrito somente os elétrons podem trocar de corpos e quando isso ocorre os corpos ficam eletrizados: – Positivamente (falta de elétrons); – Negativamente (excesso de elétrons).
  8. 8. • Ao atritarmos dois corpos de substâncias diferentes, inicialmente neutros, haverá a transferência de elétrons de um para o outro, de modo que um estará cedendo elétrons, ficando eletrizado positivamente, ao passo que o outro estará recebendo elétrons ficando eletrizado negativamente.
  9. 9. Valor da Carga Elementar• e = 1,6 x 10-19 C (Coulomb, SI)• A quantidade de carga elétrica de um corpo é sempre um múltiplo inteiro de e.• Q = n*e onde n = número de elétrons.(falta ou excesso)• e= - 1,6 x 10-19 C para a carga do elétron• e= + 1,6 x 10-19 C para a carga do próton• Me= 9,11 x10-31 kg para a massa do elétron• Me= 1,67 x10-27 kg para a massa do próton
  10. 10. EXERCÍCIO:A) Determine o número de elétrons que devem ser retirados de um corpo, para que adquira uma carga elétrica de 9,6μC. É dada a carga elementar e=1,6.10-19C.• Resolução > A) Retirando elétrons de um corpo, ele se eletriza positivamente, ou seja, Q > 0.• Q=9,6 μC = 9,6.10-6C e=1,6.10-19C• Q=n.e > 9,6.10-6= n . 1,6.10-19• n= 9,6.10-6/ 1,6.10-19 > n=6.1013 elétrons
  11. 11. EXERCÍCIOS:
  12. 12. CORREÇÃO:

×