Acidentes com as mãos

388 visualizações

Publicada em

Primeiros socorros - trabalho

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
388
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Acidentes com as mãos

  1. 1. Informações sobre Acidentes com Mãos & Braços e Prevenção
  2. 2. Que Tipos de Lesões Podem Ocorrer às Mãos? Lesões traumáticas às mãos que incluem: - Cortes - Fraturas - Perfurações - Amputações
  3. 3. Que Tipos de Lesões Podem Ocorrer às Mãos? As lesões às mãos podem também ser causadas pelo contato direto com: - Produtos químicos - Detergentes - Metais - Objetos quentes ou frios
  4. 4. Que Tipos de Lesões Podem Ocorrer às Mãos? Dermatites podem ser causadas por: - Reações alérgicas - Exposição a produtos químicos - sensibilizadores - Calor Sintomas incluem: Vermelhidão, coceira, e/ou pele rachada
  5. 5. Mãos & Braços X Todas as Outras Lesões Reportáveis na Indústria 1 22 42 34 42 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 1 ANO FISCAL 1998 Danos NÃO relacionados às mãos e braços Danos relacionados às mãos e braços ANO FISCAL 1999
  6. 6. Gráfico Demostrativo da Partes do Corpo Atingidas Ano Fiscal 1999 (Incluindo acidentes com afastamento, atividade restrita, tratamento médico e primeiros socorros) 1% 9% 7% 13% 14% 49% 3% 4% Mãos - 37 Braços - 5 Pés - 10 Pernas - 2 Cabeça - 7 Olhos - 1 Tronco - 3 Outros - 11
  7. 7. Comentários/ Conclusões sobre o Ano Fiscal de 1999 na Indústria Brasileira Os acidentes envolvendo as mãos representam 49% e os acidentes envolvendo os braços representam 7%, juntos (mãos e braços) totalizam 56%, sendo assim, devemos concentrar nossos esforços visando estes tipos de acidentes sem, no entanto, esquecermos de procurar melhorias para prevenir os demais.
  8. 8. Força do Hábito Pense: O que você fez com suas mãos desde que entrou nesta sala? Você fez alguma destas coisas sem precisar pensar? Nós usamos nossas mãos tão freqüentemente que a maioria das coisas que fazemos, não precisamos nem pensar nelas.
  9. 9. Força do Hábito Quando nós fazemos algo sem precisar pensar nisso, então este comportamento é uma “força do hábito”.
  10. 10. Então O Que? É bom ter comportamentos de força do hábito? Vamos fazer um teste: - É bom não ter que pensar para usar o cinto de segurança? - É bom não ter que pensar para manter suas mãos longe de pontos perigosos? - É bom não ter que pensar para usar luvas apropriadas para um trabalho?
  11. 11. Quando NÃO é bom ter comportamentos de “Força do Hábito”? Quando os comportamentos estão “em risco” Exemplos: - Entrar em zonas de perigo, como ao redor de uma proteção ou embaixo de uma segadeira - Realizar um trabalho sem o EPI apropriado porque este não estava disponível por perto - Utilizar uma ferramenta que está disponível por perto, ao invés da ferramenta apropriada - Dirigir rápido e/ou sem usar cinto de segurança
  12. 12. Qual é o Nosso Desafio? Realizar mais comportamentos seguros de Força do Hábito Modificar ou prevenir comportamentos de risco de se tornarem Força do Hábito Designar ou alterar serviços onde o comportamento seguro é mais conveniente e desejável do que um comportamento de risco
  13. 13. Como? Atenção constante e sustentável aos nossos comportamentos Atenção constante e sustentável ao comportamento de outros Treinamento - Para aumentar o comportamento seguro e diminuir o comportamento de risco
  14. 14. Como? Eliminar barreiras do comportamento seguro - esforçar-se para tornar comportamentos seguros mais fáceis e mais convenientes. Use a seguinte hierarquia: - Controles de engenharia (esquema básico do serviço, ferramentas, proteções, proximidade) - Controles administrativos (procedimentos, práticas de trabalho) - EPI (determinações de perigos, disponibilidade)
  15. 15. A Prevenção de Lesões às Mãos & Dedos Requer: Treinamento Controles de Engenharia Ferramentas e Equipamentos Apropriados EPIs Efetivos Comportamento Seguro - Reportar Perigos Prontamente - Pensar Antes de Agir
  16. 16. Sumário Cada um de nós tem o poder e habilidade para prevenir lesões e doenças, não somente a nós mesmos, mas aos outros. Reconhecimento sistemático, avaliação e controle de perigos irá diminuir o risco e prevenir incidentes. Segurança é um bom negócio.

×