Metabolismo dos Lípidos
Nos animais a oxidação dos ácidos gordos (betaoxidação) decorre
essencialmente na matriz mitocondr...
Activação precede a oxidação
(adapt. de Campos, 1998)
(adapt. de Campos, 1998)
Oxidação dos ácidos gordos
BALANÇO ENERGÉTICO=> em cada volta da espira => 4 ATP
⇒Cada acetil-coA oxidado no Ciclo de Kreb...
Biossíntese dos ácidos gordos
Não se processa no sentido inverso das reacções de beta oxidação dos
ácidos gordos
A princip...
Biossíntese dos ácidos gordos
Do alongamento da cadeia produzem-se novos ácidos gordos =>
2 carbonos em cada sequência=> á...
Formação de corpos cetónicos – CETOGÉNESE
Quando predominar a oxidação dos lípidos sobre o catabolismo
glucídico => baixa ...
Metabol lipidos
Metabol lipidos
Metabol lipidos
Metabol lipidos
Metabol lipidos
Metabol lipidos
Metabol lipidos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Metabol lipidos

525 visualizações

Publicada em

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
525
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
32
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Metabol lipidos

  1. 1. Metabolismo dos Lípidos Nos animais a oxidação dos ácidos gordos (betaoxidação) decorre essencialmente na matriz mitocondrial Antes de serem oxidados os ácidos gordos têm de ser activados o que requer energia (ATP) e ocorre na membrana mitocondrial externa por acção da acilcoenzima A-sintetase onde o acilcoenzima A formado, com menos 2 átomos de carbono, entrará noutro ciclo de oxidação (cetogénese, Ciclo de Krebs ou biossíntese lipídica) Cada sequência da betaoxidação gera acetil-coA, FADH2 e NADH Pode ser representada, segundo Lyen, por uma hélice em que cada espira corresponde a um encurtamento de 2 átomos de carbono no ácido gordo, libertados sob a forma de acetil-coA
  2. 2. Activação precede a oxidação (adapt. de Campos, 1998)
  3. 3. (adapt. de Campos, 1998)
  4. 4. Oxidação dos ácidos gordos BALANÇO ENERGÉTICO=> em cada volta da espira => 4 ATP ⇒Cada acetil-coA oxidado no Ciclo de Krebs => 10 ATP ⇒ rendimento energético por cada átomo de carbono => 7ATP e como triglicéridos possuem muito mais átomos de carbono por unidade de peso em relação aos glúcidos => constituição de reservas energéticas com massa muito menor CONCLUSÃO: Nos animais superiores e nos microorganismos a oxidação dos ácidos gordos fornece grandes quantidades de energia (NADH, ATP e GTP) para a neoglucogénese O facto de as enzimas que intervêm na betaoxidação estar , nos animais, localizadas nas mitocôndrias, permite a conjugação, com elevado rendimento, dos processos de oxidação dos compostos energéticos coma
  5. 5. Biossíntese dos ácidos gordos Não se processa no sentido inverso das reacções de beta oxidação dos ácidos gordos A principal via é um processo extra-mitocondrial que tem uma nova série de reacções distinta da via da degradação Principais aspectos: - ocorre no citosol => transporte pelo ácido cítrico através da membrana mitocondrial interna à custa de ATP - os intermediários da síntese dos ácidos gordos estão ligados de forma covalente aos grupos sulfidrilo de uma proteína transportadora de acilo (ACP) - a cadeia dos ácidos gordos é alongada pela adição sequencial de unidades com dois carbonos (activador malonil-ACP) - o alongamento do complexo termina com a formação do palmitato(C16)
  6. 6. Biossíntese dos ácidos gordos Do alongamento da cadeia produzem-se novos ácidos gordos => 2 carbonos em cada sequência=> ácido palmítico (C16)=> sua conversão em palmitil-coA no retículo endoplasmático => alongamento => síntese dos ácidos gordos essenciais aos mamíferos => ácido linoleico e linolénico Outras sínteses biológicas: => biosíntese dos esteróis => colesterol => biosíntese de triglicéridos, fosfolípidos e enfingolípidos => síntese de ácidos biliares e hormonas esteróidicas => síntese das vitaminas lipossolúveis Balanço energético da biossíntese dos ácidos gordos: 8 acetilCoA + 14 NDAPH +14 H+ + 7ATP +H2O => ácido palmítico + 8 CoA + 14 NADP+ +7 ADP +Pi
  7. 7. Formação de corpos cetónicos – CETOGÉNESE Quando predominar a oxidação dos lípidos sobre o catabolismo glucídico => baixa a concentração de ácido oxaloacético e o acetilco-A, como não pode entrar no ciclo de Krebs => corpos cetónicos (ácido acetoacético, ácido betahidroxibutírico e acetona) Formação deste corpos quando a alimentação é exageradamente rica em lípidos => excesso de acetilco-A Nos mamíferos, a formação de corpos cetónicos (ou cetogénese) ocorre no fígado e a sua acumulação dá-se no sangue (cetonemia ) e na urina (cetourina) Acidosis – Diabetes mellitus => descida de ph do sangue por presença destes corpos cetónicos Acetona é exalada Os ácidos ácido acetoacético e betahidroxibutírico são indispensáveis para o organismo humano porque depois de transportados no sangue são oxidados no ciclo de Krebs e fornecem energia ao cérebro, músculo cardíaco e ao córtex renal

×