Apresentação 2 t08

236 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
236
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
43
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação 2 t08

  1. 1. Teleconferência de Resultados 2T08
  2. 2. Melhoria do mix proporcionou crescimento da receita líquida de 14,5% (QoQ) e 10,3% (YoY) - maior venda de refratários no MI e para siderurgia. Melhoria do mix proporcionou crescimento da receita líquida de 14,5% (QoQ) e 10,3% (YoY) - maior venda de refratários no MI e para siderurgia. Recuperação da margem bruta e da margem Ebitda refletem foco contínuo da gestão no controle de custos e despesas; Recuperação da margem bruta e da margem Ebitda refletem foco contínuo da gestão no controle de custos e despesas; Benefício fiscal resultante das incorporações em 2008: Magnesita Refratários S.A.: 1T08 parcial e 2T08 integral; Subsidiárias: parcial a partir de 01/05/08 Benefício fiscal resultante das incorporações em 2008: Magnesita Refratários S.A.: 1T08 parcial e 2T08 integral; Subsidiárias: parcial a partir de 01/05/08 Receita não operacional de R$54,2 milhões c/ venda de ativos non core Receita não operacional de R$54,2 milhões c/ venda de ativos non core 112,5 28,5 46,6 -23,6 18,7 29,630,030,2 1T07 2T07 3T07 4T07 1T08 2T08 1T08 2T08 Pro-forma Desconsiderando a Amortização do ágio Resultado Líquido Trimestral – R$ milhões
  3. 3. (*) exclui a venda não recorrente de 210 mil t de silicato de magnésio Distribuição do Volume de Vendas 1S07 Distribuição do Volume de Vendas 1S07 Distribuição do Volume de Vendas 1S08 Distribuição do Volume de Vendas 1S08 194 kt 96 kt 39 kt 205 kt 82 kt 32 kt Outros minerais 1S08x1S07 = - 14,4% Total 1S08x1S07 = -3,0% Refratários 1S08x1S07 = + 5,7% 329 kt 320 kt
  4. 4. Receita Líquida – R$ milhõesReceita Líquida – R$ milhões Receita Líquida por Produto - %Receita Líquida por Produto - % 229 254 247 261 276 49 58 59 62 42 2T082T07 3T07 4T07 1T08 ME MI 318 306 323 278 312 Receita Líquida Aquecimento do setor siderúrgico brasileiro propicia aumento do faturamento Obs.: exclui a receita c/ a venda não recorrente de 210 mil t de silicato de magnésio no montante de R$2,5 MM MI 2T07 -> 2T08 +R$47MM (21%) 1S07 1S08 78% 79% 3% 5% 13% 4% 4% 14% R$ 580 MM R$ 638 MM Serviços Refratários Sínter Outros Minerais
  5. 5. Distribuição da Receita de Refratários – 1S08 Distribuição da Receita de Refratários – 1S08 Distribuição da Receita de Refratários p/ Siderurgia – 1S08 Distribuição da Receita de Refratários p/ Siderurgia – 1S08 Aço Vazado 62% Volume 38% (R$387 MM) (R$35 MM) (R$81 MM)
  6. 6. EBITDA – R$ milhõesEBITDA – R$ milhões EBITDA Margem – %EBITDA Margem – % 1o Trim. 2o Trim. 3o Trim. 4o Trim. 217,7 29,8%29,1% 9,4% 21,7% 20,0% 2T07 3T07 4T07 1T08 2T08 +71% 188,5 Ebitda / Margem Ebitda
  7. 7. Matérias Primas 32% Mão-de-obra 28% Combustíveis 12% Depreciação 6% Manutenção Industrial 4% Energia Elétrica 5% Outras Contas 13% CPV - 1S08CPV - 1S08 Despesas OperacionaisDespesas Operacionais 2T082T07 3T07 4T07 1T08 Administrativas Comerciais 66 64 75 52 60 Custos Despesas Administrativas de 2008 majoradas por custos não recorrentes devido a processo de incorporações e reestruturação de empresas do grupo. No ano, estes custos já somam R$ 12,6 milhões.
  8. 8. 522 -61 377 230 30/6/2007 30/6/2008 Dívida Líquida Ebitda Dívida Líquida x Ebitda – R$ milhõesDívida Líquida x Ebitda – R$ milhões Obs.: 30/06/08 – considerou-se Ebitda anualizado Endividamento A dívida da Companhia, que tem aprox. 90% no longo prazo, descontada do saldo em Caixa de R$ 542 milhões, corresponde a 1,4 x o Ebitda anualizado
  9. 9. Desempenho das ações MAGG3 + 93,7% Ibovespa + 2,6% Volume médio diário R$ 11,9 milhões
  10. 10. Siderurgia Forte sinalização de um crescimento sustentado, com confirmação de projetos de expansão. O Brasil vem se consolidando como alvo destes investimentos e a Magnesita encontra-se apta a atender às necessidades de produtos refratários desse mercado. Siderurgia Forte sinalização de um crescimento sustentado, com confirmação de projetos de expansão. O Brasil vem se consolidando como alvo destes investimentos e a Magnesita encontra-se apta a atender às necessidades de produtos refratários desse mercado. Cimento Mercado deve continuar pujante com oferta de crédito. Cimento Mercado deve continuar pujante com oferta de crédito. Commodities • Demanda crescente devido, principalmente, ao crescimento da economia global e do nível de urbanização e industrialização nos países emergentes. • Preços pressionados por: energia, enfraquecimento da moeda americana, deficiência de Mão de Obra e insumos; preocupações com meio ambiente e barreiras de exportação. • capacidade de produção insuficiente (equipamentos defasados, interrupções para retirada de gargalos, aumento do lead time para construir nova capacidade). Consequência: desequilibrio da oferta e demanda Commodities • Demanda crescente devido, principalmente, ao crescimento da economia global e do nível de urbanização e industrialização nos países emergentes. • Preços pressionados por: energia, enfraquecimento da moeda americana, deficiência de Mão de Obra e insumos; preocupações com meio ambiente e barreiras de exportação. • capacidade de produção insuficiente (equipamentos defasados, interrupções para retirada de gargalos, aumento do lead time para construir nova capacidade). Consequência: desequilibrio da oferta e demanda Perspectivas Planta de Brumado Blindagem natural contra as pressões de preço do sínter de magnesita. Estudando a possibilidade de expansão para suprir MI e ME. Planta de Brumado Blindagem natural contra as pressões de preço do sínter de magnesita. Estudando a possibilidade de expansão para suprir MI e ME.

×