Divulgação dos Resultados do 2T09
17 de agosto de 2009
2T09
Comentários de Abertura
Divulgação
de Resultados
2
Rubens Menin
2T09
Destaques do trimestre
Divulgação
de Resultados
3
Conclusão da oferta de ações – R$595 milhões recursos brutos (aprox...
Oferta de Ações (Follow-on)
4
2T09
Follow-on concluído com êxito em Julho de 2009
Recursos líquidos totais de aproximadame...
Divulgação
de Resultados
Desempenho Operacional e Financeiro
Banco de Terrenos
Lançamentos
Vendas Contratadas
Receita Oper...
Desempenho
Operacional e Financeiro
... por fonte de financiamento em jun/09
% permuta / custo do terreno% custo do terren...
... por faixa de preço no 2T09
... no 2T09:
• Lançamento de 50 novos empreendimentos
• VGV de R$614,0 milhões com 5.977 un...
... no 2T09:
• Total de R$851,5 milhões em vendas contratadas
• 8.874 unidades vendidas
• Velocidade de vendas média de 20...
Estoque a valor de Mercado (%MRV)
Desempenho
Operacional e Financeiro
9
Distribuição do Estoque de Unidades à Venda
por fa...
Desempenho
Operacional e Financeiro
Indicadores Financeiros
Receita Operacional Líquida
(em R$ milhões)
Lucro bruto
(em R$...
Desempenho
Operacional e Financeiro
Indicadores de Produtividade
Despesas Comerciais (em R$ milhões)
e Despesas Comerciais...
Desempenho
Operacional e Financeiro
Indicadores Financeiros
EBITDA (em R$ milhões)
e Margem EBITDA (%)
Lucro Líquido (em R...
Desempenho
Operacional e Financeiro
13
2T09
Endividamento e Dívida Líquida
(em R$ milhões) jun/09 mar/09 Var. %
Debêntures...
Resultado a apropriar
14
2T09
(em R$ milhões) jun/09 mar/09 Var. %
Receita Bruta de Vendas a apropriar 1.422,0 1.013,7 40,...
Guidance 2009
15
2T09
Guidance
Vendas (%MRV) - R$ milhões 2.400 ~ 2.900
Margem EBITDA % 24% ~ 28%
Desempenho
Operacional e...
Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos, mas refletem as metas...
Leonardo Corrêa
Diretor Vice Presidente Executivo, Financeiro e de Relações com Investidores
Mônica Simão
Diretora Finance...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação dos Resultados do Segundo Trimestre de 2009.

66 visualizações

Publicada em

Apresentação dos Resultados do Segundo Trimestre de 2009.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
66
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
19
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação dos Resultados do Segundo Trimestre de 2009.

  1. 1. Divulgação dos Resultados do 2T09 17 de agosto de 2009
  2. 2. 2T09 Comentários de Abertura Divulgação de Resultados 2 Rubens Menin
  3. 3. 2T09 Destaques do trimestre Divulgação de Resultados 3 Conclusão da oferta de ações – R$595 milhões recursos brutos (aprox. R$570 milhões recursos líquidos); Trimestre recorde para os indicadores operacionais e financeiros: Vendas Contratadas, Receita Operacional Líquida e Lucro Líquido; Lucratividade excepcional,com margem líquida de 19,0%; Aumento expressivo da capacidade operacional, mantendo-se rígido controle das despesas comerciais, gerais e administrativas. Queda de 3,2% nas despesas gerais e administrativas em relação ao mesmo trimestre do ano anterior; A despeito do volume recorde de Vendas Contratadas, despesas comerciais do 2T09 inferiores em 15% às despesas do 2T08; Posição financeira extremamente saudável ao final do 2T09. Caixa montando a R$673,2 milhões. Dívida líquida negativa de R$6,3 milhões; Companhia melhor colocada e capacitada para se beneficiar do crescimento da demanda na baixa renda.
  4. 4. Oferta de Ações (Follow-on) 4 2T09 Follow-on concluído com êxito em Julho de 2009 Recursos líquidos totais de aproximadamente R$ 570 mm R$ 507 mm aportados em Junho de 2009 e o restante em Julho de 2009 Resumo da Oferta Nº de ações da Oferta Primária (em milhares) * 18.000 Ações Adicionais (em milhares) * 3.600 Lote Suplementar (em milhares) ** 2.700 Total de ações da oferta primária 24.300 Preço de Emissão - R$ 24,50 Valor da Oferta Primária (em R$ mm) 595,4 * Ações emitidas em Junho de 2009 ** Ações emitidas em Julho de 2009 Free Float 55,1% RubensMenin T. de Souza 37,5% Executivos e Membrosdo Conselho 7,4% Composição Acionária após Follow-on Divulgação de Resultados
  5. 5. Divulgação de Resultados Desempenho Operacional e Financeiro Banco de Terrenos Lançamentos Vendas Contratadas Receita Operacional Líquida Lucro Bruto Indicadores de Produtividade EBITDA Lucro Líquido Endividamento e Dívida Líquida Resultado a apropriar Guidance 5 2T09
  6. 6. Desempenho Operacional e Financeiro ... por fonte de financiamento em jun/09 % permuta / custo do terreno% custo do terreno / VGV ... em 30 de junho de 2009: • Banco de Terrenos de R$8.377,2 milhões • 85.669 unidades potenciais • Preço médio de R$97,8 mil (foco na baixa renda) Banco de Terrenos (%MRV) 6 2T09 9,9 9,5 9,0 8,7 8,4 jun/08 set/08 dez/08 mar/09 jun/09 Landbank %MRV (em R$ bilhões) 8% 37% 75% 25% MinhaCasa, Minha Vida SFH - SBPE
  7. 7. ... por faixa de preço no 2T09 ... no 2T09: • Lançamento de 50 novos empreendimentos • VGV de R$614,0 milhões com 5.977 unidades • 88% dos lançamentos de unidades com preço médio até R$130 mil. Lançamentos (%MRV): R$614,0 milhões no 2T09 Desempenho Operacional e Financeiro 7 2T09 10% 78% 12% Até R$ 80.000 De R$ 80.001 aR$ 130.000 Acimade R$ 130.000 72% 28% SFH - FGTS SFH - SBPE ... por fonte de financiamento no 2T09 1.489,3 882,6 797,7 614,0 1S08 1S09 2T08 2T09 -23,0% -40,7%
  8. 8. ... no 2T09: • Total de R$851,5 milhões em vendas contratadas • 8.874 unidades vendidas • Velocidade de vendas média de 20% ao mês Vendas Contratadas (%MRV): R$851,5 milhões no 2T09 Desempenho Operacional e Financeiro 8 2T09 ... por faixa de preço no 2T09 ... por fonte de financiamento no 2T09 24% 60% 16% Até R$80.000 De R$80.001 a R$130.000 Acimade R$130.000 76% 24% SFH - FGTS SFH - SBPE 820,9 1.281,6 480,7 851,5 1S08 1S09 2T08 2T09 56,1% 77,1%
  9. 9. Estoque a valor de Mercado (%MRV) Desempenho Operacional e Financeiro 9 Distribuição do Estoque de Unidades à Venda por fase de construção em 30/jun/09 Estoque a valor de mercado em 30/06/09 = R$ 1,3 bilhões 2T09 Distribuição do Estoque de Unidades à Venda por fonte de recursos em 30/jun/09 42% 58% MinhaCasa, Minha Vida SFH - SBPE 48%52% Construçãonãoiniciada Em construção/Concluído
  10. 10. Desempenho Operacional e Financeiro Indicadores Financeiros Receita Operacional Líquida (em R$ milhões) Lucro bruto (em R$ milhões) 10 2T09 465,4 662,1 275,9 389,6 1S08 1S09 2T08 2T09 42,3% 41,2% 168,8 220,5 97,7 128,8 1S08 1S09 2T08 2T09 30,6% 31,8%
  11. 11. Desempenho Operacional e Financeiro Indicadores de Produtividade Despesas Comerciais (em R$ milhões) e Despesas Comerciais / Receita Líquida (%) Despesas G&A (em R$ milhões) e Despesas G&A / Receita Líquida (%) 11 2T09 48,4 47,8 27,0 23,010,4% 7,2% 9,8% 5,9% 1S08 1S09 2T08 2T09 -1,2% -15,0% 40,0 43,2 22,3 21,6 8,6% 6,5% 8,1% 5,5% 1S08 1S09 2T08 2T09 7,8% -3,2%
  12. 12. Desempenho Operacional e Financeiro Indicadores Financeiros EBITDA (em R$ milhões) e Margem EBITDA (%) Lucro Líquido (em R$ milhões) e Margem Líquida (%) 12 2T09 89,3 158,0 53,5 97,5 19,2% 23,9% 19,4% 25,0% 1S08 1S09 2T08 2T09 77,0% 82,2% 93,2 122,9 50,5 73,9 20,0% 18,6% 18,3% 19,0% 1S08 1S09 2T08 2T09 32,0% 46,4%
  13. 13. Desempenho Operacional e Financeiro 13 2T09 Endividamento e Dívida Líquida (em R$ milhões) jun/09 mar/09 Var. % Debêntures 404,2 314,4 28,6% Notas promissórias - 100,0 -100,0% Financiamento à construção 222,3 165,9 34,0% Outros 45,1 20,7 118,1% Dívida Total 671,6 600,9 11,8% Gastos com emissão de Debêntures (4,7) (2,3) 102,0% Dívida Total (líquida de comissões) 666,9 598,6 11,4% Composição do Endividamento Cronograma de Vencimento Dívida Líquida (em R$ milhões) jun/09 12 meses 166,1 13 a 24 meses 207,0 25 a 36 meses 188,6 37 meses em diante 105,2 Dívida Total 666,9 (em R$ milhões) jun/09 mar/09 Var. % Dívida total 666,9 598,6 11,4% (-) Disponibilidades (673,2) (221,2) 204,4% Dívida Líquida (Caixa Líquido) (6,3) 377,4 -101,7% Patrimônio Líquido 2.186,3 1.603,2 36,4% Dívida Líquida (Caixa Líquido) sobre PL -0,3% 23,5% -23,8 p.p.
  14. 14. Resultado a apropriar 14 2T09 (em R$ milhões) jun/09 mar/09 Var. % Receita Bruta de Vendas a apropriar 1.422,0 1.013,7 40,3% Custo de Unidades Vendidas a apropriar (768,7) (531,0) 44,8% Resultado a apropriar 653,3 482,7 35,3% Margem do Resultado a apropriar % 45,9% 47,6% -1,7 p.p. Desempenho Operacional e Financeiro
  15. 15. Guidance 2009 15 2T09 Guidance Vendas (%MRV) - R$ milhões 2.400 ~ 2.900 Margem EBITDA % 24% ~ 28% Desempenho Operacional e Financeiro
  16. 16. Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos, mas refletem as metas e as expectativas da direção da MRV Engenharia. As palavras "antecipa", "acredita", "espera", "prevê", "pretende", "planeja", "estima", "projeta", "objetiva" e similares são declarações prospectivas. Embora acreditemos que essas declarações prospectivas se baseiem em pressupostos razoáveis, essas declarações estão sujeitas a vários riscos e incertezas, e são feitas levando em conta as informações às quais a MRV Engenharia atualmente tem acesso. Esta apresentação está atualizada até o final do 4T08 e a MRV Engenharia não se obriga a atualizá-la mediante novas informações e/ou acontecimentos futuros. A MRV Engenharia não se responsabiliza por operações ou decisões de investimento tomadas com base nas informações contidas nesta apresentação. O EBITDA, de acordo com o Ofício Circular CVM 1/2005, pode ser definido como lucros antes das receitas (despesas) financeiras líquidas, imposto de renda e contribuição social, depreciação e amortização e resultados não operacionais. O EBITDA é utilizado como uma medida de desempenho pela administração da Companhia e não é uma medida adotada pelas Práticas Contábeis Brasileiras ou Americanas, não representa o fluxo de caixa para os períodos apresentados e não deve ser considerado como um substituto para o lucro líquido, como indicador do desempenho operacional da MRV ou como substituto para o fluxo de caixa, nem tampouco como indicador de liquidez. A administração da MRV acredita que o EBITDA é uma medida prática para aferir seu desempenho operacional e permitir uma comparação com outras companhias do mesmo segmento. Entretanto, ressalta-se que o EBITDA não é uma medida estabelecida de acordo com os Princípios Contábeis Brasileiros (Legislação Societária ou BR GAAP) ou Princípios Contábeis Norte-Americanos (US GAAP) e pode ser definido e calculado de maneira diversa por outras companhias. Divulgação de Resultados Aviso 16 2T09
  17. 17. Leonardo Corrêa Diretor Vice Presidente Executivo, Financeiro e de Relações com Investidores Mônica Simão Diretora Financeira Tel.: (31) 3348-7150 E-mail: ri@mrv.com.br www.mrv.com.br/ri Divulgação de Resultados Contatos 17 2T09

×