Agrimensura
AGRIMENSURA222 -	AEROFOTOGRAMETRIA...........................................................................................
222 – AEROFOTOGRAMETRIA                                    CEARQ/CEEC/CEGEM/CEA	n    Descrição   Trata-se do levantamento ...
335 – CARACTERIZAÇÃO ECOLÓGICA/                                                              CEEC         ETOLÓGICA PAISAG...
330 - DELIMIT/CARACT DE E SUB-REGIÕES                                            CEARQ/CEECn   Descrição    Divisão da sup...
n   FOTOS/ EXEMPLOS/ INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES:    (*) Setor Público:    - Secretarias do Meio Ambiente, de Planejamento,...
342 - DIVISÃO ADMINISTRATIVA DA UNIÃO/                                                     CEEC          ESTADOS E MUNICÍP...
332 - INTERPRETAÇÃO HIDROLÓGICAS DE                                                         CEEC          BACIAS FLUVIAISn...
280 – LEVANTAMENTOS BATIMÉTRICOS                                                 CEEC/GEGEMn   Descrição    Trata-se mediç...
n   FOTOS/ EXEMPLOS/ INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES:    * Importante:    - Os Ecobatimetros são os equipamentos utilizados pel...
281 – LEVANTAMENTOS GEODÉSICOS                                                     CEEC/GEGEMn   Descrição   Trata-se do m...
n   FOTOS/ EXEMPLOS/ INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES:    * Importante:   Métodos e Atividades Geodésicas:   Posicionamento Astr...
290 – LOCAÇÃO DE ESTRADAS                                                       CEEC/ CEARQn   Descrição   Atividade que e...
287 – LOCAÇÃO DE SISTEMAS DE SANEAMENTO                                          CEEC/ CEARQn   Descrição    Atividade que...
289 – LOCAÇÃO DO TRAÇADO DAS CIDADES                                             CEARQ/ CEECn   Descrição   Atividade que ...
336 - POLÍTICAS DE E MIGRAÇÃO INTERNA                                              CEARQ/ CEECn   Descrição    - Desenvolv...
340 – APROVEITAMENT/DESENVOLV/                                                     CEARQ/ CEEC         PRESERVAÇÃO DE REC....
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Manual agrimensura

396 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
396
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Manual agrimensura

  1. 1. Agrimensura
  2. 2. AGRIMENSURA222 - AEROFOTOGRAMETRIA.............................................................................................................. 3335 - CARACTERIZAÇÃO ECOLÓGICA/ ETOLÓGICA PAISAGEM GEOGRÁFICA...................... 4330 - ELIMIT/CARACT DE E SUB-REGIÕES.................................................................................... 5 D .342 - IVISÃO ADMINISTRATIVA DA UNIÃO/ESTADOS E MUNICÍPIOS..................................... 7 D332 - NTERPRETAÇÃO HIDROLÓGICAS DE BACIAS FLUVIAIS................................................... 8 I280 - LEVANTAMENTOS BATIMÉTRICOS. ......................................................................................... 9 .281 - EVANTAMENTOS GEODÉSICOS............................................................................................. 11 L290 - LOCAÇÃO DE ESTRADAS.......................................................................................................... 13287 - OCAÇÃO DE SISTEMAS DE SANEAMENTO........................................................................ 14 L289 - OCAÇÃO DO TRAÇADO DAS CIDADES............................................................................... 15 L .336 - OLÍTICAS DE EMIGRAÇÃO INTERNA.................................................................................. 16 P .340 - APROVEITAMENT/DESENVOLV/ PRESERVAÇÃO DE REC. NATURAIS............................................17
  3. 3. 222 – AEROFOTOGRAMETRIA CEARQ/CEEC/CEGEM/CEA n Descrição Trata-se do levantamento fotográfico, geodésico da terra realizado atra-vés de fotografias aéreas. Uma aeronave equipada com câmaras fotográficasmétricas percorre o território fotografando-o verticalmente, seguindo algunspreceitos técnicos. A Fotogrametria é a ciência que permite executar medi-ções precisas utilizando fotografias métricas.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE 050- Execução • Empresas de Aerofotogrametria; • NÃO HÁ • NBR 7201 - ABNT • Prefeituras; 130- Outros • Órgãos Públicos; • Propriedades Rurais; • Onde for constatada a ocorrência destes serviços. REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - Porque a participação efetiva dos profissionais nos serviços de plane-jamento, elaboração de projetos, execução e fiscalização promove trabalhosfocados em qualidade, conforto, eficiência, racionalidade, coerência com as-pectos ambientais e legais, que necessitam de conhecimentos técnicos especí-ficos, tendo em vista que o CREA possui a finalidade de defesa da sociedadeprocurando assegurar o uso adequado do conhecimento e da tecnologia. - A responsável e eficiente coleta e interpretação de dados sobre as infor-mações obtidas são de fundamental importância para o desenvolvimento dedemais fases do planejamento, estudo, projetos e serviços de para os quaistenham relevância.n FOTOS/ EXEMPLOS/ INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES: Aplicações: Metereologia, mapeamento topográfico, georreferenciamen-to, entre outros. Manual de Fiscalização - AM3
  4. 4. 335 – CARACTERIZAÇÃO ECOLÓGICA/ CEEC ETOLÓGICA PAISAGEM GEOGRÁFICAn Descrição É a descrição dos componentes e processos importantes que integram um ecos-sistema e o entendimento de suas relações funcionais. Aborda a investigação com-parada da conduta, entre os animais e entre os homens, bem como de suas reações eacomodação em face de determinado meio.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Onde for constatada a NÃO HÁ • Lei Federal 6.664/1979 ocorrência destes serviços.130- Outros • Decreto Federal 85.138/1980 REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - É necessária a participação de profissional habilitado para promover estudos ebuscar atitudes mais equilibradas na relação com o meio natural e sociocultural. Aidentificação e orientação adequada visam a compreensão do valor da conservaçãoda natureza e da diversidade cultural a fim de minimizar problemas sociais e am-bientais.AM4 - Manual de Fiscalização
  5. 5. 330 - DELIMIT/CARACT DE E SUB-REGIÕES CEARQ/CEECn Descrição Divisão da superfície terrestre em áreas constituídas por elemento(s) similar(es)entre si, naturais (clima, vegetação, relevo, geologia, etc.), humanos, econômicos,políticos ou administrativos. Obtenção e aplicação de dados e parâmetros tais como:população, densidade e interação demográfica, grau de urbanização, densidade einteração econômica, áreas de interesse turístico, etc.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Setor Público e Setor Privado • NÃO HÁ • Lei Federal 6.664/1979 (*) • Decreto Federal 85.138/1980130- Outros • Onde for constatada a ocorrência destes serviços. REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - Atividade necessária para que a infra-estrutura e os serviços básicos (energia,transportes, comunicações, saneamento, saúde, educação, cultura, lazer) propiciemas condições para o desenvolvimento e qualidade de vida, com utilização racional esustentável do meio e diminuição das desigualdades sociais. - Porque a participação efetiva dos profissionais nos serviços de planejamento,elaboração dos projetos, execução e fiscalização promove trabalhos com foco emqualidade, conforto, eficiência, racionalidade, coerência com aspectos ambientais elegais, que necessitam de conhecimentos técnicos específicos, tendo em vista que oCREA possui a finalidade de defesa da sociedade procurando assegurar o uso ade-quado do conhecimento e da tecnologia. Manual de Fiscalização - AM5
  6. 6. n FOTOS/ EXEMPLOS/ INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES: (*) Setor Público: - Secretarias do Meio Ambiente, de Planejamento, de Obras Públicas, de Agri-cultura, de Minas e Energia e outras; Empresas Públicas ligadas à preservação e/ourecuperação de recursos naturais; Institutos de Desenvolvimento Urbano e Regional;Institutos de Desenvolvimento Econômico (FEE); Instituto Brasileiro do Meio Am-biente - IBAMA; Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE;Institutos Florestais Estaduais; Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural- EMATER; Centros Universitários de Pesquisas; Centros de Sensoriamento Remotode órgãos afins com atividades geográficas; e Outros. (*) Setor Privado: - Empresas de aerolevantamentos; Empresas de planejamento rural (criação deagrovilas, assentamentos rurais, movimentos migratórios, colonização agrária); Em-presas de assessoria e consultoria ambiental (elaboração de EIAs e RIMAs); Em-presas de serviços topográficos; Empresas de Turismo (criação e gerenciamento depólos turísticos e gerenciamento costeiro); Perícias e avaliações como autônomo; eOutros.Interações demográficasa potenciais entre Rio de Janeiro, São Paulo e RUGRio–São Paulo e metrópoles brasileiras, 1996 114 – Rio de Janeiro São Paulo RUG Rio–São PauloBelo Horizonte 22,67 27,32 58,35Brasília 4,11 7,56 13,86Curitiba 7,36 25,02 34,08Fortaleza 2,38 3,48 6,97Porto Alegre 5,41 12,32 20,60AM6 - Manual de Fiscalização
  7. 7. 342 - DIVISÃO ADMINISTRATIVA DA UNIÃO/ CEEC ESTADOS E MUNICÍPIOSn Descrição Estruturação do território, considerando-se as condições geográficas/naturais,para organização política e administrativa, representada por mapa político.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Onde for constatada a • NÃO HÁ • Lei Federal 6.664/1979 ocorrência destes serviços. • Decreto Federal 85.138/1980130- Outros REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - Trata-se de atividade técnica fundamental e de grande responsabilidade, da qualdependerá o estabelecimento das competências administrativas e legislativas.n FOTOS/ EXEMPLOS/ INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES: Manual de Fiscalização - AM7
  8. 8. 332 - INTERPRETAÇÃO HIDROLÓGICAS DE CEEC BACIAS FLUVIAISn Descrição Estudo e avaliação de vazões, reconhecendo épocas de seca, enchente, cheia evazante dos rios. Identificar previamente possíveis ocorrências de eventos críticos,permitindo a adoção antecipada de medidas mitigadoras, visando atender às diferen-tes demandas de utilização e zelando pela conservação da qualidade do recurso.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Onde for constatada a • NÃO HÁ • Lei Federal 6.664/1979 ocorrência destes serviços.. • Decreto Federal 85.138/1980130- Outros REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - A responsável e eficiente coleta e interpretação de dados sobre as condições hi-drológicas é de fundamental importância para o desenvolvimento de diversas obras eserviços de Engenharia, tais como: atenuação dos danos das enchentes, drenagem deterras, disposição de esgotos, projetos de bueiros, abastecimento de água, irrigação,aproveitamento do potencial hidrelétrico e obras hidroviárias. - Porque a participação efetiva dos profissionais nos serviços de planejamento,elaboração dos projetos, execução e fiscalização promove trabalhos com foco emqualidade, conforto, eficiência, racionalidade, coerência com aspectos ambientais elegais, que necessitam de conhecimentos técnicos específicos, tendo em vista que oCREA possui a finalidade de defesa da sociedade procurando assegurar o uso ade-quado do conhecimento e da tecnologia.AM8 - Manual de Fiscalização
  9. 9. 280 – LEVANTAMENTOS BATIMÉTRICOS CEEC/GEGEMn Descrição Trata-se medição de profundidade, essencial para a navegação e para levanta-mento hidrográfico. A Batimetria é a medição da profundidade dos oceânos, lagos e rios e é expressacartograficamente por curvas batimétricas que unem pontos da mesma profundidadecom eqüidistâncias verticais, à semelhança das curvas de nível topográfico. Medida de profundidade de uma massa de água como os mares, lagos, rios (to-pografia do fundo imerso).O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Onde for constatada a • NÃO HÁ • LEI 5.194/66 ocorrência destes serviços. • Resolução 218/73-CONFEA130- Outros REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - Porque a participação efetiva dos profissionais nos serviços de planejamento,elaboração dos projetos, execução e fiscalização promove trabalhos com foco emqualidade, conforto, eficiência, racionalidade, coerência com aspectos ambientais elegais, que necessitam de conhecimentos técnicos específicos, tendo em vista que oCREA possui a finalidade de defesa da sociedade procurando assegurar o uso ade-quado do conhecimento e da tecnologia. - A responsável e eficiente coleta e interpretação de dados sobre as informaçõesobtidas são de fundamental importância para o desenvolvimento de demais fases doplanejamento, estudo, projetos e serviços de para os quais tenham relevância. Manual de Fiscalização - AM9
  10. 10. n FOTOS/ EXEMPLOS/ INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES: * Importante: - Os Ecobatimetros são os equipamentos utilizados pela batimetria para medira profundidade. O equipamento consiste em uma fonte emissora de sinais acústicose um relógio interno que mede o intervalo entre o momento da emissão do sinal e oinstante em que o eco retorna ao sensor. O som é captado pelo transdutor que con-siste basicamente de um material piezoeletricidade que converte as ondas de pressãodo eco em sinais elétricos. Os ecobatimetros fornecem informações pontuais de pro-fundidade no local imediatamente abaixo do transdutor.AM10 - Manual de Fiscalização
  11. 11. 281 – LEVANTAMENTOS GEODÉSICOS CEEC/GEGEMn Descrição Trata-se do mapeamento à partir de um conjunto de coordenadas e pontos geo-désicos da superfície da Terra. Estudo da forma e tamanho da Terra apoiado em técnicas que permitem a locali-zação exata de pontos da superfície terrestre, subsídio fundamental para a cartografiados elementos naturais e artificiais terrestres em escalas e projeções corretas.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Onde for constatada a • NÃO HÁ • LEI 5.194/66 ocorrência destes serviços. • Decreto Lei 243/67130- Outros • Decreto 4781/2003 REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - Porque a participação efetiva dos profissionais nos serviços de planejamento,elaboração dos projetos, execução e fiscalização promove trabalhos com foco emqualidade, conforto, eficiência, racionalidade, coerência com aspectos ambientais elegais, que necessitam de conhecimentos técnicos específicos, tendo em vista que oCREA possui a finalidade de defesa da sociedade procurando assegurar o uso ade-quado do conhecimento e da tecnologia. - A responsável e eficiente coleta e interpretação de dados sobre as informaçõesobtidas são de fundamental importância para o desenvolvimento de demais fases doplanejamento, estudo, projetos e serviços de para os quais tenham relevância. Manual de Fiscalização - AM11
  12. 12. n FOTOS/ EXEMPLOS/ INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES: * Importante: Métodos e Atividades Geodésicas: Posicionamento Astronômico, Posicionamento por Satélite, Sensoriamento Re-moto, Estacionamento Livre, Gravimetria, Laserscanning, Rede de Referência Geo-désica, Altimetria, Mapeamento, Levantamento Topográfico, Levantamento Aéreo,Poligonação (Polígono), Interseção Inversa, Interseção Direta, Interseção de Arcos,Geodésia por Satélite, Triangulação, Trilateração, Locação.AM12 - Manual de Fiscalização
  13. 13. 290 – LOCAÇÃO DE ESTRADAS CEEC/ CEARQn Descrição Atividade que envolve a marcação, por mensuração, do terreno a ser ocupadopor uma estrada. Refere-se a marcação do traçado da estrada no terreno (estaqueamento).O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Obras públicas • NÃO HÁ • ATO 02/06 CREA-PR. • Novas Estradas e Rodovias130- Outros • Onde for constatada a ocorrência destes serviços. REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - Porque a participação efetiva dos profissionais nos serviços de planejamen-to, elaboração de projetos, execução e fiscalização promove trabalhos focados emqualidade, conforto, eficiência, racionalidade, coerência com aspectos ambientais elegais, que necessitam de conhecimentos técnicos específicos, tendo em vista que oCREA possui a finalidade de defesa da sociedade procurando assegurar o uso ade-quado do conhecimento e da tecnologia. - Para valorizar atividades que promovam a preservação e valorização de patri-mônio público e/ou cultural e que, portanto, devem ser executadas por profissionaishabilitados. Manual de Fiscalização - AM13
  14. 14. 287 – LOCAÇÃO DE SISTEMAS DE SANEAMENTO CEEC/ CEARQn Descrição Atividade que envolve a marcação, por mensuração, do terreno a ser ocupado porum sistema de saneamento. Refere-se a marcação no terreno (estaqueamento), por onde passará a tubulaçãode saneamento.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Redes de Saneamento • NÃO HÁ • ATO 02/06 CREA-PR. • Onde for constatada a130- Outros ocorrência destes serviços. REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - Porque a participação efetiva dos profissionais nos serviços de planejamen-to, elaboração de projetos, execução e fiscalização promove trabalhos focados emqualidade, conforto, eficiência, racionalidade, coerência com aspectos ambientais elegais, que necessitam de conhecimentos técnicos específicos, tendo em vista que oCREA possui a finalidade de defesa da sociedade procurando assegurar o uso ade-quado do conhecimento e da tecnologia. - Para valorizar atividades que promovam a preservação e valorização de patri-mônio público e/ou cultural e que, portanto, devem ser executadas por profissionaishabilitados.AM14 - Manual de Fiscalização
  15. 15. 289 – LOCAÇÃO DO TRAÇADO DAS CIDADES CEARQ/ CEECn Descrição Atividade que envolve a marcação, por mensuração, do terreno a ser ocupadopor uma cidade. Refere-se a marcação do traçado da cidade no terreno (estaqueamento).O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Obras públicas • NÃO HÁ • ATO 02/06 CREA-PR. • Onde for constatada a130- Outros ocorrência destes serviços. REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - Porque a participação efetiva dos profissionais nos serviços de planejamen-to, elaboração de projetos, execução e fiscalização promove trabalhos focados emqualidade, conforto, eficiência, racionalidade, coerência com aspectos ambientais elegais, que necessitam de conhecimentos técnicos específicos, tendo em vista que oCREA possui a finalidade de defesa da sociedade procurando assegurar o uso ade-quado do conhecimento e da tecnologia. - Para valorizar atividades que promovam a preservação e valorização de patri-mônio público e/ou cultural e que, portanto, devem ser executadas por profissionaishabilitados. Manual de Fiscalização - AM15
  16. 16. 336 - POLÍTICAS DE E MIGRAÇÃO INTERNA CEARQ/ CEECn Descrição - Desenvolvimento de sistemas de regras para controle do contingente demográ-fico e deslocamento de grupos populacionais de uma região para outra, buscando oequilíbrio entre recursos e população e também a solução de problemas econômicos,políticos e culturais.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Onde for constatada a • NÃO HÁ • Lei Federal 6.664/1979 ocorrência destes serviços. • Decreto Federal 85.138/1980130- Outros REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - A adoção de políticas responsáveis é base para a tomada de medidas que visamgarantir à população respeito aos Direitos Humanos. Diversas atividades relaciona-das competem a profissionais do Sistema (saúde, educação, habitação, lazer, culturae esporte).AM16 - Manual de Fiscalização
  17. 17. 340 – APROVEITAMENT/DESENVOLV/ CEARQ/ CEEC PRESERVAÇÃO DE REC. NATURAISn Descrição É o estudo e emprego de tecnologias ambientalmente sustentáveis e o desenvol-vimento de ações de educação ambiental objetivando o aproveitamento racional dosrecursos naturais, aliados a uma política reparadora.O QUE FISCALIZAR ONDE FISCALIZAR PARÂMETRO LEGISLAÇÃO PERTINENTE050- Execução • Onde for constatada a • NÃO HÁ • Lei Federal 6.664/1979 ocorrência destes serviços. • Decreto Federal 85.138/1980130- Outros REGISTRO DE ARTS MÚLTIPLA  SIM Observações:  NÃOn POR QUE FISCALIZAR? - A participação de profissional habilitado no aproveitamento, desenvolvimentoe preservação de recursos naturais visa o aumento da produtividade e da competiti-vidade, a melhoria da situação econômica e social da população e o racional apro-veitamento dos recursos naturais, com preservação da sua capacidade regenerativae estímulo às opções culturais mais compatíveis com as condições naturais e comas exigências qualitativas dos mercados. Garantir que as medidas preventivas e decontrole adotadas nos empreendimentos sejam compatíveis com o desenvolvimentosustentável. Manual de Fiscalização - AM17

×