Planilha Financiamento SAC

878 visualizações

Publicada em

Um pouco sobre como é feita a antecipação de pagamento em um financiamento pelo SAC.

Publicada em: Internet
3 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
878
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
76
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
3
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planilha Financiamento SAC

  1. 1. Planilha Financiamento SAC com carência e antecipação de pagamento
  2. 2. Sistema de Amortização Constante O SAC é uma forma de quitação de um empréstimo ou financiamento cuja principal característica é o valor constante das amortizações (principal) durante todo o prazo financiado.
  3. 3. É largamente utilizado em financiamentos imobiliários devido a sua simplicidade de cálculo. Outra característica importante do SAC é que o valor das prestações decresce ao longo do tempo, assim como acontece com os juros. Ou seja, o mutuário (pessoa a quem é concedido o financiamento) começa pagando um valor alto e termina pagando um valor reduzido.
  4. 4. Como utilizar a planilha Na planilha “Simulador” devem ser informados os dados básicos para a simulação: valor do imóvel; renda bruta familiar; data de nascimento do comprador; data de início do empréstimo; taxa de juros a ser utilizada (botões de opção) e carência, se houver.
  5. 5. O slide a seguir apresenta um exemplo de simulação. No campo “Entrada Desejada” é possível alterar o valor da entrada, desde que superior ao informado no campo “Entrada”. O campo “Prazo Desejado (meses)” permite que se altere o prazo do financiamento, não podendo exceder 420 meses.
  6. 6. Após informados todos os dados, é só clicar no botão “Simular Condições de Financiamento”. Depois disso, vá até a planilha “Evolução do Financiamento” e clique em “Recalcular Financiamento” para atualizar os valores. Para imprimir a planilha defina a orientação da página como Paisagem. A seguir é apresentado um modelo.
  7. 7. Depois de pronta a planilha, será gerado um relatório com os detalhes do financiamento. O mesmo está configurado para poder ser impresso em papel A4 no formato Retrato. A seguir um exemplo sem antecipação de pagamento.
  8. 8. Antecipação de Pagamento Nada mais é do que antecipar o pagamento de parte da dívida ou mesmo toda ela. Se você conseguiu guardar um dinheiro extra pode ser uma boa opção utilizá-lo para amortizar seu financiamento. Antecipação de pagamento e amortização extraordinária são sinônimos.
  9. 9. A antecipação pode ser realizada a qualquer momento, quantas vezes o mutuário desejar e a qualquer valor. Se possível, aguarde conseguir um bom montante para fazer a amortização, quanto maior for o valor, maior será o benefício financeiro. Para isso existem duas opções: redução do prazo ou redução do valor das parcelas. A seguir será explicado cada uma em detalhes.
  10. 10. Redução no Prazo: Nessa modalidade, realiza-se a redução do prazo mantendo-se o valor das prestações originais. O novo prazo é calculado levando em conta que o valor da primeira prestação após a antecipação não exceda o valor da respectiva prestação sem a antecipação. A seguir um exemplo hipotético para melhor esclarecer essa questão.
  11. 11. Ex: Suponha que seja feita uma amortização extra de R$ 40.000,00 após o pagamento da 12ª prestação. O valor da prestação seguinte caso não houvesse nenhuma antecipação seria de R$ 2.290,00. Isso significa que depois de realizada a amortização, o valor da 13ª prestação deve ser igual ou inferior a R$ 2.290,00. Caso não seja possível chegar a um valor idêntico, calcula-se o maior valor imediatamente inferior.
  12. 12. Redução no Valor das Parcelas: Aqui o que será alterado é o valor da prestação mensal, mantendo-se o prazo inicialmente contratado. O cálculo dos valores após a antecipação são os mesmos realizados no início do financiamento, porém considerando o saldo devedor com a antecipação e o prazo remanescente. A seguir um exemplo.
  13. 13. Ex: Suponha que tenha sido feita uma amortização extra de R$ 30.000,00 após o pagamento da 18ª prestação e que o prazo inicial para pagamento da dívida seja 420 meses. Dessa forma, o saldo ao final da 18ª prestação deverá ser amortizado em 402 meses (420 – 18).
  14. 14. O critério de redução no prazo possibilita a diminuição de duas variáveis: prazo e valor das prestações; já pelo método de redução no valor das parcelas ocorre somente a redução no valor das prestações, motivo pelo qual a economia é maior utilizando-se o primeiro critério. A utilização de um ou outro método depende da escolha do mutuário.
  15. 15. Para realizar pagamentos antecipados na planilha, informe os valores na coluna “Amort Ext” na linha correspondente a data do pagamento, depois clique em “Recalcular Financiamento”. No exemplo a seguir foram feitas duas antecipações: uma no valor de R$ 6.000,00 na 12ª prestação e outra de R$ 3.000,00 na 24ª prestação. Foi utilizado a redução no prazo. O relatório encontra- se nos slides 20 e 21.
  16. 16. Em caso de dúvidas entre em contato por email, estou a disposição. FIM

×