Comportamento do consumidor digital aula2

199 visualizações

Publicada em

Aula de comportamento do consumidor para a turma de pós graduação de Mídias Digitais do Senac

Publicada em: Mídias sociais
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
199
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Comportamento do consumidor digital aula2

  1. 1. Comportamento     do  Consumidor     Digital   Aula  2  
  2. 2. h5ps://www.youtube.com/watch?v=PoA4qnEHuYc   Correio  eletrônico  
  3. 3. Le  Bon,  Gustave  –  A  psicologia  das  mulKdões  (1895)   “   “  
  4. 4. As   pessoas   deixaram   de   “estar   conectadas”   e   passaram   a   “ser   conectadas”.   ”Estar”   conectado   significa   que   você   eventualmente   entra   e   sai   da   internet  (...)  “Ser”  conectado  significa  que  parte  de   você   está   na   rede   –   você   vive   em   simbiose   com   ela.”     Se  parte  de  você  está  na  rede,  a  linha  entre  o  que  é   real   e   virtual   se   torna   mais   tênue   e   o   que   é   comparKlhado   na   rede   é   apenas   uma   forma,   mediada  por  tecnologia,  de  manter  não  uma,  mas   várias  conversas  com  as  pessoas  da  sua  rede.       “   “   Fonte:  Gabriel,  Martha  -­‐  MarkeKng  na  Era  Digital  -­‐  Conceitos,   Plataformas  e  Estratégias  -­‐  Martha  Gabriel  -­‐  2010    
  5. 5. O  que  é  rede  social?  
  6. 6. Uma  pessoa  só  pertence  a  um  grupo   quando   entra   num   processo   de   idenKficação  com  os  outros  através   de  laços  emocionais  criados  a  parKr   de   objetos   reais   ou   simbólicos   comparKlhados.     Freud,  Sigmund  -­‐  A  psicologia  das  massas  -­‐  1921   “   “  
  7. 7. O  que  é  mídia  social?  
  8. 8. As   plataformas   nos   convidam   a   organizar,   de   forma   consciente   e   binária,   os   nossos   amigos   e   familiares   em   listas   e   círculos,   enquanto  que,  no  dia  a  dia,  encaramos  os   nossos   contatos   de   forma   caóKca   e   subconsciente.   A   todo   momento,   estamos   Krando   e   colocando   pessoas   em   nossos   círculos.   Paul  Adams  –  Gerente  de  Produtos  no  Facebook  (Ex.  UX  do  Google)   “   “  
  9. 9. O  interesse  em  comparKlhar,  mostrar   conteúdos  para  outras  pessoas  e  o   surgimento  de  fenômenos  colaboraKvos,   faz  com  que  percebamos  que  mais  do  que   uma  plateia  consumidora,  agora  somos   criadores  e  intensos  modificadores  de   conteúdos,  criando,  assim,  o  que  Pierre   Lévy  chamou  de  inteligência  coleKva.       LÉVY,   P.   A   inteligência   cole;va:   por   uma   antropologia   do   ciberespaço.  3a  edição.  São  Paulo:  Edições  Loyola,  2000.   “   “  
  10. 10. E  pq  as  mídias  sociais  nos  fascina  tanto?  
  11. 11. A    cada  período  de  tempo  o  ser  humano  cria   vícios  para  usufruir  do  excedente  cogniKvo.  Na   era  da  industrialização  foi  o  gim,  no  começo  da   era  tecnológica  foi  a  TV  e  a  redução  do  capital   social,  e  agora  o  uso  da  internet  e  novamente  a   valorização  do  capital  social,  ou  seja,  o  valor  que   se  atribui  às  relações  entre  pessoas  que   começaram  a  criar  novas  formas  de  se  comunicar   em  rede.   “   “   SHIRKY,  Clay,  A  cultura  da  parKcipação:  CriaKvidade  e  generosidade  em  um   mundo  conectado  –  Zahar  (CogniKve  Surplus:  CreaKvity  and  Generosity  in  a   Connected  Age.  –  New  York:  Penguin  Press  HC,  2010.)  
  12. 12. Comunicação  Ver;cal  
  13. 13. Consciência   Familiaridade   Consideração   Compra   Fidelidade   O  funil  “tradicional”  de  vendas  
  14. 14. Mensagem Emissor Receptor Ruído Comunicação  horizontal  
  15. 15. Consciência   Familiaridade   Consideração   Compra   Fidelidade   O  funil  “tradicional”  de  vendas   Social   Consciência   Familiaridade   Consideração   Compra   Fidelidade  
  16. 16. Jornada  de  consumo  
  17. 17. 1.0   2.0   3.0  
  18. 18. Fonte:  h5p://goo.gl/i73fGw   O  Primeiro  seguidor  
  19. 19. O  groundswell  é  um  movimento   espontâneo  de  pessoas  que  usam   ferramentas  online  para  se  conectar,   assumir  o  controle  de  suas  experiências   e  obter  o  que  precisam  –  informação,   auxílio,  ideias,  produtos  e  poder  de   barganha  uns  dos  outros.   Referência:  Groundswell  –  Fenomenos  Sociais  nos  negócios  (Charlene  Li  e  Josh  Bernoff)   “   “  
  20. 20. keilas@live.com   br.linkedin.com/in/keilas/   @KeilotaJoaquina  

×