qwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdf...
Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e CiênciaÍndiceCentral Nuclear ...................................................
Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e CiênciaNome do       José Emanuel Lopes Simões                         Data: ...
Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e Ciência aprovaria esse projecto, e caso fosse aprovado, por certo mudaria de ...
Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e CiênciaOs contras da Central Nuclear são:       Ser uma energia não renovável...
Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e Ciência       A energia nuclear é, sem dúvida, o futuro das energias, actualm...
Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e Ciência Energia Eólica: É aquela que aproveita o vento, ou seja, o ar em movi...
Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e Ciência Esta forma de obtenção de energia tem associados baixos custos e perm...
Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e CiênciaBibliografia Toda a informação que consta ao longo deste trabalho foi ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Stc7 dr3 central nuclear_josé simões.

1.674 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.674
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Stc7 dr3 central nuclear_josé simões.

  1. 1. qwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxc Central Nuclearvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmq STC_7 – DR3: Controvérsias Públicaswertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwerty 04-05-2011 José Simõesuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmrtyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçz
  2. 2. Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e CiênciaÍndiceCentral Nuclear ............................................................................................................................. 3Como reagiria à construção de uma Central Nuclear próxima da sua habitação? ....................... 3Refira os prós e os contra desta tecnologia (Central Nuclear)...................................................... 4Os prós da Central Nuclear são: .................................................................................................... 4Os contras da Central Nuclear são: ............................................................................................... 5Alternativas para a produção da energia eléctrica: ...................................................................... 6Bibliografia .................................................................................................................................... 9Curso: EFA NS - Instalação e Manutenção de Sistemas Informáticos -Nível 3 Página 2 de 9
  3. 3. Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e CiênciaNome do José Emanuel Lopes Simões Data: 13/04/2011Formando: Cristina EFA NS - Instalação e manutenção de O (s)Curso: Lopes Sistemas Informáticos -Nível 3 formadores Patrícia Ferreira STC_7: Sociedade, Tecnologia e Ciência - Fundamentos Domínio de Referência 2: Ciências e Controvérsia Públicas Central NuclearComo reagiria à construção de uma Central Nuclearpróxima da sua habitação? Se fosse projectado, a construção de uma Central Nuclear perto na minha região, não iria aceitar de bom animo, devido aos altos riscos, que dai advêm, pois iria traduzir um perigo para mim e para a minha família, porque a possível emissão de fumos tóxicos e as cinzas provenientes de uma Central Nuclear, trazem problemas de saúde a longo prazo. Por esse facto nãoCurso: EFA NS - Instalação e Manutenção de Sistemas Informáticos -Nível 3 Página 3 de 9
  4. 4. Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e Ciência aprovaria esse projecto, e caso fosse aprovado, por certo mudaria de casa para bem longe do local onde vivo.Refira os prós e os contra desta tecnologia (CentralNuclear).Os prós da Central Nuclear são: É um combustível mais barato que muitos outros como por exemplo o petróleo, o consumo e a procura ao petróleo fizeram com que o seu preço disparasse, fazendo assim, com que o urânio se tornasse um recurso, comparativamente com o petróleo, um recurso de baixo custo. É uma fonte mais concentrada na geração de energia, um pequeno pedaço de urânio pode abastecer uma cidade inteira, fazendo assim com que não sejam necessários grandes investimentos no recurso. Não causa nenhum efeito de estufa ou chuvas ácidas; É fácil de transportar como novo combustível; Tem uma base científica extensiva para todo o ciclo. É uma fonte de energia segura, visto que até a data só existiram dois acidentes mortais. Permite reduzir o défice comercial. Permite aumentar a competitividade.Curso: EFA NS - Instalação e Manutenção de Sistemas Informáticos -Nível 3 Página 4 de 9
  5. 5. Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e CiênciaOs contras da Central Nuclear são: Ser uma energia não renovável, como referido anteriormente, torna-se uma das desvantagens, visto que o recurso utilizado para produzir este tipo de energia se esgotará futuramente. As elevadas temperaturas da água utilizada no aquecimento causa a poluição térmica pois esta é lançada nos rios e nas ribeiras, destruindo assim ecossistemas e interferindo com o equilíbrio destas mesmas. O risco de acidente, visto que qualquer falha humana, ou técnica poderá causar uma catástrofe sem retorno, mas actualmente já existem sistemas de segurança bastante elevados, de modo a tentar minimizar e evitar que estas falhas existam, quer por parte humana, quer por parte técnica. A formação de resíduos nucleares perigosos e a emissão causal de radiações causam a poluição radioactiva, os resíduos são um dos principais inconvenientes desta energia, visto que actualmente não existem planos para estes resíduos, quer de baixo ou alto nível de radioactividade, estes podem ter uma vida até 300 anos após serem produzidos podendo assim prejudicar as gerações vindouras. Pode ser utilizada para fiz bélicos, para a construção de armas nucleares, está foi uma das primeiras utilizações da energia nuclear, os fins bélicos são a grande preocupação nível mundial, porque projectos nucleares como o do Irão, que ameaçam a estabilidade económica e social. Ser uma energia cara, visto que tanto o investimento inicial, como posteriormente a manutenção das energias nucleares são de elevados custos, até mesmo o recurso minério, visto que existem países que não o possuem, ou não em grande abundância, tendo assim, que comprar ao estrangeiro. Os seus efeitos, visto que na existência de uns acidentes, as consequências deste iram fazer-se sentir durante vários anos, visto que a radioactividade continuará a ser libertada durante vários anos.Curso: EFA NS - Instalação e Manutenção de Sistemas Informáticos -Nível 3 Página 5 de 9
  6. 6. Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e Ciência A energia nuclear é, sem dúvida, o futuro das energias, actualmente, cada vez mais são os projectos desenvolvidos pelos países de forma a apostar nesta energia, e os que já produzem apostam cada vez mais nesta forma de energia rentável. É uma energia com inúmeras vantagens, tanto a nível energético, como ambiental e económico, mas como contrapeso as suas desvantagens são demasiado pesadas para qualquer país, os acidentes afectam sempre em grande escala a população, durante anos irão prejudicar e pôr em causa vidas das gerações presentes e vindouras, é um fardo demasiado grande para qualquer país. A radioactividade, descoberta em 1896, tem inúmeras utilidades, estas cada vez mais utilizadas a larga escala no nosso planeta. Um dos grandes medos, a nível mundial, é que a energia nuclear seja utilizada para fins bélicos, como em Hiroshima, causando assim danos irreversíveis, e que expluda, a nível mundial uma guerra nuclear. Na nossa opinião a energia Nuclear poderá ser uma possibilidade a por em uso, mas o país que o fizer, tem de estar disposto desde então, a carregar o pesado fardo em caso de acidente, tal como a população desse país, caso aprove a sua utilização.Alternativas para a produção da energia eléctrica: Energia hidroeléctrica: Nome que se dá à corrente eléctrica industrial que se destina à iluminação, à impulsão de motores, produção de calor, etc. Em geral é obtida em centrais hidroeléctricas, aproveitando as diferenças do nível da água, ou em centrais térmicas, mediante a utilização de um combustível adequado. A unidade de potência eléctrica é o watt, que equivale a um joule por segundo, na prática emprega-se o quilowatt, equivalente a mil watts.Curso: EFA NS - Instalação e Manutenção de Sistemas Informáticos -Nível 3 Página 6 de 9
  7. 7. Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e Ciência Energia Eólica: É aquela que aproveita o vento, ou seja, o ar em movimento. É a mais económica de todas as formas de energia e uma das primeiras utilizadas pelo homem. Energia Geotérmica: É devido ao calor interno da Terra. Este calor provoca a evaporação de grandes quantidades de água, nas camadas profundas do solo e a sua saída violenta para a superfície. A crise energética de que padece o mundo, faz com que sejam procuradas possíveis energias alternativas. A energia geotérmica foi utilizada pelo homem desde os tempos mais remotos, basta recordar o uso que foi feito das águas termais. Nas zonas que poderíamos chamar privilegiadas, é possível aproveitar os vapores para fins de aquecimento ou produção de electricidade. Energia Solar: É obtida pelo aproveitamento das radiações solares. Reúne duas grandes vantagens: a sua abundância e a sua condição de recurso renovável e não contaminante. A técnica moderna utiliza a energia solar para diversos fins: domésticos (em forma de aquecimento doméstico ou da água), fornos solares, depuradores e evaporadores de água do mar, etc. Energia do mar: Os oceanos podem ser uma fonte de energia para iluminar as nossas casas e empresas. Neste momento, o aproveitamento da energia do mar é apenas experimental e raro. Biomassa ou Biocombustíveis: A energia da biomassa (animal ou vegetal) é resultante da transformação de materiais orgânicos, como excrementos, madeira, milho, cana-de-açúcar ou óleo.Curso: EFA NS - Instalação e Manutenção de Sistemas Informáticos -Nível 3 Página 7 de 9
  8. 8. Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e Ciência Esta forma de obtenção de energia tem associados baixos custos e permite a revalorização de resíduos, para além de ser menos poluente relativamente à indústria energética com base em combustíveis fosseis. Os biocombustíveis mais conhecidos são: Biogás - Obtido através do gás libertado (metano) como excrementos, restos de alimentos e demais resíduos orgânicos. Biodisel - Obtido através da transformação da soja ou dendê. Bioetanol - Geralmente obtido da cana-de-açúcar, milho ou ainda beterraba; Óleo Vegetal, que pode ser utilizado em veículos automóveis.Curso: EFA NS - Instalação e Manutenção de Sistemas Informáticos -Nível 3 Página 8 de 9
  9. 9. Unidade de Formação: Sociedade, Tecnologia e CiênciaBibliografia Toda a informação que consta ao longo deste trabalho foi retirada, para posteriormente ser tratada por nós, nas seguintes fontes: http://atomico.no.sapo.pt/04_03.html http://www.biodieselbr.com/energia/nuclear/fissao-nuclear.htm http://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_nuclear http://www.abcdaenergia.com/enervivas/cap07.htm http://www.cfn.ist.utl.pt/pt/consultorio/listA.htmlCurso: EFA NS - Instalação e Manutenção de Sistemas Informáticos -Nível 3 Página 9 de 9

×