Manual: SNQC/END
Página: 1 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 2 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 3 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 4 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 5 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 6 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 7 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 8 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 9 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/200...
Manual: SNQC/END
Página: 10 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/20...
Manual: SNQC/END
Página: 11 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/20...
Manual: SNQC/END
Página: 12 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/20...
Manual: SNQC/END
Página: 13 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/20...
Manual: SNQC/END
Página: 14 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/20...
Manual: SNQC/END
Página: 15 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/20...
Manual: SNQC/END
Página: 16 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/20...
Manual: SNQC/END
Página: 17 de 17
QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES
NA-004 Revisão: 0 (Jul/20...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Na 004 - qualificação em análise de vibrações

248 visualizações

Publicada em

Apostila

Publicada em: Engenharia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
248
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Na 004 - qualificação em análise de vibrações

  1. 1. Manual: SNQC/END Página: 1 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end 1. Introdução A monitoração do estado e o diagnóstico de falhas das máquinas através da análise de vibrações tem se mostrado uma atividade imprescindível para os programas de manutenção preditiva na maioria das indústrias. A eficiência desses programas dependem basicamente das habilidades dos profissionais que planejam, medem e analisam as vibrações. O processo sistemático de medição, avaliação e análise das vibrações visa responder a duas perguntas básicas dos responsáveis pela produção, manutenção e operação das máquinas: - a máquina está em bom estado para prosseguir operando em segurança ? - se não, qual a falha, sua gravidade e o tempo previsto para intervenção ? 2. Escopo Esta Norma estabelece as regras adotadas pela Associação Brasileira de Ensaios Não destrutivos – ABENDE para a qualificação e certificação do pessoal que realiza análises de vibração para monitoração do estado e diagnóstico de falha das máquinas. A certificação por esta norma fornecerá o reconhecimento das qualificações e competência do pessoal para realizar medidas e análises de vibrações em máquinas usando sensores e instrumentos portáteis (coletores / analisadores) e monitores permanentes. Esta Norma abrange um programa de certificação com 4 níveis, baseado nos conhecimentos técnicos descritos a seguir. 3. Siglas e Definições Para os efeitos desta Norma são adotadas as seguintes siglas e definições: Siglas: ABENDE: Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos e Inspeção. BC: Bureau de Certificação CC: Conselho de Certificação CEQ: Centro de Exames de Qualificação DC: Documento Complementar END: Ensaios Não Destrutivos SNQC/END: Sistema Nacional de Qualificação e Certificação de Pessoal em Ensaios Não Destrutivos Definições: • Autorização de trabalho Declaração escrita emitida pelo empregador, autorizando o profissional a executar o END previsto na sua Certificação. • Análise de vibração Processo de avaliação do comportamento dinâmico das máquinas utilizando sinais de vibração através de instrumentos analógicos e/ou de processamento digital e o conhecimento das características de projeto e funcionamento das máquinas. • Candidato Indivíduo que postula sua qualificação, e posterior certificação, para a execução das atividades de END, e que obtenha experiência profissional sob a supervisão de profissional certificado. • Nível de Qualificação Nível atribuído a um indivíduo, decorrente da comprovação formal de seus conhecimentos, habilidades e aptidões, que o capacita a exercer atividades em END previamente definidas.
  2. 2. Manual: SNQC/END Página: 2 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end • CENTRO DE EXAMES DE QUALIFICAÇÃO Órgão ou dependência de uma empresa ou instituição, capacitado para aplicar exames de qualificação aos candidatos, reconhecido como tal pelo Conselho de Certificação. • Certificação Testemunho formal de uma qualificação através da emissão de um Certificado. • Certificado Documento que expressa o testemunho formal de uma qualificação. • Diagnóstico Interpretação dos sinais de vibração e análise do comportamento dinâmico das máquinas para identificação das causas de mau funcionamento. • Exame de Qualificação Atividade de comprovação e aferição dos conhecimentos e habilidades de um indivíduo, para fins de certificação. • Examinador Responsável pela condução, supervisão e graduação dos exames de qualificação de pessoal, certificado como Nível 3 em análise de vibração. • Examinador Assistente Pessoa autorizada pelo Bureau de Certificação para conduzir os exames. • Empregador Organização privada ou pública que emprega pessoal através de rendimentos ou salários diretos. No caso de autônomo este é considerado empregador, devendo assumir todas as responsabilidades atribuídas a este. • Experiência profissional Experiência obtida sob a supervisão de um profissional qualificado, na aplicação do método de END no setor envolvido, necessária para adquirir a habilidade e conhecimento para cumprir as exigências da qualificação. • Interrupção significativa Ausência ou mudança da atividade para a qual o profissional foi certificado, sendo impedido de praticar as atribuições correspondentes ao nível no método e setores, dentro do escopo da certificação, por um período contínuo superior a 365 dias, ou períodos intermitentes, cuja soma for superior a dois quintos do total de validade do certificado. Nota: férias e feriados previstos na lei, ou período de doenças ou cursos com duração menor que 30 dias não devem ser considerados quando do cálculo do tempo de interrupção. • Método de END Disciplina aplicada a um princípio físico em um END. No caso desta norma o método aplicado para monitoração do estado e diagnóstico de falha das máquinas é o de Análise de Vibrações. • Monitoração Processo de medir as vibrações, acompanhar a tendência e analisar os desvios em relação ao comportamento dinâmico típico da máquina, para avaliar seu estado de funcionamento. • Organismo de Certificação Organismo que administra os procedimentos para certificação de acordo com os requisitos desta Norma. Neste presente caso, o Organismo de Certificação é a Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos e Inspeção. • Procedimento de END Descrição escrita de todos os parâmetros essenciais e precauções a serem observadas quando é aplicada uma técnica de END em um ensaio específico, segundo uma norma , código ou especificação estabelecida. Um procedimento de END pode envolver a aplicação de mais que um método de END ou técnica.
  3. 3. Manual: SNQC/END Página: 3 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end • Qualificação Comprovação das características e habilidades, segundo procedimentos escritos e com resultados documentados, que permitem a um indivíduo exercer determinadas tarefas. • Questão com múltipla escolha Redação de uma pergunta que dá origem a quatro respostas potenciais, sendo somente uma delas correta e as três restantes incorretas ou incompletas. • Revogação da Certificação Ato de tornar nula a certificação do profissional, de forma temporária ou definitiva, em função do não atendimento aos requisitos estabelecidos pelo SNQC/END, da constatação de falhas ou da comprovação de fraudes, comportamento antiético ou prática de atos delituosos cometidos pelo profissional. O profissional pode ser novamente certificado no SNQC/END depois de solucionadas as pendências de caráter temporário e mediante novo exame de qualificação, quando requerido em exigências estabelecidas pelo SNQC/END. • Rota Série de pontos para medidas sistemáticas, com definição dos parâmetros de medição, análise e alarme das vibrações, ordenados na seqüência dos grupos de máquinas ou pela posição geográfica nas áreas da planta. • Setor Industrial Um segmento particular da indústria, ou da tecnologia, em que práticas especializadas de END são usadas e requerem conhecimento relacionado ao produto, habilidade, equipamento ou treinamento específicos. Um setor industrial pode ser interpretado como sendo um produto (soldas, fundidos), ou um ramo industrial (aeroespacial, petróleo, etc.). • Supervisão Ato de dirigir a aplicação de um END executado por outro profissional de END, que inclui o controle das ações envolvidas na preparação do ensaio, execução do ensaio e informação dos resultados. • Suspensão da Certificação Ato temporário que, em função de problemas constatados na manutenção da qualificação do profissional, torna nula a certificação para as atividades-objeto da suspensão. Findo o prazo da suspensão e atendidas as exigências estabelecidas pelo BC, o profissional readquire o direito de exercer normalmente as atividades para as quais possua a certificação. • Treinamento em END Um processo de instrução, com teoria e prática no método de END no qual a certificação é pretendida, com a estrutura de um curso de treinamento, baseado em um programa aprovado. 4. Regras para Qualificação e Certificação 4.1 Generalidades A certificação é obtida pelo candidato através da execução de exames de qualificação. Em qualquer dos três níveis citados no item 5 pressupõe o preenchimento de pré-requisitos relacionados com escolaridade, treinamento e experiência profissional. O órgão da ABENDE responsável pela qualificação e certificação de pessoal é o Conselho de Certificação, apoiado por órgãos executivos e auxiliares, constituídos pelo Bureau de Certificação e pelos Comitês Setoriais. 4.2 Do Conselho de Certificação O Conselho de Certificação é o órgão normativo da ABENDE para assuntos relacionados com a qualificação e certificação de pessoal para END e deve funcionar conforme o regimento interno RI-006.
  4. 4. Manual: SNQC/END Página: 4 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end 4.3 Do Bureau de Certificação O Bureau de Certificação é o órgão executivo do Conselho de Certificação e deve funcionar conforme o Regimento Interno RI-007. 4.4 Dos Comitê Setoriais Os Comitês Setoriais são criados pelo Conselho de Certificação, segundo seus critérios, ficando diretamente subordinados ao Bureau de Certificação. Os Comitês Setoriais têm atividades nas áreas específicas de suas respectivas especialidades e têm nomenclatura dessa mesma especialidade. O funcionamento do comitê segue as instruções do PR-030. 4.5 Centros de Exames de Qualificação São considerados como Centros de Exames de Qualificação, para os efeitos da presente Norma, os órgãos ou dependências reconhecidos como tal pelo Conselho de Certificação. Estes podem ser organizados por empresas e instituições públicas ou privadas interessadas no desenvolvimento e aplicação dos Ensaios Não Destrutivos. Os critérios para credenciamento de Centros de Exames de Qualificação são estabelecidos pelo Conselho de Certificação, através de Documentos Complementares. Os Centros de Exames de Qualificação devem possuir organogramas administrativo e funcional próprios, ditados pelas empresas ou instituições a que pertençam e incluir, obrigatoriamente, em seu corpo técnico, os seguintes elementos: a) um Gerente Técnico previamente aprovado pelo Bureau de Certificação; b) um ou mais Examinadores responsáveis pelos métodos cujos exames são oferecidos. Os Centros de Exame de Qualificação devem: c) trabalhar segundo as diretrizes da ABENDE; d) aplicar um sistema de gerenciamento da qualidade documentado, aprovado pela ABENDE; e) ter os recursos necessários para administração dos exames; f) preparar e conduzir os exames sob a responsabilidade de um examinador autorizado pela ABENDE; g) possuir pessoal qualificado e adequado, instalação e equipamentos para assegurar um exame de qualificação satisfatório para os níveis envolvidos; h) utilizar somente os documentos e questionários de exame estabelecidos ou aprovados pela ABENDE; i) manter apropriadamente os registros de qualificação e exames de acordo com os requerimentos do Organismo de Certificação; j) permitir, a qualquer tempo, a execução de auditorias por parte da ABENDE para verificação do cumprimento integral e constante das exigências da presente Norma e de seus Documentos Complementares. Os Centros de Exames de Qualificação podem aplicar exames para qualificação nos Níveis 1, 2,e 3 a funcionário ou sócio, com a supervisão de um profissional previamente indicado pela ABENDE . Os Centros de Exames de Qualificação podem contar com Examinadores Assistentes para a aplicação dos exames. 4.6 Empregador O empregador deve encaminhar o candidato para a ABENDE e validar o documento contendo as informações do profissional. A documentação deve incluir escolaridade, treinamento e experiência profissional necessária para estabelecer a elegibilidade do candidato.
  5. 5. Manual: SNQC/END Página: 5 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Quanto à certificação dos profissionais sob seu controle, o empregador deve: a) ser totalmente responsável por tudo que envolve a autorização de trabalho. b) verificar a necessidade de treinamento específico conforme o item 6.3.2 c) ser responsável pela validade dos resultados dos trabalhos de coleta e Análise de Vibrações. d) verificar a continuidade na aplicação do método de Análise de Vibrações sem interrupção significativa. O profissional que não possui vínculo empregatício pode ser considerado empregador próprio individual e deve assumir toda a responsabilidade descrita para o empregador. 5. Classificação do pessoal para monitoração e diagnóstico das máquinas por análise de vibrações 5.1 Observações gerais Os profissionais devem ser classificados em 4 Níveis: Trainee, nível 1, nível 2 e nível 3. Somente os níveis 1, 2 e 3 devem ser objeto de exame de qualificação para certificação. O profissional Trainee deve ser nomeado pelo empregador baseado no atendimento dos pré-requisitos citados no item 6. Os profissionais devem demonstrar competência nos conceitos de medida e análise de vibrações para monitoração e diagnóstico das máquinas em função de sua classificação, como indicado no Anexo A. 5.2 Trainee – Coletor de Dados de Vibração Os indivíduos que atendem aos requisitos para Trainee devem ser reconhecidos como sendo qualificados para realizar atividades elementares de medição de vibração e acompanhamento do estado das máquinas, utilizando instrumentos de um canal. Eles, por exemplo, não devem ser responsáveis pela escolha de sensores, nem pela análise ou avaliação dos resultados das medições, exceto para identificar condições de alerta a partir de níveis pré-estabelecidos. Os Coletores de Vibrações devem estar habilitados para: a) operar instrumentos portáteis (coletores/analisadores) com rotas pré programadas, b) fazer leituras de monitores permanentes, c) transferir os resultados para o banco de dados e carregar rotas do computador, d) realizar medidas nas máquinas operando em regime permanente, seguindo procedimento pré definidos, e) comparar níveis de vibrações contra valores de alerta pré estabelecidos, f) cuidar, operar com segurança e realizar testes funcionais básicos nos instrumentos portáteis, e g) informar sobre anormalidades no funcionamento das máquinas através de inspeção sensitiva. 5.3 Nível 1 – Analista de Vibração Os indivíduos certificados como Analista de Vibração são pessoas qualificadas que estão habilitadas para realizar medidas e análises elementares de vibração em equipamentos industriais, utilizando instrumentos de um canal, sem e com sinal de trigger para indicação de fase, seguindo procedimentos comprovados e pré estabelecidos. O pessoal certificado para Nível 1 deve acumular todo o conhecimento e habilidades estabelecidas para Trainee e também estar qualificado para: a) selecionar a técnica apropriada para medir vibrações nas máquinas, b) programar o instrumento com a resolução apropriada de amplitude, frequência e tempo, c) realizar análises elementares de vibração em componentes e máquinas como eixos, mancais, engrenagens, ventiladores, bombas e motores usando analisadores de espectro, d) manter atualizada a base de dados e registros de tendência, e) orientar a realização de balanceamentos de campo em um plano, f) realizar testes de impacto elementares para determinação de frequências naturais, com instrumentos de um canal, g) classificar, interpretar e avaliar os resultados das medidas – incluindo testes de aceitação (comissionamento) – de acordo com especificações e normas aplicadas ao caso, e
  6. 6. Manual: SNQC/END Página: 6 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end h) recomendar ações corretivas simples. 5.4 Nível 2 – Especialista em Análise de Vibração Os indivíduos certificados como Especialistas em Análise de Vibração devem estar qualificados para realizar e/ou dirigir programas para monitoração e diagnóstico das máquinas por análise de vibrações, de acordo com procedimentos comprovados e pré estabelecidos. O pessoal certificado para Nível 2 deve acumular todo o conhecimento e habilidades estabelecidas para a Nível 1 e também estar qualificado para: a) selecionar a técnica apropriada para análise de vibrações das máquinas, b) especificar a instrumentação de vibrações adequada, hardware e software, para sistemas portáteis e de monitoração permanente, c) medir e fazer diagnósticos através de analisador de espectros de frequência de um e dois canais e de registros em função do tempo, como formas de onda e sinais de orbitação, com as máquinas operando em regime e nos transitórios, sem e com trigger para indicação de fase, d) estabelecer programas de monitoração de vibrações, incluindo a escolha das máquinas para monitoração contínua ou periódica, intervalo de medição, formação das rotas, etc. e, inclusive, com a especificação dos níveis de vibração e critérios de aceitação para máquinas novas, e) medir e analisar formas elementares de deformação das máquinas em operação, f) conhecer e ser capaz de definir o uso de tecnologias complementares de monitoração como, termografia, análise de corrente elétrica de motores e análise de óleo, g) recomendar ações corretivas para as máquinas como balanceamento, alinhamento e troca das partes desgastadas, h) usar técnicas de envelope (demodulação da aceleração), i) supervisionar balanceamentos de campo em dois planos, j) verificar a calibração dos instrumentos de medida de vibração, k) reportar para a gerência sobre os objetivos do programa, orçamentos, justificativas de custos e desenvolvimento (desempenho) do pessoal, l) preparar relatórios sobre o estado dos equipamentos, ações corretivas recomendadas e avaliando a eficiência dos reparos, e m) estabelecer instruções e direcionamento técnico para trainee e Nível 1. 5.5 Nível 3 – Especialista Sênior em Análise de Vibração Os indivíduos certificados como Especialista Sênior em Análise de Vibração devem estar qualificados para realizar e/ou dirigir todos os tipos de programas de medida e análise de vibrações para monitoração e diagnóstico das máquinas. O pessoal certificado para Nível 3 deve acumular todo o conhecimento e habilidades estabelecidas para o Nível 2 e também estar qualificado para: a) aplicar a teoria e técnicas de análise de vibrações, incluindo medida e interpretação dos resultados de analisadores de espectro de dois ou mais canais, assim como, utilizar as funções de resposta de frequência, fase e coerência, b) conhecer e realizar análise de sinais, com processamento no domínio do tempo (incluindo as órbitas) e da frequência, respeitando as limitações dessas técnicas, c) determinar as frequências naturais, modos de vibrar e amortecimento dos sistemas mecânicos incluindo, componentes, máquinas e estruturas acopladas, d) determinar o modo de vibrar das máquinas em operação e das estruturas acopladas e recomendar ações para correção de problemas, e) utilizar técnicas avançadas de análise de vibrações, para identificação das características dinâmicas e diagnóstico de falhas, f) aplicar os princípios básicos da dinâmica dos sistemas rotor-mancais para diagnóstico e correção de problemas, g) supervisionar balanceamento em múltiplos planos por métodos avançados, h) recomendar ações corretivas e/ou modificações de projeto, incluindo o reparo ou troca de componentes, isolamento, amortecimento e ajuste da frequência natural por mudanças de rigidez e massa do sistema, i) orientar as atividades dos demais Níveis,
  7. 7. Manual: SNQC/END Página: 7 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end j) reconhecer vibrações causadas por ressonâncias acústicas e pulsações de pressão em máquinas como compressores alternativos e de parafusos; medir os parâmetros necessários e recomendar formas de correção, e k) recomendar ações corretivas para máquinas com rigidez mecânica insuficiente nos apoios e chumbadores e problemas similares nas bases e fundações. 6. Elegibilidade para certificação Somente os candidatos que cumprirem as exigências de experiência profissional, treinamento e aptidão física poderão realizar os exames de qualificação. Para a certificação os candidatos devem cumprir a todos os pré- requisitos e serem aprovados no exame de qualificação. 6.1 Observações gerais Os candidatos devem ter níveis adequados de educação (formação escolar), treinamento e experiência profissional para garantir o entendimento dos princípios e procedimentos que se aplicam às medidas e análises de vibrações em máquinas. Os candidatos devem confirmar adesão ao código de ética da ABENDE, conforme RI-005. 6.2 Educação Os candidatos não necessitam comprovar educação formal para se tornarem habilitados para o exame de qualificação. Entretanto é recomendado que os candidatos a Coletor e Analista de Vibração, Trainee e Nível 1, tenham pelo menos um diploma de graduação de ensino médio ou equivalente e estejam familiarizados com as operações básicas de computadores tipo PC. Para candidatos visando certificação como Especialistas em Análise de Vibração, Nível 2 e Nível 3, é recomendado ter completado com sucesso 2 ou mais anos em engenharia ou curso de ciências exatas, num colégio credenciado, universidade ou escola técnica. Especialistas em Análise de Vibração devem ser capazes de manipular equações algébricas simples, usar calculadoras científicas (incluindo funções trigonométricas e logarítmicas) e estar habilitados para operar computadores tipo PC. 6.3 Treinamento 6.3.1 Treinamento Geral Para estar habilitado para o exame de qualificação o candidato deverá comprovar ter completado com sucesso o treinamento formal com a carga horária da Tabela 1, baseado nos requisitos do Anexo A. O treinamento regulamentar deve ser ministrado na forma de aulas, demonstrações e exercícios práticos. No Anexo A estão detalhados os tópicos e as respectivas cargas horárias de instrução. Os cursos de treinamento devem incluir exames para garantir que a matéria dada tenha sido entendida. Ao receber o certificado os candidatos devem satisfazer exigências da ABENDE, tais como: a) ter completado com sucesso o treinamento, b) o período dedicado para cada tópico estava de acordo com o especificado no Anexo A e era consistente com o nível da certificação que está sendo buscado ou, apresentava prazos para estudo autônomo e tópicos consistentes com o esforço requerido, conforme a Tabela 1 e o Anexo A, e c) o curso de treinamento foi supervisionado por um profissional certificado no Nível 3. Tabela 1 –Duração mínima acumulada do treinamento em horas
  8. 8. Manual: SNQC/END Página: 8 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Trainee Nível 1 Nível 2 Nível 3 16 48 88 112 6.3.2 Treinamento específico sobre máquinas Além das horas de treinamento mostradas na Tabela 1 e detalhadas no Anexo A, é recomendado que os candidatos tenham treinamento específico sobre máquinas e componentes por um período pelo menos igual à metade do tempo previsto na Tabela 1. 6.4 Experiência Para estar habilitado para certificação, o candidato deverá comprovar experiência em monitoração e diagnóstico de máquinas. Os prazos mínimos de experiência são mostrados na Tabela 2. A nomeação da pessoa como Coletor de Vibração, Trainee , não é pré-requisito para certificação no Nível 1 – Analista de Vibração. Entretanto a certificação no Nível 2 e Nível 3, Especialistas em Análise de Vibração, requer prévia certificação no Nível imediatamente anterior. Para cada Nível mais alto, é esperada uma maior abrangência e profundidade na experiência adquirida, em relação ao Nível imediatamente anterior. Tabela 2 – Duração mínima acumulada de experiência em meses Trainee Nível 1 Nível 2 Nível 3 6 18 36 60 Nota: Os meses indicados representam o total de meses acumulados de experiência para cada classificação. A experiência de trabalho em meses é baseada em 40 horas semanais (175 h/mês). 6.5 Certificação Preliminar Até a implantação da presente Norma deverão ser definidas, através do Documento Complementar DC-019 as regras para o reconhecimento de profissionais Níveis 3. Estes profissionais deverão no prazo máximo de 5 anos preparar os exames e atuar como examinador no início do sistema. 7. Exames de Qualificação para Trainee, nível 1, 2 e 3 7.1 Formato dos exames Para cada nível de certificação os candidatos deverão responder a um número fixo de questões de múltipla escolha num tempo determinado, conforme a Tabela 3. Tabela 3 – Formato dos exames de qualificação Classificação Número de questões Tempo (horas) Aprovação acertos (%) Nível 1 40 2 70 Nível 2 60 3 70 Nível 3 40 3 70 As questões, abrangendo os tópicos listados no Anexo A, devem ser selecionadas de um banco de questões previamente aprovado pelo Comitê. Essas questões devem ser geradas por um grupo de trabalho indicado pelo Comitê de Análise de Vibração. As regras para a geração e aprovação do Banco de questões devem seguir as instruções do documento II-125. As questões deverão ter natureza prática e, ainda assim, testar os candidatos sobre os conceitos e princípios requeridos para realizar avaliações sobre o estado das máquinas. As questões podem envolver a interpretação de registros e gráficos. Também devem ser solicitados cálculos matemáticos elementares, usando uma calculadora científica simples; junto com as questões do exame deve ser fornecido um sumário das fórmulas mais comuns.
  9. 9. Manual: SNQC/END Página: 9 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end 7.2 Aplicação do exame A inscrição formal para os exames deve ser feita através de formulário de solicitação de exames disponibilizado no site ou no setor de certificação da ABENDE. O candidato deverá apresentar comprovantes de treinamento e experiência profissional. No caso de falsa informação ser descoberta, qualquer certificação obtida a partir do exame realizado será anulada. A ABENDE deverá fornecer a lista de Centros de Exames de Qualificação (CEQs), o calendário e escopo dos exames para os quais eles estão autorizados. 7.3 Documentação e materiais para os exames Os CEQ´s fornecerão toda a documentação e materiais para os exames. Os CEQ´s fornecerão todas as Normas de referência. Durante os exames o candidato deverá estar de posse somente dos documentos fornecidos pelos CEQ´s. O uso de calculadoras científicas é permitido durante os exames, desde que não armazenem programas, fórmulas ou dados relevantes para monitoração do estado das máquinas. 8. Condução dos exames O exame escrito deverá conter o número de questões citados na tabela 3. Estas questões devem ser extraídas de um banco de questões aprovado. Poderão ser usados monitores para conduzir ou ajudar os examinadores na condução do exame. 8.1 Analista de Vibração – Nível 1 A avaliação e graduação dos exames deverão ser feitas por um examinador autorizado pela ABENDE. O examinador avaliará as provas preenchidas pelos candidatos de acordo com procedimentos definidos pela ABENDE. Uma porcentagem dos exames será reavaliada por um segundo examinador qualificado e autorizado pela ABENDE. 8.2 Especialista em Análise de Vibração – Nível 2 e Nível 3 O exame escrito será preparado, supervisionado e avaliado por pelo menos dois examinadores. Cada um dos examinadores avaliará as provas preenchidas pelos candidatos de acordo com procedimentos definidos pela ABENDE. 8.3 Observações gerais Em substituição às regras de correção citada em 8.1 e 8.2, a correção poderá ser feita através de um programa de computador que possibilite a correção automática de acordo com o Banco de Questões e gabarito gerado e aprovado pelo Comitê e periodicamente avaliado por um examinador. Todos os exames serão conduzidos por centros estabelecidos, aprovados e monitorados diretamente pela ABENDE, ou através do Bureau de Certificação. No momento do exame o candidato deverá portar um documento de identificação válido e um recibo oficial de inscrição do exame, os quais deverão ser apresentados quando solicitado pelo examinador e auxiliares.
  10. 10. Manual: SNQC/END Página: 10 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Após o início do exame, para os candidatos que forem flagrados com materiais considerados ilegais a prova será considerada fraudada e o exame suspenso. Candidatos que forem flagrados fraudando o exame não serão aceitos para novos exames de certificação de qualquer especialidade da ABENDE pelo período seguinte de 12 meses. Nenhum resultado do exame será fornecido e uma carta será enviada ao candidato e a seu empregador ou responsável pelo custeio, explicando porque o exame foi suspenso. 9. Atribuição de graus dos exames Um examinador autorizado será responsável pela atribuição de graus nos exames por comparação com um modelo de respostas. Os exames escritos poderão ser gerados e corrigidos através de um sistema informatizado. Para a certificação o candidato deverá obter um mínimo de 70% de acerto na prova escrita. 10. Reexame O candidato que não obtém o grau de acertos necessários para certificação pode ser reexaminado qualquer número de vezes. Para realizar o reexame o candidato deverá aguardar um tempo mínimo de 3 meses. Candidatos excluídos por razões de fraude ou comportamento não ético só podem se candidatar a novo exame após pelo menos 12 meses. 11. Publicação dos resultados do exame Até 10 dias após completar os exames, a ABENDE emitirá uma lista oficial de resultados dos exames de todos os candidatos que tenham atendido a todos os pré-requisitos (inclusive pagamento de eventuais taxas). A ABENDE, através do setor de certificação, emitirá os certificados dos candidatos que tenham cumprido todos os pré-requisitos e com resultado satisfatório no exame de qualificação. Os candidatos que falharem em qualquer parte do exame serão informados do resultado através de uma lista de verificação indicando o grau de acerto das matérias envolvidas. 12. Certificação O certificado para os candidatos aprovados deve ser emitido em 30 dias após a divulgação do resultado. No caso do candidato que obteve sucesso em todos os itens, mas não satisfez o requisito de experiência, o certificado poderá ser emitido até 1 ano após a realização dos exames após a comprovação do tempo de experiência. Uma vez de posse da lista de candidatos aprovados para certificação, a ABENDE emitirá os respectivos certificados, indicando: - o nome da pessoa certificada, - a data de certificação, - a data em que o certificado expira, - o nível da certificação, - número individual do profissional no Sistema de Qualificação e Certificação da ABENDE - a tecnologia: análise de vibrações para monitoração e diagnóstico das máquinas, - a assinatura da pessoa certificada, - a fotografia da pessoa certificada no caso do cartão de certificação, - o selo impresso do órgão de certificação, - a assinatura do responsável credenciado para certificação.
  11. 11. Manual: SNQC/END Página: 11 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Somente a emissão do certificado e a carteira, pela ABENDE atestado através da qualificação do profissional, não autoriza o profissional a atuar dentro do escopo de certificação. A autorização de trabalho deve ser feita pelo empregador através da assinatura no certificado autorizando o profissional a conduzir os ensaios em suas instalações. 13. Validade da certificação O período de validade da certificação é de 5 anos, a partir da data indicada no certificado e/ou no cartão de certificação. A certificação deve ser invalidada: • se após verificação das evidências e confirmado pela ABENDE for comprovado comportamento não ético conforme RI-006: se ocorrer uma interrupção das atividades dentro do escopo de certificação; a partir da data de notificação do resultado insatisfatório em um exame de recertificação; perda de aptidão física; falta de pagamento dos valores estabelecidos pelo SNQC/END. A verificação da situação da certificação pode ser consultada no site da ABENDE www.abende.org.br ou por telefone diretamente no Setor de Certificação. 14. Renovação da certificação A qualquer tempo nos últimos 6 meses da validade do certificado, a certificação pode ser renovada pela ABENDE por um novo e igual período de 5 anos desde que o indivíduo apresente documentos que comprovem atividade profissional contínua e satisfatória, pertinente à certificação, sem Interrupção significativa (mais de 1 ano). Se os requisitos para renovação não forem atendidos o indivíduo deve se inscrever para recertificação seguindo os procedimentos dos novos candidatos. 15. Mudança de empregador Mudança de empregador não é causa para recertificação, entretanto o certificado assinado pelo empregador para autorização de trabalho deve ser enviado para a ABENDE para re-emissão e mudança de empregador 16. Registros dos exames e certificações A ABENDE deverá manter os registros das certificações emitidas por um período mínimo de 11 anos. Anexo A Requisitos dos cursos de treinamento para medida e análise de vibrações visando a monitoração do estado e diagnóstico de falhas das máquinas Tabela A.1 – Resumo Horas de treinamento Nível 1 Nível 2 Nível 3Matérias Envolvidas Trainee Quant Acum Quant Acum Quant Acum 1. Princípios das vibrações 4 4 8 6 14 4 18
  12. 12. Manual: SNQC/END Página: 12 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end 2. Medidas de vibração 4 8 12 4 16 - 20 3. Processamento digital de sinais - 4 4 8 12 4 16 4. Monitoração do estado das máquinas 4 4 8 6 14 2 16 5. Diagnóstico de falhas 4 6 10 8 18 4 22 6. Técnicas avançadas de diagnóstico - 2 2 3 5 6 11 7. Avaliação da severidade das vibrações - 2 2 3 5 2 7 8. Relatório de resultados e documentação - 2 2 2 4 2 6 Total de horas de treinamento / nível: 16 32 48 40 88 24 112
  13. 13. Manual: SNQC/END Página: 13 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Tabela A.2 – Lista detalhada de tópicos e horas de treinamento Nível Matérias Trainee Nível 1 Nível 2 Nível 3 1. Princípios das vibrações 4 4 6 4 Movimentos vibratórios básicos ∗ ∗ ∗ Período, frequência (cpm, Hz, ordens), fase ∗ ∗ ∗ Amplitude (intensidade): valor de pico, pico a pico, rms (eficaz) ∗ ∗ ∗ Parâmetro (grandeza): deslocamento, velocidade, aceleração ∗ ∗ ∗ Unidades, conversão de unidades ∗ ∗ ∗ Registros no domínio do tempo e da frequência ∗ ∗ ∗ Vetores, modulação, bandas laterais, batimentos ∗ ∗ Determinação da fase ∗ ∗ Frequência natural, forçada, ressonância, velocidade crítica ∗ ∗ ∗ ∗ Força de inércia, rigidez, amortecimento, ∗ ∗ ∗ Respostas de frequência: amplitude e fase ∗ ∗ Modos de vibrar, isolamento ∗ ∗ Instabilidades, sistemas não lineares ∗ ∗ Dinâmica de sistemas rotor-mancais ∗ 2. Medidas de vibração 4 8 4 - Instrumentação: pré-amplificadores, filtros, medidores de nível ∗ ∗ ∗ Transdutores: tipo, localização, montagem, conectores, cabos ∗ ∗ ∗ Fixação dos sensores, frequência natural da montagem ∗ ∗ Princípios da aquisição de dados ∗ ∗ Coletores de dados, analisadores de vibração ∗ ∗ Espectros: resolução, frequência máxima, tempo de aquisição ∗ ∗ Sentidos & segurança ∗ ∗ Reconhecimento de dados espúrios ∗ ∗ Banco de dados do computador, carregar e descarregar ∗ Faixa dinâmica, relação sinal ruído ∗ ∗ Monitoração periódica e permanente ∗ ∗ “Trigger” ∗ ∗ Convenção dos sensores de proximidade (API) ∗ ∗ ∗
  14. 14. Manual: SNQC/END Página: 14 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Tabela A.2 – (continuação) Nível Matérias Trainee Nível 1 Nível 2 Nível 3 3. Processamento digital de sinais - 4 8 4 Medida do valor rms (eficaz) e de pico ∗ ∗ Conversão analógica / digital ∗ ∗ Medição analógica, amostragem / aquisição digital ∗ ∗ ∗ Computação do algoritmo FFT (*) ∗ ∗ Aplicação do algoritmo FFT(*) ∗ ∗ Janelas de aquisição ∗ ∗ Filtros: passa baixa, passa alta, passa banda, seguidores ∗ ∗ Filtro “anti-aliasing” ∗ ∗ Largura da banda, número de linhas, frequência máxima, tempo de aquisição do sinal ∗ ∗ Determinação do “range” dinâmico ∗ ∗ Calibração, escalas ∗ ∗ Redução (atenuação) do ruído ∗ ∗ Médias: lineares, síncronas no tempo, exponenciais, “overlaping” ∗ ∗ Demodulação de fase e amplitude (técnicas de “envelope”) ∗ ∗ Formas avançadas de visualização dos resultados ∗ ∗ 4. Monitoração do estado das máquinas 4 4 6 2 Classificação dos equipamentos, plano de monitoração ∗ ∗ Levantamento e arquivo de dados das máquinas ∗ ∗ Definição, identificação dos pontos de medida ∗ ∗ Planejamento, formação de rotas ∗ ∗ Definição dos parâmetros de medição, análise e avaliação ∗ ∗ Formação e manutenção do banco de dados no computador ∗ ∗ ∗ Escalas de avaliação do estado das máquinas, “priorização” ∗ ∗ ∗ Especificação de alarmes: banda estreita, “envoltória” ∗ ∗ Definição da linha de base (baseline), tendência ∗ ∗ Implantação do programa de monitoração ∗ ∗ Tecnologias (preditivas) complementares: análise de óleo, termografia infravermelha, análise da corrente dos motores, emissão acústica ∗ ∗ (*) FFT (Transformada Rápida de Fourier)
  15. 15. Manual: SNQC/END Página: 15 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Tabela A.2 – (continuação) Nível Matérias Trainee Nível 1 Nível 2 Nível 3 5. Diagnóstico de falhas 4 6 8 4 Análise de espectros, harmônicos, bandas laterais ∗ ∗ ∗ Análise de formas de onda ∗ ∗ Análise da fase (espectros e sinais) ∗ ∗ Análise de sinais transitórios ∗ ∗ Análise de órbitas, posição do centro de rotação dos eixos ∗ ∗ ∗ Análise do sinal demodulado, “envelope” ∗ ∗ ∗ Diagnóstico por tipo de falha: desbalanceamento, desalinhamento, folgas mecânicas, roçamentos, instabilidades ∗ ∗ ∗ Defeitos dos mancais: rolamentos, de filme de óleo ∗ ∗ ∗ Defeitos de acoplamentos, polias, correias ∗ ∗ ∗ Defeitos de engrenagens, caixas redutoras, multiplicadoras ∗ ∗ ∗ Defeitos de máquinas elétricas ∗ ∗ ∗ Ressonâncias ∗ ∗ ∗ ∗ Vibrações induzidas por escoamento, aerodinâmicos e líquidos ∗ ∗ Sintonia de fundações, bases, estruturas, tubulações ∗ ∗ Dinâmica de rotores, velocidades críticas, instabilidades ∗ ∗ Problemas específicos de máquinas: alternativas, motores, geradores elétricos, turbo máquinas, bombas, ventiladores, sopradores, compressores, prensas, máquinas de papel, máquinas ferramenta ∗ ∗ Ações corretivas: alinhamento, balanceamento de campo, substituição de peças, controle do processo, escoamento, eliminação de ressonâncias, isolamento, amortecimento ∗ ∗ ∗ Reconhecimento de falhas em geral ∗ 6. Técnicas avançadas de diagnóstico - 2 3 6 Testes de impacto: frequências naturais, amortecimento ∗ ∗ ∗ Testes de partida e parada: velocidade crítica e amortecimento de rotores ∗ ∗ ∗ Análise de transitórios ∗ ∗ ∗ Análise de órbitas: comportamento dinâmico de rotores ∗ ∗ ∗ Analisador de 2 canais: frequências naturais, modo de vibrar, fase, coerência, seguimento de ordens da rotação ∗ ∗ Formas de vibrar em operação (ODS) ∗ ∗ Análises modais por modelos matemáticos: por elementos discretos, método de elementos finitos (MEF) ∗ Vibrações torcionais ∗
  16. 16. Manual: SNQC/END Página: 16 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Tabela A.2 – (continuação) Nível Matérias Trainee Nível 1 Nível 2 Nível 3 7. Avaliação da severidade das vibrações - 2 3 2 Normas internacionais e de fabricantes: ISO, IEC, API, AGMA, NEMA ∗ ∗ Avaliação das vibrações na carcaça dos mancais ∗ ∗ Avaliação da vibração dos rotores ∗ ∗ Alarmes por bandas de frequência ∗ ∗ Alarme por análises estatísticas ∗ ∗ 8. Relatório de resultados e documentação - 2 2 2 Relatório de resultados da monitoração das máquinas ∗ ∗ Relatório de diagnóstico de falhas e recomendações para ações corretivas ∗ ∗ ∗ Relatório financeiro: análise econômica da preditiva ∗ ∗ Nota 1: O símbolo ∗ indica que a matéria deve ser desenvolvida dentro do tempo previsto Nota 2: Os níveis mais avançados incluem o conhecimento dos níveis anteriores Nota 3: Nas matérias que o símbolo ∗ aparece em mais de um nível significa que nos níveis mais avançados a matéria deve ser apresentada de forma mais profunda
  17. 17. Manual: SNQC/END Página: 17 de 17 QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PESSOAL EM ANÁLISE DE VIBRAÇÕES NA-004 Revisão: 0 (Jul/2008) Os documentos do SNQC/END são dinâmicos e sujeitos a revisões sem aviso prévio aos usuários para os quais a distribuição de cópias não for controlada. Assim, a utilização nos cursos de documentos do SNQC/END em sua última revisão é de responsabilidade, única e exclusiva, dos provedores de treinamento. Nos exames de qualificação serão utilizados somente documentos em sua última revisão, sendo de responsabilidade do profissional a consulta ao site www.abende.org.br/snqc_end Anexo B Referências 16.1. NA-001 Qualificação e Certificação de Pessoal em Ensaios Não Destrutivos – revisão 8 editada pela ABENDE, em março de 2004 16.2. ISO 9712 Non-destructive testing – Qualification and certification of personnel – Second edition 1999 16.3. ISO 18436-2 Condition monitoring and diagnostics of machines – Requirements for training and certification of personnel – Part 2: Vibration condition monitoring and diagnostics 16.4. CM/GEN Appendix D – Specific requirements for qualification and certification of vibration analysis condition monitoring personnel – BINDT-British Institute of Non-Destructive Testing. Draft issue 1, 2000

×