AS REVOLUÇÕES INGLESAS
DO SÉCULO XVII
Prof. Medeiros
www.historiasdomedeiros.blogspot.com – Aula 2015
Introdução:
 A Inglaterra, durante o século XVII, passou por
um processo revolucionário;
 Tal processo serviu para a rup...
O Processo Revolucionário:
 a Inglaterra era um país de contrastes sociais e
econômicos durante o século XVII;
 querendo...
O Processo Revolucionário: (Continuação)
 o Parlamento, com o apoio do povo, entrou em
guerra contra as tropas do rei. Tr...
O Processo Revolucionário: (Continuação)
 Carlos I foi preso e condenado à morte, sendo
decapitado em 30/01/1649;
 Cromw...
O Processo Revolucionário: (Continuação)
através do qual, qualquer mercadoria importada
pela Inglaterra só poderia ser tra...
O Processo Revolucionário: (Continuação)
 após a morte de Oliver Cromwell, seu filho
Ricardo Cromwell governou apenas 8 m...
A Restauração Monárquica e
a Revolução Gloriosa:
 o Parlamento eleito em 1660 convidou Carlos II
(Stuart) para assumir o ...
A Restauração Monárquica e
a Revolução Gloriosa: (Continuação)
 descontente novamente com os Stuart, o
Parlamento oferece...
A Restauração Monárquica e
a Revolução Gloriosa: (Continuação)
 iniciava-se então a Revolução
Gloriosa (1688-89), na qual...
Considerações Finais:
 As transformações ocorridas com as Revoluções:
(No plano político:)
 fim do absolutismo inglês;
...
As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros

11.928 visualizações

Publicada em

As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros - Aulas de História - historiasdomedeiros.blogspot.com

0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11.928
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.270
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
383
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

As Revoluções Inglesas do Século XVII - Prof. Medeiros

  1. 1. AS REVOLUÇÕES INGLESAS DO SÉCULO XVII Prof. Medeiros www.historiasdomedeiros.blogspot.com – Aula 2015
  2. 2. Introdução:  A Inglaterra, durante o século XVII, passou por um processo revolucionário;  Tal processo serviu para a ruptura definitiva das estruturas feudais ainda vigentes que atrapalhavam o avanço capitalista:  transformação da estrutura agrária;  modificações nas relações trabalhistas no campo;  aperfeiçoamento da produção;  substituição do Estado absolutista por um Estado liberal-capitalista.
  3. 3. O Processo Revolucionário:  a Inglaterra era um país de contrastes sociais e econômicos durante o século XVII;  querendo transformar o absolutismo de fato, já existe com os Tudor, num absolutismo de direito, a monarquia dos Stuart entrou em choque com o Parlamento;  Carlos I dissolveu o Parlamento, mas teve que convocá-lo novamente, e, como os atritos continuaram, mandou prender seus principais líderes;
  4. 4. O Processo Revolucionário: (Continuação)  o Parlamento, com o apoio do povo, entrou em guerra contra as tropas do rei. Trata-se da Revolução Puritana (1642- 1649);  Oliver Cromwell (deputa- do puritano) liderou as tropas populares do Parlamento e após o rei ser derrotado, foi instalado um regime republicano na Inglaterra, sob a liderança de Cromwell;
  5. 5. O Processo Revolucionário: (Continuação)  Carlos I foi preso e condenado à morte, sendo decapitado em 30/01/1649;  Cromwell governou a Inglaterra de 1649-1658, tornando-se "Lorde Protetor da Comunidade Britânica" (da República), a partir de 1653 (um cargo vitalício e hereditário, portanto, um ditador);  a realização mais importante de Oliver Cromwell foi o decreto dos Atos de Navegação (1651),
  6. 6. O Processo Revolucionário: (Continuação) através do qual, qualquer mercadoria importada pela Inglaterra só poderia ser transportada em navios ingleses ou em navios de seu país de origem. A medida prejudicou a Holanda e provocou a Primeira Guerra Anglo-Holandesa (1652- 1654), vencida pela Inglaterra.  com os Atos de Navegação, a construção naval inglesa e a atividade comercial sofreram notáveis impulsos, dirigindo o país para a conquista da hegemonia marítima.
  7. 7. O Processo Revolucionário: (Continuação)  após a morte de Oliver Cromwell, seu filho Ricardo Cromwell governou apenas 8 meses e foi deposto pelo exército.
  8. 8. A Restauração Monárquica e a Revolução Gloriosa:  o Parlamento eleito em 1660 convidou Carlos II (Stuart) para assumir o trono e depois seu irmão Jaime II;
  9. 9. A Restauração Monárquica e a Revolução Gloriosa: (Continuação)  descontente novamente com os Stuart, o Parlamento ofereceu o trono a Guilherme de Orange (genro de Jaime II e príncipe holandês), sob a condição de respeitá-lo, portanto com poderes limitados;
  10. 10. A Restauração Monárquica e a Revolução Gloriosa: (Continuação)  iniciava-se então a Revolução Gloriosa (1688-89), na qual Jaime II foi derrotado e Guilherme de Orange assumiu o trono inglês, após assinar a "Declaração de Direitos", dando maiores poderes ao Parlamento.
  11. 11. Considerações Finais:  As transformações ocorridas com as Revoluções: (No plano político:)  fim do absolutismo inglês;  implantação de uma monarquia constitucional, limitada pelo Parlamento; (no plano socioeconômico:)  a Revolução Gloriosa conseguiu unir a burguesia urbana e a nobreza latifundiária e capitalista;  assim, a Inglaterra tornou-se a maior potência comercial da época, lançando as origens do capitalismo industrial.

×