Semana de 11 a 15 de junho

804 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
804
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Semana de 11 a 15 de junho

  1. 1. Semana de 11 a 15 de junhoLíngua PortuguesaContinuação da história “O Carteiro chegou”
  2. 2. Transforme as frases do texto em frases negativas.A falsa vovó fez um chá._____________________________________________Leu a carta e saiu sem demora. Arte
  3. 3. Terça, 12 de junho MatemáticaMedidas de tempo O ponteiro pequeno indica ashoras o grande os minutos.
  4. 4. Ed. Física Ensaio para a festa Junina Quadrilha maluca Para casa Trazer imagens de vários tipos de comidas típicas de festajunina.
  5. 5. Quarta, 13 de junho Ciencias As Plantas A constituição da planta Caule: É a coluna principal do vegetal, geralmente aéreo, com ousem clorofila. A sua função é sustentar as folhas, flores, ramos, e frutos, ligá-los àsraízes e conduzir a seiva (água e sais minerais). Raiz: Serve para fixar a planta à terra e extrair do solo substânciasnecessárias à produção dos seus alimentos. As raízes, de acordo com o meio em que se desenvolvem, são: o Subterrâneas (se estão debaixo da terra); o Aquáticas (se estão na água); o Aéreas (se estão no ar, como a da hera). As raízes podem ser aprumadas, fasciculadas e tuberculosas. A raiz aprumada é constituída por uma raiz principal de onde saem raízes secundárias mais pequenas. A raiz fasciculada é constituída por um feixe de raízes de tamanho idêntico. A raiz tuberculosa é uma raiz espessa onde estão armazenados os alimentos da planta.Folha: As folhas permitem à planta respirar, transpirar e produzir osalimentos.As plantas são seres produtores.
  6. 6. Caderno de atividades, pag.48 e 60 Partes das plantas História (data comemorativa) A história da Festa Junina (leitura feitapela professora)Nos países europeus católicos, a festa erainicialmente chamada de "joanina" (emhomenagem a São João). Trazida pelosportugueses para o Brasil, virou festa "junina" e foiincorporada aos costumes locais, com aintrodução de alimentos, como o aipim, o milho, ojenipapo, e também os cantos e danças, comoo forró, o boi-bumbá e o tambor-de-crioulo.Mas não foi somente a influência portuguesa quecaracterizou as comemorações. A Jesus, na noitedo nascimento de João Batista, acendeu umafogueira para avisar a novidade à Maria. Por isso a fogueira é um elementofundamental da festa e costuma ser acesa às 18h, hora da Ave Maria. Na festa
  7. 7. de Santo Antonio, a fogueira tem formato quadrangular; na de São Pedro,triangular e na de São João possui formato arredondado na base, formandouma pirâmide.Os fogos de artifício eram utilizados na celebração para "despertar" São João echamá-lo para a comemoração de seu aniversário. O barulho de bombas erojões podia espantar os maus espíritos. O costume de soltar balões surgiu daidéia de que eles levariam os pedidos dos devotos aos céus e a São João. Essa prática foi proibida devido ao alto risco de os balões provocarem incêndios. As festas Juninas são um dos evento mais consagrados no território nacional. As ruas, praças e escolas de muitas cidades são decoradas com bandeirinhas coloridas e, em barracas montadas ao ar livre, são servidas comidas e bebidas típicas. Entre os quitutes, estão a paçoca, o pé-de-moleque, rapadura, pipoca, o milho verde, o amendoim torrado, batata doce, canjica, o doce de abóbora, o arroz doce e, para os adultos, quentão e vinhoquente. Também são comuns brincadeiras como pescaria, argolas e tiro aoalvo e danças tradicionais, como a quadrilha. Geografia Modo de vida (regionalismo)Localizar, geograficamente, os países que deram início às festasjuninas, como França e Portugal. Fazer o mesmo no mapa do Brasil,destacando as regiões e a maneira como a festa junina écomemorada em cada uma delas.Expor na sala os mapas onde os alunos poderãolocalizar as regiões.
  8. 8. Artes:Produzir cartazes com as simpatias, receitas típicas e representaçõesda festa. Ornamentar a sala. As Festas Juninas acontecem na época de produção de milho, mandioca, batata- doce, abóbora e amendoim. É por isso que, esses alimentos, estão presentes na preparação das comidas tipicas dessas festas. Quinta, 14 de junho Língua Portuguesa Leitura individual da carta enviada ao lobo mau
  9. 9. Ortografia Leia o texto acima e retire dele todo aspalavras com s ss
  10. 10. Caderno de atividades, pag.21 e 22 - Palavras com s e z Interpretação do textoa) Quem enviou a carta ao lobo?B) Quem mais queria processar o lobo mau?C) Qual foi a oferta que o lobo fez para a empresa?Caderno de atividades pag.27Advinhas.E pag. 38 – anúncios
  11. 11. Ed. FísicaEnsaio para a Festa Junina
  12. 12. Folhas: responsáveis pela transpiração, respiração e alimentação das plantas.Flores: responsáveis pela formação do fruto e da semente.Frutos: responsáveis pela proteção da semente.Sementes: responsáveis pelo nascimento de novas plantas.Caule: responsável pela sustentação da planta e por levar água e sais minerais da raizpara as outras partes dela.Raiz: responsável pela retirada de água e sais minerais do solo para a planta, e pelasustentação dela. A importância das plantas As plantas são muito importantes para a vida de todos nós. As plantas podemviver na água, na terra e no ar. Há muitas espécies de plantas. Algumasservem para curar certas doenças e até para fazer medicamentos. Outras sãoutilizadas para fazer chá, para a nossa alimentação e para a alimentação demuitos animais. Muitas dão saborosos frutos. Algumas produzem umas fibrascom que se fabricam tecidos como o algodão ou o linho. Com a madeira dasplantas podemos fazer lume para nos aquecermos, mobílias, casas, etc. Asplantas também são muito importantes porque purificam o ar quando libertamoxigénio. Devemos tratar as plantas com muito carinho. Para que servem as PlantasAs Plantas têm várias utilidades:
  13. 13. Com as árvores podem-se construir móveis, janelase portas. Também o papel é feito a partir da fibra da madeiradas árvores. Alguns dos teus brinquedos são feitos de madeira. Para construir este barco utilizaram-se tábuas demadeira. Além disto, as plantas comestíveis (como por exemplo o milho, o trigo, a fruta, os legumes...) são um alimento indispensável ao bom funcionamento do nosso corpo. Com algumas plantas fabrica-se tinta,
  14. 14. perfumes, tecidos e medicamentos. Mas a maior utilidade das plantas é a purificação do ar: as suas folhas largam oxigénio que o ser humano, os animais e mesmo as plantas precisam para respirar. Sem as plantas não seria possível viver na Terra. A importância das árvores As árvores dão frutos, madeira, oxigénio. Da madeira fazemos lenha para nosaquecermos, papel, barcos, casas móveis, postes para a iluminação, carroças...Os frutos servem para a nossa alimentação e fazem muito bem porque têmmuitas vitaminas. O oxigénio é muito importante porque sem ele ninguémpode viver. Algumas plantas são utilizadas para fazer chá e remédios. Dão asombra onde nos abrigamos nos dias quentes. É nas árvores que a maioria dasaves fazem o ninho. A madeira também é utilizada na construção de pontes ena construção de linhas-férreas e até dos quadros em que escrevemos e dascercas em que metemos o gado. Devemos tratar bem as árvores e só asdevemos arrancar quando for mesmo necessário.
  15. 15. "Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém,posso apenas dar boas razões para que gostem de mim... e ter paciência para que avida faça o resto.(William Shakespeare)

×