A importância da liderança para o fortalecimento do discipulado pr. joão germano

3.346 visualizações

Publicada em

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.346
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
76
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A importância da liderança para o fortalecimento do discipulado pr. joão germano

  1. 1. 3º OFICINA
  2. 2. A BÍBLIA É A PALAVRA DE DEUS?* 32% Não acreditam* 15% Acreditam em Parte* 53% Acreditam
  3. 3. LEITURA DA BÍBLIA* 40% Não Lê* 37% Eventualmente* 11% Uma vez por semana* 12% Diariamente
  4. 4. Pesquisa realizada pelo editor e jornalista da AbbaPress & Sociedade Bíblica Ibero-Americana, OswaldoPaião, revela uma verdade inconveniente para omundo evangélico: cerca de 50,68% dos pastores elíderes nunca leram a Bíblia Sagrada por inteira pelomenos uma vez.Foram entrevistados 1255 pessoas de váriasdenominações, sendo que 835 participaram de umpainel de aprofundamento. A desculpa alegada? Faltade tempo. Fonte: CPADNEWS
  5. 5. “O discipulado écomprometimento com Cristo; por existir Cristo, tem que haver discipulado”.(Dietrich Bonhoeffer)
  6. 6. Relativismo e o sincretismo religioso
  7. 7. “Nunca antes umasociedade se tornoutão permissiva, tão deslocada e desunida, tão incapaz de manter a ordem, a estabilidade e o equilíbrio”. Mike Breen e Walt Kallestad)
  8. 8. “O educador cristãoprecisa conscientizar-sede que estamos vivendo em uma época derevolução de conceitos,idéias, princípios, juízose valores; de mudanças tão profundas e deproporções tão amplas que nem sequer podemos mensurá-la.” Pr. Marcos Tuler
  9. 9. A RESPONSABILIDADE É DA LIDERANÇA
  10. 10. “É certo que não sãomuitos os chamados a pastorear umagrande congregação ou mesmo ensinar numa classe, mastodos são chamados a participar na tarefa de fazer discípulo”. Pr. Marcos Tuler
  11. 11. “Um discípulo maduro tem de ensinar outros cristãos como viveruma vida que agradea Deus, equipando-osa treinar outros para que ensinem outros”. Pr. Marcos Tuler
  12. 12. “Todos entramsozinhos nodiscipulado,mas ninguémfica sozinho nele”
  13. 13. Charles R. Swindoll
  14. 14. “A atividade não substitui a obediência; o viverocupado não pode tomar o lugar da reprodução”. (Keith Phillips)
  15. 15. II Timóteo. 2.2.Este texto nos revela um exemploobjetivo de discipulado.Paulo Timóteo Homens Fiéis  Outro s
  16. 16. 1 CONTEXTO BÍBLICO NOANTIGO TESTAMENTO Metodologia de Moisés
  17. 17. * Josué foi Ensinado e Discipulado desde asua adolescência.* Josué foi Discipulado pelo próprioexemplo de vida de Moisés.* Moisés instituiu Josué como servo seu.* Moisés treinou Josué nas própriasbatalhas.* Moisés instituiu Josué com base nasorientações Divinas.
  18. 18. “os alunos podem se esquecer das lições de seus mestres,mas, dificilmente da pessoa que elesrepresentam. Afinal, os melhoresprofessores ensinam as lições da própria vida.” Pr. Marcos Tuler
  19. 19. 2CONTEXTO BÍBLICO NONOVO TESTAMENTO
  20. 20. “A obediênciaé o primeirodistintivo do discípulo”. Pr. Marcos Tuler
  21. 21. 3METIDOLOGIA DE JESUS
  22. 22. A - Jesus ensinava por meio deparábolas.B – Jesus ensinava através dopróprio testemunho de vida.C – Jesus estava com os discípulosdiariamente.D – Jesus entendia as diferenças decada discípulo.
  23. 23. “O discipulado cristão é umrelacionam ento de mestre e alunobaseado no mod elo de Cristo e seus discíp ulos, no qual o mestre repro duz tão bem no aluno aplenitude da vida que tem em Cristo que o alu no é capaz de treinar outros para que ensinem outros”. (Keith Phillips)
  24. 24. 4O DISCIPULADOR E O OBREIRO NA BÍBLIA
  25. 25. “O discipulador é alguém que além deinformar, também coopera na formação espiritual do seu aprendiz, tornando-se referência para o discípulo. Podemos entender por discipulador também, o agente cristão guiado por Deus, para orientar os novos convertidos em sua nova caminhada.” (Pr. Aziel Caetano da Silva)
  26. 26. “discipulado é uma relaçãocomprometida e pessoal, on de umdiscípulo mais maduro ajuda outrosdiscípulos de Jesus Cristo aaproximarem-se mais dElee assim reproduzirem”(David Kornfield)
  27. 27. “Discípulo é oaluno que aprendeas palavras, os atose o estilo de vida de seu mestre com a finalidade de ensinar outros”. Pr. Marcos Tuler
  28. 28. 5A IMPORTÂNCIA DO DISCIPULADO NA IGREJA
  29. 29. “Cristianismo sem Jesus Cristo vivo, permanece necessariamente um cristianismo semdiscipulado; e cristianismosem discipulado é sempre cristianismo sem Jesus Cristo; é uma ideia, um mito”.
  30. 30. “Quando aigreja exala discípulos, inalaconvertidos”
  31. 31. “...o discípulado é a única maneira de evitar má nutriçãoespiritual e a fraqueza dos filhos espirituais pelos quais sou responsável. É o único métodoque produzirá cristãos maduros e capazes de reverter adeterioração física e espiritual...” (Keith Phillips)
  32. 32. “...através do discipulado, se prepara discípulos para um envolvimento nos ministérios e departamentos da igreja,proporcionando um fortalecimento qualitativo, que resultaránaturalmente na multiplicação de outros discípulos.” (Ewerton Barcelos)
  33. 33. 6BENEFÍCIOS DODISCIPULADO
  34. 34. “Discipular é a maneira mais rápida e mais segura de mobilizar todo o corpo de Cristo para evangelizar”.(Waylon B. Moore)
  35. 35. A - A base da Igreja é constituída napalavra de Deus;B - O entendimento espiritual dos crentescresce gradativamente;C - Não há dificuldade em compreender oscostumes e a doutrina da Igreja;D - A Igreja cresce com qualidade;E - Posteriormente, cada crente começa aproduzir frutos.
  36. 36. “O discipulado é o único meio de produzir tanto aquantidade como a qualidade que Deus deseja dos cristãos”. (Keith Phillips)
  37. 37. “O discipulador sabe que a responsabilidadecontinua até que seu discípulo chegue à maturidade espiritual, à capacidade de reproduzir”.
  38. 38. “Não há chamado mais alto, comissão mais clara no Novo Testamento do que a ordem de reproduzir em outros o caráter que o Espírito de Deus criou em você. Cristo espera que cadacristão produza fruto espiritual”. (Keith Phillips)
  39. 39. 7 PREJUÍZOSPOR FALTA DODISCIPULADO
  40. 40. A - Não há uma construção de uma baseespiritual bem edificada;B –Encontra-se dificuldade em compreender epraticar os costumes e a doutrina da Igreja;C - A Igreja não cresce com qualidade;D - Não é regra, mas na maioria das vezes, nãoproduz bons frutos;E - Não é regra, mas em muitos casos, o novoconvertido não consegue permanecer firme nocaminho do Senhor.
  41. 41. OS MUIT SAEM OS M UIT RAMENT
  42. 42. OS PERMANECEM M UIT RAMENT
  43. 43. 8DIFERENCIAÇÃO DE OBREIRO NÃO DISCIPULADOR E OBREIRO DISCIPULADOR
  44. 44. OBREIRO NÃO DISCIPULADOR OBREIRO DISCIPULADOR Ensina por conceitos e através Ensina por conceitos; da própria vida; Aponta os caminhos; Conduz ao longo do caminho; Forma mais um crente; Forma um discípulo; Quase não visita; Visita constantemente; Promove o desenvolvimento Promove o amadurecimento intelectual; espiritual; Relação pessoal com oRelação coletiva com as pessoas; discipulando; Não acompanha o Acompanha o desenvolvimento desenvolvimento espiritual. espiritual do discipulando.
  45. 45. Pr. João Germano Pastor do Distrito 13 - Costa & Silva - Joinville TELEFONES:E-mail: ogermany@ig.com.br 3473-8477 8897-0700Twitter: @dptodiscipulado 9186-7773Site: www.discipulado.adjoinville.org.br

×