Introdução ao Client Research paraempreendedores.Investigar, descobrir, conhecer e prever os meus clientes.
Enquadramento teórico
“Vamos perceber melhor os nossos clientesquanto deixarmos de olhar para eles comoclientes e começarmos a vê-los comopessoa...
Fases da pesquisa
1. Área temática Área temática     Objectivar     Ciclismo
1. Área temática Área temática          Objectivar     Ciclismo      Ciclistas urbanos que usam a                   bicicl...
2. ProblemaUma pergunta que tem que ser objectiva e tem que se perceber o que vai serestudado:•   Tem que ter as variáveis...
2. ProblemaUma pergunta que tem que ser objectiva e tem que se perceber o que vai serestudado:•   Tem que ter as variáveis...
2. ProblemaUma pergunta que tem que ser objectiva e tem que se perceber o que vai serestudado:•   Tem que ter as variáveis...
3. Pesquisa Bibliográfica Consultar fontes credíveis. Serve para conhecermos formas para operacionalizar as variáveis.
Quando a teoria não se enquadra    nos factos, muda os factos.                           (Einstein)
4. Formulação de hipóteses Hipótese 1 – “Prevê-se que os ciclistas passem a usar mais vezes o capacete caso este seja de f...
5. Método de investigação•   Análise estatística•   Grupos Focais•   Etnografia/netnografia•   Análise de Conteúdo
5.1 Recolha de dadosDados SociodemográficosGénero:•   Masculino•   FemininoIdade: ___ (numérico)Nacionalidade: ___________...
5.2 Método de investigação          QuestionárioResponda às seguintes perguntas através da escala em que 0 significa “disc...
O questionário deve ter qualidades métricas:• Validade (ter a certeza que o questionário avalia o conceito que pretende av...
5.3 Método de investigação Grelha de ObservaçãoÉ preenchida exclusivamente pelo observador/entrevistador.                 ...
5.4 Método de investigação Observação/Entrevista• Ocasional: Não tem carácter especifico porque observa sem ter um  critér...
Ferramentas
Desenho de Investigação        case study
Questões?
Obrigado!www.joaosemmedo.orgfacebook.com/joaosemmedo
Introdução ao design research para empreendedores
Introdução ao design research para empreendedores
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Introdução ao design research para empreendedores

397 visualizações

Publicada em

Por André Casado

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
397
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Introdução ao design research para empreendedores

  1. 1. Introdução ao Client Research paraempreendedores.Investigar, descobrir, conhecer e prever os meus clientes.
  2. 2. Enquadramento teórico
  3. 3. “Vamos perceber melhor os nossos clientesquanto deixarmos de olhar para eles comoclientes e começarmos a vê-los comopessoas” (Jonathan Low)
  4. 4. Fases da pesquisa
  5. 5. 1. Área temática Área temática Objectivar Ciclismo
  6. 6. 1. Área temática Área temática Objectivar Ciclismo Ciclistas urbanos que usam a bicicleta para deslocações na sua rotina diária.
  7. 7. 2. ProblemaUma pergunta que tem que ser objectiva e tem que se perceber o que vai serestudado:• Tem que ter as variáveis em estudo• Tem que ser exequível• Tem que se conseguir recolher a amostra• Tem que se operacionalizar as variáveis (conseguir um valor quantitativo).
  8. 8. 2. ProblemaUma pergunta que tem que ser objectiva e tem que se perceber o que vai serestudado:• Tem que ter as variáveis em estudo• Tem que ser exequível• Tem que se conseguir recolher a amostra• Tem que se operacionalizar as variáveis (conseguir um valor quantitativo).“Ciclistas urbanos usam mais vezes o capacete caso este sejaconfortável e naturalmente assumidos como acessório demoda?”
  9. 9. 2. ProblemaUma pergunta que tem que ser objectiva e tem que se perceber o que vai serestudado:• Tem que ter as variáveis em estudo• Tem que ser exequível• Tem que se conseguir recolher a amostra• Tem que se operacionalizar as variáveis (conseguir um valor quantitativo).“Ciclistas urbanos usam mais vezes o capacete caso este sejaconfortável e naturalmente assumidos como acessório demoda?” Exemplo: “Os ciclistas urbanos não usam capacete porque consideram: - Desconfortável durante a condução, - Desconfortável na arrumação, - Algo que despenteia, - Esteticamente desenquadrado.
  10. 10. 3. Pesquisa Bibliográfica Consultar fontes credíveis. Serve para conhecermos formas para operacionalizar as variáveis.
  11. 11. Quando a teoria não se enquadra nos factos, muda os factos. (Einstein)
  12. 12. 4. Formulação de hipóteses Hipótese 1 – “Prevê-se que os ciclistas passem a usar mais vezes o capacete caso este seja de fácil arrumação”. Hipótese 2 – “Os ciclistas vão usar mais vezes o capacete caso este favoreça com o conjunto do seu estilo de roupa”. Hipótese 3 – “Os ciclistas usarão mais vezes capacete caso este não interfira como seu penteado”.
  13. 13. 5. Método de investigação• Análise estatística• Grupos Focais• Etnografia/netnografia• Análise de Conteúdo
  14. 14. 5.1 Recolha de dadosDados SociodemográficosGénero:• Masculino• FemininoIdade: ___ (numérico)Nacionalidade: ___________(natural de…)Habilitações Académicas:• Secundário• Licenciatura• Mestrado
  15. 15. 5.2 Método de investigação QuestionárioResponda às seguintes perguntas através da escala em que 0 significa “discordototalmente” e 5 significa “Concordo Totalmente”. Não Discordo concordo Concordo Discordo Concordo Totalmente nem Totalmente Discordo1. Sempre que me desloco de bicicleta uso o capacete.2. Considero o capacete um objecto importante para aminha segurança.3. Muitas vezes não uso capacete por não combinar com aroupa que trago vestido/a.4. Não consigo andar de bicicleta sem capacete.5. Evito usar capacete quando quero manter uma boaaparência.6. Sinto-me desconfortável quando fico despenteadodepois de usar o capacete.7. O capacete torna-se um objecto desconfortável decarregar depois de uma viagem de bicicleta.8. Preferia não usar capacete se soubesse que a minhaintegridade física estava assegurada de uma outramaneira.
  16. 16. O questionário deve ter qualidades métricas:• Validade (ter a certeza que o questionário avalia o conceito que pretende avaliar);• Precisão (quando aplicado 2 vezes ao mesmo sujeito, obtém resultados idênticos);• Padronização ou Standartização (têm que ser aplicados sempre da mesma maneira).
  17. 17. 5.3 Método de investigação Grelha de ObservaçãoÉ preenchida exclusivamente pelo observador/entrevistador. Sim Não Masculino Feminino1. Uso o capacete?2. Ajeita o cabelo depois de retirar o capacete?3. Transporta o capacete na mão depois de deixar abicicleta?4. O capacete aparenta estar enquadrado com o estilo deroupa?5. Ajusta o capacete e aperta a fivela antes de conduzir?6. O capacete aparenta estar solto ou demasiado folgado?7. Aparenta ser um capacete de valor superior à média?8. Aparenta estar seguro e confortável quanto à suacondução?
  18. 18. 5.4 Método de investigação Observação/Entrevista• Ocasional: Não tem carácter especifico porque observa sem ter um critério anteriormente estabelecido.• Sistemática: Tem carácter especifico porque já sabemos que comportamentos queremos observar.Participante (quando o observador interage com os observados)Não participante (o observador não interage com os observados)
  19. 19. Ferramentas
  20. 20. Desenho de Investigação case study
  21. 21. Questões?
  22. 22. Obrigado!www.joaosemmedo.orgfacebook.com/joaosemmedo

×