René Magritte
Biografia
 René François Ghislain Magritte, o mais velho de três irmãos, nasceu
a 21 de Novembro de 1898 em Lessines, Bél...
 René era fã da série de filmes Fantômas realizados entre 1913 e
1914, inspirados pelos livros de ficção policial de 1911...
 Algures entre 1922 e 1925, René faz uma descoberta que viria a

mudar a sua vida, um quadro de Giorgio de Chirico's inti...
Técnicas
"A minha pintura são imagens visíveis que nada escondem, elas evocam
mistério e, de facto, quando alguém vê uma d...
Portefólio do autor

O jóquei perdido, 1926
O assassino ameaçado, 1927
O homem do mar, 1927
Os amantes, 1928
A condição humana, 1933

A condição humana, 1935
Magia Negra, 1934

Violação, 1934
Saudades de casa, 1940

Encanto natural, 1942
Isto não é um cachimbo, 1948

A Interpretação dos Sonhos, 1935
A varanda, 1868 - Édouard Manet

A varanda de Monet, 1950 – René Magritte
A grande mesa, 1963

A assinatura em branco, 1965
Webgrafia
•
•
•
•
•

http://www.mattesonart.com/rene-magritte.aspx
http://www.wikipaintings.org/en/rene-magritte
http://ww...
Nome e número: João Damião; 59119
Unidade Curricular: História das Artes Visuais e Contemporâneas
Professor: Pedro Coutinh...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

René Magritte

1.124 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.124
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

René Magritte

  1. 1. René Magritte
  2. 2. Biografia  René François Ghislain Magritte, o mais velho de três irmãos, nasceu a 21 de Novembro de 1898 em Lessines, Bélgica, e morreu vitima de cancro no pâncreas no dia 15 de Agosto de 1967 na capital do país Bruxelas.  Desde cedo revelou ter dotes artísticos, nomeadamente para o desenho, e com o incentivo proporcionado pelo seu pai Léopold, começou a pintar com apenas 12 anos de idade.  A sua mãe, Régina, suicidou-se por afogamento no rio Sambre em 1912, quando este tinha 14 anos. René terá estado no local quando o corpo foi retirado das águas, acontecimento que definitivamente o marcou como é possível constatar em algumas das obras que este viria a produzir no futuro.  Em 1913, num parque de diversões em Charleroi, conheceu pela primeira vez Georgette Berger, a mulher com quem iria casar mais tarde em 1922.
  3. 3.  René era fã da série de filmes Fantômas realizados entre 1913 e 1914, inspirados pelos livros de ficção policial de 1911, criados por Marcel Allain e Pierre Souvestre. A figura de Fantômas tornouse o seu alter ego e é perceptível a sua influência em algumas das obras deste artista.  Mudou-se sozinho de Châtelet (onde viveu a sua juventude) para Bruxelas em Novembro de 1915, para estudar na Academia de Belas Artes da cidade, e no ano seguinte a sua família juntou-se a ele na capital.  Juntamente com o poeta e amigo de academia Pierre Bourgeois, cumpriu o serviço militar obrigatório na Bélgica desde dezembro de 1920 a setembro de 1921.  De 1922 a 1926 trabalhou em uma fábrica de papel de parede, como designer de cartazes e anúncios, altura em que consegue um contrato com a Galerie la Centaure e faz da pintura a sua principal atividade.
  4. 4.  Algures entre 1922 e 1925, René faz uma descoberta que viria a mudar a sua vida, um quadro de Giorgio de Chirico's intitulado “The Song of Love“ (1914). Esta obra metafísica mostrou-lhe as possibilidades poéticas da pintura e ficou de tal maneira inspirado que, posteriormente, este adotou um estilo de pintura semelhante.  Em 1927 muda-se para Paris, França, onde começa o seu envolvimento com o movimento surrealista já que se torna amigo de André Breton, Paul Éluard, Salvador Dalí, Marcel Duchamp, Joan Miró e outros artistas plásticos e escritores dessa corrente estética.  Em 1930, o fim de contrato com a Galerie la Centaure e um desentendimento com Breton, faz com que volte para Bruxelas onde permaneceria até ao fim da sua carreira, à exceção de um periodo de três meses em que se refugiou em França devido à invasão alemã durante a Segunda Guerra Mundial no seu país.
  5. 5. Técnicas "A minha pintura são imagens visíveis que nada escondem, elas evocam mistério e, de facto, quando alguém vê uma das minhas imagens, esse alguém pergunta a si mesmo a simples pergunta: " O que significa isto? “. Não significa nada, porque mistério também não quer dizer nada, é desconhecido.“ – René Magritte • Com recurso a ilusionismos, a justaposições de imagens e objetos, as suas obras são metáforas que se apresentam como representações realistas mas que porém são cenários impossíveis de encontrar na vida real. • Expressa livremente a sua imaginação, sem condicionalismos racionais ou lógicos. • Recorre ao inconsciente, ao insólito, ao absurdo, ao paradoxo, como fonte da sua criação artística.
  6. 6. Portefólio do autor O jóquei perdido, 1926
  7. 7. O assassino ameaçado, 1927 O homem do mar, 1927
  8. 8. Os amantes, 1928
  9. 9. A condição humana, 1933 A condição humana, 1935
  10. 10. Magia Negra, 1934 Violação, 1934
  11. 11. Saudades de casa, 1940 Encanto natural, 1942
  12. 12. Isto não é um cachimbo, 1948 A Interpretação dos Sonhos, 1935
  13. 13. A varanda, 1868 - Édouard Manet A varanda de Monet, 1950 – René Magritte
  14. 14. A grande mesa, 1963 A assinatura em branco, 1965
  15. 15. Webgrafia • • • • • http://www.mattesonart.com/rene-magritte.aspx http://www.wikipaintings.org/en/rene-magritte http://www.youtube.com/watch?v=KNHNWTqiE8I http://pt.wikipedia.org/wiki/Ren%C3%A9_Magritte http://www.infopedia.pt/$renemagritte;jsessionid=IBFJaSmv2dAnKK3ZWTNemQ__ • http://www.fantomas-lives.com/fanto5.htm
  16. 16. Nome e número: João Damião; 59119 Unidade Curricular: História das Artes Visuais e Contemporâneas Professor: Pedro Coutinho Martins Colaço Rosário Curso: Comunicação e Multimédia ECT/UTAD Ano de realização: 2013

×