UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA                     I SIMPÓSIO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR VIRTUAL                    ...
logo, o que determina a aprendizagem não é a presença direta do educador no ambienteeducacional, mas os métodos utilizados...
  Licenciada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB). Pós-graduanda do móduloavançado do curs...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Texto pôster_RELAÇÃO ENSINO-APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA (EAD) NO CONTEXTO DO ENSINO SUPERIOR

559 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
559
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Texto pôster_RELAÇÃO ENSINO-APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA (EAD) NO CONTEXTO DO ENSINO SUPERIOR

  1. 1. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA I SIMPÓSIO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR VIRTUAL ÁREA DO CONHECIMENTO: EDUCAÇÃO RELAÇÃO ENSINO-APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA (EAD) NO CONTEXTO DO ENSINO SUPERIOR Silvia Janaina Silveira Gomes∗INTRODUÇÃOA presente pesquisa tem por objetivo analisar a relação ensino-aprendizagem na educação àdistância no contexto do ensino superior. A educação à distância (EaD) se constitui umamodalidade de ensino que tem sido buscada por um número cada vez maior de pessoas quealmejam concluir uma graduação, mas não dispõem de tempo para frequentar uma universidadecujo sistema de ensino é presencial.No entanto, a crescente procura pela EaD tem suscitado inúmeros debates acerca da relaçãoensino-aprendizagem num ambiente onde não há a presença direta de um professor e as aulasnão acontecem diariamente. Neste contexto onde se vê a necessidade que as pessoas que nãopodem frequentar cursos presenciais tem de estudar e o impasse em relação ao aprendizadonessa modalidade de ensino, como se estrutura a relação ensino-aprendizagem na educação àdistância no contexto do ensino superior?MÉTODOSA educação à distância é uma modalidade de ensino onde a aprendizagem é mediada portecnologias de comunicação; logo, a atuação docente dá-se de forma não presencial o que nãoimplica prejuízos à prática educativa, pois, a relação ensino-aprendizagem, não acontecendo demodo presencial, implica maior responsabilidade e atenção de ambos os sujeitos da práticaeducativa – professor e aluno.O ensino à distância não gera déficits de aprendizagem pelo fato de não haver contato diretoentre professores e alunos, pois, de acordo com Freire (2005) ensinar não se constitui umatransferência de conhecimento, mas a criação de condições que favoreçam a sua ocorrência;
  2. 2. logo, o que determina a aprendizagem não é a presença direta do educador no ambienteeducacional, mas os métodos utilizados e a forma como são criadas as condições para que elaocorra.No âmbito da educação à distância a relação educativa se define como uma práticacomunicacional, na qual os agentes da educação aparecem como mediadores do conhecimento;isso possibilita que se criem novas formas de aprender a aprender em espaços de aprendizagemcolaborativos.Neste contexto, no ambiente da educação à distância, professor e aluno são encarados comoparceiros idôneos do processo de aprendizagem, o que possibilita as trocas individuais e aconstrução de grupos que interagem e, ao mesmo tempo, constroem conhecimentos.RESULTADOS E DISCUSSÃOMuitas pessoas acreditam que a ausência do professor possibilita um ensino de baixa qualidadee, conseqüentemente, uma aprendizagem aquém do desejado. No entanto, foi possível perceber,a partir da realização dessa pesquisa, que a relação ensino-aprendizagem em um ambiente deeducação à distância ocorre sem prejuízos.A aprendizagem resulta da mediação do professor entre o conhecimento e o aluno e isso foievidenciado no âmbito da EaD. O fato de o educador não ter contato direto com o educando nãoinviabiliza a prática educativa e nem causa déficit de aprendizagem nos acadêmicos.De acordo com Moore (1996 apud VIEIRA; LOPES, 2006), o diferencial da educação à distânciaestá em propiciar ao educando a escolha do próprio local e horário de estudo. A probabilidade dese gerar produtos customizados, ajustados e adaptados às necessidades dos clientes,possibilitam ganhos em tempo e adequação no atendimento as demandas específicas, que nãoestejam contempladas de modo satisfatório em estruturas educacionais tradicionais.CONCLUSÕESAs metodologias utilizadas pelo professor no ensino à distância são capazes de despertar ointeresse dos graduandos e de propiciar-lhes a construção do conhecimento. Assim, não seevidenciou nenhum entrave para a aprendizagem no ambiente da educação à distância; foipossível perceber que a utilização de novas tecnologias proporciona maior desejo de construirconhecimentos e beneficia a ação educativa.
  3. 3.  Licenciada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB). Pós-graduanda do móduloavançado do curso de Especialização em Mídias na Educação pela UESB e Psicanálise Clínica pelo CETEL (CentroTeológico de Psicanálise Logos). Professora da rede municipal de ensino de Itororó – BA.

×