C
M
A
P
www.jornaltribunapopularonline.com
Shopping Fonte das Thermas, sala 213 Centro - Caldas Novas/GO (64) 3454-4999
De...
Cuidado com as compras
Há quem use as compras
como uma espécie de terapia:
basta uma tristeza ou decepção
para estourar o ...
Agente de crédito deverá
ter certificadoOs consumidores que
buscam crédito com agentes
e correspondentes bancários
terão m...
A primeira lição que as
crianças recebem sobre ali-
mentação saudável começa
em casa, com os costumes
da família. As prefe...
Cred Caldas empresa consolidada no ramo de Empréstimos Consignados, traba-
lhamos com as melhores taxas de juros do mercad...
Nossa principal meta “ Em cada cliente um Amigo”
Venha você também fazer parte desta família.
Prefeitura de Caldas Novas iniciará construção
de 760 moradias populares em abril
O prefeito Evandro
Magal assinou convêni...
Reviver Para Cristo
De Caldas Novas para o mundo...
David Lopes lidera a audiência todas as
manhãs na Rádio Fênix FM de Ipameri. Atra-
vés da 100,5 FM David leva ao ar de seg...
A gente vive falando
de maneiras para colocar o
corpo em movimento para
ter uma maior qualidade de
vida. Agora, cientistas...
JORNAL MARÇO 2014
JORNAL MARÇO 2014
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

JORNAL MARÇO 2014

531 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
531
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
260
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

JORNAL MARÇO 2014

  1. 1. C M A P www.jornaltribunapopularonline.com Shopping Fonte das Thermas, sala 213 Centro - Caldas Novas/GO (64) 3454-4999 De 20 a 31 de Março 2014Denúncias e sugestões: jornaltribunapopularcn@gmail.com   Habitação Cred Caldas Semana Santa abençoada. Show de “Aline Barros” em Caldas Novas Magal entregará 760 moradias populares
  2. 2. Cuidado com as compras Há quem use as compras como uma espécie de terapia: basta uma tristeza ou decepção para estourar o limite do cartão de crédito. Essa prática, contu- do, pode ser um verdadeiro tiro nos pés, pelo menos de acordo com uma nova pesquisa da Uni- versity of Chicago, nos EUA. O estudo sugere que comprar para preencher vazios e impressio- nar outras pessoas pode aumen- tar ainda mais a sensação de so- lidão. A pesquisa, publicada no Journal of Consumer Research, analisou 2500 consumidores durante seis anos e descobriu que enquanto a solidão contri- bui efetivamente para o mate- rialismo, a relação entre esses dois sentimentos pode se tornar um verdadeiro ciclo vicioso. Definindo materialismo como a importância que as pessoas dão para adquirir posses mate- riais, o estudo propõe que isso pode atribular relacionamentos e aumentar a sensação negativa, algo que levaria a comprar mais produtos e por consequência se sentir mal outra vez. Quer saber se você se encaixa nesse perfil? De acordo com os pesquisado- res, a conclusão do estudo só se aplica a três tipos de mate- rialismo: comprar como fon- te de felicidade, comprar para preencher um vazio e adquirir objetos para mostrar que é bem sucedido para outras pessoas. Por outro lado, ainda segundo os estudiosos, se você compra uma roupa porque usá-la te faz se sentir bonita e você aprovei- tou o momento da escolha com cuidado, essa peça pode ajuda- la a ficar mais alegre e confian- te. Se a aquisição acontece por- que você está triste e tentando se sentir bem, porém, o aumen- to do buraco emocional é certo.
  3. 3. Agente de crédito deverá ter certificadoOs consumidores que buscam crédito com agentes e correspondentes bancários terão mais segurança ao con- tratar os financiamentos para compra de carros e para ob- ter empréstimo consignado, por exemplo. A Federação Brasileira de Bancos (Fe- braban), em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e a empresa de ava- liação corporativa Prepona, desenvolveram uma certifi- cação que garantirá a capa- cidade técnica dos agentes que realizam os emprésti- mos. A certificação foi de- terminada no ano de 2012 pelo Banco Central e os pro- fissionais do setor cerca de 400 mil em todo o País terão de passar pela prova até o fi- nal de 2014, quando passará a ser obrigatória a obtenção do certificado para interme- diar financiamentos. “Com a certificação, ganha o con- sumidor por ter um profis- sional mais capacitado para atendê-lo e o agente, que será mais valorizado pelo mercado”. O conhecimento exigido do profissional en- volverá o Código de Defesa do Consumidor (CDC), o Sistema Financeiro Nacio- nal, produtos financeiros, ética, entre outros. Com isso é esperado que os agentes de crédito tenham melhor capacitação para orientar consumidores a escolherem os produtos específicos para cada perfil, como no caso de um veículo financiado, o prazo ou os juros cobrados na aquisição. A capacitação e certificação são neces- sárias já que o mercado de crédito está em expansão do País e os agentes têm papel fundamental nesse acesso. Emprego... “Será uma ótima opor- tunidade para quem deseja ingressar nesse mercado, pois poderá apresentar a certificação e que é apto a trabalhar no setor”. O pro- fissional precisará ter 70% de acerto das questões, que variam entre 50 e 60, para as diferentes provas ofereci- das. O prazo de validade do certificado é de cinco anos. Para maior segurança e ha- bilidade na hora de fazer seu empréstimo consigna- do procure um profissional habilitado. Na Cred Caldas fale com Elaine Fernandes – FEBRABAN 0006133263 CCON 008184180214 CC1 Consignado ou com Danilo Martins CCON 008197180214 CC1 Con- signado, estamos sempre a disposição faça seu orça- mento.
  4. 4. A primeira lição que as crianças recebem sobre ali- mentação saudável começa em casa, com os costumes da família. As preferências, o tamanho das porções e os horários das refeições são definidos com o cotidiano familiar. Porém, a rotina agitada nem sempre permi- te que pais e filhos estejam juntos à mesa e que a esco- lha dos alimentos seja equi- librada. Ao mesmo tempo em que o acesso às diversas opções de alimentos no mer- cado facilita uma alimenta- ção completa e balanceada, há também opções atrativas para o consumo, como re- frigerantes, salgadinhos in- dustrializados e doces, mas pouco ou nada saudáveis. Com alto teor de açúcar, sódio e gorduras, tornam a dieta infanto-juvenil pobre em nutrientes. O consumo exagerado e prolongado destes alimentos pode le- var ao desenvolvimento de doenças crônicas não trans- missíveis, como a diabetes, pressão alta e, até mesmo, obesidade. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), uma alimen- tação equilibrada precisa ter entre 55% e 75% de carboi- dratos (presentes principal- mente nos grãos e cereais), de 15% a 30% de gorduras (priorizando as insaturadas) e até 15% de proteínas (en- contradas em alimentos de origem animal e em legumi- nosas como feijão, ervilha, lentilha, grão de bico e soja). Portanto, é preciso atenção no momento da montagem do prato e do cardápio do dia. O comportamento ali- mentar deve ser cultivado desde os primeiros anos de vida. Neste sentido, é im- portante observar a sacie- dade da criança e não impor mais alimento do que ela necessita. Desta maneira, a criança aprende a identifi- car quando está com fome e quando está satisfeita. Ou- tra boa prática é apresentar opções saudáveis e também saborosas, como sucos de frutas naturais, bebidas à base de soja, legumes no vapor, arroz colorido, feijão e saladas que podem levar molhos prontos para dar sa- bor aos alimentos. Em uma época de refeições rápidas e padronizadas, como os alimentos que encontramos nos restaurantes e lancho- netes fast food, os costumes adquiridos dentro do lar são uma forma eficaz de comba- ter a obesidade infantil. Alimentação saudável começa dentro de casa
  5. 5. Cred Caldas empresa consolidada no ramo de Empréstimos Consignados, traba- lhamos com as melhores taxas de juros do mercado, compramos e refinanciamos suas dividas. Credito fácil sem burocracia sem consulta ao SPC e Serasa para Aposentados, Pensionistas, Funcionários Públicos, Exercito, Marinha e Aeronáutica. E atenção apo- sentados podem tirar até R$ 40.000,00 (quarenta mil reais). Trabalhamos com todos os bancos, atendemos Caldas Novas e Região. Faça já seu orçamento, solicite um con- sultor autorizado ele vai até você. Galeria Tangaraí Center salas 306/307 Centro ao lado da Estação 11 – Caldas Novas. (64) 3454 4999/ 92356304/9648 6783/84192238/81317525
  6. 6. Nossa principal meta “ Em cada cliente um Amigo” Venha você também fazer parte desta família.
  7. 7. Prefeitura de Caldas Novas iniciará construção de 760 moradias populares em abril O prefeito Evandro Magal assinou convênio com a Caixa Econômica Fe- deral para começar as obras. Solenidade foi realizada em Goiânia. A prefeitura de Caldas Novas começará a construir 760 moradias po- pulares nos próximos dias. O prefeito Evandro Magal (PP) assinou um convênio com a Caixa Econômica Fe- deral, em Goiânia, na última terça-feira, 25 de março, que irá possibilitar a execu- ção das obras. A solenidade de assinatura foi realiza- da na Superintendência da Caixa Econômica Federal, com a presença do Gerente Regional, Wellerson Fer- reira Mello, o Gerente de Projetos de Governo, Car- los de Barros, o arquiteto Paulo Borges, entre outros. As moradias populares se- rão construídas por meio do Programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal. A execução do pro- jeto terá o acompanhamento direto da Caixa Econômica Federal, que possui ampla experiência em projetos habitacionais populares. O prefeito Evandro Magal ressaltou a importância da construção moradias popu- lares. “Esse projeto vai tirar 760 famílias do aluguel, que em breve passarão a ter casa própria. Firmamos o convê- nio com a Caixa Econômica porque sabemos da compe- tência que a instituição pos- sui na execução desse tipo de projeto. A intenção é que a obra comece o mais rápido possível”, declarou o prefei- to Evandro Magal. Duran- te a reunião também foram discutidos detalhes técnicos relativos à construção das 760 moradias populares, que serão edificadas em ter- reno doado pela prefeitura de Caldas Novas. Mais in- formações podem ser obti- das na Secretaria Municipal de Obras e Habitação, pelo telefone (64) 3454-3507. O prefeito Evandro Magal trará na semana Santa para Caldas Novas os seguintes shows: Zé Ramalho, Tony Allysson e Aline Barros todos com entrada franca. Não percam! Ao lado do Ginásio de Esportes. Magal e Márcio Costa engenheiro responsável pelo obra.
  8. 8. Reviver Para Cristo De Caldas Novas para o mundo...
  9. 9. David Lopes lidera a audiência todas as manhãs na Rádio Fênix FM de Ipameri. Atra- vés da 100,5 FM David leva ao ar de segunda a sexta o Rádio Notícia, programa diversificado o que tem garantido a liderança em audiência. Parabéns pelo brilhante trabalho. Lider em audiência O presidente da OAB de Caldas Novas Dr. Laudo Natel, realizou no último dia 25 a OAB Itinerante. O evento contou com a participação do presidente Seccional Henrique Tibúrcio. Na oportunidade Laudo Natel destacou à Diretoria Seccional os problemas vivenciados na comar- ca de Caldas Novas. Uma excelente iniciativa por isso não poderíamos deixar passar em branco. OAB atuante Assim se define Andreia Gui- marães, enfermeira da rede pública de saúde de Caldas Novas. Andreia tem amor e carinho por sua pro- fissão por isso faz com excelência seu trabalho. Receba nesta edição nosso carinho, admiração e respei- to pelo brilhante trabalho realizado no nosso município. Abraço... Amor pela profissão Abraços ao Chefe de Ga- binete do vice prefeito Mar- quinhos, Ademar Ornelas. Ademar é um grande com- panheiro, leal e excelen- te profissional. À frente do Gabinete tem prestado um trabalho exemplar, para- béns pelo desempenho nesta nova empreitada.
  10. 10. A gente vive falando de maneiras para colocar o corpo em movimento para ter uma maior qualidade de vida. Agora, cientistas nor- te-americanos encontraram uma maneira de exercitar também o cérebro: aprender uma outra língua. De acordo com a pesquisa divulgada pela BBC, ser bilíngue pode aumentar o poder cerebral – ao menos em relação ao som. Depois de monitorar cerca de 48 estudantes, sen- do que metade falava mais de um idioma, os estudiosos perceberam que os conhe- cedores de línguas estran- geiras conseguiam bloquear distrações e absorver melhor as informações importantes. “Há quem faça palavras cruzadas e outras atividades para manter suas mentes afiadas. Mas as vantagens que temos descoberto em falantes de mais de uma lín- gua vêm simples e automa- ticamente de conhecerem e usarem dois idiomas”, afirmou a pesquisadora e co-autora do estudo Viorica Marian. Fique por Dentro Quando pensamos em desenvolvimento social e econômico, devemos con- siderar o nível de escolari- dade que está sendo empre- gado. A criação de políticas governamentais que incen- tivam o ingresso no ensino superior funciona como uma ferramenta para a satisfação das necessidades atuais do mercado de trabalho, o que está diretamente relaciona- do com a promoção do de- senvolvimento econômico e social. O ensino médio já não é tido como suficiente para a qualificação do trabalhador, logo o ensino médio vem a ser apenas um passo inicial. A busca por uma total qua- lificação do indivíduo que almeja as melhores coloca- ções no mercado de trabalho passa obrigatoriamente pelo ensino superior. A exigência do mercado de trabalho está crescendo continuamente, o que pode ser explicado dentre outros fatores, pela inserção de novas tecnolo- gias que exigem do profis- sional conhecimento sólido. A competitividade requer maior preparo do profis- sional que terá de demons- trar as suas competências e habilidades. Há uma rela- ção direta entre colocação no mercado de trabalho e aprimoramento acadêmico, quanto maior for a dedica- ção dispensada maior será o número de possibilidades profissionais que se apre- sentarão ao indivíduo. No Brasil, temos obser- vado o aumento do ingresso no nível superior o que re- presenta um investimento tanto governamental como também pessoal, a popula- ção começa a observar que o fator educação representa um investimento. Índices mostram que para cada ano investido em escolaridade há um aumento médio de 14% no nível salarial do trabalhador. Para cada nível de formação (nível técnico, graduação, extensão, pós- graduação) o profissional recebe em média um au- mento de 40% no salário. Por estes e outros motivos que a Unicaldas tem investi- do cada vez mais no ensino de qualidade, recentemente a unidade passou por várias modificações fisicas e tec- nicas para melhor atender o fluxo de academicos que cresce a cada ano. Venha você também fazer seu cur- so superior na Unicaldas. Por: Iris Gonzaga

×