Desafio Superado

118 visualizações

Publicada em

Há um ano atrás fui mãe de um menino, o Miguel e nessa altura estava muito longe dos meus horizontes, viajar em trabalho. Especialmente em trabalho, porque quando fui mãe estava desempregada, portanto estava muito longe de concretizar este sonho de viajar em negócios. Sabe mais em:http://ow.ly/yZIb7

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
118
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Desafio Superado

  1. 1. Desafio Superado!!! DESAFIO SUPERADO!!!!
  2. 2. HÁ UM ANO ATRÁS ESTAVA DESEMPREGADA Em Julho do ano passado fui mãe de um menino, o Miguel! E nessa altura estava muito longe dos meus horizontes, viajar em trabalho. Especialmente em trabalho, porque quando fui mãe estava desempregada, portanto estava muito longe de concretizar o sonho de viajar em negócios.
  3. 3. Viagem aos Estados Unidos Quando surgiu a possibilidade de ir aos Estados Unidos, eu primeiro, pensei que não iria: • principalmente porque não conseguiria ficar longe do Miguel, nem que fosse por 5 dias. • Mas, depois, cheguei à conclusão que faz parte da vida. Mais cedo ou mais tarde, eu teria de me afastar do meu bebé, nem que fosse por uns meros 5 dias, que passam a correr. • Para mim, não restam dúvidas, de que eu serei certamente uma melhor mãe se me desafiar a mim própria e se estiver realizada a nível pessoal e profissional. • E, no fundo, é esse mesmo o exemplo que eu quero transmitir ao meu filhote, que nos devemos superar sempre, para que possamos evoluir enquanto pessoas e profissionais! • Para mim ir aos EUA sem a minha criança foi, sem dúvida, um desafio! • Portanto, prova superada!
  4. 4. CHEGADA A PORTUGAL • No dia em que cheguei a Portugal, o meu marido decidiu fazer-me uma surpresa e foi buscar-me ao aeroporto com o nosso Miguelinho. Eu não sabia de nada! Pensava que o meu marido não poderia ir buscar-me porque tinha umas reuniões nesse dia. • Quando saí e cheguei cá fora à zona de espera do aeroporto, eles estavam lá! • Foi a melhor surpresa que o meu marido alguma vez me fez! E, aí sim! Chorei! Chorei de alegria porque amo o meu filho e ele é tudo para mim! Mas, percebi, que eu sou a Irina e não sou só mãe, sou profissional, sou amiga, sou mulher, sou jurista, sou blogger, sou viajante, sou formadora, sou tudo aquilo que eu quiser ser e vou até onde os meus sonhos me levarem.

×