Guia do usuário do servidor HP ProLiant
ML100 Series
para Servidores HP ProLiant ML110 G6
e HP ProLiant ML150 G6
Resumo
Es...
© Copyright 2009, 2012 Hewlett-Packard
Development Company, L.P.
As informações contidas neste documento
estão sujeitas a ...
Conteúdo
1 Operações ........................................................................................................
DIMMs de classificação simples, dupla e quádrupla ......................................................... 19
Identificaç...
Configuração do recurso SATA RAID ............................................................................... 41
Habil...
O UPS não funciona de forma adequada ......................................... 66
A unidade exibe aviso de bateria fraca ....
O servidor está sem memória .......................................................... 77
Há erro de contagem de memória ....
O sistema operacional trava ............................................................................. 87
Ocorrência de...
Notificação para o Canadá (Avis Canadien) ...................................................................................
1 Operações
Nesta seção
Ligação do servidor na página 1
Desligamento do servidor na página 1
Remova o painel de acesso na ...
4. Deslize o painel de acesso para trás.
5. Levante o painel de acesso e remova-o.
Para substituir o componente, inverta o...
2 Instalação
Nesta seção
Serviços de instalação opcionais na página 3
Recursos de planejamento do rack na página 4
Ambient...
Para obter mais informações sobre Care Packs, consulte o site da HP (http://www.hp.com/hps/
carepack).
Recursos de planeja...
CUIDADO: Caso esteja utilizando um rack de outro fabricante, observe os seguintes requisitos
adicionais para assegurar a v...
Requisitos de aterramento elétrico
Para que o servidor funcione de forma adequada e segura, é preciso aterrá-lo corretamen...
Para obter informações detalhadas sobre a configuração do servidor, consulte a folha de instalação
correspondente.
Instala...
3 Instalação de hardware opcional
Nesta seção
Introdução na página 8
Processador opcional na página 8
Opções de disco rígi...
NOTA: O soquete do processador 1 deve estar ocupado o tempo todo, caso contrário o servidor
não funcionará.
Para instalar ...
6. Se o processador não estiver no interior da ferramenta de instalação, insira-o novamente na
ferramenta com cuidado. Man...
7. Alinhe a ferramenta de instalação do processador com o soquete e instale o processador. OS
PINOS NA PLACA DO SISTEMA SÃ...
8. Pressione as abas da ferramenta de instalação para separá-la do processador e, então, remova
a ferramenta.
9. Feche o s...
11. Instale o painel de acesso.
12. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack.
13. Para servidores...
9. Siga um destes procedimentos:
◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade.
◦ Deslize o servidor de vol...
8. Conecte os cabos de dados e de alimentação.
9. Conecte os cabos à placa do sistema ou a uma placa de expansão, conforme...
4. Solte a aba do suporte do ventilador e remova-o.
5. Retire o painel cego.
A HP recomenda a remoção de todos os painéis ...
12. Siga um destes procedimentos:
◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade.
◦ Deslize o servidor de vo...
módulo. Somente uma classificação é acessível de cada vez. O subsistema de controle de memória
do servidor seleciona a cla...
Opções de memória (servidores ML150 G6)
NOTA: Este servidor pode não suportar a mistura de RDIMMs e UDIMMs. A tentativa de...
DIMMs de classificação quádrupla são, efetivamente, dois DIMMs de classificação dupla no mesmo
módulo. Somente uma classif...
Configurações máximas de memória RDIMM
A tabela a seguir lista a configuração máxima de memória possível com RDIMMs de 4 G...
Slots ocupados (por canal) Classificação Velocidades suportadas (MHz)
1 Classificação quádrupla 800, 1066
2 Classificação ...
5. Abra a trava da tampa do slot:
◦ Servidor HP ProLiant ML110 G6
◦ Servidor HP ProLiant ML150 G6
CUIDADO: Para evitar pro...
6. Remova a tampa do slot de expansão.
NOTA: Talvez seja necessário remover a tampa do slot próxima ao slot no qual está
i...
12. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos:
◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade.
...
13. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos:
◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade.
...
10. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack.
11. Para servidores ML150 G6, siga um destes proced...
6. Instale o módulo de cache no controlador.
7. Conecte o cabo ao módulo de cache.
8. Instale a bateria.
28 Capítulo 3 Ins...
9. Conecte o cabo ao controlador.
10. Posicione o cabo.
11. Instale o painel de acesso.
12. Para servidores ML110 G6, desl...
5. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos:
◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servido...
10. Instale o capacitor.
11. Posicione o cabo.
12. Instale o painel de acesso.
13. Para servidores ML110 G6, deslize o ser...
Ao instalar ou substituir um TPM, observe as diretrizes a seguir:
● Não remova um TPM instalado. Uma vez instalado, o TPM ...
7. Instale a placa do TPM. Pressione o conector para encaixá-lo na placa.
8. Instale o rebite de segurança do TPM pression...
Para ajudar a garantir máxima segurança, observe as diretrizes a seguir ao guardar a senha/chave
de recuperação:
● Sempre ...
4 Utilitários de software e de
configuração
Nesta seção
RBSU na página 35
Array Configuration Utility (utilitário de confi...
NOTA: O RBSU salva automaticamente as configurações quando a tecla Enter é
pressionada. O utilitário não solicita a confir...
Opções de inicialização
Perto do fim do processo de inicialização, a tela de opções de inicialização é exibida. Essa tela
...
Option ROM Configuration for Arrays
Antes de instalar um sistema operacional, é possível usar o utilitário ORCA para criar...
Para obter mais informações, consulte os drivers para Download e a página de software para o
servidor. Para acessar a pági...
Ferramentas remotas de suporte e análise
Lista de ferramentas:
Software do HP Insight Remote Support na página 40
Software...
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Hp pro liant ml150 G6
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Hp pro liant ml150 G6

826 visualizações

Publicada em

Manual Hp pro liant ml150 g6

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
826
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Hp pro liant ml150 G6

  1. 1. Guia do usuário do servidor HP ProLiant ML100 Series para Servidores HP ProLiant ML110 G6 e HP ProLiant ML150 G6 Resumo Este documento destina-se aos profissionais envolvidos na instalação, administração e solução de problemas de servidores e sistemas de armazenamento. A HP presume que o leitor esteja qualificado para executar tarefas de manutenção de computadores e treinado para reconhecer situações de risco em produtos que apresentam níveis de energia de periculosidade.
  2. 2. © Copyright 2009, 2012 Hewlett-Packard Development Company, L.P. As informações contidas neste documento estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. As únicas garantias atribuídas a serviços e produtos HP são definidas nas declarações de garantia que acompanham tais serviços e produtos. Nenhuma informação aqui descrita deve ser utilizada para criar uma garantia adicional. A HP não se responsabiliza por erros ou omissões editoriais ou técnicos contidos neste documento. Número de peça: 501528-206 Abril de 2012 Edição: 6 Microsoft, Windows e Windows Server são marcas registradas da Microsoft Corporation nos Estados Unidos. Bluetooth é uma marca registrada de seu proprietário e usada pela Hewlett-Packard Company sob licença.
  3. 3. Conteúdo 1 Operações ....................................................................................................................................................... 1 Ligação do servidor .............................................................................................................................. 1 Desligamento do servidor ..................................................................................................................... 1 Remova o painel de acesso ................................................................................................................. 1 Remova o painel da torre (servidores ML110 G6) ............................................................................... 2 Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) ............................................................................... 2 2 Instalação ........................................................................................................................................................ 3 Serviços de instalação opcionais ......................................................................................................... 3 Recursos de planejamento do rack ...................................................................................................... 4 Ambiente ideal ...................................................................................................................................... 4 Requisitos de espaço e de fluxo de ar ................................................................................. 4 Requisitos de temperatura ................................................................................................... 5 Requisitos de alimentação ................................................................................................... 5 Requisitos de aterramento elétrico ...................................................................................... 6 Avisos sobre o rack .............................................................................................................................. 6 Instalação de hardware opcional .......................................................................................................... 6 Ligação e configuração do servidor ..................................................................................................... 6 Instalação do sistema operacional ....................................................................................................... 7 Registro do servidor ............................................................................................................................. 7 3 Instalação de hardware opcional .................................................................................................................. 8 Introdução ............................................................................................................................................ 8 Processador opcional ........................................................................................................................... 8 Opções de disco rígido SAS e SATA ................................................................................................. 13 Cabo de LED do disco rígido (servidores ML150 G6 e ML110 G6) ................................................... 13 Opção de dispositivo de mídia removível (servidores ML110 G6) ..................................................... 14 Opção de dispositivo de mídia removível (servidores ML150 G6) ..................................................... 15 Opções de memória (servidores ML110 G6) ..................................................................................... 17 Arquitetura do subsistema de memória (servidores ML110 G6) ....................................... 17 DIMMs de classificação simples e dupla (servidores ML110 G6) ..................................... 17 Identificação de DIMM ....................................................................................................... 18 Configurações máximas de memória UDIMM (servidores ML110 G6) ............................. 18 Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM (servidores ML110 G6) ..................... 18 Opções de memória (servidores ML150 G6) ..................................................................................... 19 Arquitetura do subsistema de memória (servidores ML150 G6) ....................................... 19 PTWW iii
  4. 4. DIMMs de classificação simples, dupla e quádrupla ......................................................... 19 Identificação de DIMM ....................................................................................................... 20 Configurações de memória ................................................................................................ 20 Configurações máximas de memória RDIMM .................................................. 21 Configurações máximas de memória UDIMM .................................................. 21 Configuração de memória ECC Avançada ....................................................... 21 Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM ........................................................... 21 Diretrizes de ocupação de ECC Avançada ....................................................... 22 Ordem de ocupação da ECC Avançada de processador único ....... 22 Ordem de ocupação da ECC Avançada de vários processadores . . 22 Opcionais da placa de expansão ....................................................................................................... 22 Instalando um controlador de armazenamento .................................................................................. 25 Instalação de DIMMs .......................................................................................................................... 26 Opcional de bateria com cache de gravação de bateria reserva ....................................................... 27 Instalando o módulo FBWC e o capacitor .......................................................................................... 29 Opção Módulo para Plataforma Confiável (TPM) da HP ................................................................... 31 Instalar a placa do TPM ..................................................................................................... 32 Guardar a senha/chave de recuperação ........................................................................... 33 Habilitar o TPM .................................................................................................................. 34 4 Utilitários de software e de configuração ................................................................................................... 35 RBSU ................................................................................................................................................. 35 Utilizar o RBSU .................................................................................................................. 35 Processo de configuração automática ............................................................................... 36 Opções de inicialização ..................................................................................................... 37 Console serial do BIOS ..................................................................................................... 37 Array Configuration Utility (utilitário de configuração de array) .......................................................... 37 Option ROM Configuration for Arrays ................................................................................................ 38 HP Insight Diagnostics (Diagnóstico HP Insight) ............................................................................... 38 Ferramentas de gerenciamento ......................................................................................................... 38 Utilitário ROMPaq .............................................................................................................. 38 Tecnologia Lights-Out 100i ................................................................................................ 39 Unidades de disquete e de CD-ROM virtuais HP Integrated Lights-Out ........................... 39 Suporte para USB .............................................................................................................. 39 Ferramentas remotas de suporte e análise ........................................................................................ 40 Software do HP Insight Remote Support ........................................................................... 40 Atualizar o sistema ............................................................................................................................. 40 Drivers ............................................................................................................................... 41 Compatibilidade com a versão do sistema operacional .................................................... 41 Escolha do assinante ......................................................................................................... 41 Recurso SATA RAID incorporado ...................................................................................................... 41 iv PTWW
  5. 5. Configuração do recurso SATA RAID ............................................................................... 41 Habilitação do recurso SATA RAID no RBSU ................................................................... 41 Criação de um volume RAID ............................................................................................. 42 Instalação do driver SATA RAID incorporado .................................................................................... 42 Hardware necessário ......................................................................................................... 42 Unidades de disquete e de CD-ROM opcionais ............................................... 42 Unidades de disquete e de CD-ROM virtuais HP Integrated Lights-Out .......... 43 Unidades USB de disquete e de CD-ROM ........................................................................ 43 Criar uma imagem de disquete .......................................................................................... 43 Instalar o driver SATA RAID incorporado com uma unidade de disquete USB ................ 43 Instalação do driver SATA RAID incorporado usando um disquete virtual ....................... 44 Instalação de um sistema operacional ............................................................................................... 44 Instalação de um sistema operacional Microsoft® Windows® compatível ....................... 44 Instalação de um sistema operacional Linux compatível .................................................. 45 5 Solução de problemas .................................................................................................................................. 46 Etapas anteriores ao diagnóstico ....................................................................................................... 46 Informações importantes sobre segurança ....................................................................... 46 Símbolos no equipamento ................................................................................ 46 Avisos e cuidados ............................................................................................. 47 Informações sobre sintomas .............................................................................................. 48 Preparação do servidor para o diagnóstico ....................................................................... 49 Resolução de problemas comuns ..................................................................................... 49 Conexões com folga ......................................................................................... 50 Notificações de serviço ..................................................................................... 50 Atualizações de firmware .................................................................................. 50 Diretrizes de manuseio de DIMM ...................................................................... 50 Diretrizes para unidades de disco rígido SAS e SATA ..................................... 51 Combinações de LED da unidade de disco rígido SAS e SATA ...................... 51 Fluxogramas de solução de problemas ............................................................................................. 52 Fluxograma do início do diagnóstico ................................................................................. 53 Fluxograma geral de diagnóstico ....................................................................................... 54 Fluxograma de problemas na inicialização ........................................................................ 56 Fluxograma de problemas no POST ................................................................................. 58 Fluxograma de problemas na inicialização do sistema operacional .................................. 60 Fluxograma de indicações de falha no servidor ................................................................ 62 Problemas de hardware ..................................................................................................................... 64 Problemas de alimentação ................................................................................................ 65 Problemas na fonte de energia ......................................................................... 65 Problemas na fonte de alimentação .................................................................. 66 Problemas de UPS ............................................................................................ 66 PTWW v
  6. 6. O UPS não funciona de forma adequada ......................................... 66 A unidade exibe aviso de bateria fraca ............................................ 67 Um ou mais LEDs no UPS estão vermelhos .................................... 67 Problemas gerais de hardware .......................................................................................... 67 Problemas com novo hardware ........................................................................ 67 Problema desconhecido .................................................................................... 69 Problemas com dispositivos de outros fabricantes ........................................... 69 Testes com os dispositivos ............................................................... 69 Problemas do sistema interno ........................................................................................... 70 Problemas nas unidades de CD-ROM e DVD .................................................. 70 O sistema não inicializa a partir da unidade ..................................... 71 A leitura de dados da unidade está inconsistente ou a unidade não consegue ler os dados .............................................................. 71 A unidade não foi detectada ............................................................. 71 Problemas na unidade DAT .............................................................................. 71 O sistema exibe códigos de erro de mídia ....................................... 72 Houve erro ou falha na unidade DAT ............................................... 72 A unidade DAT apresenta baixo desempenho ................................. 72 O firmware mais recente indica fita com defeito ou o cabeçote trava com frequência ........................................................................ 72 Há ocorrência de outros erros .......................................................... 72 Problemas na unidade de disquete ................................................................... 72 A luz da unidade de disquete permanece acesa .............................. 73 Ocorreu um problema com uma transação de disquete .................. 73 A unidade não consegue ler o disquete ........................................... 73 A unidade não foi detectada ............................................................. 73 É apresentada uma mensagem indicando que o dispositivo não é disco de sistema ............................................................................ 73 A unidade não consegue gravar dados no disquete ........................ 73 Problemas no ventilador ................................................................................... 73 Ocorrem problemas genéricos com ventiladores ............................. 74 Problemas na unidade de disco rígido .............................................................. 74 O sistema concluiu o POST, mas a unidade de disco rígido falhou ................................................................................................ 74 O servidor não reconhece as unidades de disco rígido ................... 75 O servidor não reconhece a unidade de disco rígido ....................... 75 Uma nova unidade não é reconhecida ............................................. 75 Os dados estão inacessíveis ............................................................ 76 O tempo de resposta do servidor é mais lento do que o normal ...... 76 Problemas na memória ..................................................................................... 76 Ocorrem problemas genéricos de memória ..................................... 76 vi PTWW
  7. 7. O servidor está sem memória .......................................................... 77 Há erro de contagem de memória .................................................... 77 O servidor falha no reconhecimento da memória existente ............. 77 O servidor falha no reconhecimento de nova memória .................... 77 Problemas no PPM ........................................................................................... 78 Problemas no processador ............................................................................... 78 Circuitos abertos e curtos-circuitos no sistema ................................................................. 79 Problemas nos dispositivos externos ................................................................................ 79 Problemas de vídeo .......................................................................................... 79 A tela fica em branco por mais de 60 segundos após a inicialização do servidor ................................................................... 80 O monitor não funciona de forma adequada com recursos de economia de energia ........................................................................ 80 As cores do vídeo estão incorretas .................................................. 81 O vídeo exibe linhas horizontais que se movimentam lentamente . . 81 Problemas no áudio ........................................................................................................... 81 Problemas na impressora .................................................................................................. 81 A impressora não imprime ................................................................................ 81 Os impressos estão deturpados ....................................................................... 81 Problemas no mouse e no teclado .................................................................................... 81 Problemas no modem ........................................................................................................ 82 Não há tom de discagem .................................................................................. 82 Não há resposta quando se digita comandos AT ............................................. 83 Os comandos AT não estão visíveis ................................................................. 83 Os dados são exibidos como caracteres estranhos após o estabelecimento da conexão ........................................................................................................ 83 O modem não responde a chamadas de chegada ........................................... 83 O modem não se conecta a outro modem ........................................................ 83 O modem se desconecta quando está on-line .................................................. 84 O conjunto de caracteres de inicialização do comando AT não funciona ......... 84 Há ocorrência de erros de conexão .................................................................. 84 Não é possível estabelecer conexão com um serviço de assinatura on-line .... 84 Não é possível estabelecer conexão a 56 Kbps ............................................... 85 Problemas no controlador de rede .................................................................................... 85 O controlador de rede está instalado, mas não funciona .................................. 85 O controlador de rede parou de funcionar ........................................................ 86 O controlador de rede parou de funcionar após a adição de uma placa de expansão ........................................................................................................... 86 Ocorrem problemas com as lâminas de interconexão de rede ......................... 86 Problemas de software ....................................................................................................................... 86 Problemas do sistema operacional .................................................................................... 87 PTWW vii
  8. 8. O sistema operacional trava ............................................................................. 87 Ocorrência de falha geral de proteção .............................................................. 87 O sistema exibe erros no registro de erros ....................................................... 87 Ocorrem problemas após a instalação de pacotes de serviços ........................ 87 Atualizações do sistema operacional ................................................................................ 88 Restauração de versão de cópia de segurança ................................................................ 88 Quando reconfigurar ou recarregar o software .................................................................. 88 Sistemas operacionais Linux ............................................................................................. 89 Problemas de software aplicativo ...................................................................................... 89 O software trava ................................................................................................ 89 Ocorrem erros após alterações na configuração do software .......................... 89 Ocorrem erros após a alteração do software do sistema ................................. 89 Ocorrem erros após a instalação de aplicativos ............................................... 90 Manutenção do firmware .................................................................................................................... 90 Tipos de ROM .................................................................................................................... 90 ROM do sistema ............................................................................................... 90 Cópia de segurança automática ....................................................... 90 ROMs opcionais ................................................................................................ 91 Chave da unidade USB ou do disquete do utilitário ROMPaq .......................................... 91 Versões atuais do firmware ............................................................................................... 91 Atualização de firmware .................................................................................................... 91 Drivers ............................................................................................................................... 92 Contato com a HP .............................................................................................................................. 92 Contato com o suporte técnico HP ou revendedor autorizado .......................................... 92 Informações necessárias sobre o servidor ........................................................................ 93 Informações necessárias sobre o sistema operacional ..................................................... 93 Sistemas operacionais da Microsoft® ............................................................... 94 Sistemas operacionais Linux ............................................................................ 94 6 Bateria ............................................................................................................................................................ 96 7 Notificações de conformidade com os regulamentos .............................................................................. 98 Números de identificação em conformidade com os regulamentos ................................................... 98 Notificação da Federal Communications Commission ....................................................................... 98 Etiqueta de classificação da FCC ...................................................................................... 99 Notificação da FCC, equipamento de Classe A ................................................................ 99 Notificação da FCC, equipamento de Classe B ................................................................ 99 Declaração de conformidade para produtos identificados por logotipo da FCC – somente nos Estados Unidos .................................................................................................................................. 99 Modificações .................................................................................................................................... 100 Cabos ............................................................................................................................................... 100 viii PTWW
  9. 9. Notificação para o Canadá (Avis Canadien) .................................................................................... 100 Notificação de conformidade com os regulamentos da União Europeia .......................................... 101 Descarte de Lixo Elétrico na Comunidade Européia ........................................................................ 101 Notificação para o Japão .................................................................................................................. 102 Notificação para BSMI ...................................................................................................................... 102 Notificação para a Coreia do Sul ...................................................................................................... 102 Notificação para a China .................................................................................................................. 102 Conformidade do laser ..................................................................................................................... 103 Notificação de substituição da bateria .............................................................................................. 103 Notificação de reciclagem de bateria para Taiwan .......................................................................... 104 Declaração sobre cabos de alimentação para o Japão ................................................................... 104 Acoustics statement for Germany (Geräuschemission) ................................................................... 104 8 Descarga eletrostática ................................................................................................................................ 105 Prevenção da descarga eletrostática ............................................................................................... 105 Métodos de aterramento para evitar a descarga eletrostática ......................................................... 105 9 Suporte técnico ........................................................................................................................................... 106 Informações de contato da HP ......................................................................................................... 106 Antes de entrar em contato com a HP ............................................................................................. 106 Reparo feito pelo cliente ................................................................................................................... 107 10 Acrônimos e abreviações ........................................................................................................................ 108 11 Feedback de documentação .................................................................................................................... 110 Índice ................................................................................................................................................................ 111 PTWW ix
  10. 10. 1 Operações Nesta seção Ligação do servidor na página 1 Desligamento do servidor na página 1 Remova o painel de acesso na página 1 Remova o painel da torre (servidores ML110 G6) na página 2 Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2 Ligação do servidor Para iniciar o servidor, pressione o botão Ligar/Espera. Desligamento do servidor AVISO! Para reduzir o risco de acidentes, choques elétricos ou danos ao equipamento, remova o cabo de força para suspender a alimentação ao servidor. O botão Ligar/Espera do painel frontal não suspende totalmente a alimentação ao sistema. Partes da fonte de alimentação e alguns circuitos internos permanecerão ativos até que a força CA seja removida. NOTA: Para instalar dispositivos hot-plug, não é necessário desligar o servidor. 1. Faça uma cópia de segurança dos dados do servidor. 2. Desative o sistema operacional conforme as instruções fornecidas na documentação. 3. Pressione o botão Ligar/Espera para colocar o servidor no modo de espera. Quando o servidor ativa esse modo, acende-se o LED âmbar de energia do sistema. 4. Desconecte os cabos de força. Feito isso, a alimentação ao sistema estará suspensa. Remova o painel de acesso AVISO! Para reduzir o risco de acidentes causados por superfícies quentes, deixe as unidades e componentes internos do sistema esfriarem antes de tocá-los. CUIDADO: Não opere o servidor por longos períodos com o painel de acesso aberto ou removido. A operação do servidor dessa maneira resulta em fluxo de ar e resfriamento inadequados que podem provocar danos térmicos. 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Desloque o servidor do rack. 3. Solte o parafuso no painel de acesso. PTWW Ligação do servidor 1
  11. 11. 4. Deslize o painel de acesso para trás. 5. Levante o painel de acesso e remova-o. Para substituir o componente, inverta o procedimento de remoção. Para obter informações específicas de servidor, consulte a folha de instalação que acompanha o servidor. Remova o painel da torre (servidores ML110 G6) 1. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 2. Para soltar o painel, empurre o lado esquerdo do painel. 3. Solte as abas e gire o painel no sentido anti-horário para removê-lo. Para substituir o componente, inverta o procedimento de remoção. Para obter informações específicas de servidor, consulte a folha de instalação que acompanha o servidor. Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) 1. Insira a chave fornecida com o servidor e gire no sentido horário para destravar o painel. A chave é fornecida para a pessoa de serviço usando o modelo HSTNS-7105 com o kit de ativação RPS da HP. 2. Abra o painel da torre. 3. Levante o painel da torre e remova-o do chassi. Para substituir o componente, inverta o procedimento de remoção. Para obter informações específicas de servidor, consulte a folha de instalação que acompanha o servidor. 2 Capítulo 1 Operações PTWW
  12. 12. 2 Instalação Nesta seção Serviços de instalação opcionais na página 3 Recursos de planejamento do rack na página 4 Ambiente ideal na página 4 Avisos sobre o rack na página 6 Instalação de hardware opcional na página 6 Ligação e configuração do servidor na página 6 Instalação do sistema operacional na página 7 Registro do servidor na página 7 Serviços de instalação opcionais Fornecidos por engenheiros experientes e certificados, os serviços do HP Care Pack ajudam a manter os servidores em boas condições e em funcionamento com os pacotes de suporte desenvolvidos especificamente para os sistemas HP ProLiant. Os HP Care Packs permitem integrar suporte para software e hardware em um único pacote. Uma série de opções de serviço está disponível para atender às suas necessidades. Os serviços HP Care Pack oferecem altos níveis de serviços para expansão da garantia padrão do produto, com pacotes de suporte fáceis de comprar e utilizar que ajudam o usuário a tirar o máximo proveito do investimento no servidor. Alguns dos serviços do Care Pack são: ● Suporte para hardware ◦ Retorno de chamada para manutenção em seis horas ◦ Atendimento no mesmo dia em quatro horas, 24 x 7 ◦ Atendimento no mesmo dia em quatro horas, dentro do horário comercial ● Suporte para software ◦ Microsoft® ◦ Linux ● Suporte para hardware e software integrado ◦ Manutenção urgente ◦ Proactive 24 ◦ Suporte Plus ◦ Suporte Plus 24 ● Serviços de inicialização e implementação para hardware e software PTWW Serviços de instalação opcionais 3
  13. 13. Para obter mais informações sobre Care Packs, consulte o site da HP (http://www.hp.com/hps/ carepack). Recursos de planejamento do rack O kit de recursos do rack é fornecido com todos os racks das séries 9000, 10000 e H9 das marcas HP ou Compaq. Para obter mais informações sobre o conteúdo de cada recurso, consulte a documentação do kit de recursos do rack. Ambiente ideal Para instalar o servidor, selecione um local que esteja em conformidade com os requisitos de ambiente descritos nesta seção. Requisitos de espaço e de fluxo de ar Servidor modelo torre Para configurações em torre, deixe ao menos um espaço livre de 7,6 cm na parte frontal e traseira para proporcionar a ventilação adequada. Servidor modelo rack Para permitir a execução de serviços e a ventilação adequada, observe os seguintes requisitos de espaço e fluxo de ar ao decidir onde instalar o rack: ● Deixe um espaço livre mínimo de 63,5 cm na frente do rack. ● Deixe um espaço livre mínimo de 76,2 cm na parte traseira do rack. ● Deixe um espaço livre mínimo de 121,9 cm da parte traseira do rack até a parte traseira de outro rack ou fila de racks. ● Deixe um espaço livre mínimo de 4,4 cm da parte de cima do painel lateral. Os servidores da HP obtêm ar frio através da porta frontal e soltam o ar quente pela porta traseira. Portanto, as portas dianteira e traseira do rack devem ser ventiladas adequadamente para permitir a entrada de ar ambiente no gabinete e a saída de ar quente do mesmo. CUIDADO: Para evitar problemas no resfriamento e danos ao equipamento, não obstrua as entradas de ventilação. Quando houver qualquer espaço vertical no rack não totalmente preenchido por um componente do servidor ou rack, os espaços entre os componentes poderão causar alterações na ventilação dentro rack e entre os servidores. Tampe todos os espaços com painéis cegos para manter a ventilação adequada. CUIDADO: Utilize sempre painéis cegos para preencher os espaços verticais vazios do rack. Isso assegura a ventilação adequada. A utilização do rack sem painéis cegos poderá resultar em falha no resfriamento, provocando danos térmicos. Os racks das séries 9000 e 10000 proporcionam resfriamento adequado ao servidor através de aberturas localizadas nas portas traseira e frontal, que fornecem 64% de área aberta para ventilação. CUIDADO: Ao utilizar um rack da série 7000 da Compaq, instale o suplemento da porta de rack de fluxo de ar (NP 327281-B21 para rack 42U, NP 157847-B21 para rack 22U) para proporcionar ventilação da frente para trás e resfriamento adequados. 4 Capítulo 2 Instalação PTWW
  14. 14. CUIDADO: Caso esteja utilizando um rack de outro fabricante, observe os seguintes requisitos adicionais para assegurar a ventilação adequada e evitar danos ao equipamento: Portas frontal e traseira - Caso o rack 42U contenha portas frontal e traseira, deixe 5.350 centímetros quadrados de orifícios uniformemente distribuídos da parte superior à inferior, para permitir um fluxo de ar adequado (equivalente aos 64% de área aberta necessários à ventilação). Lateral - o espaço livre entre o componente do rack instalado e os painéis laterais deve ser de no mínimo 7 cm. Requisitos de temperatura Para assegurar a operação contínua, segura e confiável do equipamento, coloque ou instale o sistema num local bem ventilado e climatizado. A temperatura ambiente máxima de funcionamento recomendada (TMRA) para a maioria dos servidores é de 35°C. A temperatura do local em que o rack ficará não deve exceder 35°C. CUIDADO: Para reduzir o risco de danos ao equipamento ao instalar opções de outros fabricantes: Não permita que o equipamento opcional obstrua a ventilação ao redor dos servidores ou que a temperatura interna do rack aumente além dos limites máximos permitidos. Não ultrapasse a temperatura ambiente máxima de funcionamento recomendada pelo fabricante. Requisitos de alimentação A instalação deste equipamento deverá atender aos regulamentos elétricos locais e regionais que controlam a instalação de equipamentos de tecnologia da informação por eletricistas licenciados. Este equipamento foi projetado para funcionamento em instalações regidas pelo National Electric Code (Código de Eletricidade Nacional) NFPA 70, Edição 1999 e NFPA-75, 1992 (código Protection of Electronic Computer/Data Processing Equipment - Proteção de equipamentos de processamento de dados e computadores). Para saber qual é a classificação de energia elétrica para determinados opcionais, consulte a etiqueta de classificação do produto ou a documentação do usuário fornecida com o mesmo. AVISO! Para reduzir o risco de acidentes, incêndios ou danos ao equipamento, não sobrecarregue o circuito derivado de alimentação CA que fornece energia ao rack. Consulte a autoridade em eletricidade que regulamenta os requisitos de instalação e fiação de suas instalações. CUIDADO: Proteja o servidor das oscilações de energia e interrupções temporárias com um sistema de alimentação contínua regulável (UPS). Esse dispositivo protege o hardware dos danos causados por surtos de energia e picos de voltagem, permitindo que o sistema continue funcionando em caso de falhas na alimentação. Na instalação de mais de um servidor, talvez seja necessário utilizar dispositivos de distribuição de força adicionais para alimentar com segurança todos os dispositivos. Observe as diretrizes a seguir: ● Equilibre a carga de energia ao servidor entre os circuitos derivados de alimentação CA disponíveis. ● Não permita que a carga da corrente CA de todo o sistema exceda os 80% da taxa de corrente CA do circuito derivado. ● Não utilize faixas comuns de tomadas para esse equipamento. ● Forneça um circuito elétrico separado para o servidor. PTWW Ambiente ideal 5
  15. 15. Requisitos de aterramento elétrico Para que o servidor funcione de forma adequada e segura, é preciso aterrá-lo corretamente. Nos Estados Unidos, deve-se instalar o equipamento de acordo com o NFPA 70, Edição de 1999 (National Electric Code - Código de Eletricidade Nacional), Artigo 250, e com os regulamentos de construção local e regional. No Canadá, o equipamento deve ser instalado de acordo com a Canadian Standards Association (Associação de Normas Canadense), CSA C22.1, Canadian Electrical Code (Código de Eletricidade Canadense). Em todos os demais países/regiões, deve-se instalar o equipamento de acordo com os regulamentos de fiação elétrica regionais ou nacionais, como os estabelecidos pelo International Electrotechnical Commission (Comitê Eletrotécnico Internacional) (IEC) Código 364, partes de 1 a 7. Além disso, é necessário assegurar que todos os dispositivos de distribuição de força utilizados na instalação (incluindo fiação derivada, receptáculos, etc.) sejam dispositivos de aterramento listados ou certificados. Devido às fugas de corrente de alta voltagem associadas a vários servidores conectados à mesma fonte de alimentação, a HP recomenda a utilização de uma unidade de distribuição de força (PDU) que esteja permanentemente conectada ao circuito derivado do edifício ou que disponha de um cabo não destacável, conectado a uma tomada industrial. As tomadas com bloqueio NEMA ou que estejam em conformidade com IEC 60309 são consideradas adequadas a este propósito. Não se recomenda a utilização de faixas de tomadas comuns para o servidor. Avisos sobre o rack AVISO! Para reduzir o risco de acidentes pessoais ou danos ao equipamento, assegure-se de que: Os niveladores estão apoiados no chão. Todo o peso do rack está apoiado nos niveladores. Os suportes estabilizadores estão presos ao rack, no caso de uma instalação de rack único. Os racks estão acoplados, no caso de instalações com vários racks. Somente um componente é deslocado por vez. O rack torna-se instável quando se desloca mais de um componente por alguma razão. AVISO! Para reduzir o risco de acidentes pessoais e danos ao equipamento ao transportar o rack: São necessárias ao menos duas pessoas para retirar o rack da palete. Um rack 42U vazio pode pesar até 115 kg, apresentar mais de 2,1 m de altura e poderá se tornar instável quando movido sobre seus rodízios. Nunca se posicione em frente ao rack ao deslizá-lo pela rampa da palete. Sempre o segure pelas duas laterais. Instalação de hardware opcional Instale todas as opções de hardware antes de inicializar o servidor. Para obter informações sobre a instalação de opcionais, consulte a documentação de cada componente. Para obter informações específicas sobre o servidor, consulte o tópico "Instalação de hardware opcional (Instalação de hardware opcional na página 8)". Ligação e configuração do servidor Para iniciar o servidor, pressione o botão Ligar/Espera. 6 Capítulo 2 Instalação PTWW
  16. 16. Para obter informações detalhadas sobre a configuração do servidor, consulte a folha de instalação correspondente. Instalação do sistema operacional Para funcionar corretamente, o servidor deve apresentar um sistema operacional compatível. Para obter as últimas informações sobre os sistemas operacionais compatíveis, visite o site da HP (http://www.hp.com/go/supportos). Para instalar um sistema operacional no servidor, insira o CD do sistema operacional na unidade de CD-ROM e reinicialize o servidor. Esse processo pode exigir a obtenção de drivers adicionais do CD de instalação fácil fornecido com o servidor ou do CD fornecido com o opcional. Os drivers podem ter atualizações que estão disponíveis no site da HP (http://www.hp.com/support). Para iniciar o processo de instalação, siga as instruções exibidas na tela. Registro do servidor Para registrar o servidor, visite o site de registro da HP (http://register.hp.com). PTWW Instalação do sistema operacional 7
  17. 17. 3 Instalação de hardware opcional Nesta seção Introdução na página 8 Processador opcional na página 8 Opções de disco rígido SAS e SATA na página 13 Cabo de LED do disco rígido (servidores ML150 G6 e ML110 G6) na página 13 Opção de dispositivo de mídia removível (servidores ML110 G6) na página 14 Opção de dispositivo de mídia removível (servidores ML150 G6) na página 15 Opções de memória (servidores ML110 G6) na página 17 Opções de memória (servidores ML150 G6) na página 19 Opcionais da placa de expansão na página 22 Instalando um controlador de armazenamento na página 25 Instalação de DIMMs na página 26 Opcional de bateria com cache de gravação de bateria reserva na página 27 Instalando o módulo FBWC e o capacitor na página 29 Opção Módulo para Plataforma Confiável (TPM) da HP na página 31 Introdução Para instalar mais de um opcional, leia as instruções de instalação de todos os opcionais de hardware e identifique as etapas similares para organizar o processo. AVISO! Para reduzir o risco de acidentes causados por superfícies quentes, deixe as unidades e componentes internos do sistema esfriarem antes de tocá-los. CUIDADO: Para evitar danos aos componentes elétricos, aterre adequadamente o servidor antes de iniciar o procedimento de instalação. O aterramento inadequado poderá causar descarga eletrostática. Processador opcional O servidor utiliza módulos e alimentação de processadores (PPMs) incorporados como conversores CC-CC para que cada processador receba a energia adequada. CUIDADO: Para evitar possíveis problemas de funcionamento do servidor, não combine processadores de velocidades ou tamanhos de cache diferentes. Consulte a etiqueta localizada na parte superior do dissipador de calor para obter uma descrição do processador. CUIDADO: Para evitar danificar o processador e a placa do sistema, somente profissionais autorizados devem realizar a substituição ou instalação do processador neste servidor. 8 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  18. 18. NOTA: O soquete do processador 1 deve estar ocupado o tempo todo, caso contrário o servidor não funcionará. Para instalar o componente: 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Para servidores ML110 G6, estenda o servidor pelo rack. 3. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 4. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). CUIDADO: A não abertura completa da alavanca de travamento do processador impede que o dispositivo se encaixe durante a instalação, provocando danos ao hardware. 5. Abra a alavanca de travamento do processador e o suporte de retenção do soquete do processador. Não remova a capa do soquete do processador. NOTA: Certifique-se de que o processador permaneça no interior da ferramenta de instalação. PTWW Processador opcional 9
  19. 19. 6. Se o processador não estiver no interior da ferramenta de instalação, insira-o novamente na ferramenta com cuidado. Manuseie o processador apenas pelas extremidades e não toque a parte inferior do processador, principalmente a área de contato. 10 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  20. 20. 7. Alinhe a ferramenta de instalação do processador com o soquete e instale o processador. OS PINOS NA PLACA DO SISTEMA SÃO MUITO FRÁGEIS E PODEM SER DANIFICADOS COM FACILIDADE. CUIDADO: OS PINOS NA PLACA DO SISTEMA SÃO MUITO FRÁGEIS E PODEM SER DANIFICADOS COM FACILIDADE. Para evitar danos à placa do sistema: Nunca instale ou remova um processador sem usar a devida ferramenta de instalação. Não toque nos contatos do soquete do processador. Não incline, nem deslize o processador ao baixá-lo para o soquete. PTWW Processador opcional 11
  21. 21. 8. Pressione as abas da ferramenta de instalação para separá-la do processador e, então, remova a ferramenta. 9. Feche o suporte de retenção do soquete do processador e a alavanca de travamento do processador. A capa do soquete do processador é ejetada de forma automática. Remova a capa. CUIDADO: Feche o suporte de retenção do soquete do processador antes de fechar a alavanca de travamento do processador. A alavanca deve fechar sem resistência. Se você forçar o fechamento da alavanca, o processador e o soquete poderão ser danificados, e será necessária a substituição da placa do sistema. 10. Instale o dissipador de calor. Consulte a folha de instalação do servidor no site da HP (http://www.hp.com/go/bizsupport). 12 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  22. 22. 11. Instale o painel de acesso. 12. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack. 13. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor de volta para o rack. 14. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Opções de disco rígido SAS e SATA O servidor HP ProLiant ML150 G6 suporta até oito unidades de disco rígido: ● Unidades de disco rígido SATA apenas com o controlador SATA incorporado ● Unidades de disco rígido SAS ou SATA com um controlador SAS opcional Para obter o melhor desempenho, evite combinar unidades de disco rígido SAS e SATA. Para instalar o disco rígido, consulte a folha de instalação do servidor no site da HP (http://www.hp.com/go/bizsupport). Para obter informações detalhadas sobre cabeamento da unidade, consulte a etiqueta na capa do servidor. Cabo de LED do disco rígido (servidores ML150 G6 e ML110 G6) Um cabo de LED de disco rígido opcional é exigido para funcionalidade de LED de disco rígido que não seja do tipo hot-plug com controlador de armazenamento opcional. Para conectar o cabo de LED de disco rígido: 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 3. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 4. Instale a placa de controlador de armazenamento. Para obter mais informações, consulte a documentação fornecida com o opcional e leia também "Placa de expansão opcional (Opcionais da placa de expansão na página 22)". 5. Conecte o cabo de LED à placa de controlador de armazenamento. 6. Prenda o cabo à braçadeira de cabos. 7. Conecte o cabo de LED à placa do sistema. Para obter mais informações, consulte a etiqueta anexada ao painel de acesso do servidor. 8. Instale o painel de acesso. PTWW Opções de disco rígido SAS e SATA 13
  23. 23. 9. Siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor de volta para o rack. 10. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Opção de dispositivo de mídia removível (servidores ML110 G6) Este processo somente descreve um método de instalação. Para obter instruções para instalar o dispositivo de mídia em um servidor específico, consulte a folha de instalação que acompanha o servidor ou o site da HP (http://www.hp.com/go/bizsupport). Para instalar o componente: 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Desloque o servidor do rack. 3. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 4. Abra o painel da torre (Remova o painel da torre (servidores ML110 G6) na página 2). 5. Usando uma chave de fenda Phillips, solte a aba na parte vazia do painel e remova a blindagem. A HP recomenda a remoção de todos os painéis cegos para facilitar a instalação da unidade. 6. Instale os quatro parafusos nos orifícios de cima do dispositivo de mídia. 7. Deslize a peça do dispositivo de mídia para dentro do compartimento. 14 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  24. 24. 8. Conecte os cabos de dados e de alimentação. 9. Conecte os cabos à placa do sistema ou a uma placa de expansão, conforme orientado pela documentação do opcional. 10. Deslize o servidor de volta para o rack. 11. Instale o painel de acesso. 12. Instale o painel da torre. 13. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Opção de dispositivo de mídia removível (servidores ML150 G6) Este processo descreve somente um método de instalação. Para obter instruções para instalar o dispositivo de mídia em um servidor específico, consulte a folha de instalação que acompanha o servidor ou o site da HP (http://www.hp.com/go/bizsupport). Para instalar o componente: 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 3. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). PTWW Opção de dispositivo de mídia removível (servidores ML150 G6) 15
  25. 25. 4. Solte a aba do suporte do ventilador e remova-o. 5. Retire o painel cego. A HP recomenda a remoção de todos os painéis cegos para facilitar a instalação da unidade. 6. Deslize parcialmente o dispositivo de mídia para dentro do compartimento. 7. Conecte o cabo de alimentação SATA à unidade de mídia. 8. Conecte o cabo do dispositivo ao dispositivo e à placa do sistema ou a uma placa de expansão, conforme orientado pela documentação do opcional. 9. Deslize completamente a unidade de mídia para dentro do compartimento até que esteja encaixada adequadamente. 10. Instale o suporte do ventilador. 11. Instale o painel de acesso. 16 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  26. 26. 12. Siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor de volta para o rack. 13. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Opções de memória (servidores ML110 G6) O subsistema de memória nesse servidor suporta UDIMMs. Nessa seção, o termo "DIMM" é usado. Quando especificado como UDIMM, a informação se aplica a esse tipo somente. Toda memória instalada no servidor deve ser do mesmo tipo. O servidor suporta as seguintes velocidades de DIMM: ● PC3-10600E (DDR-1333) de classificação simples e dupla, DIMMS funcionando a 1333 e 1066 MHz ● PC3-8500E (DDR3) de classificação simples e dupla, DIMMs funcionando a 1066 MHz Dependendo do modelo do processador e do número de DIMMs instalados, a velocidade do relógio de memória poderá ser reduzida para 1066 ou 800 MHz. Para obter mais informações sobre o efeito da ocupação do slot de DIMM, consulte "Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM (Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM na página 21)." Arquitetura do subsistema de memória (servidores ML110 G6) O subsistema de memória nesse servidor é dividido em canais. Cada processador suporta três canais e cada canal suporta dois slots de DIMM, conforme mostrado na tabela a seguir. Canal Slot Número do slot 1 C A 1 2 2 D B 3 4 Esta arquitetura de vários canais oferece um desempenho aprimorado no modo ECC Avançado. Os modos de Memória Espelhada e Memória de Sincronia não são suportados nessa arquitetura. Esse servidor suporta RDIMMs e UDIMMs. Os slots DIMM nesse servidor são identificados pelo número e pela letra. As letras identificam os slots a serem ocupados para modos AMP específicos. Os números dos slots são reportados por mensagens ROM durante a inicialização e para relatório de erros. DIMMs de classificação simples e dupla (servidores ML110 G6) Para entender e configurar os modos de proteção de memória corretamente, é útil entender DIMMs de classificação simples, dupla e quádrupla. Determinados requisitos de configuração de DIMMs baseiam-se nessas classificações. DIMM de classificação simples tem um conjunto de chips de memória que são acessados enquanto grava em ou lê da memória. DIMM de classificação dupla é semelhante a ter dois DIMMs de classificação simples no mesmo módulo, com somente uma classificação acessível de cada vez. DIMMs de classificação quádrupla são, efetivamente, dois DIMMs de classificação dupla no mesmo PTWW Opções de memória (servidores ML110 G6) 17
  27. 27. módulo. Somente uma classificação é acessível de cada vez. O subsistema de controle de memória do servidor seleciona a classificação correta dentro do DIMM ao gravar em ou ler do DIMM. DIMMs de classificação dupla fornecem a maior capacidade com a tecnologia de memória existente. Por exemplo, se a tecnologia DRAM atual suporta DIMMs de classificação dupla de 2 GB, um DIMM de classificação dupla seria de 4 GB. Identificação de DIMM NOTA: Este servidor pode não suportar a mistura de RDIMMs e UDIMMs. A tentativa de misturar esses dois tipos pode fazer o servidor parar durante a inicialização do BIOS. O subsistema de memória pode ser ocupado com RDIMMs ou UDIMMs, mas misturar os dois tipos não é suportado. Para determinar as características do DIMM, use a etiqueta anexada ao DIMM e a ilustração e a tabela a seguir. Item Descrição Definição 1 Tamanho — 2 Classificação 1R = Classificação simples 2R = Classificação dupla 4R = Classificação quádrupla 3 Largura de dados x4 = 4 bits x8 = 8 bits 4 Velocidade de memória 10600 = 1333 MHz 8500 = 1066 MHz 5 Tipo de DIMM R = RDIMM (registrado) E = UDIMM (sem buffer com ECC) Para obter as informações mais recentes sobre memórias suportadas, consulte as Especificações rápidas no site da HP (http://www.hp.com). Configurações máximas de memória UDIMM (servidores ML110 G6) O servidor suporta o máximo de 8 GB usando UDIMMs de classificação dupla de 2 GB. Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM (servidores ML110 G6) Observe as seguintes diretrizes ao ocupar DIMMs: ● Ocupe slots de DIMM para um processador somente se o processador estiver instalado. ● Não misture DIMMs PC3 sem buffer e registrados. ● Cada canal suporta até dois DIMMs sem buffer. ● DIMM simples (sem intercalação) deve ser instalado no slot 2. ● Dois DIMMs (intercalados) instalados no slot 2 e no slot 4 para melhor desempenho. 18 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  28. 28. Opções de memória (servidores ML150 G6) NOTA: Este servidor pode não suportar a mistura de RDIMMs e UDIMMs. A tentativa de misturar esses dois tipos pode fazer o servidor parar durante a inicialização do BIOS. O subsistema de memória nesse servidor pode suportar RDIMMs ou UDIMMs. Ambos são denominados DIMMs quando as informações se aplicam a ambos os tipos. Quando especificado como RDIMM ou UDIMM, a informação se aplica a esse tipo somente. Toda memória instalada no servidor deve ser do mesmo tipo. O servidor suporta as seguintes velocidades de DIMM: ● PC3-10600 (DDR-1333) de classificação simples e dupla, DIMMS funcionando a 1333 e 1066 MHz ● PC3-8500 (DDR-1067) de classificação quádrupla, DIMMs funcionando a 1066 MHz Dependendo do modelo do processador e do número de DIMMs instalados, e se UDIMMs ou RDIMMs estão instalados, a velocidade do relógio de memória poderá ser reduzida para 1066 ou 800 MHz. Para obter mais informações sobre o efeito da ocupação do slot de DIMM, consulte "Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM (Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM na página 21)." Arquitetura do subsistema de memória (servidores ML150 G6) O subsistema de memória nesse servidor é dividido em canais. Cada processador suporta três canais e cada canal suporta dois slots de DIMM, conforme mostrado na tabela a seguir. Canal Slot Número do slot 1 D A 1 2 2 E B 3 4 3 F C 5 6 Esta arquitetura de vários canais oferece um desempenho aprimorado no modo ECC Avançado. Os modos de Memória Espelhada e Memória de Sincronia não são suportados nessa arquitetura. Esse servidor suporta RDIMMs e UDIMMs. Os slots DIMM nesse servidor são identificados pelo número e pela letra. As letras identificam os slots a serem ocupados para modos AMP específicos. Os números dos slots são reportados por mensagens ROM durante a inicialização e para relatório de erros. DIMMs de classificação simples, dupla e quádrupla Para entender e configurar os modos de proteção de memória corretamente, é útil entender DIMMs de classificação simples, dupla e quádrupla. Determinados requisitos de configuração de DIMMs baseiam-se nessas classificações. DIMM de classificação simples tem um conjunto de chips de memória que são acessados enquanto grava em ou lê da memória. DIMM de classificação dupla é semelhante a ter dois DIMMs de classificação simples no mesmo módulo, com somente uma classificação acessível de cada vez. PTWW Opções de memória (servidores ML150 G6) 19
  29. 29. DIMMs de classificação quádrupla são, efetivamente, dois DIMMs de classificação dupla no mesmo módulo. Somente uma classificação é acessível de cada vez. O subsistema de controle de memória do servidor seleciona a classificação correta dentro do DIMM ao gravar em ou ler do DIMM. DIMMs de classificação dupla e quádrupla fornecem a maior capacidade com a tecnologia de memória existente. Por exemplo, se a tecnologia DRAM atual suporta DIMMs de classificação dupla de 2 GB, um DIMM de classificação dupla seria de 4 GB, e um DIMM de classificação quádrupla seria de 8 GB. Identificação de DIMM NOTA: Este servidor pode não suportar a mistura de RDIMMs e UDIMMs. A tentativa de misturar esses dois tipos pode fazer o servidor parar durante a inicialização do BIOS. O subsistema de memória pode ser ocupado com RDIMMs ou UDIMMs, mas misturar os dois tipos não é suportado. Para determinar as características do DIMM, use a etiqueta anexada ao DIMM e a ilustração e a tabela a seguir. Item Descrição Definição 1 Tamanho — 2 Classificação 1R = Classificação simples 2R = Classificação dupla 4R = Classificação quádrupla 3 Largura de dados x4 = 4 bits x8 = 8 bits 4 Velocidade de memória 10600 = 1333 MHz 8500 = 1066 MHz 5 Tipo de DIMM R = RDIMM (registrado) E = UDIMM (sem buffer com ECC) Para obter as informações mais recentes sobre memórias suportadas, consulte as Especificações rápidas no site da HP (http://www.hp.com). Configurações de memória Para otimizar a disponibilidade do servidor, o servidor suporta ECC Avançada, que fornece a maior capacidade de memória para um tamanho de DIMM determinado, enquanto fornece correção de erros de até 8 bits, dependendo do tipo de DIMM específico. Esse modo é a opção padrão para esse servidor. As opções de Proteção de memória avançada estão configuradas no RBSU. Se o modo AMP solicitado não for compatível com a configuração dos DIMMs instalados, o servidor será inicializado no modo ECC Avançado. Para obter mais informações, consulte "HP ROM-Based Setup Utility (Utilitário de instalação baseado em ROM da HP)(RBSU na página 35)". Para obter as informações mais recentes sobre configuração de memória, consulte as Especificações rápidas no site da HP (http://www.hp.com). 20 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  30. 30. Configurações máximas de memória RDIMM A tabela a seguir lista a configuração máxima de memória possível com RDIMMs de 4 GB. Classificação Processador único Processador duplo Classificação simples 24 GB 48 GB Classificação dupla 24 GB 48 GB Classificação quádrupla 24 GB 48 GB Configurações máximas de memória UDIMM O servidor suporta no máximo 12 GB com um processador e 24 GB com dois processadores usando UDIMMs simples ou duplos de 2 GB. Configuração de memória ECC Avançada A memória ECC Avançada é o modo de proteção de memória padrão desse servidor. ECC padrão pode corrigir erros de memória de bit único e detectar erros de memória de vários bits. Quando erros de vários bits são detectados usando ECC padrão, o erro é sinalizado para o servidor e faz o servidor parar. ECC Avançada protege o servidor contra alguns erros de memória de vários bits. ECC Avançada pode corrigir erros de memória de bit único e erros de memória de 4 bits, se todos os bits com falha estiverem no mesmo dispositivo DRAM no DIMM. O ECC Avançada fornece proteção adicional superior ao ECC Padrão, pois é possível corrigir alguns erros de memória que não seriam corrigidos de outra forma e resultariam em uma falha do servidor. O servidor fornece notificação de que eventos de erros corrigíveis excederam uma taxa limite predefinida. Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM Observe as seguintes diretrizes para todos os modos AMP: ● Ocupe slots de DIMM para um processador somente se o processador estiver instalado. ● Para maximizar o desempenho em configurações de vários processadores, distribua a capacidade de memória total entre todos os processadores do modo mais uniforme possível. ● Não misture DIMMs PC3 sem buffer e registrados. ● Cada canal suporta até dois DIMMs sem buffer. ● Se DIMMs de classificação quádrupla forem instaladas para um processador, no máximo dois DIMMs poderão ser instalados em cada canal para esse processador. Se um canal contiver DIMMs de classificação quádrupla, eles deverão ser instalados primeiro nesse canal. As velocidades do DIMM são suportadas como indicado na tabela a seguir. Slots ocupados (por canal) Classificação Velocidades suportadas (MHz) 1 Classificação simples ou dupla 800, 1333, 1066 PTWW Opções de memória (servidores ML150 G6) 21
  31. 31. Slots ocupados (por canal) Classificação Velocidades suportadas (MHz) 1 Classificação quádrupla 800, 1066 2 Classificação simples ou dupla 800, 1066 2 Classificação simples, dupla e quádrupla 800 Diretrizes de ocupação de ECC Avançada Para configurações do modo de ECC Avançada, observe as seguintes diretrizes: ● Observe as diretrizes gerais sobre ocupação de slot de DIMM (Diretrizes gerais sobre ocupação do slot de DIMM na página 21). ● DIMMs podem ser instalados individualmente. Ordem de ocupação da ECC Avançada de processador único Para configurações do modo ECC Avançado com um processador único, ocupe os slots de DIMM na seguinte ordem: ● RDIMM: Sequencialmente em ordem alfabética (de A a F) ● UDIMM: Sequencialmente em ordem alfabética (de A a F). Ordem de ocupação da ECC Avançada de vários processadores Para configurações do modo ECC Avançado com vários processadores, ocupe os slots de DIMM para cada processador na seguinte ordem: ● RDIMM: Sequencialmente em ordem alfabética (de A a F) ● UDIMM: Sequencialmente em ordem alfabética (de A a F). Opcionais da placa de expansão Para obter instruções específicas sobre a instalação de placas de expansão no servidor, consulte a folha de instalação que acompanha o servidor. CUIDADO: Para evitar danos ao servidor ou às placas de expansão, desligue o equipamento e desconecte os cabos de alimentação CA antes de remover ou instalar as placas de expansão. Para instalar o componente: 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Para servidores ML110 G6, estenda o servidor pelo rack. 3. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 4. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 22 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  32. 32. 5. Abra a trava da tampa do slot: ◦ Servidor HP ProLiant ML110 G6 ◦ Servidor HP ProLiant ML150 G6 CUIDADO: Para evitar problemas no resfriamento e danos térmicos, não opere o servidor a menos que todos os slots PCI disponham de tampa ou placa de expansão instalada. PTWW Opcionais da placa de expansão 23
  33. 33. 6. Remova a tampa do slot de expansão. NOTA: Talvez seja necessário remover a tampa do slot próxima ao slot no qual está instalando a placa. 7. Instale a placa de expansão. 8. Feche a trava da tampa do slot. 9. Conecte os cabos internos necessários à placa de expansão. Para obter mais informações, consulte a documentação que acompanha a placa de expansão. 10. Instale o painel de acesso. 11. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack. 24 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  34. 34. 12. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor de volta para o rack. 13. Conecte os cabos externos necessários à placa de expansão. 14. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Instalando um controlador de armazenamento NOTA: Para obter informações adicionais sobre instalação e configuração, consulte a documentação que acompanha a opção. Para instalar o componente: 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Para servidores ML110 G6, estenda o servidor pelo rack. 3. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 4. Remova o servidor do rack. 5. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 6. Para servidores ML150 G6, remova o componente da placa de suporte PCI. Para obter instruções, consulte a folha de instalação do servidor. 7. Para servidores ML150 G6, remova os cabos do disco rígido. 8. Instale o controlador de armazenamento em um slot de expansão PCIe2 x16 de altura e comprimento completos (Opcionais da placa de expansão na página 22). Para obter instruções específicas do servidor, consulte a folha de instalação do servidor. 9. Conecte o cabo do controlador de armazenamento ao controlador e ao disco rígido. Para obter instruções específicas de servidor, consulte a folha de instalação e a documentação que acompanha o controlador de armazenamento. NOTA: O servidor não ligará se o componente da placa de suporte PCI não estiver colocado corretamente. 10. Para servidores ML150 G6, instale o componente da placa de suporte PCI. Para obter instruções específicas de servidor, consulte a folha de instalação e a documentação que acompanha o controlador de armazenamento. 11. Instale o painel de acesso. 12. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack. PTWW Instalando um controlador de armazenamento 25
  35. 35. 13. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor de volta para o rack. 14. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Instalação de DIMMs CUIDADO: Para evitar danos às unidades de disco rígido, à memória e a outros componentes do sistema, a placa defletora de ar, o painel cego da unidade e o painel de acesso deverão ser instalados quando o servidor for ligado. 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Para servidores ML110 G6, estenda o servidor pelo rack. 3. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 4. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 5. Remova a placa defletora de ar. Para obter mais informações, consulte a folha de instalação do servidor no site da HP (http://www.hp.com/go/bizsupport). 6. Abra as travas do slot DIMM. 7. Instale o DIMM. 8. Instale a placa defletora de ar. 9. Instale o painel de acesso. 26 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  36. 36. 10. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack. 11. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor de volta para o rack. Se você estiver instalando DIMMs em configuração de sincronia, configure esse modo no RBSU (RBSU na página 35). Para obter mais informações sobre LEDS e solução de problemas de DIMMs com falha, consulte a folha de instalação do servidor no site da HP (http://www.hp.com/go/bizsupport). Opcional de bateria com cache de gravação de bateria reserva CUIDADO: Para evitar o mau funcionamento do servidor ou danos ao equipamento, não coloque nem retire a bateria enquanto estiverem em andamento uma expansão de capacidade de matriz, uma migração em nível de RAID ou uma migração de tamanho de faixa. CUIDADO: Depois que o servidor for desligado, aguarde 15 minutos e verifique o LED amarelo antes de desconectar o cabo do módulo de cache. Se o LED amarelo piscar depois dos 15 segundos, não retire o cabo do módulo de cache. O módulo de cache está fazendo backup dos dados e os dados serão perdidos se o cabo for desconectado. NOTA: Talvez a bateria estivesse com pouca carga quando foi instalada. Nesse caso, uma mensagem de erro POST é exibida quando o servidor é ligado, indicando que a bateria está temporariamente desativada. Você não precisa fazer nada. O circuito interno recarrega e ativa automaticamente as baterias. Esse processo pode levar até quatro horas. Durante esse tempo, o módulo de cache funciona corretamente, mas sem a vantagem de desempenho oferecida pelas baterias. NOTA: isso se aplica também à proteção de dados e ao limite de tempo no caso de perda de energia. Após a restauração da energia do sistema, um processo de inicialização grava os dados preservados nas unidades de disco rígido. Para instalar o componente: 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Para servidores ML110 G6, estenda o servidor pelo rack. 3. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 4. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 5. Instale o controlador de armazenamento, se não estiver instalado (Instalando um controlador de armazenamento na página 25). PTWW Opcional de bateria com cache de gravação de bateria reserva 27
  37. 37. 6. Instale o módulo de cache no controlador. 7. Conecte o cabo ao módulo de cache. 8. Instale a bateria. 28 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  38. 38. 9. Conecte o cabo ao controlador. 10. Posicione o cabo. 11. Instale o painel de acesso. 12. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack. 13. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor de volta para o rack. 14. Instale o servidor no rack. 15. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Instalando o módulo FBWC e o capacitor Para instalar o componente: CUIDADO: O conector do módulo de cache não usa o diagrama do mini DIMM DDR3 padrão do setor. Não use esse controlador com módulos de cache projetados para outros modelos de controladores, porque o controlador pode funcionar incorretamente e você pode perder dados. Além disso, não transfira esse módulo de cache para um modelo de controlador não suportado, porque você poderá perder dados. 1. Faça backup de todos os dados. 2. Feche todos os aplicativos. 3. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). CUIDADO: Em sistemas que usam armazenamento de dados externo, verifique se o servidor é a primeira unidade a ser desligada e a última a ser ligada de volta. Essa precaução garante que o sistema não marque indevidamente as unidades como com falha quando o servidor é ligado. 4. Para servidores ML110 G6, estenda o servidor pelo rack. PTWW Instalando o módulo FBWC e o capacitor 29
  39. 39. 5. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 6. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 7. Instale o controlador de armazenamento, se não estiver instalado (Instalando um controlador de armazenamento na página 25). 8. Conecte o cabo do capacitor ao conector no alto do módulo de cache. 9. Instale o módulo de cache. 30 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  40. 40. 10. Instale o capacitor. 11. Posicione o cabo. 12. Instale o painel de acesso. 13. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack. 14. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor no rack. 15. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Opção Módulo para Plataforma Confiável (TPM) da HP Siga estas instruções para instalar e habilitar um TPM em um servidor compatível. Este procedimento se divide em três seções: 1. Instalar a placa do TPM (Instalar a placa do TPM na página 32). 2. Guardar a senha/chave de recuperação (Guardar a senha/chave de recuperação na página 33). 3. Habilitar o TPM (Habilitar o TPM na página 34). Habilitar o TPM exige acesso ao RBSU (RBSU na página 35). Para obter mais informações sobre RBSU, consulte o site da HP (http://www.hp.com/go/ilomgmtengine/docs). A instalação do TPM exige o uso de tecnologia de criptografia de unidades, como o recurso de Criptografia de unidades Microsoft Windows BitLocker. Para obter mais informações sobre o BitLocker, consulte o site da Microsoft (http://www.microsoft.com). CUIDADO: Observe sempre as diretrizes deste documento. O descumprimento dessas diretrizes pode causar danos ao hardware ou interromper o acesso aos dados. PTWW Opção Módulo para Plataforma Confiável (TPM) da HP 31
  41. 41. Ao instalar ou substituir um TPM, observe as diretrizes a seguir: ● Não remova um TPM instalado. Uma vez instalado, o TPM se torna uma parte permanente da placa do sistema. ● Ao instalar ou substituir hardware, os fornecedores de serviços HP não podem ativar o TPM ou a tecnologia de criptografia. Por questões de segurança, somente o cliente pode ativar esses recursos. ● Ao devolver uma placa de sistema para substituição de serviço, não remova o TPM da placa do sistema. Quando solicitado, o Serviço HP oferece um TPM com a placa de sistema sobressalente. ● Qualquer tentativa de remover um TPM instalado da placa do sistema romperá ou desfigurará o rebite de segurança do TPM. Após localizar um rebite rompido ou desfigurado em um TPM instalado, os administradores devem considerar o sistema comprometido e tomar as devidas providências para garantir a integridade dos dados do sistema. ● Ao usar o BitLocker, guarde sempre a senha/chave de recuperação. A senha/chave de recuperação é necessária para entrar em Modo de recuperação depois que o BitLocker detecta uma possível concessão com a integridade do sistema. ● A HP não é responsável pelo bloqueio do acesso aos dados causado pelo uso indevido do TPM. Para obter instruções de operação, consulte a documentação do recurso de tecnologia de criptografia fornecido pelo sistema operacional. Instalar a placa do TPM AVISO! Para reduzir o risco de acidentes, choques elétricos ou danos ao equipamento, remova o cabo de força para suspender a alimentação ao servidor. O botão Ligar/Espera do painel frontal não suspende totalmente a alimentação ao sistema. Partes da fonte de alimentação e alguns circuitos internos permanecerão ativos até que a força CA seja removida. AVISO! Para reduzir o risco de acidentes causados por superfícies quentes, deixe as unidades e componentes internos do sistema esfriarem antes de tocá-los. 1. Desligamento do servidor (Desligamento do servidor na página 1). 2. Para servidores ML110 G6, estenda o servidor pelo rack. 3. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Destrave e remova o painel (Remova o painel da torre (servidores ML150 G6) na página 2). ◦ Desloque o servidor do rack. 4. Coloque o servidor em uma superfície de trabalho plana. 5. Remova o painel de acesso (Remova o painel de acesso na página 1). 6. Localize o conector TPM Para obter mais informações, consulte a etiqueta anexada ao painel de acesso do servidor. CUIDADO: Qualquer tentativa de remover um TPM instalado da placa do sistema romperá ou desfigurará o rebite de segurança do TPM. Após localizar um rebite rompido ou desfigurado em um TPM instalado, os administradores devem considerar o sistema comprometido e tomar as devidas providências para garantir a integridade dos dados do sistema. 32 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  42. 42. 7. Instale a placa do TPM. Pressione o conector para encaixá-lo na placa. 8. Instale o rebite de segurança do TPM pressionando-o com firmeza na placa do sistema. 9. Instale o painel de acesso. 10. Para servidores ML110 G6, deslize o servidor de volta para o rack. 11. Para servidores ML150 G6, siga um destes procedimentos: ◦ Feche ou instale o painel da torre, conforme a necessidade. ◦ Deslize o servidor de volta para o rack. 12. Ligue o servidor (Ligação do servidor na página 1). Guardar a senha/chave de recuperação A senha/chave de recuperação é gerada durante a configuração do BitLocker™ e pode ser salva e impressa após a desabilitação do BitLocker™. Ao usar o BitLocker™, guarde sempre a senha/chave de recuperação. A senha/chave de recuperação é necessária para entrar em Modo de recuperação depois que o BitLocker™ detecta uma possível concessão com a integridade do sistema. PTWW Opção Módulo para Plataforma Confiável (TPM) da HP 33
  43. 43. Para ajudar a garantir máxima segurança, observe as diretrizes a seguir ao guardar a senha/chave de recuperação: ● Sempre armazene a senha/chave de recuperação em vários locais. ● Sempre armazene cópias da senha/chave de recuperação fora do servidor. ● Não salve a senha/chave de recuperação na unidade de disco rígido criptografada. Habilitar o TPM Pressione a tecla F10 para acessar a configuração do BIOS Consulte as informações da configuração do BIOS para obter os procedimentos específicos para habilitar o TPM em um servidor ProLiant Série 100 ou um ProLiant MicroServer. CUIDADO: Quando um TPM é instalado e habilitado no servidor, o acesso aos dados é bloqueado se você não segue os procedimentos adequados para atualizar o sistema ou o firmware opcional, substituir a placa do sistema, substituir uma unidade de disco rígido ou modificar as configurações de TPM de aplicativo do sistema operacional. Para obter mais informações sobre atualizações de firmware e procedimentos de hardware, consulte HP Trusted Platform Module Best Practices White Paper no site da HP (http://www.hp.com/support). Para obter mais informações sobre como ajustar o uso do TPM no BitLocker™, consulte o site da Microsoft (http://technet.microsoft.com/en-us/library/cc732774.aspx). 34 Capítulo 3 Instalação de hardware opcional PTWW
  44. 44. 4 Utilitários de software e de configuração Nesta seção RBSU na página 35 Array Configuration Utility (utilitário de configuração de array) na página 37 Option ROM Configuration for Arrays na página 38 HP Insight Diagnostics (Diagnóstico HP Insight) na página 38 Ferramentas de gerenciamento na página 38 Ferramentas remotas de suporte e análise na página 40 Atualizar o sistema na página 40 Recurso SATA RAID incorporado na página 41 Instalação do driver SATA RAID incorporado na página 42 Instalação de um sistema operacional na página 44 RBSU O RBSU, um utilitário de configuração incorporado, realiza uma ampla gama de atividades de configuração, que podem incluir: ● Configuração de dispositivos de sistema e opcionais instalados ● Exibição de informações de sistema ● Seleção do controlador de inicialização primário ● Configuração de opcionais de memória Para obter mais informações sobre o RBSU, consulte o Guia do usuário do HP ROM-Based Setup Utility no CD de documentação ou visite o site da HP (http://www.hp.com/support/smartstart/ documentation). Utilizar o RBSU Para usar o RBSU, use as seguintes teclas: ● Para acessar o RBSU, pressione a tecla F10 durante a inicialização, quando solicitado. ● Para navegar no sistema de menu, use as teclas de seta. ● Para fazer seleções, pressione a tecla Enter. ● Para acessar a Ajuda para uma opção de configuração realçada, pressione a tecla F1. PTWW RBSU 35
  45. 45. NOTA: O RBSU salva automaticamente as configurações quando a tecla Enter é pressionada. O utilitário não solicita a confirmação das configurações antes de seu encerramento. Para alterar uma configuração, selecione outra configuração e pressione a tecla Enter. As definições de configuração padrão são aplicadas ao servidor em um dos seguintes momentos: ● Na primeira inicialização do sistema ● Após a restauração dos padrões As definições de configuração padrão são suficientes para o funcionamento adequado típico do servidor, mas elas podem ser modificadas usando o RSBU. O sistema vai solicitar acesso ao RBSU a cada inicialização. Processo de configuração automática O processo de configuração automática é executado automaticamente na primeira inicialização do servidor. Durante a sequência de inicialização, o ROM do sistema configura automaticamente todo o sistema, sem que seja necessária qualquer intervenção. Durante este processo, o utilitário ORCA, na maioria dos casos, configura automaticamente o array para uma configuração padrão com base no número de unidades conectadas ao servidor. NOTA: O servidor pode não suportar todos os exemplos a seguir. NOTA: Se a unidade de inicialização não estiver vazia ou tiver sido usada anteriormente, o ORCA não configurará automaticamente o array. É necessário executar o ORCA para configurar o array. Configuração da unidade Função RAID (controlador Smart Array) Função RAID (software) 2 0 ou 1 0 ou 1 3 5 — 4 6 ou 10 10 6 50 — 8 60 — Para modificar quaisquer configurações padrão do ORCA e cancelar o processo de configuração automática, pressione a tecla F8 quando solicitado. Para modificar quaisquer configurações padrão do processo de configuração automática (como as configurações de idioma, sistema operacional e controlador de inicialização primário), execute o RBSU pressionando a tecla F10 quando solicitado. Depois de selecionar as configurações, feche o RBSU e deixe que o servidor seja reinicializado automaticamente. Para obter mais informações sobre o RBSU, consulte o Guia do usuário do HP ROM-Based Setup Utility no CD de documentação ou visite o site da HP (http://www.hp.com/support/smartstart/ documentation). 36 Capítulo 4 Utilitários de software e de configuração PTWW
  46. 46. Opções de inicialização Perto do fim do processo de inicialização, a tela de opções de inicialização é exibida. Essa tela permanece visível por vários segundos até que o sistema tente inicializar usando um dispositivo de inicialização compatível. Nesse momento, você pode fazer o seguinte: ● Acessar o RBSU pressionando a tecla F10. ● Forçar uma inicialização da Rede PXE pressionando a tecla F12. Console serial do BIOS O Console serial do BIOS permite a configuração da porta serial para visualizar mensagens de erro de POST e executar remotamente o RBSU, através de uma conexão serial com a porta COM do servidor. O servidor que está sendo configurado remotamente não exige teclado e mouse. Para obter mais informações sobre o Console serial do BIOS, consulte o Guia do usuário do Console serial do BIOS no CD de documentação ou visite o site da HP (http://www.hp.com/support/smartstart/ documentation). Array Configuration Utility (utilitário de configuração de array) O ACU é um utilitário com base na Web que possui os seguintes recursos: ● É executado como aplicativo local ou serviço remoto. ● Suporta expansão de capacidade de matriz on-line, extensão de unidade lógica, atribuição de sobressalentes on-line e RAID ou migração de tamanho de faixa. ● Sugere a configuração ideal para um sistema não configurado ● Oferece diferentes modos de operação, permitindo uma configuração mais rápida ou maior controle sobre as opções de configuração ● Continua disponível a qualquer momento enquanto o servidor estiver ligado ● Exibe dicas na tela para etapas individuais de um procedimento de configuração ● Desde a versão 8.28.13.0 do ACU, oferece funcionalidade de diagnóstico na guia Diagnóstico (anteriormente conhecida como Utilitário de Diagnóstico de Matriz). Para o desempenho ideal, as configurações mínimas de exibição são: resolução de 1024 × 768 e cores de 16 bits. Os servidores que executarem os sistemas operacionais da Microsoft® exigem um dos seguintes navegadores suportados: ● Internet Explorer 6.0 ou posterior ● Mozilla Firefox 2.0 ou posterior Para servidores Linux, consulte o arquivo README.TXT para obter informações adicionais sobre navegador e suporte. Para obter mais informações sobre o controlador e seus recursos, consulte o HP Smart Array Controllers for HP ProLiant Servers User Guide (Guia do usuário dos controladores de Smart Array para servidores ProLiant da HP) no site da HP (http://bizsupport2.austin.hp.com/bc/docs/support/ SupportManual/c01608507/c01608507.pdf). Para configurar matrizes, consulte o Configuring Arrays on HP Smart Array Controllers Reference Guide (Guia de referência de como configurar matrizes nos controladores Smart Array da HP) no site da HP (http://bizsupport1.austin.hp.com/bc/docs/support/ SupportManual/c00729544/c00729544.pdf). PTWW Array Configuration Utility (utilitário de configuração de array) 37
  47. 47. Option ROM Configuration for Arrays Antes de instalar um sistema operacional, é possível usar o utilitário ORCA para criar a primeira unidade lógica, atribuir níveis de RAID e estabelecer configurações sobressalentes on-line. O utilitário também oferece suporte às funções a seguir: ● Reconfiguração de uma ou mais unidades lógicas ● Exibição da configuração da unidade lógica atual ● Exclusão da configuração de uma unidade lógica ● Configuração do controlador para ser o controlador de inicialização ● Selecionando o volume de inicialização Caso o utilitário não seja usado, o ORCA será predeterminado como a configuração padrão. Para obter mais informações sobre as configurações padrão que o ORCA usa, consulte o Guia do usuário do HP ROM-Based Setup Utility no CD de documentação. Para obter mais informações sobre o controlador e seus recursos, consulte o HP Smart Array Controllers for HP ProLiant Servers User Guide (Guia do usuário dos controladores de Smart Array para servidores ProLiant da HP) no site da HP (http://bizsupport2.austin.hp.com/bc/docs/support/ SupportManual/c01608507/c01608507.pdf). Para configurar matrizes, consulte o Configuring Arrays on HP Smart Array Controllers Reference Guide (Guia de referência de como configurar matrizes nos controladores Smart Array da HP) no site da HP (http://bizsupport1.austin.hp.com/bc/docs/support/ SupportManual/c00729544/c00729544.pdf). HP Insight Diagnostics (Diagnóstico HP Insight) O utilitário HP Insight Diagnostics (Diagnóstico HP Insight) exibe informações sobre o hardware do servidor e testa o sistema para assegurar seu funcionamento adequado. O utilitário possui sistema de ajuda on-line e pode ser acessado utilizando-se o CD de instalação fácil. Ferramentas de gerenciamento Lista de ferramentas: Utilitário ROMPaq na página 38 Tecnologia Lights-Out 100i na página 39 Unidades de disquete e de CD-ROM virtuais HP Integrated Lights-Out na página 39 Suporte para USB na página 39 Utilitário ROMPaq O utilitário ROMPaq permite atualizar o firmware do sistema (BIOS). Para atualizar o firmware, insira a chave USB do ROMPaq em uma porta USB disponível e inicialize o sistema. Além do ROMPaq, os Componentes de flash on-line para sistemas operacionais Windows e Linux estão disponíveis para atualizar o firmware do sistema. O utilitário ROMPaq verifica o sistema e permite a escolha de revisões de firmware disponíveis, caso haja mais de uma. 38 Capítulo 4 Utilitários de software e de configuração PTWW
  48. 48. Para obter mais informações, consulte os drivers para Download e a página de software para o servidor. Para acessar a página específica do servidor, insira o seguinte endereço da Web no navegador: http://www.hp.com/support/<nomedoservidor> Por exemplo: http://www.hp.com/support/dl360g6 Tecnologia Lights-Out 100i O subsistema LO100i é um componente padrão de servidores ProLiant selecionados que oferece integridade de servidor e gerenciamento de servidor remoto. O subsistema LO100i inclui uma interface de rede dedicada ou compartilhada. Este modelo torna o LO100i independente do servidor host e de seu sistema operacional. O subsistema LO100i oferece acesso remoto a qualquer cliente de rede autorizado, envia alertas e oferece outras funções de gerenciamento de servidor. Com o LO100i, você poderá fazer o seguinte: ● Ligar, desligar ou reinicializar remotamente o servidor host ● Enviar alertas a partir do LO100i, independentemente do estado do servidor host ● Acessar os recursos de solução de problemas por meio da interface do LO100i ● Integrar com o HP SIM Para obter mais informações sobre os recursos do LO100i, consulte a documentação do LO100i no site da HP (http://www.hp.com/servers/lights-out). Unidades de disquete e de CD-ROM virtuais HP Integrated Lights-Out O LO100i fornece funcionalidade de unidades de disquete e de CD-ROM por meio dos recursos de disquete e de CD-ROM virtuais do LO100i. Para obter informações detalhadas sobre o LO100i, consulte o HP Integrated Lights-Out User Guide Guia do usuário do HP Integrated Lights-Out no site da HP (http://www.hp.com/servers/lights-out). Suporte para USB A HP fornece suporte tanto para USB 2.0 padrão quanto para legacy USB 2.0. O suporte padrão é fornecido pelo sistema operacional, por meio dos drivers de dispositivos USB adequados. Antes do carregamento do sistema operacional, a HP fornece suporte a dispositivos USB por meio de suporte a legacy USB, ativado por padrão na ROM do sistema. O suporte para legacy USB possibilita funcionalidade USB em ambientes onde o suporte para USB não está normalmente disponível. Especificamente, a HP fornece funcionalidade legacy USB para: ● POST ● Utilitário de Configuração Baseado na ROM ● Diagnostics ● DOS ● Ambientes operacionais que não fornecem compatibilidade USB nativa PTWW Ferramentas de gerenciamento 39
  49. 49. Ferramentas remotas de suporte e análise Lista de ferramentas: Software do HP Insight Remote Support na página 40 Software do HP Insight Remote Support O software do HP Insight Remote Support oferece suporte remoto seguro para os seus servidores e armazenamento HP, 24 horas por dia, 7 dias por semana, para você poder passar menos tempo resolvendo problemas e mais tempo concentrado nos negócios. Os sistemas podem ser monitorados remotamente para detecção de falha de hardware usando uma tecnologia segura que foi comprovada em milhares de empresas do mundo todo. Em muitos casos, é possível evitar problemas antes que ocorram. São duas as soluções do HP Insight Remote Support: ● Para ambientes de pequenas e médias empresas: o HP Insight Remote Support Standard oferece monitoração remota básica, notificação/conselheiros e despacho de serviço. Ele é otimizado para ambientes com 1 a 50 servidores e pode ser instalado em um servidor de aplicativos HP ProLiant Windows compartilhado. O software oferece suporte a dispositivos de armazenamento HP EVA, servidores HP ProLiant, BladeSystems, HP Integrity e HP 9000 com Microsoft Windows, Red Hat Enterprise Linux e Novell SUSE. Faça download do site da HP (http://h20392.www2.hp.com/portal/swdepot/displayProductInfo.do? productNumber=RSSWMBASE). ● Para ambientes de médias e grandes empresas: o HP Insight Remote Support Pack (ex-Service Essentials Remote Support Pack) é destinado a ambientes de grandes empresas e integrado ao HP Systems Insight Manager (SIM). Ele oferece monitoração remota abrangente, notificação/ conselheiros, despacho e suporte de serviço proativo a praticamente todos os ambientes SAN, de rede, de armazenamento e de servidores HP, além de servidores Windows da Dell e IBM selecionados que tenham um compromisso de suporte com a HP. Também permite que a HP ofereça os mais altos níveis de suporte proativo em linha com os acordos de suporte HP Mission Critical Services. Faça download do site da HP (http://h20392.www2.hp.com/portal/ swdepot/displayProductInfo.do?productNumber=ISDVD). Ambas as soluções do HP Insight Remote Support estão disponíveis sem custo adicional para clientes com garantia válida em tecnologia HP, HP Care Pack Service ou acordo de suporte contratual HP. Para obter mais informações, consulte o site da HP (http://www.hp.com/go/insightremotesupport). Atualizar o sistema Lista de ferramentas: Drivers na página 41 Compatibilidade com a versão do sistema operacional na página 41 Escolha do assinante na página 41 40 Capítulo 4 Utilitários de software e de configuração PTWW

×