www. i br apnl . com. br | 31 33721308
SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO
O mapa não é o território
VISUAL
AUDITIVO
OLFATIVO
GUSTATIVO
CINESTÉSICO
PROCESSAMENTO DE IMAGENS
PROCESSAMENTO DE SONS E RÍTMOS.
PROCESSAMENTO DE S...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
SISTEMAS DE
REPRESENTAÇÃO
• Tripla função:
 Canal sensorial.
 Comunicação.
 Repr...
VISUAL V
VV
V V
R C
I E
VISUAL
INTERNO
VISUAL
EXTERNO
VISUAL
RECORDADO
VISUAL
CONSTRUIDO
AUDITIVO A
AA
A
A A
A
AUDITIVO
IN...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
PALAVRAS PROCESSO
• Palavras que indicam o sistema de
representação em que uma pess...
VISUAIS AUDITIVOS CINESTÉSICOS INESPECÍFICOS
VER OUVIR SENTIR PERCEBER
IMAGINAR DISCUTIR EMOCIONAR PENSAR
OLHAR ESCUTAR TA...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
EXERCÍCIO
• Completar o quadro da página 11 com o
máximo de palavras processo possí...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
EXERCÍCIO _ PALAVRAS
PROCESSO
FASE 1 FASE 2 FASE 3
EXEMPLAR ESCOLHE UM TEMA
PARA CO...
E MOD
M.A.
ESCOLHE UM
ASSUNTO PARA
CONVERSAR COM
O MODELADOR.
CONVERSA
NORMALMENTE.
ANOTA AS PALAVRAS
PROCESSO DITAS
PELO ...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
EXERCÍCIO _ PALAVRAS
PROCESSO
FASE 1 FASE 2 FASE 3
EXEMPLAR ESCOLHE UM TEMA
PARA CO...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
EXERCÍCIO
• Complete o quadro da página 13.
Significado Cinestésico Visual Auditivo
Eu estou te
entendendo.
Quero te mostrar
uma coisa.
Ponha-me mais
em contato com o...
TARDE EM ITAPOÃ
Um velho calção de banho,
O dia pra vadiar,
O mar que não tem tamanho.
E um arco-íris no ar...
Depois a Pr...
TARDE EM ITAPOÃ
Um velho calção de banho,
O dia pra vadiar,
O mar que não tem tamanho.
E um arco-íris no ar...
Depois a Pr...
CANAL RESPIRAÇÃO
TOM DE
VOZ
GESTOS
MOVIMENTOS
OCULARES
V
A
K
ALTA
NO PEITO
MÉDIA
NO
DIAFRAGMA
BAIXA
NA
BARRIGA
AGUDO
MÉDIO...
EU TE
AMO
EU TE
AMO
EU TE
AMO
EXERCÍCIO
E
MOD
M.A.
DIZ UMA MESMA
FRASE UTILIZANDO,
CADA HORA, UM
SISTEMA DE
REPRESENTAÇÃO
...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
EXERCÍCIO
AÇÃO 1 AÇÃO 2
EXEMPLAR DIZ UMA MESMA
FRASE, USANDO
VISUAL AUDITIVO E
CINE...
E
MOD
M.A.1
M.A.2
FAZ PERGUNTAS PARA
DESCUBRIR QUE ACESSO
OCULAR O EXEMPLAR FAZ
PARA CADA SIST. REP.
*DEVEM SER
FEITAS PEL...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
EXERCÍCIO _ ACESSOS
OCULARES
FASE 1 (GRUPO TODO) FASE 2
EXEMP GRUPO TRABALHA EM CON...
V V
R C
A A A
R C I
D
K
DIREITA
P/ BAIXO
ESQUERDA
P/ BAIXO
ESQUERDA
NIVELADOS
DIREITA
NIVELADOS
ESQUERDA
P/ CIMA
DIREITA
P...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
OVERLAPPING _ TÉCNICA
• CONSISTE EM LEVAR UMA EXPERIÊNCIA QUE É REPRESENTADA
NUM SI...
www. i br apnl . com. br | 31 33721308
OVERLAP
• OVERLAP = SOBREPOSIÇÃO OU INTERSEÇÃO.
INDICA INTERCONEXÃO ENTRE SENTIDOS....
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

IbraPNL - Mod 01 - Sistemas de Representação

892 visualizações

Publicada em

Sistemas de Representação

Publicada em: Serviços
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
892
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

IbraPNL - Mod 01 - Sistemas de Representação

  1. 1. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO O mapa não é o território
  2. 2. VISUAL AUDITIVO OLFATIVO GUSTATIVO CINESTÉSICO PROCESSAMENTO DE IMAGENS PROCESSAMENTO DE SONS E RÍTMOS. PROCESSAMENTO DE SENSAÇÕES, SENTIMENTOS, EMOÇÕES. PROCESSAMENTO DE CHEIROS. PROCESSAMENTO DE GOSTOS. SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO
  3. 3. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 SISTEMAS DE REPRESENTAÇÃO • Tripla função:  Canal sensorial.  Comunicação.  Representação.
  4. 4. VISUAL V VV V V R C I E VISUAL INTERNO VISUAL EXTERNO VISUAL RECORDADO VISUAL CONSTRUIDO AUDITIVO A AA A A A A AUDITIVO INTERNO AUDITIVO EXTERNO AUDITIVO RECORDADO CINEST. RECORDADO AUDITIVO CONSTRUIDO CINEST. CONSTRUIDO CINEST. EXTERNO CINEST. INTERNO AUDITIVO DIÁLOGO INTERNO AUDITIVO TONAL I E R C I D T CINESTÉSICO CINEST. POSITIVO CINEST. NEGATIVO K K K K K K K I E R C - + NOTAÇÃO
  5. 5. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 PALAVRAS PROCESSO • Palavras que indicam o sistema de representação em que uma pessoa está fazendo um processamento interno. • Palavras que não indicam um processamento não são palavras processo. Ex: beber. • Muitas vezes o contexto será necessário para que fique claro qual sistema de representação está sendo utilizado.
  6. 6. VISUAIS AUDITIVOS CINESTÉSICOS INESPECÍFICOS VER OUVIR SENTIR PERCEBER IMAGINAR DISCUTIR EMOCIONAR PENSAR OLHAR ESCUTAR TATEAR OBSERVAR BRILHO SOM TOCAR SABER FOCO TIMBRE QUENTE CONHECER PERSPECTIVA VOLUME ÚMIDO COMPREENDER COR SINTONIA MACIO APRENDER NITIDEZ HARMONIA FIRME MUDAR CONTRASTE SIBILO TENSO CONSIDERAR ILUMINADO GRITO PRESSÃO INTUIR DISTÂNCIA CADÊNCIA DURO AVALIAR TAMANHO RITMO TERNO LEMBRAR PALAVRAS PROCESSO
  7. 7. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 EXERCÍCIO • Completar o quadro da página 11 com o máximo de palavras processo possíveis. • Trabalhar em grupos.
  8. 8. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 EXERCÍCIO _ PALAVRAS PROCESSO FASE 1 FASE 2 FASE 3 EXEMPLAR ESCOLHE UM TEMA PARA CONVERSAR. SAI DA SALA VOLTA PARA A SALA E CONTINUA A CONVERSA NORMALMENTE MOD CONVERSA NORMALMENTE COM O EXEMPLAR. PLANEJAM A CONTINUAÇÃO DA CONVERSA, UTILIZANDO PALAVRAS PROCESSO DE SISTEMAS DE REPRESENTA-ÇÃO DIFERENTES DO EXEMPLAR UTILIZA SCRIPT ELABORADO COM O MA1. MA 1 ANOTA PALAVRAS PROCESSO DO EXEMPLAR. OBSERVA IMPACTO DA CONVERSA NO EXEMPLAR.
  9. 9. E MOD M.A. ESCOLHE UM ASSUNTO PARA CONVERSAR COM O MODELADOR. CONVERSA NORMALMENTE. ANOTA AS PALAVRAS PROCESSO DITAS PELO EXEMPLAR. 1ª PARTE 2ª PARTE 3ª PARTE EXEMPLAR SAI DA SALA. MOD E M.A. PREPARAM A CONTINUAÇÃO PARA A CONVERSA USANDO PALAVRAS PROCESSO DO(S) CANAL(IS) MENOS USADO(S) PELO EXEMPLAR. EXEMPLAR VOLTA. MOD SEGUE COM A CONVERSA PROGRAMADA. M.A.OBSERVA AS REAÇÕES E ANOTA. EXERCÍCIO CONVERSA NORMALMENTE GRUPO DISCUTE RESULTADOS
  10. 10. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 EXERCÍCIO _ PALAVRAS PROCESSO FASE 1 FASE 2 FASE 3 EXEMPLAR ESCOLHE UM TEMA PARA CONVERSAR. SAI DA SALA VOLTA PARA A SALA E CONTINUA A CONVERSA NORMALMENTE MOD CONVERSA NORMALMENTE COM O EXEMPLAR. PLANEJAM A CONTINUAÇÃO DA CONVERSA, UTILIZANDO PALAVRAS PROCESSO DE SISTEMAS DE REPRESENTA-ÇÃO DIFERENTES DO EXEMPLAR UTILIZA SCRIPT ELABORADO COM O MA1. MA 1 ANOTA PALAVRAS PROCESSO DO EXEMPLAR. OBSERVA IMPACTO DA CONVERSA NO EXEMPLAR.
  11. 11. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 EXERCÍCIO • Complete o quadro da página 13.
  12. 12. Significado Cinestésico Visual Auditivo Eu estou te entendendo. Quero te mostrar uma coisa. Ponha-me mais em contato com o que você está sentindo agora. Estou gostando da nossa experiência agora. O que eu estou te dizendo soa bem.
  13. 13. TARDE EM ITAPOÃ Um velho calção de banho, O dia pra vadiar, O mar que não tem tamanho. E um arco-íris no ar... Depois a Praça Caymi. Sentir preguiça no corpo. E numa esteira de vime. Beber uma água de coco. É bom. Passar uma tarde em Itapoã, Ao sol que arde em Itapoã Ouvindo o mar de Itapoã, Falar de amor em Itapoã. Enquanto o mar inaugura. Um verde novinho em folha Argumentar com doçura Uma cachaça de rolha . E com o olhar esquecido No encontro de céu e mar, Bem devagar ir sentindo A terra toda rodar É bom. Passar uma tarde em Itapoã Ao sol que arde em Itapoã Ouvindo o mar de Itapoã Falar de amor em Itapoã... Depois sentir o arrepio. Do vento que a noite traz. E o diz-que-diz-que macio. Que brota dos coqueirais. E nos espaços serenos. Sem ontem nem amanhã. Dormir nos braços morenos. Da lua de Itapoã. É bom. Passar uma tarde em Itapoã, Ao sol que arde em Itapoã. Ouvindo o mar de Itapoã, Falar de amor em Itapoã...
  14. 14. TARDE EM ITAPOÃ Um velho calção de banho, O dia pra vadiar, O mar que não tem tamanho. E um arco-íris no ar... Depois a Praça Caymi. Sentir preguiça no corpo. E numa esteira de vime. Beber uma água de coco. É bom. Passar uma tarde em Itapoã, Ao sol que arde em Itapoã Ouvindo o mar de Itapoã, Falar de amor em Itapoã. Enquanto o mar inaugura. Um verde novinho em folha Argumentar com doçura Uma cachaça de rolha. E com o olhar esquecido No encontro de céu e mar, Bem devagar ir sentindo A terra toda rodar É bom. Passar uma tarde em Itapoã Ao sol que arde em Itapoã Ouvindo o mar de Itapoã Falar de amor em Itapoã... Depois sentir o arrepio. Do vento que a noite traz. E o diz-que-diz-que macio. Que brota dos coqueirais. E nos espaços serenos. Sem ontem nem amanhã. Dormir nos braços morenos. Da lua de Itapoã. É bom. Passar uma tarde em Itapoã, Ao sol que arde em Itapoã. Ouvindo o mar de Itapoã, Falar de amor em Itapoã...
  15. 15. CANAL RESPIRAÇÃO TOM DE VOZ GESTOS MOVIMENTOS OCULARES V A K ALTA NO PEITO MÉDIA NO DIAFRAGMA BAIXA NA BARRIGA AGUDO MÉDIO GRAVE ALTOS E AFASTADOS MÉDIO BAIXOS E PRÓXIMOS ALTOS NIVELADOS BAIXOS COMO PERCEBER
  16. 16. EU TE AMO EU TE AMO EU TE AMO EXERCÍCIO E MOD M.A. DIZ UMA MESMA FRASE UTILIZANDO, CADA HORA, UM SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO MOD E M.A. AGEM COMO PLATÉIA PARA VERIFICAR QUAL CANAL TRANSMITE MAIS CREDIBILIDADE. PARA ISSO, O EXEMPLAR DEVE ASSUMIR A POSTURA, TOM DE VOZ E RESPIRAÇÃO DO CANAL QUE ESTIVER REPRESENTANDO. VISUAL AUDITIVO CINESTÉSICO GRUPO REVEZA PAPEIS.
  17. 17. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 EXERCÍCIO AÇÃO 1 AÇÃO 2 EXEMPLAR DIZ UMA MESMA FRASE, USANDO VISUAL AUDITIVO E CINESTÉSICO MODELADOR AJUDA O EXEMPLAR A FICAR NO CANAL INTENCIONADO. MODELADOR AUXILIAR I PLATEIA DO EXEMPLAR DESCREVEM O IMPACTO QUE A FRASE OBTEVE EM CADA CANAL DE PERCEPÇÃO MODELADOR AUXILIAR II PLATEIA DO EXEMPLAR REVEZEM OS PAPEIS!! 15 MIN
  18. 18. E MOD M.A.1 M.A.2 FAZ PERGUNTAS PARA DESCUBRIR QUE ACESSO OCULAR O EXEMPLAR FAZ PARA CADA SIST. REP. *DEVEM SER FEITAS PELO MENOS 3 PERGUNTAS PARA CADA CANAL. V V R C A A A R C I D K OBSERVA GESTOS E POSTURA CORPORAL OBSERVA RESPIRAÇÃO TOM DE VOZ E TENSÃO CORPORAL. EXERCÍCIO _ ACESSOS OCULARES
  19. 19. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 EXERCÍCIO _ ACESSOS OCULARES FASE 1 (GRUPO TODO) FASE 2 EXEMP GRUPO TRABALHA EM CONJUNTO PARA FAZER PERGUNTAS PARA DESCOBRIR QUE ACESSO OCULAR O EXEMPLAR FAZ PARA CADA SISTEMA DE REPRESENTAÇÃO. •PELO MENOS 3 PERGUNTAS PARA CADA CANAL DE REPRESENTAÇÃO. VR , VC , AR , AC , Ad i , K RESPONDE ÀS PERGUNTAS NORMALMENTE MOD FAZ PERGUNTAS AO EXEMPLAR PARA DESCOBRIR SEUS ACESSOS OCULARES MA 1 OBSERVA GESTOS E POSTURA CORPORAL MA 2 OBSERVA RESPIRAÇÃO TOM DE VOZ E TENSÃO CORPORAL. •REVEZEM OS PAPEIS! •AS MESMAS PERGUNTAS PODEM SER USADAS PARA TODOS OS INTEGRANTES.
  20. 20. V V R C A A A R C I D K DIREITA P/ BAIXO ESQUERDA P/ BAIXO ESQUERDA NIVELADOS DIREITA NIVELADOS ESQUERDA P/ CIMA DIREITA P/ CIMA MOVIMENTOS OCULARES
  21. 21. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 OVERLAPPING _ TÉCNICA • CONSISTE EM LEVAR UMA EXPERIÊNCIA QUE É REPRESENTADA NUM SISTEMA PARA OUTROS, AFIM DE ENRIQUECER A EXPERIÊNCIA DA PESSOA. DO AUDITIVO PARA O VISUAL, POR EXEMPLO. • A TÉCNICA É VEICULADA PELA LIGUAGEM, UTILIZANDO OS PREDICADOS E MODALIDADES ENVOLVIDAS. • A PARTIR NO CANAL DE REPRESENTAÇÃO PREFERIDO DA PESSOA, GUIÁ-LA PARA QUE ELA GRADUALMENTE O SOBREPONHA POR OUTRO.
  22. 22. www. i br apnl . com. br | 31 33721308 OVERLAP • OVERLAP = SOBREPOSIÇÃO OU INTERSEÇÃO. INDICA INTERCONEXÃO ENTRE SENTIDOS. • HÁ CONEXÃO NEUROLÓGICA ENTRE OS SENTIDOS. • UTILIZAÇÃO : RECUPERAR RECURSOS PESSOAIS; CRIAÇÃO DE EXPERIÊNCIAS NOVAS.

×