Evangelhos apócrifos 01 testamento de nephtali

191 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
191
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evangelhos apócrifos 01 testamento de nephtali

  1. 1. 1 www.autoresespiritasclassicos.com Evangelhos Apócrifos Testamento de Nephtali Da Bondade Capítulo 1 1 Transcrição do testamento emitido por Nephtali nos seus últimos dias, aos cento e trinta e dois anos de idade. No quarto dia do sétimo mês compareceram para junto dele os seus filhos; ele estava ainda são, e ofereceu-lhes uma refeição e um banquete, por suas próprias mãos. Ao levantar-se, na manhã seguinte, falou-lhes: "Eu vou morrer". Eles porém não acreditaram. 2 Mas ele louvara a Deus, repetidamente, porque, após aquele festim do dia anterior, iria morrer. E principiou assim a falar aos seus filhos:
  2. 2. 2 "Escutai, meus filhos, filhos de Nephtali! Ouvi as palavras do vosso pai! Eu sou filho de Baila. Pois Rachel, procedendo ardilosamente, entregou-a a Jacó ao invés dela mesma. Assim Balla me engendrou, em lugar do ventre de Rachel. Por isso fui chamado Nephtali. 3 "E Rachel me amava, porque eu nascera noutro ventre por sua vontade. Meu rosto era delicado; ela beijava-me, dizendo: `Eu gostaria de dar-te um irmão que se pareça contigo'. De fato, José foi semelhante a mim em todos os traços, de acordo com as súplicas de Rachel. Portanto, Baila é minha mãe: filha de Rotheu, um irmão de Deborah, aia de Rebecca. Ela viera ao mundo no mesmo dia em que nasceu Rachel. 4 "E Rotheu era da descendência de Abraão, um caldeu, temente a Deus, livre e nobre. Ele fora feito prisioneiro na guerra; depois Labão resgatou-o. Deu-lhe sua escrava Enna por mulher. Esta gerou-lhe uma filha que foi chamada de Zilpa, exatamente o nome daquela aldeia em que ele fora preso. Mais tarde, Enna gerou Balia, e disse: `Minha filha é ávida do que é novo; pois, mal apenas nascida, já começou a sugar avidamente'. Capítulo 2 1 "Eu tinha pés ligeiros como um cervo, e o meu pai Jacó sempre me escolhia para levar qualquer recado, qualquer mensagem. Eu tinha também a sua bênção, por minha qualidade de cervo, pois, assim como o oleiro entende de vasos, quanto podem conter, qual a quantidade da argila necessária, assim também o Senhor faz o corpo à medida do espírito, e nele o derrama segundo a sua capacidade de contê-lo. Um corresponde ao outro, na exatidão que se aproxima da espessura de um terço de cabelo. Toda criatura é feita segundo medida, regra e peso. 2 "E assim como o oleiro conhece a serventia de cada vaso, assim também o Senhor conhece, em relação ao corpo, o quanto alcança no bem e quando começa a entrar no mal. Não há nenhum desejo e nenhuma intenção que não sejam do conhecimento do Senhor; Ele criou cada homem segundo a Sua imagem. Segundo a força do homem, assim também a sua obra; segundo o seu entendimento, assim o ato; segundo sua intenção, assim o comportamento; segundo o seu coração, assim a boca; segundo os seus olhos, assim o sono; segundo a sua alma, assim a palavra. Isso tanto na Lei do Senhor, quanto nas obras de Belial. 3 "Assim como há diferença entre a luz e as trevas, entre o ver e o
  3. 3. 3 ouvir, assim também existe diferença entre um homem e outro, entre uma mulher e outra. Não se pode dizer que um seja parecido com outro. Deus, no seu ordenamento, fez tudo bem feito; na cabeça colocou os cinco sentidos. Deu à cabeça o pescoço; cabelos por adorno; um coração para pensar; um ventre para expelir; um estômago para digerir; canais de ar para a respiração; um fígado para a ira; uma bile para o amargor; um baço para o riso; rins para a sutileza; coxas para a força; pulmões para haurir o alento; e quadris para a energia e outras coisas mais. 4 "Portanto, meus filhos, fazei tudo com reta intenção e no temor de Deus, e nada façais na desordem, seja por futilidade, seja a exemplo! Pois, se disseres ao olho que escute, ele não conseguirá; da mesma forma, não podereis, na escuridão, praticar as obras da luz. Capítulo 3 1 "Não vos dediqueis a corromper as vossas obras pela cobiça de possuir, nem enganeis vossa alma mediante palavras fúteis! Se ficardes em silêncio, na pureza de coração, havereis de entender o quanto é bom permanecer fiel à vontade de Deus e repelir a vontade do Demônio. O sol, a lua e as estrelas não alteram a sua ordem; da mesma forma, vós não deveis alterar a Lei divina, pela desordem dos vossos atos. Os pagãos, desencaminhados, abandonaram o Senhor e modificaram a sua ordem, obedeceram a pedras e a madeiras, seguindo os espíritos da sedução. 2 "Vós, porém, meus filhos, não vos comporteis assim! Pelo firmamento, pela terra, pelo mar e por todas as criaturas, podeis reconhecer o Senhor, que tudo criou. Do contrário, sereis semelhantes a Sodoma, na perversão da natureza. Da mesma forma, os Guardiões outrora subverteram a ordem da natureza. Por isto foram amaldiçoados por Deus pelo dilúvio, e por causa deles a terra ficou deserta de habitantes e de frutos. Capítulo 4 1 "Isto eu digo, meus filhos, porque eu li nos livros do Enoque que vós também havereis de afastar-vos do Senhor, andar nos caminhos da impiedade dos pagãos, cometer todos os pecados de Sodoma. O Senhor vos mandará ao cativeiro. Lá devereis servir aos vossos inimigos, sereis mergulhados na opressão e na indigência, até serdes aniquilados pelo Senhor.
  4. 4. 4 2 "E quando fordes reduzidos a um pequeno número, vos convertereis e reconhece-reis de novo o vosso Deus e Senhor; Ele vos de volverá uma vez mais à vossa terra, segundo a Sua grande clemência. Mas, uma vez de volta à terra dos vossos pais, novamente esquecer-vos-eis do Senhor, para andar nos caminhos da impiedade. Após isso, o Senhor vos dispersará por toda a terra, até o dia em que virá a sua Compaixão, um Homem que cumprirá a Justiça, perto e longe, e se mostrará misericordioso para com todos. Capítulo 5 1 "Aos meus quarenta anos de idade, tive uma visão, pelo lado do Oriente, sobre o Monte das Oliveiras, em Jerusalém: lá estavam parados o sol e a lua. Então o pai do meu pai, Isaac, disse-nos: Correi! Cada um os agarre segundo suas forças! Os que deles se apossarem, possuirão o sol e a lua!' 2 "Assim, todos nós corremos na direção da montanha, e Levi agarrou o sol, e antes dele Judá agarrou a lua. Em seguida, ambos foram levados para o alto, com o sol e a lua. Sendo Levi como o próprio sol, um jovem entregou-lhe doze ramos de palmeira. E Judá brilhava como a lua; doze raios partiam dos seus pés. 3 "Então Levi e Judá correram um em direção do outro e abraçaram-se. E sobre a terra havia um touro de grandes chifres, tendo nos seus costados asas de águia. Quando eles quiseram agarrá-lo, não o conseguiram, pois José chegou primeiro, apoderou-se dele e foi com ele para as alturas. Eu vi isso, pois estava presente. Depois apareceu-nos uma escritura sagrada, que dizia: Assírios, medos, persas, elimeus, gelaseus, caldeus, bem como sírios, levarão as doze tribos de Israel ao cativeiro. Capítulo 6 1 "E outra visão eu tive, após sete dias, onde vi o nosso pai Jacó em Jamnia, junto ao mar; nós estávamos com ele. Aproximou-se então um navio, velejando em nossa direção; não tinha nem piloto nem marinheiros. E trazia a seguinte inscrição: `O navio de Jacó'. Disse-nos pois o nosso pai: Vamos embarcar no nosso navio! 2 "Nós embarcamos. Veio então uma forte borrasca, seguida de grande tempestade. E nosso pai, que estava ao leme, abandonou-nos. E nós, como joguetes do temporal, éramos arremessados de cá para lá sobre o mar. O
  5. 5. 5 navio encheu-se de água, e pela força do embate das ondas, despedaçouse. 3 "José evadiu-se num bote. Nós outros permaneceram sós, agarrados a nove pranchas. Levi e Judá estavam um ao lado do outro. Fomos dispersados até os mais distantes confins da terra. Então Levi cingiu-se com um saco e orou por todos nós ao Senhor. Com isso, a tempestade amainou e o navio chegou calmamente à terra. Nosso pai Jacó então veio a nós. Nós todos nos alegramos com isso. Capítulo 7 1 "Relatei os dois sonhos ao meu pai. Ele disse-me: A seu tempo, isto se cumprirá, depois que Israel tiver passado por grandes sofrimentos. Falou-me depois o meu pai: Tenho fé que José esteja vivo; sempre vejo que o Senhor o conta dentre vós. 2 "E em prantos, exclamou: 'Tu vives, meu filho, meu José; eu porém não te vejo, e tu não vês a Jacó, teu pai'. Com estas palavras, ficamos comovidos até às lágrimas. Em meu coração, eu ardia de vontade de revelar abertamente que ele fora vendido. Mas tinha medo dos meus irmãos. Capítulo 8 1 "Mostrei-vos os tempos últimos, meus filhos, da forma como tudo acontecerá em Israel. Recomendai, portanto, aos vossos filhos que permaneçam unidos a Levi e Judá. Por intermédio de Judá virá a Salvação para Israel, e nele Jacó será abençoado. Por meio da sua estirpe, Deus aparecerá sobre a terra, habitará entre os homens, para salvar a geração de Israel. Chamará para junto de si os justos de entre os pagãos. 2 "Praticai o bem, meus filhos, e então sereis abençoados pelos. "Assim, há um tempo para o coito marital e um tempo para a continência, para orar. Desta forma, o mandamento é duplo, e se não for cumprido segundo a ordem resulta em pecado para o homem. Assim também é em relação aos demais manda-mentos. Sede então sábios e prudentes diante de Deus! Ele conhece a ordem dos seus Mandamentos, as leis, os comportamentos; assim, o Senhor vos amará." Capítulo 9 1 Muitas coisas mais ele frisou-lhes. Depois pediu-lhes que transportassem o seu corpo para o Hebron e o sepultassem junto do seu
  6. 6. 6 pai. Em seguida ele ainda comeu e bebeu com o coração alegre; depois obscureceu-se-lhe a face, e morreu. E os seus filhos cumpriram tudo conforme seu pai Nephtali lhes ordenara. Fim
  7. 7. 6 pai. Em seguida ele ainda comeu e bebeu com o coração alegre; depois obscureceu-se-lhe a face, e morreu. E os seus filhos cumpriram tudo conforme seu pai Nephtali lhes ordenara. Fim

×