CGGI - Cápsula Geradora de Gás Instantâneo
• A Tecnologia PYROBLAST™ é um sistema para fragmentação
de rochas utilizando as cápsulas geradoras de gás instantâneo
(CG...
• Reduzido deslocamento de ar em função da baixa
velocidade de queima (450 m/s);
• Menor nível de vibração atendendo as no...
• Resultados imediatos;
• Facilidade de transporte e aplicação;
• Agilidade nas operações;
• Flexibilidade nas aplicações ...
Cápsula Pyroblast®: Artifício pirotécnico gerador de gás
instantâneo para fragmentação de rochas de alta
segurança para ár...
A cápsula Pyroblast® está baseada na utilização
de composição pirotécnica. Trata-se de
composto químico integrado em um
di...
O armazenamento deve ser realizado em conformidade com
as regulamentações vigentes, sendo o armazenamento
conjunto de tipo...
Nº de
Ordem
Categoria de
Controle
Grupo Nomenclatura do Produto
0370 3 Pi Artifício Pirotécnico
RELAÇÃO DE PRODUTOS CONTRO...
CEEE / ALTUS
SINTRA / DEP
VISTA GERAL
LOCAL ESCAVAÇÃO
PONTOS CRÍTICOS
RESULTADO PRIMEIRA APLICAÇÃO
RESULTADO DA APLICAÇÃO
RESULTADO
SISMOGRÁFICO
VISTA GERAL
LOCAL DA ESCAVAÇÃO
RESULTADO DA APLICAÇÃO
RESULTADO
SISMOGRÁFICO
Apresentação Pyroblast PPT- ELBLX
Apresentação Pyroblast PPT- ELBLX
Apresentação Pyroblast PPT- ELBLX
Apresentação Pyroblast PPT- ELBLX
Apresentação Pyroblast PPT- ELBLX
Apresentação Pyroblast PPT- ELBLX
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação Pyroblast PPT- ELBLX

76 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
76
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Pyroblast PPT- ELBLX

  1. 1. CGGI - Cápsula Geradora de Gás Instantâneo
  2. 2. • A Tecnologia PYROBLAST™ é um sistema para fragmentação de rochas utilizando as cápsulas geradoras de gás instantâneo (CGGI) NÃO EXPLOSIVAS; • As cápsulas são classificadas como artificio pirotécnico industrial 1.4S UN 0432 e nível de controle 3. Isso isenta a solicitação de autorizações para uso; • A Tecnologia PYROBLAST™ e a única tecnologia para desmonte de rochas homologada pelo exercito brasileiro com o RETEX 2875/13.
  3. 3. • Reduzido deslocamento de ar em função da baixa velocidade de queima (450 m/s); • Menor nível de vibração atendendo as normas brasileiras (ABNT 9653:2005) se comparado com explosivos; • Os gases produzidos são atóxicos; • Biodegradável.
  4. 4. • Resultados imediatos; • Facilidade de transporte e aplicação; • Agilidade nas operações; • Flexibilidade nas aplicações da Tecnologia; • Custo reduzido comparado com as alternativas; • Segurança por ser NÃO EXPLOSIVO.
  5. 5. Cápsula Pyroblast®: Artifício pirotécnico gerador de gás instantâneo para fragmentação de rochas de alta segurança para áreas sensíveis por população, moradia, transito veicular, maquinários e equipamentos e áreas com restrições ambientais, de emprego com total segurança.
  6. 6. A cápsula Pyroblast® está baseada na utilização de composição pirotécnica. Trata-se de composto químico integrado em um dispositivo biodegradável que reage quando é iniciado gerando energia através de grandes volumes de gases sem as inconveniências de fatores associados aos explosivos convencionais.
  7. 7. O armazenamento deve ser realizado em conformidade com as regulamentações vigentes, sendo o armazenamento conjunto de tipos diferentes de explosivos deve ser realizado mediante seu grupo de compatibilidade, de acordo com a tabela e as definições do Anexo E da Portaria 18 D-Log. Estocar sempre em sua embalagem original e regulamentada, em local seco, seguro, sobre pallets ou prateleiras, longe de fontes de calor, ignição e alcance de crianças. Proibido o armazenamento em residências.
  8. 8. Nº de Ordem Categoria de Controle Grupo Nomenclatura do Produto 0370 3 Pi Artifício Pirotécnico RELAÇÃO DE PRODUTOS CONTROLADOS PELO EXÉRCITO REGULAMENTO PARA A FISCALIZAÇÃO DE PRODUTOS CONTROLADOS (R-105) Categoria de Controle Atividades Sujeitas a Controle Fabricação Utilização Importação Exportação Desembaraço Alfandegário Tráfego Comércio 1 X X X X X X X 2 X X X - X X X 3 X - X X X X(*) - Legenda: X Atividades sujeitas a controle. - Atividades não sujeitas a controle. * Sujeito a controle somente na saída da fábrica, porto ou aeroporto.
  9. 9. CEEE / ALTUS SINTRA / DEP
  10. 10. VISTA GERAL
  11. 11. LOCAL ESCAVAÇÃO
  12. 12. PONTOS CRÍTICOS
  13. 13. RESULTADO PRIMEIRA APLICAÇÃO
  14. 14. RESULTADO DA APLICAÇÃO
  15. 15. RESULTADO SISMOGRÁFICO
  16. 16. VISTA GERAL
  17. 17. LOCAL DA ESCAVAÇÃO
  18. 18. RESULTADO DA APLICAÇÃO
  19. 19. RESULTADO SISMOGRÁFICO

×