Unifesp 2011 prova Residencia Multiprofissional

3.909 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.909
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
139
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Unifesp 2011 prova Residencia Multiprofissional

  1. 1. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista PROGRAMA DE RESIDÊNCIA INTEGRADA MULTIPROFISSIONAL EM ATENÇÃO À SAÚDE UNIFESP – CAMPUS BAIXADA SANTISTA PROCESSO SELETIVO 2011 ÁREA PROFISSIONAL: ENFERMAGEM1. Questão - A Atenção Básica caracteriza-se por: A. Utilizar tecnologia de baixa complexidade. B. Por ser a retaguarda dos pronto-socorros no que diz respeito ao contato dos usuários do sistema de saúde. C. Ações de saúde no âmbito individual e coletivo. D. Por trabalhar segundo o principio da universalidade descartando, portanto, a singularidade dos usuários. E. Por sua eficácia em virtude da centralização de protocolos e condutas.2. Questão: Sobre as desigualdades sociais e em saúde, segundo a autora Rita Barradas Barata (2009:13-15) A. As desigualdades sociais em saúde são explicadas predominantemente pela incapacidade dos indivíduos em utilizarem os serviços de saúde existentes. B. Comparando países, as desigualdades sociais em saúde são atribuídas a graus diferenciados de assistência médica. C. O estilo de vida é o principal responsável pelas desigualdades sociais em saúde. D. Os fatores de risco explicam todas as ocorrencias de problemas crônicos de saúde E. Na atualidade, praticamente, não existem questionamentos sobre a existência de desigualdades sociais em saúde.3. Questão: Na Unidade Básica de Saúde discutem-se a gravidade do quadro de ocorrência da hipertensão arterial sistêmica e do diabetes mellitus em usuários do serviço, em sua maioria integrantes de grupos sociais de baixa renda, e as dificuldades em obter adesão dos portadores desses agravos ao tratamento. Hipóteses são levantadas. Apoiados no texto de autoria de Rita Barradas Barata (2009) algumas das explicações possíveis seriam: A. A concepção linear da causalidade dá conta de explicar a persistência dos padrões de comportamento que provocam essas doenças. B. A ocorrência dessas doenças está invariavelmente ligada a uma herança genética. C. As pessoas escolhem estilos de vida que as expõem a riscos e isto provoca essas doenças. D. Os comportamentos individuais são apenas evidencias mais imediatas de todo o processo de determinação da saúde e da doença. E. Não há evidencias empíricas que indiquem que a situação de saúde seja afetada pela posição social dos indivíduos.4. Questão: Sobre a relação de etnia e saúde: A. O efeito de viver em uma sociedade percebida como racista não se destaca entre os aspectos geralmente subavaliados nas pesquisas epidemiológicas sobre desigualdades sociais em saúde. B. No Brasil a probabilidade de ter recém nascidos de baixo peso ou prematuros é Caderno de Questões – Página 1 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  2. 2. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista significativamente maior entre mães pretas quando comparadas às mães brancas. C. Em estudos epidemiológicos, o controle dos efeitos das variáveis sócio-econômicas ou relativas a valores culturais faz com desapareçam as desigualdades sociais em saúde atribuíveis ao pertencimento a um determinado grupo étnico. D. O efeito das desigualdades étnicas sobre a saúde não pode ser modificado pela inserção ocupacional, como demonstrado em investigação sobre tabagismo na população norte- americana. E. Apesar de complexas, as questões etnia e saúde são sempre passiveis de tratamento estatístico.5. Questão: A integralidade é um dos princípios doutrinários do Sistema Único de Saúde. Assinale o conceito abaixo que mais se distancia deste princípio: A. Saber-fazer ético no campo do trabalho em equipe na saúde. B. Práticas de atenção e gestão que emergem em movimento formado por trabalhadores da saúde, usuários e gestores numa realidade sócio-histórica singular. C. Superação das fragmentações e cisões presentes no cotidiano dos serviços que compõem o SUS. D. Exercício cotidiano de produção de novas e mais potentes práticas de atenção à saúde. E. Desenvolvimento de técnicas diagnósticas e tratamento que prescindem do conhecimento da história de vida do paciente.6. Questão: Sobre a relação de gênero e saúde: A. Pode-se considerar a variável sexo como sinônimo de gênero, uma vez que a variável sexo dá conta dos processos ligados aos papéis masculinos e femininos. B. O poder explicativo da categoria gênero secundariza a importância da estrutura social na explicação dos fenômenos da saúde e da doença. C. A prevalência de transtornos mentais é sempre maior para as mulheres quando comparadas aos homens de mesma posição no mercado de trabalho. D. No que concerne às mortes violentas, os diferenciais entre homens e mulheres são explicáveis predominantemente por razões biológicas. E. Na maioria das populações estudadas as mulheres tem maior expectativa de vida que os homens e referem melhor avaliação do próprio estado de saúde e menor morbidade do que os homens.7. Questão: Sobre o papel do Estado na Saúde: A. A classificação dos sistemas de saúde em público, privado, hospitalocêntrico, focalizado, integral é irrelevante para a compreensão do papel do Estado no setor Saúde. B. A polêmica gasto em saúde x investimento em saúde não diz respeito ao papel do Estado no setor saúde, mas aos contribuintes. C. Se o Estado exerce o papel de provedor de ações de saúde isto significa que pode prescindir de regular os prestadores privados. D. O co-pagamento das ações de saúde pelo usuário aumenta o grau de controle do Estado sobre os prestadores privados. E. As reformas de Estado na América Latina tem aprofundado ou introduzido segmentação da população no acesso aos serviços de saúde.8. Questão- O Sr. João teve uma dor forte no peito e foi levado ao pronto socorro de um hospital do bairro em que mora. Chegando ao hospital, em função da sua dor, passou na frente de outras pessoas e foi atendido pelo médico. Após exame físico e um eletrocardiograma este chegou a conclusão que o Sr. João estava somente com a pressão mais alta. Após medicá-lo e aguardar o controle da pressão, lhe foi dada alta e orientação para que fizesse seguimento de saúde na Unidade Caderno de Questões – Página 2 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  3. 3. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista Básica perto de sua casa, sendo dado encaminhamento para isto. Em relação ao que conhecemos do SUS podemos dizer que: A. O encaminhamento dado foi errado, pois como o Sr. João já tinha uma doença estabelecida deveria ser tratado no ambulatório de especialidades da região, pois nesse serviço haveria mais condições devido à complexidade dos equipamentos existentes. B. A forma como atenderam o Sr. João não foi adequada. Ele passou na frente de outras pessoas desconsiderando o principio de igualdade do SUS. C. O Sr. João foi orientado adequadamente, pois o seguimento da hipertensão deve ser feito na Unidade Básica mais próxima de sua residência. D. Como o Sr. João teve o diagnóstico de pressão alta durante esta ida ao hospital, mesmo tendo melhorado e não havendo alterações no ECG, deveria ter ficado internado, pois o melhor lugar para tratar hipertensão é o hospital, onde outros exames poderiam ter sido realizados. E. O encaminhamento foi totalmente errado, a unidade básica de saúde, com a equipe de saúde da família, é um local onde se deve prevenir as doenças, fazer a promoção da saúde, porém não tem condições de tratamento das pessoas doentes.9. Questão: Qual conceito melhor definiria ações de promoção de saúde em seus intentos de democratização, pluralização e diversificação de meios e fins: A. Responsabilidade individual sobre a própria saúde. B. Auto-monitoramento da situação de saúde pelos indivíduos. C. Promoção de justiça social. D. Auto-financiamento de determinados serviços de saúde de natureza preventiva. E. Mudanças no comportamento individual evitando fatores de risco.10. Questão: Sobre os modelos de proteção social: A. No modelo brasileiro de proteção social o acesso à aposentadoria e pensões é universal, a exemplo do acesso ao SUS. B. O modelo meritocrático-corporativista não gera segmentação da população. C. O modelo brasileiro de proteção social é denominado meritocrático-corporativista. D. No modelo de proteção social vigente nos Estados Unidos não há presença do Estado. E. No modelo de proteção social universal redistributivista o acesso à assistência depende da situação que os indivíduos ocupam no mercado.11. Questão: Sobre a situação de saúde da população no Brasil: A. É tal que o direito a saúde supõe definir “quem tem direito a quê e em que circunstâncias”. B. Torna necessário pensar políticas de saúde diferenciadas para áreas ricas e para áreas pobres. C. Apresenta-se de tal forma que basta estender a cobertura da Atenção Básica. D. Ainda se apresenta relação entre condições de vida precárias e mortalidade infantil mais elevada. E. Pode ser melhor descrita como “doenças de ricos x doenças de pobres”.12. Questão: Sobre a trajetória e histórico do sistema público nacional de saúde no Brasil: A. O Sistema Único de Saúde (SUS) brasileiro herdou distribuição regional de serviços de saúde altamente desigual. B. Antes do advento do SUS uma das vantagens do sistema público de saúde era o comando único na esfera federal. C. Antes de 1990, o Ministério da Saúde era prioritário para o governo federal e implementava Caderno de Questões – Página 3 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  4. 4. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista ações de promoção, prevenção, cura e reabilitação. D. Devido à expansão dos serviços próprios dos antigos Institutos de Aposentadorias e Pensões – IAP, depois INPS e depois INAMPS afirmou-se a preponderância do setor estatal no sistema público de saúde. E. Antes da organização do SUS não havia segmentação do sistema público de saúde entre os assalariados e os não assalariados.13. Questão: Milton Santos (1985), ao se referir à dinâmica das cidades afirma que o dia a dia das sociedades gira em torno dos objetos fixos e dos fluxos. Qual desses significados não tem relação com os dois conceitos abordados pelo autor. A. Os fixos públicos são localizados segundo a lei da oferta e procura, que regula também os preços a cobrar. B. Como a maior parte dos fixos públicos se concentra na parte central das cidades resta às periferias, escolas e casas de saúde privadas. C. Os fixos podem também ser públicos e privados. D. A grande cidade é um fixo enorme que são econômicos, sociais, culturais, religiosos, cruzado por fluxos enormes, que são os homens, mercadorias, ordens e idéias. E. Fixos e fluxos influem-se mutuamente.14. Questão: Sobre a estrutura demográfica da população: A. As pirâmides populacionais do Brasil, nos últimos 25 anos, apresentam tendência de base progressivamente mais larga. B. No Brasil, segundo dados do DATASUS no período de 1890 a 2005, constatam-se envelhecimento da população e aumento do número de homens. C. Os países ricos como a Suécia, por apresentarem melhores condições de vida e baixa mortalidade infantil, têm uma proporção de crianças maior que países pobres. D. No Brasil, as taxas de urbanização são iguais em todas as regiões. E. De forma geral, os coeficientes de mortalidade masculinos são maiores que os femininos.15. Questão: Deve-se evitar uma postura ingênua em relação à interdisciplinaridade. Há determinantes históricos, institucionais e pessoais que podem levar a uma maior ou menor colaboração entre áreas. Nesse sentido, são fatores favoráveis à lógica da colaboração interprofissional e interdisciplinar em saúde todos os listados abaixo com exceção de: A. Modelo de atenção centrado nos usuários. B. Compromisso com a resolutividade e integralidade. C. A complexidade e imprevisibilidade da atenção em saúde. D. Busca da abordagem global, do todo, pela soma de aspectos abordados em separado. E. O percurso pessoal e individual de cada profissional e sua experiência de vida.16. Questão: A relação entre áreas profissionais e do saber podem se estabelecer de distintas maneiras. Nesse sentido, a idéia de interdisciplinaridade como “mediação” significa: A. Que a área mais próxima do objeto abordado assuma a coordenação e articulação entre as demais B. A existência de pessoas ou órgãos institucionais que viabilizem e monitorem a relação entre saberes, profissões e disciplinas. C. A exploração das potencialidades de cada área em torno de um objeto prático ou teórico comum. D. O estabelecimento de unificação do discurso e das práticas entre as áreas envolvidas. E. A abordagem de uma questão ou problema por cada área visando posterior articulação do que Caderno de Questões – Página 4 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  5. 5. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista foi realizado.17. Questão: Para efetuar mudanças no agir dos profissionais de saúde e favorecer a abertura em direção aos que demandam atenção, apenas um dos pontos elencados abaixo não é considerado como fundamental: A. Uso dinâmico dos conhecimentos já acumulados e que se tornam necessários diante do caso concreto. B. Produção de saberes nas atividades cotidianas dos serviços de saúde. C. Compartilhamento dos saberes emergentes no interior da equipe de saúde e com os usuários. D. Observação estrita, rigorosa e inflexível de normas, prescrições, regras formais e saberes disciplinares que constituem-se como garantia do não prejuízo do paciente. E. Percepção da fragilidade dos espaços de previsibilidade e segurança que se ancoram nos pressupostos científicos.18. Questão: Coeficientes de incidência são freqüentemente confundidos com coeficientes de prevalência. Qual das seguintes afirmações não é correta? A. Ambos são tipos de coeficientes de morbidade. B. O coeficiente de prevalência não inclui casos que tiveram início anteriormente ao específico intervalo ou ponto estudado. C. Um coeficiente de incidência é a medida de frequência da ocorrência de novos casos da doença numa população definida durante um intervalo específico. D. Coeficientes de prevalência e incidência são utilizados como auxiliares no conhecimento da ocorrência de determinada doença em uma população. E. O numerador do coeficiente de prevalência inclui todas as pessoas doentes por uma causa específica, durante um intervalo específico ou num particular ponto do tempo.19. Questão: Tendo em vista ser a saúde um fenômeno complexo, aponte qual alternativa não se coaduna com o trabalho em equipe: A. Mobilização de cada trabalhador com crenças, valores e histórias singulares. B. Invenção de formas de trabalhar capazes de responder ao imprevisível. C. Restrição à execução de uma determinada tarefa, para evitar erros. D. Negociação com os usuários sobre a criação de novas normas, quando couber. E. Convocação dos trabalhadores para gerir suas próprias atividades.20. Questão: No cotidiano da gestão de uma unidade básica de saúde: A. A contratualidade entre os diferentes profissionais de saúde interfere na gestão institucional B. A gestão pode ser melhor definida como organograma explicativo do sistema de direção C. A garantia da funcionalidade do serviço é possível pela implantação de normas que inibam os fatores imprevisíveis D. Os serviços devem ser considerados predominantemente como lugar de produção de bens/produtos E. A ocorrência de situações singulares na assistência constitui um óbice para a gestão Caderno de Questões – Página 5 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  6. 6. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista21. Questão – Considere as afirmativas abaixo e aponte a seqüência correta: I- As equipes “Saúde da Família” têm como atribuições incentivar a intersetorialidade e atender a demanda programada ou espontânea promovendo educação em saúde. II- A finalidade da estratégia da família é a de reorganizar a atenção à saúde, aproximando os serviços de saúde das famílias e melhorando a qualidade de vida da população brasileira. III- A estratégia “Saúde da Família” elege a família como núcleo social alvo das ações de saúde em um território amplo e pouco definido. IV- O conceito de território no âmbito da estratégia saúde da família é visto como um espaço social, definido pelo conjunto social em seu interior e não pela área física que ocupa. Estão corretas as afirmativas: A- Nenhuma está correta. B- III. C- II e IV. D- I; II; III e IV. E- I; II; IV.22. Questão - As enchentes que ocorreram recentemente no Rio de Janeiro causaram centenas de mortes e desestruturação de inúmeras famílias que se viram afetadas em suas atividades cotidianas. Passados os primeiros dias da catástrofe, começaram a aparecer os primeiros casos de leptospirose. Em relação a esta doença pode-se afirmar: A- Constitui-se em uma zoonose causada por esperoqueta que pode penetrar na pele íntegra imersas na água, mucosa ou ferimentos. B- Constitui-se em uma doença transmitida por vetores em locais com altos índices de chuva e instalação de pessoas próximas às matas e rios e a invasão da floresta para diferentes atividades econômicas. C- É uma doença causada por um flavovírus e a vacinação é fundamental para o controle da doença, cujo quadro clínico se caracteriza por comprometimento hepatorrenal. D- É uma doença de determinação social, vinculada à má qualidade de vida, à pobreza e a situações de altos índices pluviométricos e instalação de pessoas próximas às encostas. E- Todas as alternativas estão corretas.23. Questão - Constituem-se ações da vigilância epidemiológica, sanitária e ambiental respectivamente: I- Notificar os agravos de notificação compulsória. Caderno de Questões – Página 6 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  7. 7. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista II- Vigiar e controlar o sangue e hemoderivados. III- Construir medidas de controle para as várias patologias. IV- Observar o saneamento básico: destino do esgoto e do lixo, acesso à água potável. V- Vigiar e controlar os animais peçonhentos. VI- Controle de comunicantes. Estão corretas: A- II; III, VI. B- IV; V; VI. C- II; IV; V. D- I; II; IV. E- I; II; III; IV; V.24. Questão - As doenças de notificação compulsória devem ser notificadas por todos os profissionais de saúde com o objetivo de evitar sua propagação. São, TODAS, doenças de notificação compulsória, no território nacional, casos suspeitos ou confirmados de: I- Meningite meningocóccica, Doença de Creutzfeld-Jacob, Hantaviroses. II- Sarampo, AIDS, Cólera, Caxumba. III- Febre amarela, Botulismo, Tétano, Raiva. IV- Raiva, difteria, Meningite Meningocóccica. IV- Botulismo, Cólera, Tuberculose, Hepatites virais. Estão corretas: A- I e IV. B- I, III, IV e V. C- III e V . D- II, III e IV. E- II e III.25. Questão - A idéia de que todos devem ter acesso e utilizar os serviços indispensáveis para resolver as suas demandas de saúde, independentemente do grupo social, sendo que os mais vulneráveis devam ser tratados de maneira diferente para que a desvantagem inicial seja superada, traduz o conceito de: A- Integralidade B- Equidade C- Hierarquização e regionalização D- Universalidade Caderno de Questões – Página 7 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  8. 8. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista E- Nenhuma das alternativas26. Questão - A leucemia é um termo amplo que se refere a um grupo de doenças malignas da medula óssea sendo a neoplasia maligna mais comum da infância, correspondendo cerca de 25% a 30% dos casos. Caracteriza-se por proliferação irrestrita de leucócitos imaturos o que acarreta uma série de consequências no tecido hematopoiético e órgãos altamente vascularizados como baço e fígado. Sendo assim, é possível afirmar que crianças com diagnóstico de leucemia apresentam: A- Leucopenia, trombocitopenia, policitemia e hepatoesplenomegalia B- Leucopenia, trombocitopenia, anemia e hepatoesplenomegalia. C- Leucopenia, trombocitose, policitemia e hepatomegalia. D- Leucose, trombocitose, policitemia e esplenomegalia. E- Leucose, trombocitopenia, anemia e hepatoesplenomegalia.27. Questão - Assinale a alternativa correta: A- Em crianças sadias as linhas de sutura do crânio não são mais palpáveis a partir dos 12 meses de idade. B- A respiração abdominal ou diafragmática é identificada em recém-nascidos e crianças até 3 anos de idade. C- A partir dos 12 meses de idade o tórax da criança começa a apresentar um formato cilíndrico, ou seja, o diâmetro ântero-posterior se iguala ao diâmetro transversal. D- O bordo inferior do fígado pode ser palpável em escolares sadios, como uma massa superficial situada 2 a 3 cm abaixo do rebordo costal direito. E- A cessação do Reflexo de Moro acontece por volta dos 18 meses de idade.28. Questão - Segundo a Organização Mundial da Saúde, o recém-nascido é considerado prematuro abaixo de: A- 35 semanas de idade gestacional B- 37 semanas de idade gestacional C- 36 semanas de idade gestacional D- 38 semanas de idade gestacional E- 39 semanas de idade gestacional29. Questão - Em 2001 foi instituído no Brasil, o Programa Nacional de Triagem Neonatal (PNTN), cuja estrutura está baseada no credenciamento de Serviços de Referência em Triagem Neonatal (SRTN), Caderno de Questões – Página 8 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  9. 9. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista em pelo menos um em cada estado brasileiro e tem a responsabilidade de: (marque V para verdadeiro ou F para falso): ( ) Organizar a rede estadual de coleta vinculada a um laboratório específico de Triagem Neonatal, junto com as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde; ( ) Utilizar um laboratório para análise clinicas e implantar o ambulatório multidisciplinar para atendimento e seguimento dos pacientes triados; ( ) Estabelecer vínculo com a rede de assistência hospitalar; ( ) Utilizar um sistema informatizado que gerencie todo o Programa e gere os relatórios que irão alimentar o Banco de Dados do PNTN; ( ) Dispor de informações que serão utilizadas na realização de estudos epidemiológicos e projeções estatísticas. A sequência correta é: A- V, F, V, V, V. B- F, V, V, F, V. C- F, V, V, F, V. D- V, V, F, V, F. E- F, F, F, V, V30. Questão - O exame de triagem neonatal (teste do pezinho ou PKU) preconiza que a colheita de sangue seja realizada nas: A- Laterais da região plantar ou mediana do calcanhar com auxílio de agulha B- Laterais da região plantar do calcanhar com auxílio de lanceta C- Laterais da região plantar do calcanhar com auxílio de lanceta e também de agulha D- nas laterais da região palmar e laterais das polpas digitais com auxilio apenas da lanceta. E- Nenhuma das anteriores31. Questão - Em função da possibilidade de transmissão da hepatite B ao neonato durante o processo de nascimento, alguns cuidados devem ser adotados após o parto. Esses cuidados incluem: A- Lavar o recém-nascido com água e sabão. B- Separar mãe e filho. C- Alimentar precocemente o recém-nascido com leite materno ordenhado. D- Iniciar a vacina de hepatite B após a primeira semana de vida. E- Colher sangue do cordão para testes virológicos. Caderno de Questões – Página 9 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  10. 10. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista32. Questão - As medidas e precauções por contato como manutenção do recém-nascido em incubadora, uso de luvas e de capote de mangas compridas sempre que houver contato direto com o paciente, devem ser obrigatoriamente adotadas e mantidas até a alta para os recém-nascidos com diagnóstico de: A- Prematuridade. B- Enterocolite necrosante. C- Infecção por citomegalovírus. D- Hepatite B. E- Sífilis congênita.33. Questão - No período neonatal apresentam maior risco para o aparecimento de hipoglicemia os recém-nascidos: A- Cardiopatas, nefropatas e com malformações congênitas. B- Portadores de distúrbios da homeostase do cálcio, potássioe magnésio. C- Prematuros, pequenos para a idade gestacional, filhos de mãe diabética. D- Filhos de mães portadoras de HIV, prematuros, grandes para a idade gestacional. E- Filhos de mães diabéticas, cardiopatas, com distúrbios de homeostase do potássio.34. Questão - É definido como amniorrexe prematura a ruptura da bolsa amniótica antes da instalação do trabalho de parto. No caso de optar pela conduta expectante, a enfermeira deve tomar os seguintes cuidados: A- Realizar leucograma duas vezes por semana e toque vaginal semanal. B- Controle de pulso e temperatura, evitando toque vaginal. C- Administração de corticóide e uterolíticos. D- Toque vaginal diário e abstinência sexual. E- Todas as alternativas estão corretas.35. Questão - Uma mulher de 62 anos chega ao AMA com fala empastada e fraqueza em seu braço e perna direita. Quais das seguintes condições descritas podem mimetizar um AVC agudo. A- Hipoglicemia aguda induzida por insulina. B- Hipotensão vaso vagal e postural. C- Hipóxia aguda. D- Desidratação isotônica e hipovolêmica. E- Todas as alternativas corretas. Caderno de Questões – Página 10 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  11. 11. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista36. Questão - Sobre as possibilidades de utilização da taxonomia proposta pela NANDA para instrumentalização e viabilização da SAE (Sistematização da Assistência de Enfermagem), é CORRETO afirmar: A- É passível de ser utilizado na saúde pública e nos programas de saúde coletiva por possuir eixos que definem situações de bem estar (saúde), e unidade de cuidado (indivíduo, família, comunidade). B- Dentro da atuação em atenção básica, é viável/útil somente nos Centros de Saúde para detectar as alterações/problemas de enfermagem que necessitem de intervenção específica. C- É impossível de ser utilizado em programas de saúde da família, pois trata basicamente de diagnósticos de doença sendo, portanto, útil somente para situações de recuperação da saúde. D- O uso de uma taxonomia como esta garante a implantação da SAE, por si só, autenticando o serviço e garantindo respaldo legal para as ações desempenhadas pelo enfermeiro. E- Nenhuma das alternativas está correta.37. Questão - “O trabalho de denominação e classificação das intervenções de enfermagem (NIC) que se iniciou no fim da década de 80, nos EUA, se caracteriza pela continuidade. Teve como impulso o trabalho da NANDA, porque, quando é formulado um diagnóstico de enfermagem, o enfermeiro tem o dever de fazer algo sobre ele” (DOCHTERMAN, BULECHEK). Sobre a classificação das intervenções de enfermagem (NIC), é CORRETO afirmar: A- Visa patentear as intervenções de enfermagem, garantindo legalmente ao enfermeiro a execução das mesmas. B- Pode ser considerada como um conjunto de respostas do indivíduo, da família ou da comunidade aos processos vitais, problemas reais ou potenciais de saúde. C- A intervenção pode ser definida como qualquer tratamento, baseado no julgamento e no conhecimento clínico, que o enfermeiro realiza para melhorar os resultados do paciente/cliente. D- O foco de preocupação das intervenções não é o mesmo do diagnóstico de enfermagem, ou seja, o paciente. E- Nenhuma das alternativas está correta.38. Questão - Foram prescritos 150 mg de ampicilina EV a um lactente. Só existem no Posto multiprofissional, frascos de 500 mg. Ao diluir o conteúdo do frasco em 5 ml de água destilada, quantos ml devemos aplicar? A- 0,5 ml B- 1,0 ml C- 1,5 ml D- 2,0 ml E- 2,8 ml Caderno de Questões – Página 11 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  12. 12. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista39. Questão - Uma idosa de 82 anos, chega a AMA com história de vômitos e diarréia há 2 dias. No momento se encontra com sinais de desidratação importante. Foi prescrito 300 ml de SF 0,9% e eletrólitos em 1 hora. Na unidade só há equipo de macrogotas. Quantas gotas devem correr por minuto : A- 90 gts/min B- 80 gts/min C- 100 gts/min D- 70 gts/min E- 60 gts/min.40. Questão - Marque V ou F, conforme as sentenças sejam verdadeiras ou falsas: I. ( ) O uso da NANDA (North American Nursing Diagnosis Association), NIC (Nursing Intervention Classification) e NOC (Nursing Outcome Classification) juntas representa o domínio da enfermagem em todos os ambientes e especialidades. II. ( ) Os resultados do paciente servem como critério para avaliar/julgar o sucesso de uma intervenção de enfermagem e descrevem o estado, os comportamentos, as reações e os sentimentos do cliente em resposta ao cuidado proporcionado. III. ( ) Diferentemente do diagnóstico de enfermagem e do resultado em que o foco de preocupação é o paciente, as intervenções têm como foco o comportamento do enfermeiro, o que ele faz para auxiliar o paciente a atingir o resultado esperado. A seqüência CORRETA, de I a III, é: A- F – F – F B- V – V – V. C- F – V – F. D- V – V – F. E- F- F – V41. Questão - Na Unidade Básica de Saúde, onde você atua como residente de Enfermagem, comparece uma mulher para a realização de Citologia Oncótica, relatando amenorréia há 2 meses. Durante a Consulta de Enfermagem ginecológica, os dados obtidos na anamnese são: 17 anos de idade, trabalha distribuindo panfletos na rua, não concluiu a 6ª série, solteira, sem companheiro fixo, menarca aos 12 e coitarca aos 15 anos, com história de sete parceiros sexuais. Quanto ao conhecimento de métodos anticoncepcionais, refere não conhecer nenhum, porém relata utilizar a anticoncepção oral de emergência quando necessário. Caderno de Questões – Página 12 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  13. 13. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista Assinale a alternativa CORRETA que representa a conduta adequada nesta situação. A- Encaminhar de imediato para a consulta de enfermagem no pré-natal, realizar cadastro no SISPRENATAL e apresentar -se no Programa Mãe Paulistana. B- Agendar a consulta de enfermagem no pré-natal e solicitar os exames de rotina como: grupo sangüíneo e fator Rh, VDRL, Urina tipo I, Hemoglobina e Hematócrito, Glicemia de jejum, HIV, Toxoplasmose, Hepatite B, Rubéola, Urocultura e Protoparasitológico. C- Solicitar a realização de teste imunológico de gravidez antes de iniciar a coleta de citologia oncótica. D- Dar seguimento na consulta de Enfermagem com prioridade na coleta de citologia oncótica e encaminhar para o grupo de planejamento familiar. E- Encaminhar para o serviço especializado em pré-natal de alto risco.42. Questão - Na primeira consulta de puericultura na UBS, a mãe relata que tem tido dificuldade em amamentar o bebê, pois o “seu bico está muito machucado”. Com relação às intercorrências mamárias no período puerperal, assinale a alternativa correta: A- O trauma mamilar é decorrente de pega inadequada da região mamilo-areolar. B- O ingurgitamento mamário é a estase láctea na mama, sem presença de dor. C- A mastite é uma infecção da mama causada geralmente por estreptococus. D- O tratamento para ingurgitamento mamário é o uso de compressas quentes na mama. E- O tratamento para traumas mamilares é o uso de pomadas cicatrizantes nas lesões.43. Questão - A gestante Fabiana comparece à Unidade Básica de Saúde em 01/12/2010 para agendar consulta pré-natal. Refere data da última menstruação (DUM) em 31/10/2010. Caso a gravidez seja confirmada, qual é a data provável do parto (DPP)? A- 31/07/2011 B- 07/07/2011 C- 03/08/2011 D- 03/07/2011 E- 07/08/201144. Questão - Em relação ao exame do aparelho respiratório, a ausculta é um instrumento propedêutico importante, devendo ser realizado por enfermeiros na avaliação clínica. Os ruídos anormais, com características de bolhas grossas, que podem ser auscultados com clareza, na região dos brônquios e que se modificam com a tosse podem ser chamados de: Caderno de Questões – Página 13 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  14. 14. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista A- Ruídos adventícios – SIBILOS B- Murmúrios vesiculares- RONCOS C- Murmúrios Vesiculares- SIBILOS D- Ruídos adventícios – RONCOS E- Ruídos adventícios – SOPROS45. Questão - Considerando o Calendário Básico de Vacinação da Criança, preconizado pelo Ministério da Saúde, que vacinas uma criança saudável, nascida a termo e atualmente com três meses de vida já deveria ter recebido? A- BCG e 1ª dose da vacina de Hepatite B; 1ª dose da Sabin; 1ª dose da Rotavirus; e 1ª dose da DPT. B- BCG; 1ª e 2ª dose da vacina de Hepatite B; 1ª dose da Tetravalente; 1ª dose da Sabin; e 1ª dose da Rotavirus. C- BCG; 1ª e 2ª dose da vacina de Hepatite B; 1ª dose da DPT; e 1ª dose da Rotavirus. D- BCG; 1ª dose da vacina de Hepatite B; 1ª dose da Tetravalente; e 1ª dose DPT. E- BCG; 1ª e 2ª dose da Tríplice Viral e 1ª dose da vacina de Hepatite B e 1ª dose da Sabin.46. Questão - Infecção é um estado de doença que resulta da presença de patógenos (microorganismos produtores de doenças) no interior e exterior do organismo. Em relação aos estágios da infecção podemos afirmar a evolução ao longo das seguintes fases: A- Estágio prodrômico, estágio completo da doença, período de convalescença, período da incubação. B- Período da incubação, estágio completo da doença, período de convalescença, estágio prodrômico. C- Período da incubação, estágio prodrômico, estágio completo da doença, período de convalescença. D- Estágio completo da doença, período de convalescença, estágio prodrômico, período da incubação. E- Estágio prodrômico, período da incubação, estágio completo da doença, período de convalescença.47. Questão - A Sra Joana é portadora de Trombose Venosa Profunda. Na prescrição médica o item 4 é: ® Clexane 60 mg 1x ao dia por via subcutânea. Em relação a administração da heparina de baixo peso molecular por via subcutânea, qual a técnica correta para este procedimento? A- Não aspirar após a punção e nem massagear após a injeção. B- Aspirar antes de dar o medicamento e, delicadamente, massagear após a injeção. Caderno de Questões – Página 14 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde
  15. 15. Universidade Federal de São Paulo Campus Baixada Santista C- Não aspirar, mas logo após a injeção, massagear. D- Massagear após a injeção e não há necessidade de aspirar, pois não trará prejuízo. E- Aspire após a punção e massageie por 2 minutos.48. Questão - Você está realizando o exame do abdome. Logo após a inspeção, qual a próxima técnica deve-se utilizar? A- Palpação. B- Percussão. C- Mensuração da temperatura da pele. D- Ausculta. E- Não há necessidade de seguir ordem.49. Questão - Sr João, 81 anos, foi encaminhado ao PA da AMA por impactação fecal. O diagnóstico de Enfermagem foi CONSTIPAÇÂO. Após a realização do item 8 da prescrição médica, que constava de Fleet Enema não houve sucesso. Foi sugerido a realização da remoção das fezes manualmente. Durante este procedimento, qual das condições clínicas relacionada à estimulação vagal pode ocorrer? A- Bradicardia. B- Taquicardia. C- Atelectasia D- Tamponamento cardíaco. E- Broncoespasmo.50. Questão - Assinale a alternativa correta em relação a pequena circulação. A- Sangue venoso no átrio direito – valva mitral – ventrículo esquerdo – valva pulmonar – artéria pulmonar – pulmão. B- Sangue venoso no átrio direito – valva tricúspide – ventrículo direito – valva pulmonar – artéria pulmonar – pulmão. C- Sangue venoso no átrio esquerdo – valva mitral – ventrículo esquerdo – valva aórtica – aorta – órgãos e tecidos. D- Sangue venoso no átrio esquerdo – valva tricúspide – ventrículo esquerdo – valva aórtica – artéria pulmonar – órgãos e tecidos. E- Nenhuma das alternativas está correta. Caderno de Questões – Página 15 – Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Atenção à Saúde

×