Termelétricas

42.011 visualizações

Publicada em

Turma 209 - Castelinho 2010

Publicada em: Educação, Turismo
0 comentários
20 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
42.011
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1.086
Comentários
0
Gostaram
20
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Termelétricas

  1. 1. Termelétricas SUMÁRIO ALANA, DOUGLAS, KAREN e MARINA T.: 209
  2. 2. SUMÁRIO <ul><li>Introdução </li></ul><ul><li>História </li></ul><ul><li>Capacidade de produção </li></ul><ul><li>Construção </li></ul><ul><li>Produção da energia </li></ul><ul><li>Impactos ambientais </li></ul><ul><li>Aspectos POSITIVOS & NEGATIVOS </li></ul><ul><li>Razões econômicas </li></ul><ul><li>Influências Políticas </li></ul><ul><li>Maiores produtores </li></ul><ul><li>Considerações finais </li></ul><ul><li>Bibliografia </li></ul>
  3. 3. INTRODUÇÃO <ul><li>Este trabalho tem o intuito de passar aos alunos alguns pontos importantes em relação às Usinas Termelétricas. Informações como história, funcionamento, vantagens e desvantagens, impactos ambientais, grandes produtores, entre outros aspectos desse tipo de produção de energia. Ao final, cada um poderá tirar suas próprias conclusões: vale ou não vale a pena a utilização dessas usinas ? </li></ul>SUMÁRIO
  4. 4. HISTÓRIA <ul><li>A energia térmica começou a ser utilizada para o preparo de alimentos, utilizando-se a madeira para a queima. </li></ul><ul><li>Novos conhecimentos sobre energia surgiram, e o carvão passou a ser utilizado como combustível. </li></ul><ul><li>O petróleo foi descoberto, e seus derivados passaram a substituir o carvão mineral como combustível. </li></ul><ul><li>Hoje, outras técnicas, como a queima de hidrocarboneto, são utilizadas para a produção da energia. </li></ul><ul><li>Novas técnicas não-poluentes estão sendo buscadas. </li></ul>SUMÁRIO
  5. 5. CAPACIDADE DE PRODUÇÃO Termeletricidade no mundo As usinas térmicas não são propriamente eficientes, em algarismos sua produção global é cerca de 38%, isto é, apenas aproximadamente 38% da energia térmica colocada na usina pelo combustível torna-se aproveitável como a energia elétrica. SUMÁRIO Resumo da Termeletricidade no Brasil Tipo de Usina Potência (Kw) % Usinas em operação 11.174.321 14,68 Usinas em construção   8.249.837 62,90   Usinas outorgadas entre 1998 e 2001  15.920.825 59,23
  6. 6. CONSTRUÇÃO <ul><li>As termelétricas são de construção relativamente fácil, pois, ao contrário das hidrelétricas, não necessitam de um rio com desnível nem alagar territórios. </li></ul><ul><li>Podem ser construídas somente onde são necessárias, diminuindo a perda de energia nas linhas de transmissão. </li></ul><ul><li>Necessitam ser construídas próximas às fontes do combustível utilizado. </li></ul><ul><li>No Brasil, apenas RS e SC possuem jazidas de carvão. Portanto, os outros estados necessitam utilizar um dos outros combustíveis para a produção de energia. </li></ul><ul><li>Existem 4 tipos de usina, de acordo com o combustível utilizado: </li></ul><ul><li>*Usina a óleo </li></ul><ul><li>*Usina a carvão </li></ul><ul><li>*Usina nuclear </li></ul><ul><li>*Usina a gás </li></ul>SUMÁRIO
  7. 7. PRODUÇÃO <ul><li>O cumbustível utilizado é extraído de sua fonte, transportado até a usina e armazenado. </li></ul><ul><li>Na usina, uma caldeira com água é aquecida com a queima do combustível. </li></ul><ul><li>A água se transforma em vapor sob forte pressão dentro da caldeira. </li></ul><ul><li>O vapor move uma turbina e </li></ul><ul><li>depois é liberado na atmosfera ou </li></ul><ul><li>reaproveitado através do condensador. </li></ul><ul><li>A turbina move um eixo que pertence </li></ul><ul><li>à um gerador. </li></ul><ul><li>O gerador produz a energia elétrica. </li></ul><ul><li>A energia passa por um transformador e é </li></ul><ul><li>conduzido aos consumidores através de linhas </li></ul><ul><li> de trasmissão. </li></ul>SUMÁRIO
  8. 8. IMPACTOS AMBIENTAIS <ul><li>A liberação do dióxido de </li></ul><ul><li>carbono aumenta o efeito estufa. </li></ul><ul><li>O CO2 também contribui para o </li></ul><ul><li>aumento das ocorrências de chuvas ácidas. </li></ul><ul><li>O calor extraído da usina é liberado em rios ou mares, aumentando a temperatura das águas. </li></ul><ul><li>Cinzas liberadas pelas chaminés acabam caindo e poluindo águas, florestas e cidades das redondezas. </li></ul><ul><li>Nas termelétricas movidas à energia nuclear, há o problema do lixo atômico. </li></ul>SUMÁRIO
  9. 9. Aspectos POSITIVOS & NEGATIVOS <ul><li>Construção fácil e apenas onde é necessária, diminuindo a perda de energia. </li></ul><ul><li>Possibilidade do uso do gás natural, que é menos poluente. </li></ul><ul><li>Não depende das condições climáticas para a produção. </li></ul><ul><li>Impactos ambientais. </li></ul><ul><li>Alto custo do combustível. </li></ul><ul><li>Combustível não-renovável que um dia se esgotará. </li></ul>SUMÁRIO
  10. 10. RAZÕES ECONÔMICAS <ul><li>Necessidade de mais energia, sem a possibilidade de uma hidrelétrica. </li></ul><ul><li>Baixo custo de construção. </li></ul><ul><li>Mesmo sem escassez de energia, o Estado pode construir a usina e vender essa energia à países vizinhos. </li></ul><ul><li>A produção de energia pode ser a partir de um combustível do qual a região é rica, não sendo necessário comprar de fora. </li></ul>SUMÁRIO
  11. 11. INFLUÊNCIAS POLÍTICAS <ul><li>A energia deve ser concebida antes de tudo como um instrumento preventivo de política pública e só se torna eficiente quando possa se constituir num elemento de auxílio à decisão, uma ferramenta de planejamento e concepção de projetos para que se efetive um desenvolvimento sustentável como forma de se sobrepor ao viés economicista do processo de desenvolvimento, que aparecendo como sinônimo de crescimento econômico, ignora os aspectos ambientais, culturais, políticos e sociais. </li></ul>SUMÁRIO
  12. 12. MAIORES PRODUTORES <ul><li>Brasil e América do Sul: </li></ul><ul><li>TermoRio – Duque de Caxias / RJ </li></ul><ul><li>1040 Mw (movida a gás natural) </li></ul><ul><li>No Mundo: </li></ul><ul><li>Xinhua – Zhejiang / China </li></ul><ul><li>4000 Mw (movida a carvão) </li></ul>SUMÁRIO
  13. 13. OPINIÕES <ul><li>O grupo discutiu sobre as termelétricas e, ao final, chegamos a conclusão de que há formas mais sustentáveis do que as termelétricas para produzir energia, pois essas, por necessitarem a queima de combustíveis, poluem demasiadamente. </li></ul><ul><li>Apesar das termelétricas terem facilidades como a construção somente onde é necessária, as desvantagens pesam na relação custo/benefício, pois, primeiramente, deve-se pensar na vida humana. </li></ul><ul><li>Porém, como tudo no mundo, o desejo de desenvolvimento rápido e os interesses políticos se sobressaem, e acaba-se por tomar as piores decisões. </li></ul>SUMÁRIO
  14. 14. BIBLIOGRAFIA <ul><li>ambientes.ambientebrasil.com.br/energia/html </li></ul><ul><li>www.wikipedia.org/wiki/Usina_termoelétrica </li></ul><ul><li>www.infoescola.com.br </li></ul><ul><li>www.sobiologia.com.br </li></ul>SUMÁRIO

×