G3 – Aleandro Soares, Anna Beatriz,
Guilherme Vieira, Jamilly Ribeiro,
Jessika Paiva, Ramylle Peixoto e Suelen
Andreatti
 O primeiro presidente eleito da província, Muniz Freire ( 1892 a
1894), tinha como prioridade no seu governo “... transf...
 O novo arrabalde foi o projeto desenvolvido na
qual aterrou –se os atuais bairros Praia do Canto,
Barro Vermelho, Santa ...
 O governo de Jerônimo era voltado para o
projeto de urbanização, modernização,
diversificação, industrialização e
paisag...
Nos primórdios da colonização do Brasil, a
cruz e a espada marcam a presença
européia, símbolos da fé cristã e do
poderio...
 Na Europa ocorreram revoltas populares que
visavam à unificação dos países que constituem
hoje a Itália e a Alemanha. Es...
Florentino Avidos nasceu em 1870 e
faleceu em 1956. Entre 1924 e 1928,
realizou obras importantes para o estado,
que aind...
 Após a proclamação da República , em 1889 , O
Espírito Santo faz sua primeira constituição
estadual. O primeiro presiden...
O café e o açúcar dominavam a produção
rural do estado na época. A expansão do
café foi rápida, em 1850, já podia se nota...
Espírito santo república - 2M3 , G3
Espírito santo república - 2M3 , G3
Espírito santo república - 2M3 , G3
Espírito santo república - 2M3 , G3
Espírito santo república - 2M3 , G3
Espírito santo república - 2M3 , G3
Espírito santo república - 2M3 , G3
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Espírito santo república - 2M3 , G3

1.436 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.436
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Espírito santo república - 2M3 , G3

  1. 1. G3 – Aleandro Soares, Anna Beatriz, Guilherme Vieira, Jamilly Ribeiro, Jessika Paiva, Ramylle Peixoto e Suelen Andreatti
  2. 2.  O primeiro presidente eleito da província, Muniz Freire ( 1892 a 1894), tinha como prioridade no seu governo “... transformar Vitória numa grande praça comercial.” . Os planos munistas pretendiam transformar o Espírito Santo, reelaborar a organização espacial da província e centralizar os empreendimentos na capital , sendo que para tanto também previa a reestruturação da rede ferroviária para ligar as regiões produtoras à capital e a (re)construção do porto na cidade de Vitória, com capacidade de competir com os outros centros exportadores e visando melhor assimilação da demanda prevista. Estas ações apresentariam Vitória como um moderno centro econômico. Em suma, intentava-se transformar Vitória num grande centro populoso e centralizador de todo o comércio de exportação/importação do Estado – especialmente do café, nosso principal produto na época.  O intuito de conferir à Vitória um caráter moderno, em negação inclusive à sua origem colonial, revelou-se ainda no século XIX, com o projeto de um Novo Arrabalde, desenvolvido pelo engenheiro sanitarista Saturnino de Brito, correspondendo a uma expansão que, quintuplicava a área urbana da época. Todavia crises financeiras relacionadas à comercialização do café inviabilizaram a urbanização imediata da área e contribuíram para a retomada de investimentos públicos de menor porte sobre o próprio núcleo urbano existente ou sobre sua extensão em área contígua.
  3. 3.  O novo arrabalde foi o projeto desenvolvido na qual aterrou –se os atuais bairros Praia do Canto, Barro Vermelho, Santa Lúcia, Santa Helena, Jucutuquara e parte da Enseada do Suá. A ocupação efetiva do novo Arrabalde ocorreu, depois da década de 1950. Até então era praticamente desocupada. O governo fez um papel importante no processo de produção do Novo Arrabalde: projetou o bairro, construiu infraestrutura e sistema de ligação viária com o Centro e vendeu terrenos de maneira facilitada para a classe media.
  4. 4.  O governo de Jerônimo era voltado para o projeto de urbanização, modernização, diversificação, industrialização e paisagismo do Espírito Santo, concentrando as ações do projeto na capital Vitória. Outro ponto importante do governo de Monteiro foi a educação, ele reestruturou o ensino público.
  5. 5. Nos primórdios da colonização do Brasil, a cruz e a espada marcam a presença européia, símbolos da fé cristã e do poderio militar. As lutas no Espírito Santo pela posse da terra com a Igreja Católica foram freqüentes. Os imigrantes quando vieram ao Espírito Santo, trouxeram também a sua cultura, algumas delas existem até hoje em algumas regiões.
  6. 6.  Na Europa ocorreram revoltas populares que visavam à unificação dos países que constituem hoje a Itália e a Alemanha. Estas guerras de unificação e o estabelecimento de um novo Estado geraram um grande empobrecimento, causando fome e falta de emprego à população pobre, mais notadamente a camponesa.  O colonizador português, responsável pela disseminação do idioma e da fé católica, queria a terra para explorar, plantar e produzir, e, produziu também cultura deixada por tradição nas cantigas de roda, nas brincadeiras infantis, na vestimenta, na culinária e, na arquitetura.
  7. 7. Florentino Avidos nasceu em 1870 e faleceu em 1956. Entre 1924 e 1928, realizou obras importantes para o estado, que ainda fazem ele ser lembrado por suas ações. Construiu pontes que ligam Vitória ao continente e sobre o rio doce, em Colatina.
  8. 8.  Após a proclamação da República , em 1889 , O Espírito Santo faz sua primeira constituição estadual. O primeiro presidente de Estado eleito foi Moniz Freire. Ele investiu na rede ferroviária, na infra-estrutura do Porto de Vitória. Porém, com a desvalorização do café, o recurso se tornaram escassos e até 1908,o estado viveu um período de estagnação.  No século XX, em função da ocupação dos morros, que refletem as luzes das casas nas águas da baía, Vitória passou a ser chamada de "Cidade Presépio do Brasil" e depois "Delícia de Ilha".
  9. 9. O café e o açúcar dominavam a produção rural do estado na época. A expansão do café foi rápida, em 1850, já podia se notar a importância econômica dessa atividade para o estado. A cafeicultura foi de extrema importância para o desenvolvimento do estado.

×