Página 1
• Ao longo desta apresentação irá ser  abordada a influência da poluição na  biodiversidade (terrestre, aérea e  aquática)...
• A partir da Revolução Industrial, com o desenvolvimento do capitalismo, e consequente urbanização e industrialização, a ...
O homem deixa, assim, de viver emharmonia com a Natureza e passa adominá-la, dando origem ao que sechama segunda natureza:...
Página 5
Portanto temos que nos juntarTODOS para impedir que esteproblema chegue em força ao       nosso concelho!                 ...
consiste na introdução pelo homem, directaou indirectamente de substâncias noambiente, provocando um efeito negativo noseu...
Vamos focar-nos só nos tipos de poluição queafectam mais directamente a biodiversidade.  Tipos de Poluição  Atmosférica   ...
Página 9
•Desde os tempos mais remotos ohomem costuma lançar os seus detritosnos cursos de água. Até à RevoluçãoIndustrial esse pro...
•O volume de detritos despejados nas águastornou-se cada vez maior, superando acapacidade de purificação dos rios e oceano...
Este tipo de poluição afecta em grandenúmero os peixes, os anfíbios e as plantasaquáticas.    Estes seres vivos são os mai...
Página 13
Caso de estudo:  O impacto dos efluentes na BiodiversidadeO que são efluentes?Efluentes são geralmente produtos líquidos o...
 Para isso, é necessária a implementaçãode um sistema de monitoramento confiável.As exigências da legislação ambientallev...
As emissões decorrem principalmente deprocessos industriais, esgoto doméstico, veículosautomotores e actividade agrícola....
 Apesar de estes efluentes causarem um grandeimpacto na atmosfera, são as paisagens eprincipalmente os habitats aquáticos...
Essa água, que é lançada nos riosainda quente (proveniente daactividade industrial) , faz aumentara temperatura da água do...
EFEITO DO SMOGAntes                         Depois                          Página 19
As grandes cidades são alvo de uma intensivaindustrialização, e com o aumento dapopulação vão cada vez sê-lo mais.Apesar d...
A poluição atmosférica vai provocar um aumentodo buraco da camada de ozono, o que vaidesencadear alguns fenómenos prejudic...
O controle biológico consiste no combateàs pragas através dos seus inimigosnaturais, predadores ou parasitas, comopor exem...
A utilização de pesticidas pode provocar danos à saúdedo Homem.Insecticidas ( DDT e BHC ) - cancro, danos no fígado.Herbic...
As chuvas ácidas(precipitações deágua atmosférica carregada de ácidosulfúrico e de ácido nítrico) corroemrapidamente os au...
Página 25
Estas    chuvas      ácidas     vãoprovocar a acidificação do solo,provocando mal formações nosalimentos      plantados,  ...
Será que….  Começamos com tudo…                        Página 27
E acabamos assim?                    Página 28
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Impacto da contaminação no solo, na água e na atmosfera

12.155 visualizações

Publicada em

Publicada em: Diversão e humor
1 comentário
5 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
12.155
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Impacto da contaminação no solo, na água e na atmosfera

  1. 1. Página 1
  2. 2. • Ao longo desta apresentação irá ser abordada a influência da poluição na biodiversidade (terrestre, aérea e aquática).• Pretendemos assim contribuir para uma diminuição da poluição no nosso concelho através da sensibilização da população, para que estes animais possam continuar a usufruir do espaço que também é deles. Página 2
  3. 3. • A partir da Revolução Industrial, com o desenvolvimento do capitalismo, e consequente urbanização e industrialização, a natureza vai pouco a pouco deixando de existir para dar lugar a um meio ambiente produzido pela sociedade moderna. Página 3
  4. 4. O homem deixa, assim, de viver emharmonia com a Natureza e passa adominá-la, dando origem ao que sechama segunda natureza: Naturezamodificada ou produzida pelo homemcomo meio urbano ( rios canalizados esolos cobertos por asfalto), que émuito diferente da primeira natureza,a paisagem natural sem intervençãohumana. Página 4
  5. 5. Página 5
  6. 6. Portanto temos que nos juntarTODOS para impedir que esteproblema chegue em força ao nosso concelho! Página 6
  7. 7. consiste na introdução pelo homem, directaou indirectamente de substâncias noambiente, provocando um efeito negativo noseu equilíbrio, causando assim danos nasaúde humana, nos seres vivos e noecossistema ali presente. Página 7
  8. 8. Vamos focar-nos só nos tipos de poluição queafectam mais directamente a biodiversidade. Tipos de Poluição Atmosférica Hídrica Do Solo Página 8
  9. 9. Página 9
  10. 10. •Desde os tempos mais remotos ohomem costuma lançar os seus detritosnos cursos de água. Até à RevoluçãoIndustrial esse procedimento nãocausava problemas, já que os rios,lagos e oceanos têm um considerávelpoder de auto limpeza.• Com a industrialização, a situaçãocomeçou a sofrer profundas alterações. Página 10
  11. 11. •O volume de detritos despejados nas águastornou-se cada vez maior, superando acapacidade de purificação dos rios e oceanos,que é limitada. Além disso, passou a serdespejada na água uma grande quantidade deelementos que não são biodegradáveis, ouseja, não são decompostos pela natureza. Página 11
  12. 12. Este tipo de poluição afecta em grandenúmero os peixes, os anfíbios e as plantasaquáticas. Estes seres vivos são os mais prejudicados, pois estão em contacto directo com a água. Os peixes fazem desta o seu habitat, as plantas aquáticas, tal como o nome indica, “vivem” na hidrosfera. Os anfíbios também saem muito prejudicados na luta contra a contaminação da água, pois eles precisam de humidade para viver, sendo que a maior parte deles toma como habitat os locais mais próximos da água. Página 12
  13. 13. Página 13
  14. 14. Caso de estudo: O impacto dos efluentes na BiodiversidadeO que são efluentes?Efluentes são geralmente produtos líquidos ougasosos produzidos por indústrias ou resultantedos esgotos domésticos urbanos, que sãolançados no meio ambiente.Podem ser tratados ou não tratados.Cabe aos órgãos ambientais, à determinação e àfiscalização dos parâmetros e limites de emissãode efluentes industriais, agrícolas e domésticos. Página 14
  15. 15.  Para isso, é necessária a implementaçãode um sistema de monitoramento confiável.As exigências da legislação ambientallevaram as empresas a buscar soluçõespara tornar os seus processos maiseficazes. É cada vez mais frequente o uso desistemas de tratamento de efluentesvisando a reutilização de matérias (água,óleo, metais, etc.), minimizando a emissãode resíduos para o meio ambiente. Página 15
  16. 16. As emissões decorrem principalmente deprocessos industriais, esgoto doméstico, veículosautomotores e actividade agrícola.Os principais responsáveis pela emissão deresíduos para o meio ambiente são: Esgotos Veículos Processos Actividade Automóveis Industriais Domésticos Agrícola Página 16
  17. 17.  Apesar de estes efluentes causarem um grandeimpacto na atmosfera, são as paisagens eprincipalmente os habitats aquáticos. Passou a ser despejada na água uma grandequantidade de elementos que não sãobiodegradáveis, ou seja, não são decompostospela natureza. Tais elementos - por exemplo, osplásticos, a maioria dos detergentes e ospesticidas - vão se acumulando nos rios, lagos eoceanos, diminuindo a capacidade de retenção deoxigénio das águas e, consequentemente,prejudicando a vida aquática. Página 17
  18. 18. Essa água, que é lançada nos riosainda quente (proveniente daactividade industrial) , faz aumentara temperatura da água do rio eacaba por provocar a eliminação dealgumas espécies de peixes, aproliferação excessiva de outras e,em alguns casos, a destruição detodas. Página 18
  19. 19. EFEITO DO SMOGAntes Depois Página 19
  20. 20. As grandes cidades são alvo de uma intensivaindustrialização, e com o aumento dapopulação vão cada vez sê-lo mais.Apesar de ser um benefício para conseguirsustentar toda população, também pode serprejudicial, pois as fábricas emitem umaenorme quantidade de gases para a atmosfera,o que vai provocar uma grave POLUIÇÃOPAISAGÍSTICA, tal como as estruturasmonstruosas que são feitas. Página 20
  21. 21. A poluição atmosférica vai provocar um aumentodo buraco da camada de ozono, o que vaidesencadear alguns fenómenos prejudiciais àbiodiversidade, como por exemplo:• Aumento da temperatura, o que vai provocaruma alteração nas rotas migratórias, tanto deaves como de peixes. Também vai causar odegelo, que irá provocar a desintegração doshabitats, provocando a morte de muitos seresvivos.• A libertação de gases pelas chaminés dasfábricas, pode levar à morte de aves porintoxicação. Página 21
  22. 22. O controle biológico consiste no combateàs pragas através dos seus inimigosnaturais, predadores ou parasitas, comopor exemplo, a criação de vírustransgénicos, desenvolvidos para que, aoserem fumigados(expostos a fumaça,gases) sob culturas, ataquemexclusivamente certas larvas ou insectos.Os vírus, inofensivos para outras espécies,auto destroem-se quando o seu trabalhotóxico estiver terminado. Página 22
  23. 23. A utilização de pesticidas pode provocar danos à saúdedo Homem.Insecticidas ( DDT e BHC ) - cancro, danos no fígado.Herbicidas, incineração do lixo (Dioxina) - cancro, defeitoscongénitos , doenças de pele.Plásticos ( cloro vinil ) - cancro do fígado e do pulmão;atinge o Sistema Nervoso Central.Solventes, produtos farmacêuticos e detergentes (Benzina ) - dores de cabeça, náuseas, perda decoordenação dos músculos, leucemia. Página 23
  24. 24. As chuvas ácidas(precipitações deágua atmosférica carregada de ácidosulfúrico e de ácido nítrico) corroemrapidamente os automóveis, osmetais de pontes e outrasconstruções, além de afectarem asplantas e ocasionarem doençasrespiratórias e da pele nas pessoas,são formados pela emissão de dióxidode enxofre e óxidos de nitrogénio porparte de certas indústrias. Página 24
  25. 25. Página 25
  26. 26. Estas chuvas ácidas vãoprovocar a acidificação do solo,provocando mal formações nosalimentos plantados, e queconsequentemente irá provocardoenças ou a morte em todos osseres vivos. Página 26
  27. 27. Será que…. Começamos com tudo… Página 27
  28. 28. E acabamos assim? Página 28

×