Trabalho sfotware e hardware

259 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
259
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
30
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho sfotware e hardware

  1. 1. .Hardware vs Software feito . Tipos de software  feito .Hardware de entrada (input) eou saída (output) de dados e hardware de armazenamento de dados  feito .Tipos memorias. Memorias principais e secundarias  feito .Arquitetura de um computadorcomo é feito um computador
  2. 2.  Hardware é a parte física do computador, composta por circuitos, cabos e placas;  A palavra hardware pode se referir também como o conjunto de equipamentos acoplados em produtos que precisam de algum tipo de processamento computacional:  A ciência que estuda o hardware é conhecida como arquitetura de computadores.
  3. 3.  O Software é uma aplicação, um programa do computador, que permite executar uma determinada tarefa;  Software é a manipulação, instrução de execução, redirecionamento e execução das atividades lógicas das máquinas;  Os softwares podem ainda ser classificados em: - Softwares de Sistemas: permite que o usuário interaja com o computador e suas partes. Ex: firmware, drivers, etc. - Softwares Aplicativos: permite que através de seu uso, o usuário faça uma tarefa específica. Ex: editores de texto, planilhas eletrônicas, etc.
  4. 4.  Software de sistema:  - É o responsável pelo funcionamento do próprio computador e de todo o Hardware;  - Os mais importantes destes programas são os sistemas operativos  MS-DOS(sistema operativo de linha de comandos)   WINDOWS (sistema operativo de ambriente gráfico)   MAC OS (sistema operativo de ambiente gráfico)  Software de aplicação :  É constituído por uma grande variedade de programas que nos permitem realizar tarefas especificas, relacionadas com o nosso trabalho ou com o lazer
  5. 5.  Dispositivo de saída são dispositivos que exibem dados e informações processadas pelo computador, também chamados de unidades de saída (no inglês input/output - entrada/saída). Por outras palavras, permitem a comunicação no sentido do computador para o utilizador. Exemplos: projetor de vídeo, impressora e monitor.
  6. 6.  Dispositivo de entrada são dispositivos que fornecem dados para operações em um programa de computador, também chamados de unidades ou periféricos de entrada (no inglês input/output - entrada/saída);  Um dispositivo de entrada permite a comunicação do usuário com o computador. São dispositivos que enviam dados analógicos ao computador para processamento. Exemplos: Teclado, mouse, caneta ótica, scanner, câmara fotográfica/de vídeo, entre outros.
  7. 7.  Memória principal: "também chamadas de memória real, são memórias que o processador pode endereçar diretamente, sem as quais o computador não pode funcionar. Estas fornecem geralmente uma ponte para as secundárias, mas a sua função principal é a de conter a informação necessária para o processador num determinado momento; esta informação pode ser, por exemplo, os programas em execução. Nesta categoria insere-se a RAM,que é uma memória de semicondutores, volátil, com acesso aleatório, isto é, palavras individuais de memória são acessadas diretamente, utilizando uma lógica de endereçamento implementada em hardware. Também pode-se compreender a memória ROM (não volátil), registradores e memórias cache."  Memória secundária: memórias chamadas de “memórias de armazenamento em massa”, para armazenamento permanente de dados. Não podem ser endereçadas diretamente, a informação precisa ser carregada em memória principal antes de poder ser tratada pelo processador. Não são estritamente necessárias para a operação do computador. São geralmente não-voláteis, permitindo guardar os dados permanentemente. Como memórias externas, de armazenamento em massa, podemos citar os discos rígidos como o meio mais utilizado, uma série de discos óticos como CDs, DVDs e Blu-Rays,disquetes e fitas magnéticas.
  8. 8.  O desenho da arquitetura da CPU do computador, o seu conjunto de instruções, "addressing modes" e técnicas, tais como paralelismo SIMD e MIMD.  Arquiteturas de hardware mais generalizadas, tais como computação em cluster e arquiteturas NUMA (acesso não- uniforme à memória).  A utilização menos formal do termo refere-se a uma descrição dos requisitos (especialmente requisitos de velocidades e interligação) ou implementação do design para as várias partes de um computador, tais como memória, placa-mãe,periféricos eletrônicos ou, mais frequentemente, CPU.  A arquitetura é frequentemente definida como o conjunto de atributos da máquina que um programador deve compreender para que consiga programar o computador específico com sucesso, ou seja, para que consiga compreender o que o programa irá fazer aquando da sua execução. Por exemplo, parte da arquitetura são as instruções e o raio de operadores manipulados por elas.

×