Libertismo - Filosofia

647 visualizações

Publicada em

O Libertismo consiste na ideia permanente de liberdade de escolha não influênciada. Este trabalho irá ao fundo deste conceito de Libertismo e os seus ideais oponentes, tais como o Determinismo e o Indeterminismo.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
647
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Libertismo - Filosofia

  1. 1. Liberdade Ausência de submissão, servidão e determinação e qualifica a independência do ser humano. Livre-arbitrio É a capacidade de gerir a liberdade de escolha e/ou decisão.
  2. 2. Libertismo Consiste na ideia permanente de liberdade de escolha não influênciada. Determinismo Pensamento de que tudo o que acontece tem uma causa e acontecimento prévio.
  3. 3. Indeterminismo Alguns acontecimentos não têm causas: limitam-se a acontecer e nada há no estado prévio do mundo que os explique.
  4. 4. Determinismo Libertismo Indeterminismo Todos os acontecimentos são determinados por causas anteriores. Aceita Rejeita Aceita Não há acções livres. Aceita Rejeita Rejeita Ninguém é responsável pelas suas acções. Aceita Rejeita Rejeita
  5. 5. A tese do libertismo afirma que todo o ser humano é livre, sendo nada permeditado e todas as nossas acções se devem ás nossas decisões. Segundo esta tese todo ser humano tem o livre- arbitrio e não apenas uma ilusão do mesmo.
  6. 6. Argumentos baseados na auto-observação Argumentos baseados no processo de ponderação Argumentos baseados na responsabilidade moral
  7. 7.  As nossas acções são escolhidas livremente. X Acreditar na liberdade é uma crença de senso comum. Contra argumento determinista
  8. 8.  As nossas acções devem-se às nossas vontades por termos a capacidade de ponderar as alternativas e as consequências de uma escolha.
  9. 9.  Se fosse premeditadas ou controladas as nossas decisões não se poderia colocar em causa o seu valor, pois não estaria nas nossas mãos fazer bem ou mal.
  10. 10. O Compatibilismo é o ponto médio entre o Libertismo e o Determinismo, esta tese afirma que o Determinismo e o livre-arbitrio podem se relacionar. Libertismo Compatibilismo Determinismo
  11. 11.  As nossas decisões são livres no entanto influênciadas por alguns factores externos á nossa exclusiva vontade.
  12. 12.  Para alcançar a liberdade descrita pelo libertismo era necessário que o ser humano se abstraisse de constrangimentos ou obstáculos que nos impedem de fazer o que queremos.
  13. 13. Decisões humanas Libertismo Indeterminismo Determinismo Compatibilismo Decisões livres que decidem o futuro sem influências. Decisões manipuladas e destinadas a cada um, nada acontece por acaso. Algumas decisões são livres, outras nem por isso. As nossas decisões são livres, no entanto, para atingir essa liberdade é necessário por de lado alguns ostáculos às escolhas.
  14. 14.  http://www.defnarede.com/indice10.html  http://www.esas.pt/dfa/determinismo_ind.htm  http://jornal-etecetera.blogspot.com/
  15. 15. Trabalho elaborado pelos alunos da turma 10ºA: Liliana Capucho, nº12 Pedro Pinto, nº22

×