Agr introducao

186 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
186
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Agr introducao

  1. 1. Administração e Gerência de Redes Aula Inaugural Professor: Paulo Cesar E-mail: pccbranco@gmail.com
  2. 2. Apresentação Objetivos:  Conhecer a administração e gerência de redes de computadores, seus objetivos, nível de serviço, qualidade e seus problemas perante a evolução tecnologica.  Compreender os conceitos de governança de TI.  Conhecer as plataformas de redes e as estruturas organizacionais dos sistemas e serviços de redes.  Conhecer as ferramentas de administração de redes e as técnicas de automação para a gerência de redes.  Ajudar ao administrador da rede detectar, diagnosticar e solucionar problemas numa rede de forma eficaz.
  3. 3. Conteúdo Programático 1. Introdução à Administração e Gerência de Redes 2. Estrutura das organizações e sistemas de administração de redes 3. Processos e fluxos de informação de administração de rede 4. Administração de rede inovadora 5. Objetivos estratégicos 6. Governança de TI: boas práticas, modelos de gestão 7. Nível de Serviço e Qualidade: processos, indicadores, métricas de qualidade 8. Os problemas na administração de rede 9. Modelos de gerenciamento 10. Gerência de rede SNMP (TCP/IP), MIB 11. Ferramentas de gerenciamento de redes
  4. 4. Sugestões Bibliográficas COMER, Douglas E., Interligação de Redes com TCP / IP – Princípios, protocolos e arquitetura, 5º Edição Revisata e atualizada, Elsevier, 2006. Lopes, Raquel Vigolvino, Melhores Práticas para Gerência de Redes de Computadores. Editora Campus, 2003 BURGESS, Mark. Princípios de administração de redes e sistemas. 2. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2006. THOMPSON, Marco Aurélio. Windows server 2003: administração de redes. 5. ed. São Paulo: Érica, 2007. COSTA, Daniel Gouveia. Administração de redes com Scripts: Bash Script , Python e Vbscript. Rio de Janeiro: Brasport, 2007. LIMA, João Paulo. Administração de redes linux. Terra, 2000. TANENBAUM, Andrew S. Redes de computadores. 4. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2003.
  5. 5. Avaliações Nota Parcial N1 – Prova com questões subjetivas, objetivas e descritivas sobre o conteúdo seguindo modelo ENADE – Trabalho individual ou em equipe a ser entregue na data determinada. Nota Parcial N2 – Prova com questões subjetivas, objetivas e descritivas sobre o conteúdo seguindo modelo ENADE – Trabalho individual ou em equipe a ser entregue na data determinada que poderá valer até 50% da prova parcial N2. Nota AV (Avaliação Final) – Prova com questões subjetivas, objetivas e descritivas sobre o conteúdo seguindo modelo ENADE
  6. 6. Avaliações Trabalho para nota parcial N1 – Aluno deve realizar um pesquisa sobre um determina tema proposto pelo professor. • Um comparativo da tarefa de administração e gerência envolvendo os sistemas Linux e Windows • Gerência e administração de redes no contexto de tolerância a falhas Trabalho para nota Parcial N2 – Aluno ou equipe de alunos ( a definir ) deverá escolher uma ferramenta de gerenciamento de redes. • Fazer um estudo de caso com no mínimo 3 computadores em qualquer sistema operacional. • O grupo deve contruir slides com a descrição da ferramenta, a sua instalação e o estudo de caso realizado.
  7. 7. Redes antigamente Concebidas para compartilhar recursos mais caros.
  8. 8. Considerando esse quadro... Considerando o cenário anterior e com a evolução da tecnologia das redes de computadores, torna-se cada vez mais necessário a “Gerência do ambiente de redes de computadores” para manter todo este ambiente funcionando de forma suave.
  9. 9. Introdução  Evolução da Gerência da Redes – 1970: Os computadores centralizados com terminais conectados a mainframes em baixa velocidade de transmissão e gerenciamento inexistente. – 1980: Surgiram os primeiros sistemas de gerenciamento voltados para redes distribuidas. – 1990: A internet passa a ter o gerenciamento através de navegadores WEB, avanço da tecnologia de interconexão de redes ATM e Frame Relay das redes de longa distância – Atualmente: Alto grau de complexidade e de tamanho na qual exige o emprego de sistemas de gerenciamento que proporcionem qualidade de serviço, integração com processos e negócios.
  10. 10. Introdução - Motivação  As redes estão ficando cada vez mais importantes para as empresas. – não são mais infraestrutura dispensável: são de missão crítica ( não podem parar ! ) – além de entender como as redes são construídas, é cada vez mais importante entender como elas são operadas ou administradas e como as aplicações em rede são desenvolvidas.  As redes estão ficando cada vez mais abrangentes – atingem mais gente na empresa – atingem mais lugares físicos da empresa – atingem mais parceiros da empresa – atingem os clientes da empresa
  11. 11. Introdução - Motivação  As redes são cada vez mais heterogêneas ! – mesclagem de tecnologias – mesclagem de fornecedores  As tecnologias estão ficando cada vez mais complexas ! – Por exemplo: suportar aplicações de voz-sobre-ip (VOIP) ou aplicações de videoconferências.  A falta de pessoal qualificado ainda continua ! – precisamos de profissionais qualificados e com boas soluções para gerenciar as redes.  Manter o bom funcionamento de uma rede de computadores é necessário o auxílio de instrumentação adequada: – estações de gerência que mostrem o mapa de rede – estado operacional de equipamentos e interfaces de redes – analisadores de protocolos e ferramentas de gerência ( Ex: “ping” e “traceroute” )
  12. 12. Introdução - Conceitos ADMINISTRAÇÃO E GERÊNCIA
  13. 13. Introdução - Conceitos  Administração – é o elo entre os recursos e os objetivos de uma organização – envolve a elaboração de planos, pareceres, relatórios e projetos – tem a função de tratar dos aspectos gerais de organização. É preciso ter ampla visão de recursos humanos, financeiros, mercados, concorrência, produção, entre outros. – Possui uma visão de forma “macro” da organização.
  14. 14. RREECCUURRSSOOSS RREECCUURRSSOOSS RReeccuurrssooss,, PPeessssooaass,, RReeccuurrssooss,, PPeessssooaass,, IInnffoorrmmaaççããoo,, CCoonnhheecciimmeennttoo EEssppaaççoo,, TTeemmppoo,, IInnffoorrmmaaççããoo,, CCoonnhheecciimmeennttoo EEssppaaççoo,, TTeemmppoo,, CCuussttoo,, IInnssttaallaaççõõeess CCuussttoo,, IInnssttaallaaççõõeess OOBBJJEETTIIVVOOSS RReessuullttaaddooss OOBBJJEETTIIVVOOSS RReessuullttaaddooss eessppeerraaddooss ddoo ssiisstteemmaa eessppeerraaddooss ddoo ssiisstteemmaa DDEECCIISSÕÕEESS PPllaanneejjaammeennttoo OOrrggaanniizzaaççããoo EExxeeccuuççããoo ee DDiirreeççããoo DDEECCIISSÕÕEESS PPllaanneejjaammeennttoo OOrrggaanniizzaaççããoo EExxeeccuuççããoo ee DDiirreeççããoo CCoonnttrroollee CCoonnttrroollee
  15. 15. Introdução - Conceitos  Gerência de Redes – processo de controle de uma rede de dados visando maximizar sua eficiência e produtividade. – atividades que monitora e controla os elementos da rede (físico ou lógicos), assegurando um certo nível de qualidade de serviço. – o gerenciamento de rede pode ser definido como a coordenação ( controle de atividades e monitoração de uso) de recursos materiais (roteadores, switchs, adaptadores de redes) e ou lógicos ( protocolos ), fisicamente distribuidos na rede, assegurando, na medida do possível, confiabilidade, tempos de respostas aceitáveis e segurança das informações.
  16. 16. Introdução - Objetivos  Objetivos – Controlar o funcionamento da rede de computadores – Controlar a complexidade da rede – Otimizar o serviço de comunicação – Otimização do uso de recursos disponíveis – Diminuir o tempo de indisponibilidade de uma rede – Auxíliar no controle gastos
  17. 17. A complexidade atual... SO LAN WAN MLAN WWW Firewall VPN FTP Intranet Domínios Vírus Spam SPY
  18. 18. Como gerenciar isto ?  Funções de gerência de rede ( Modelo FCAPS ) – Planejamento inicial da rede – Gerência de falhas – Gerência de configuração – Gerência de contabilização – Gerência de desempenho – Gerência de segurança

×