MAM+Garage

473 visualizações

Publicada em

Ação para ativação.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
473
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

MAM+Garage

  1. 1. Projeto Quadro Colaborativo
  2. 2. Introdução Apoiada nas tendências mundiais de Colaborativismo na Internet, fortemente difundidas pelo conceito de Web 2.0, desenvolvemos um projeto de novas mídias capaz de gerar uma ação sócio-cultural em torno da arte. A idéia é aplicar o conceito de colaborativismo, para atrair a atenção das pessoas e fazê-las repensarem a sua relação com a arte, e assim gerar de forma natural mais visitas ao museu. Não somente em exposições temporárias, mas gerar uma relação mais “ í ntima” e frequente. É desse pensamento que surgiu o conceito de WikArte , ou arte colaborativa, pessoas comuns que irão através da internet juntar esforços para a elaboração de uma obra de arte.
  3. 3. Objetivo O objetivo desta ação é mudar a relaç ão entre as pessoas e arte . Deixá-las interagirem e criarem uma obra real , e colocar esta obra em exposição. Assim de alguma forma os usuários que participarem da ação se sentirão parte do museu, pois ele terá uma obra com o seu nome. Uma consequência lógica dessa ação seria também a divulgação do mam pelo mundo, como um museu “antenado” com as tedências, participativo e ativo na sociedade. Como qualquer pessoa poderá participar sem distinção de nacionalidade, achamos que o mundo todo se sentirá dono de um pedacinho de uma obra de arte, exposta num museu que posibilitou tudo isso. E já que estamos fazendo o primeiro quadro colaborativo do mundo, esperamos uma grande repercusão espontânea na imprensa e na própria internet.
  4. 4. O projeto
  5. 5. O que é: projeto quadro coletivo é uma plataforma de interação onde será possível, através da internet, operar uma máquina, de simples utilização, para pintar um quadro. Cada usuário dará a sua colaboração e quanto mais pessoas participarem, mais complexo e rico o quadro ficará. É importante destacar que a intenção não é gerar um quadro com valor artístico, e sim fazer com que pessoas de localidades e culturas diferentes tenham contato com a arte. Teremos então a primeira obra de arte coletiva feita pela internet do mundo.
  6. 6. A internet será a grande ferramenta viabilizadora do projeto. Teremos uma plataforma capaz de controlar um “robô pintor”, que estar á instalado no MAM pronto para pintar a tela. O usuário poderá escolher a cor, direcionar o robô e controlá-lo durante alguns segundos. As pessoas que estiverem conectadas no site poder ã o ver a evolução do quadro em tempo real. Teremos uma espécie de fila, para controlar a participação, o usuário entra, se cadastra e enquanto aguarda a sua vez de pintar é impactado com algumas das obras do acervo do museu pra “se inspirar”. Como funciona:
  7. 8. A base de toda a operação será uma espécie de stand montado junto ao museu, é lá que o quadro será pintado. A idéia é fazer uma estrutura quase toda de vidro para não interferir na arquitetura. Nesta base estará instalado o “robô pintor” que lancará a tinta em uma tela de 6x3 metros. As pessoas que passarem pelo parque poderão acompanhar a confecção do quadro e saber quem está pintando naquele momento, nome, pais, e outras informações que serão disponibilzadas através de uma tela. Instalaç ão do robô no Museu
  8. 9. Aspecto Geral da instalaç ão
  9. 10. Como resultado da ação teremos: Uma pintura coletiva, acrilico sobre tela, de 6x3 metros. V ídeo com todo o processo e cenas de making of, que ficará em exposição junto com o quadro. Ficha de créditos gigantesca, com todos os nomes e nacionalidades das pessoas que participaram da confecção do quadro, também para exposição. Buzz marketing e divulgação expontânea, através de TVs, jornais, internet, etc.
  10. 11. <ul><li>Patroc í nios </li></ul><ul><li>Teremos um modelo de venda de cotas de patrocínio, relacionadas a empresas que tenham interesse em participar do projeto. </li></ul><ul><li>Acreditamos que como é um projeto com uso de tecnologia de ponta e multidisciplinar , podemos atrair o interesse de algumas empresas, como por exemplo o IG, que poderá prover a conexão e background na internet, NET com banda larga e transmissão de vídeos em tempo real, empresas montadoras de stands, empresas fornecedoras de tintas, etc. </li></ul>Modelo de negócios
  11. 12. <ul><li>Benef ícios para o museu: </li></ul><ul><ul><li>Modernidade </li></ul></ul><ul><ul><li>Maior proximidade ao público </li></ul></ul><ul><ul><li>Projeção internacional </li></ul></ul><ul><ul><li>Mais sócios e doadores </li></ul></ul><ul><li>Benef ícios para a sociedade: </li></ul><ul><ul><li>Participação na vida do museu </li></ul></ul><ul><ul><li>Coletividade </li></ul></ul><ul><ul><li>Maior conexão com a arte </li></ul></ul><ul><li>Benef ícios para os patrocinadores: </li></ul><ul><ul><li>Engajamento social </li></ul></ul><ul><ul><li>Atenção pública </li></ul></ul><ul><ul><li>Forte contribuição com a arte </li></ul></ul><ul><ul><li>Repercussão de mídia espontânea. </li></ul></ul>
  12. 13. Tks :)

×