Iluminismo

1.041 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.041
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Iluminismo

  1. 1. O ILUMINISMO
  2. 2. • Definição: Movimento filosófico, intelectual e científico que contrariou as bases do Antigo Regime. Defendia o uso da razão (luz),contra o Antigo Regime (trevas). • Quando? : século XVIII. • Onde? Inglaterra (início), França (auge). • Quem? O iluminismo representou basicamente a forma da burguesia interpretar o mundo. • Principais aspectos: Racionalismo Cientificismo Antiabsolutismo Anticlericalismo Defesa de liberdades individuais CARACTERÍSTICAS:
  3. 3. CRÍTICAS DO MOVIMENTO ILUMINISTA • O absolutismo monárquico: porque protegia a nobreza e o clero mantendo seus privilégios. Além de impedir a participação da burguesia no governo. • Mercantilismo: porque a intervenção do Estado na economia era considerada prejudicial ao comércio e ao enriquecimento da burguesia. O mercantilismo só trouxera benefícios aos nobres e ao clero, deixando boa parcela da população a mercê da sorte. • O poder da Igreja: porque este se baseava em verdades reveladas pela fé. Isso chocava com a liberdade do indivíduo para elaborar conceitos, normas, ideias e teorias.
  4. 4. • Valorização da razão: os iluministas entendiam a razão como a melhor maneira de fazer julgamentos, afirmavam que a racionalidade se opõe radicalmente à ignorância, à superstição e à aceitação de verdades baseadas na fé e na tradição. • Crítica à religião: a base do conhecimento sobre o ser humano e a natureza estaria na razão humana, e não nas explicações teológicas e metafísicas. Esse pensamento pôs esses intelectuais em oposição à Igreja e à religião.
  5. 5. • MONTESQUIEU (FRANÇA) • Divisão de poderes (três poderes) Executivo, Legislativo e Judiciário. Montesquieu não era a favor de um governo burguês. Sua simpatia política inclinava-se para uma monarquia moderada. “A liberdade é o direito de se fazer tudo o que as leis permitem. É necessário que o próprio poder limite o poder”
  6. 6. • Jean-Jacques Rousseau (França) • Ele defendia a ideia de um estado democrático que garanta igualdade para todos (Liberdade Econômica) "O homem é bom por natureza. É a sociedade que o corrompe.”
  7. 7. • Voltaire (França) • Crítica ao clero e a intolerância. • Igualdade jurídica. • Liberdade de expressão. • Monarquia ilustrada.
  8. 8. • Diderot (França) • Importância da Ciência como principal motor do desenvolvimento e progresso humano; • A política deve se incumbir de eliminar as diferenças sociais; • A religião deve ficar restrita ao campo de formação do comportamento humano. • - A tecnologia é de fundamental importância para o desenvolvimento econômico das nações. • - Foi um crítico do Absolutismo e do poder e influência da Igreja na sociedade. • Enciclopédia.
  9. 9. • Jean Meslier (França) “A humanidade só será feliz, quando o último padre for enforcado com as tripas do último rei.”
  10. 10. • Importância do movimento: Influenciou uma série de movimentos na Europa e fora dela que abalam definitivamente o Antigo Regime ao longo dos séculos XVIII e XIX, como por exemplo a Independência dos EUA e a Revolução Francesa; Base do pensamento contemporâneo em muitas sociedades ocidentais, no que diz respeito a organização política, econômica e social.

×