Montagem Vermicompostor

633 visualizações

Publicada em

Módulo 3
Montagem de um vermicompostor
Module 3
Wormcomposter building

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
633
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Montagem Vermicompostor

  1. 1. MÓDULO 3 - VERMICOMPOSTAGEM DOMÉSTICA MONTAGEM DE UM VERMICOMPOSTOR DOMÉSTICO CENTRO DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO, FEV. 2010 NELSON LOURENÇO MESTRE EM GESTÃO SUSTENTÁVEL DOS ESPAÇOS RURAIS ENGENHEIRO DO AMBIENTE
  2. 2. OBJECTIVO GERAL  Conhecer um sistema de tratamento da fracção orgânica de RSU – o vermicompostor.
  3. 3. OBJECTIVOS PEDAGÓGICOS No final da formação os formandos deverão ser capazes de:  Montar correctamente um vermicompostor doméstico manualmente utilizando um Manual de Instruções e em menos de 4 minutos;  Indicar as funções de todos os componentes do vermicompostor sem a ajuda do formador em menos de 2 minutos.
  4. 4. ÍNDICE 1. O vermicompostor 2. Montagem do vermicompostor 3. Resultado final 4. Funções dos componentes 5. Referências Bibliográficas
  5. 5. 1. O VERMICOMPOSTOR
  6. 6. 1. O VERMICOMPOSTOR  Estrutura feita em plástico reciclado ou madeira.  Permite o tratamento e valorização de resíduos orgânicos.  Produção de vermicomposto e chá de vermicomposto.  Recolha aprox. de 110 kg de resíduos ano-1 .  Produção aprox. de 73 kg de vermicomposto ano-1 .
  7. 7. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  8. 8. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR Passo 1  Colocar o compartimento base por cima dos pés e utilizar os parafusos disponibilizados para prender ambas as partes.
  9. 9. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  10. 10. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  11. 11. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  12. 12. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  13. 13. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR Passo 2  Colocar o compartimento de produção do chá de vermicomposto sobre o compartimento base e alinhar os buracos.
  14. 14. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  15. 15. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  16. 16. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR Passo 3  Aplicar as anilhas de borracha no local destinado à torneira e só depois enroscar a torneira.
  17. 17. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  18. 18. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  19. 19. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  20. 20. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR Passo 4  Colocar por cima todos os compartimentos restantes e finalmente o compartimento relativo ao telhado.
  21. 21. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  22. 22. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  23. 23. 2. MONTAGEM DO VERMICOMPOSTOR
  24. 24. 3. RESULTADO FINAL
  25. 25. 3. RESULTADO FINAL TRATAMENTO DE RESÍDUOS E PRODUÇÃO DE VERMICOMPOSTO PRODUÇÃO DE CHÁ DE VERMICOMPOSTO
  26. 26. 4. FUNÇÕES DOS COMPONENTES
  27. 27. 4. FUNÇÕES DOS COMPONENTES Malha Separação das minhocas do vermicomposto através de um atractivo – resíduos orgânicos; Torneira Drenagem do lixiviado – chá de vermicomposto (não o verdadeiro); Orifícios Arejamento do sistema; Parafusos Estabilidade da zona de drenagem de lixiviados.
  28. 28. GRELHA DE CORRECÇÃO PERGUNTA SOLUÇÃO COTAÇÃO (PONTUAÇÃO) Plástico 18 1 Madeira 18 Sub-total 36 Compartimento base 8 Parafusos 8 Chá de vermicomposto 8 Orifícios 8 2 Anilha 8 Torneira 8 Compartimento 8 Telhado 8 Sub-total 64 Total 100
  29. 29. GRELHA DE AVALIAÇÃO PONTUAÇÃO TOTAL CLASSIFICAÇÃO 0-20 Mau 21-49 Insuficiente 50-75 Suficiente 75-90 Bom 91-100 Muito Bom
  30. 30. 5. CONCLUSÕES
  31. 31. 5. CONCLUSÕES  A vermicompostagem doméstica encontra-se ao alcance de todas as populações tendo por base a montagem, colocação das minhocas e dos resíduos, e manutenção de um vermicompostor doméstico.  O vermicomposto é inodoro, leve, de coloração escura e uniforme, e apresenta diferenças de propriedades quer químicas quer físicas em relação à mistura de resíduos inicial devido ao seu maior grau de humificação (Antoniolli et al., 1996).  O vermicomposto é um produto que resulta da degradação mesofílica de materiais orgânicos por meio da interacção entre minhocas e microrganismos (Gopal et al., 2009).
  32. 32. 6. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
  33. 33. 6. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS  Antoniolli, Z.I., Giracca, E.M.N., Bauer., C. Vermicompostagem. Santa Maria: Universidade Federal de Santa Maria/Centro de Ciências Rurais, 1996.  Gopal M, Gupeta A, Sunil E, Thomas GV (2009) - Amplification of plant beneficial microbial communities during conversion of coconut leaf substrates to vermicompost by Eudrilus sp. Current Microbiology, 59: 15-20.
  34. 34. OBRIGADO BOAS PRÁTICAS SAUDAÇÕES AMBIENTAIS

×