Como elaborar projetos sociais: Sustentabilidade de um projeto

27.530 visualizações

Publicada em

0 comentários
19 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
27.530
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
19
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Como elaborar projetos sociais: Sustentabilidade de um projeto

  1. 1. MADELENE BARBOZASUSTENTABILIDADE DE UMPROJETO SOCIALMaio, 2013
  2. 2. Falta de recursos é causa ou sintoma?
  3. 3. SUSTENTABILIDADE DE UM PROJETODepende da sua legitimidade e credibilidade frente à sociedade.Cuidar da sustentabilidade tem a ver com estar atento a:• necessidades e demandas na sociedade (leitura de contexto)• mudanças no contexto – novas demandas, novas ofertas e atores• relevância do projeto como uma resposta• qualidade do projeto• capacidade da sua organização• Alinhamento com missão e visão da organização• Relação entre projeto/organização e sociedade.
  4. 4. Recursos financeiros são consequênciadessa legitimidade.
  5. 5. ESTRATÉGIAS PARA SUSTENTABILIDADE: AARTE DE SE RELACIONAR!Ao redor de cada projeto existe uma comunidade de grupos deinteressados: equipe, famílias e público atendido, liderançascomunitárias, corporativas e políticas, escolas, atores e empresárioslocais, governo, conselhos, apoiadores e doadores atuais, outrasorganizações, gangues, traficantes...Como cada grupo influencia o projeto?Que expectativas têm do projeto?Como queremos que eles influenciam o projeto?Como queremos e podemos influenciar cada grupo? Que relaçãoprecisamos estabelecer?
  6. 6. O QUE É COMUNICAÇÃO ?• É o que a organização faz, o que ela diz que faz e o que falam epensam dela.• Acontece na relação.• Acontece constantemente e por muitas vias.• Requer consciência, alinhamento, sentido, foco. (imagem,interesses e interação)
  7. 7. MOBILIZAÇÃO DE RECURSOS• É um processo contínuo de construção de relacionamentos aolongo prazo em prol da sustentabilidade do seu projeto.• “Os recursos mais importantes são os nossos aliados. O dinheiro éconsequência disso.” (M. Estraviz)• Mobilização de recursos significa recursos materiais, técnicos,financeiros, tempo de voluntários, apoio de organizações,parcerias.
  8. 8. POR QUÊ PARCERIA?• Reconhecimento da complexidade da realidade: Quando a situaçãoou problema identificada não pode ser alterada e transformada emuma situação desejável apenas pelo esforço do projeto e daorganização, precisamos trabalhar com outros.• Valorização da participação. Legitimidade. “ao redor de cadaorganização existe uma comunidade”.• Valorização da diversidade. 1+1=3Construir parceria requer confiança e pede tempo.
  9. 9. LegitimidadeCredibilidadeRelevânciaInteressesCOMUNICAÇÃOMOBILIZAÇÃODE RECURSOSSUSTENTABILIDADEPARCERIAS
  10. 10. MAPEAR OS INTERESSADOSVaria com a intenção e o olhar de quem observa!• Intenção: mapear contexto, estratégias de comunicação,mobilização de recursos, parcerias.• Diversidade de olhares: envolvimento de vários grupos daorganização; mapear problemas, necessidades e tambémcapacidades e oportunidades.É continuo e complexo!• Prazo de validade: Os grupos de interessados influenciam e estãosendo influenciados o tempo todo. Os interesses dos grupos deinteressados mudam.
  11. 11. MAPA DE INTERESSADOSUm bom mapa de interessados pode facilitar o entendimento maisprofundo sobre o posicionamento da organização e projeto nadinâmica de relações com o seu entorno.Objetivo:• Ampliar a noção sobre quem são os principais interessados naexistência do projeto• Aprofundar a compreensão sobre os seus interesses, pontos devista e conexões• Visualizar caminhos para fortalecer o posicionamento esustentabilidade do projeto.
  12. 12. MAPA DE INTERESSADOS1. Listar os grupos de interessados.Lembrar também interessados com interesses antagônicos.2. Reunir informações sobre cada grupoAtentar para aquilo que não sabe.3. Posicionar os grupos no alvo conforme a proximidade na relaçãocom o projeto.4. Refletir sobre o todo:Que tipos de grupos estão próximos? Que tipos estão distantes?Que tipos de relações temos nutrido? Com quem temosdificuldade de lidar? Que riscos se apresentam para asustentabilidade do projeto? Que oportunidades? Que estratégiaspodemos pensar para cada grupo de interessado para fortalecer asustentabilidade?
  13. 13. Quais são osprincipaisinteressados naexistência doprojeto?Quais são seusprincipaisinteresses?Como eles osexplicitam emanifestam?Que imagemtêm doprojeto? Porquê?Como é a suainteração com oprojeto? Porquê? Queinfluênciaexercem?Como o projetoincorpora a suainfluência?FamíliasAtendimento dosfilhos, orientação,capacitação,resolverproblemas.Solicitam aequipe.Provedor deserviços, alguemque poderesolver seusproblemas.Equipe semprepronto paraatendersolicitações.Eles solicitam erecebem,participam quandochamados. É o queexigimos deles.Participar ou não,mandar as criançasou não.Atendemos asdemandas.Conversamossobre eles nasreuniões daequipe.Consideramosseus interesses naelaboração dasatividades doprojeto.
  14. 14. MAPA DE INTERESSADOS( - )( + )Projeto
  15. 15. REFERÊNCIASReferências Coleção Caminhos para o desenvolvimento deOrganizações da Sociedade Civil• Mapa de contexto – 7 “Construir um mapa de contexto”• Mapa de interessados – 2 “Fazer um (eco)mapa de interessados”• Comunicação e captação de recursos – 3 “Tecer a delicada tramadas parcerias”, “Alinhar e alinhavar comunicação e mobilização derecursos”, “Apropriar-se da arte de mobilizar recursos”.
  16. 16. REFERÊNCIAS (CONT.)• Elaborar projetos – 4 “Elaborar bons projetos: alicerces”, “Elaborarbons projetos: diferenciais”• Monitoramento e avaliação – 4 “Monitoramento:criar olhos paraver”, “Elaborar um plano de monitoramento e avaliação”, 6 ”Avaliarpara aprender”• Orçamento – 5 “Planejar e executar a gestão financeira”
  17. 17. MADELENE BARBOZAmadelene@institutofonte.org.brMARIANGELA PAIVAmariangela@institutofonte.org.brrua natingui,pinheiros – são paulo – sp11 3032-1108www.institutofonte.com.brMuito obrigada!

×