Arm alves 119 2013 t

250 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
250
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Arm alves 119 2013 t

  1. 1. Armando Alves ÁRVORES PINTURA 1. Apresentação por Bernardo Pinto de Almeida 2. Obras 3. Curriculum VitaeARMANDO ALVES
  2. 2. ÁRVORES DE ARMANDO, AGORA Texto de Bernardo Pinto de AlmeidaAs árvores de Armando, agora, tomam o primeiro plano nos seus quadros da maisrecente série, erguem os ramos ao céu como se fossem braços(…) nelas se exalta,antes, pela solidez do seu porte, pela vertical afirmação de vida quetransportam, essa espécie de alegria órfica que povoa quase todos os seusquadros desde há pelo menos três décadas para cá, isto é, dito brevemente, essaalegria simples das paisagens reinventadas como registos simples, quasediagramáticos de cores, linhas, movimentos, fluxos.Estas árvores, recortadas contra o céu, ora azul ora tinto de vermelhos fortescomo os de um pôr-de-sol alentejano, têm a dimensão humana de personagensde um concerto harmónico, que é o da natureza breve que a pintura de ArmandoAlves vem incessantemente celebrando."(…)são quase árvores verdadeiras apesar de pintadas, já que não representammas tão só designam linhas, espaços de cor, recortes de matéria e planos que sevão sobrepondo como massas musicais numa tocata. Fluindo do desenho para apintura, do recorte para o volume, da cor para a sugestão, elas compõem umaespécie de coreografia simples como se nada mais pudessem, neste mundo, doque temperá-lo dessa alegria imanente que o mundo tem a cada instante..” Bernardo Pinto de Almeida, Extracto do texto do catálogo da exposiçãoARMANDO ALVES
  3. 3. ARMANDO ALVES 1) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 150 x 150 cm
  4. 4. ARMANDO ALVES 4) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 100 x 100
  5. 5. ARMANDO ALVES 2) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 100 x 100
  6. 6. ARMANDO ALVES 6) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 100 x 100
  7. 7. ARMANDO ALVES 3) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 100 x 100
  8. 8. ARMANDO ALVES 5) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 100 x 100
  9. 9. ARMANDO ALVES 7) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 60 x 60 cm
  10. 10. ARMANDO ALVES 8) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 60 x 60 cm
  11. 11. ARMANDO ALVES 11) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 50 x 50 cm
  12. 12. ARMANDO ALVES 10) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 50 x 50 cm
  13. 13. ARMANDO ALVES 12) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 45 x 50 cm
  14. 14. ARMANDO ALVES 13) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 50 x 45 cm
  15. 15. ARMANDO ALVES 14) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 30 x 40 cm
  16. 16. ARMANDO ALVES 15) S/ Título, 2012 Acrílico sb Tela 30 x 40 cm
  17. 17. Nota Biográfica:Nasceu em Estremoz, em 1935. Fez o Curso de Preparação às Belas Artes na Escola António Arroio, emLisboa. Completou o Curso de Pintura na Escola Superior de Belas Artes do Porto, (com média final de 20valores), onde foi Professor Assistente entre 1962 e 1973. Em 1968 constitui o Grupo “Os Quatro Vintes“(com Ângelo de Sousa, Jorge Pinheiro e José Rodrigues). A sua obra tem sido exposta frequentemente nopaís e no estrangeiro. Está representado em diversas colecções particulares e organismos públicos. Desdecedo ligado às artes gráficas a ele se deve, com a sua actividade, uma profunda renovação e valorizaçãodessa área, já demonstrada na exposição individual que realizou na Escola Superior de Belas Artes doPorto, em 1965, e desde então em outras realizações. Em 2006 no dia 10 de Junho é agraciado peloPresidente da República com o Grau de Grande Oficial da Ordem de Mérito. Mais recentemente, foi-lheatribuido o “Prémio de Artes Casino da Póvoa 2009”.Exposições e outras actividades relevantes: 1956 X Exposição Geral de Artes Plásticas, Lisboa, SNBA; Expo de Arte Moderna, Póvoa de Varzim 1957 Expo noClube de Campismo de Setúbal; 1ª Exposição de Artes Plásticas, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian; 1958 11Pintores Portugueses, Madrid, Galeria Abril; II Salão de Primavera da Costa do Sol, Estoril; VII Exposição Magnada ESBAP, Porto; 1959 VIII Exposição Magna da ESBAP, Porto 1960 2ª Exposição Extra-Escolar dos Alunos daESBAP, Porto, Coimbra e Lisboa; IX Expo Magna da ESBAP, Porto; Expo de Arte Moderna, Amarante; Salão 60,Porto, Fenianos; Doze Artistas da Metrópole, Lourenço Marques; Festival de S. Lucas, Évora 1961 3ª ExposiçãoExtra-Escolar dos Alunos da ESBAP, Porto, Coimbra e Lisboa; X Exposição Magna da ESBAP, Porto; ArtePortuguesa, Antuérpia; Arte Portuguesa, Bélgica, Anvers; II Bienal de Paris – Jovem Pintura, Paris; Exposição deArtes Plásticas (integrada na Queima das Fitas), Coimbra – 1º Prémio de Pintura; Professor Assistente na mesmaEscola; XI Exposição Magna da ESBAP, Porto; Exposição de Artes Plásticas, organizada pelo Lusitano GinásioClube 1963 Exposição inaugural da “Árvore“, Porto; XII Exposição Magna da ESBAP, Porto; 1964 viagem de estudoa Inglaterra; 1965 Primeiro Salão de Primavera, Guimarães; Expo na Coop. “Árvore”; 1ª exposição individual deArtes Gráficas na ESBAP; 1966 Exposição da Fundação C. Gulbenkian, Bagdad; XV Exposição Magna da ESBAP,Porto; Exposição de Arte Moderna no Cinquentenário da Morte de Amadeo de Souza-Cardoso, Amarante 1967Expo na Galeria Divulgação, Porto; Exposição de Arte Portuguesa, Bagdad; XVI ESBAP, Porto; ARMANDO ALVES
  18. 18. ... /Nota Biográfica:.../ Exposições e outras actividades relevantes:1968 Constitui o Grupo “Os Quatro Vintes“ (com Ângelo de Sousa, Jorge Pinheiro e José Rodrigues); Os QuatroVintes, Porto, Cooperativa Árvore e Galeria Domingues Alvarez; Exposição de Arte Moderna, Caldas da Rainha,Museu de José Malhoa; Direcção Gráfica da Editorial Inova, fundada este ano; Dirige graficamente a obra DaquiHouve Nome Portugal (antologia de verso e prosa sobre o Porto, organizada por Eugénio de Andrade, ediçãoespecial comemorativa dos 1100 anos da cidade do Porto) 1969 Exposição de homenagem a Souza-Cardoso,Amarante; Os Quatro Vintes, Porto, Galeria Zen; Lisboa, SNBA; Dirige graficamente a obra Cartas Portuguesasatribuídas a Mariana Alcoforado (traduzidas por Eugénio de Andrade, com desenhos de José Rodrigues, ediçãoespecial comemorativa dos 300 anos de publicação do texto original) 1970 Os Quatro Vintes, Paris, GaleriaJacques Desbrière; Poster Catarina Eufémia, com desenho de José Rodrigues e poema de Sophia Mello e BreynerAndresen 1971 Direcção gráfica da obra Memórias de Alegria (antologia de verso e prosa sobre Coimbra,organizada por Eugénio de Andrade, edição especial comemorativa do centenário da “Geração de 70“); Direcçãográfica de Ostinato Rigore, de Eugénio de Andrade, cuja capa reproduz um desenho seu; Poster Meditação emCatarina, poema de Egito Gonçalves, com desenho de Augusto Gomes 1972 Direção grafica de Variações sobreum Corpo (antologia de poesia erótica contemporânea organizada por Eugénio de Andrade, com 26 desenhos deJosé Rodrigues); Dirige graficamente a obra Versos e alguma prosa de Luis de Camões (antologia organizada porEugénio de Andrade, comemorativa dos 450 anos do nascimento de Camões); Realiza graficamente a “BibliotecaCamiliana“, dirigida por Alexandre Cabral 1973 Realiza graficamente a colecção de poesia Indícios de Oiro;Cartaz comemorativo da 1ª Exposição de Ourivesaria Artesanal de Gondomar; Cartaz Nicolau Nasoni Arquitectodo Porto, na comemoração do II Centenário; Colectiva, Porto, Galeria Dois; 1974 Cartaz A Vontade Popular,MDP; Ilustra e dirige graficamente O Elefante Cor-de-Rosa, livro infantil de Luísa Dacosta, editado pelaFigueirinhas, Porto; 1975 Levantamento da Arte do século XX no Porto, Porto, Museu Nacional Soares dos Reis;Poster Povo/MFA (homenagem a Vasco Gonçalves, com desenho de Armando Alves e poema de Eugénio deAndrade); Direcção gráfica da Editorial Limiar, fundada neste ano; Cartaz comemorativo do 53º Dia Mundial daCooperação; Cartaz Emigrante – Dinamização Cultural; Cartaz comemorativo do Ano Internacional da Mulher;Cartaz comemorativo do Dia Mundial da Infância; Cartaz e cenários para a peça Lux in Tenebris, sobre o textode Bertoit Brecht, levada à cena pelo Seiva Trupe, Porto; Participação no Mural Colectivo de Viseu; 1976 Dirigea Exposição dos 30 anos de Eugénio de Andrade, na Fund. Engº Antº de Almeida, Porto ARMANDO ALVES
  19. 19. ... /Nota Biográfica:.../ Exposições e outras realizações relevantes:1977 Dirige a exposição e organização do catálogo da Semana de Colóquios e Cinema dedicada à obra de VirgílioFerreira, realizada pela Editorial Inova no Ateneu Comercial do Porto; Programa para os concertos dehomenagem a Fernando Lopes Graça no seu 70º aniversário; Cartaz para o Campeonato da Europa de Cadetes –Taça Jean Becker – Ténis CTP 1978 Exposição individual na Galeria Jornal do Notícias, Porto, sendo na ocasiãopublicado pela Editorial Inova um catálogo com ampla documentação iconográfica e crítica; Cartaz e programapara Os Emigrantes, peça de Slawomir Mrozok, encenada por João Lourenço e levada à cena pelo TeatroExperimental do Porto; Poster de Augusto Gomes, com texto de Eugénio de Andrade 1979 Dirige graficamente aúltima edição da Editorial Inova, Poemas do Último Século Antes; do Homem 1980 Direcção gráfica da EditorialOiro do Dia, sucessora da inova; Realização gráfica, nesta editora, da colecção de poesia Obscuro Domínio e OAprendiz de Feiticeiro 1981 Exposição individual na Galeria Jornal de Notícias, Porto, sendo por essa alturaeditado pela Oiro do Dia um álbum com três plaquetas dedicadas a Armando Alves e com desenhos seus: Acondição do olhar de Maria Alzira Seixo, A plenos pulmões de Herberto Helder e Armando Alves e a lâmpada deAladino de Eduarda Chiote; Direcção gráfica do catálogo da exposição retrospectiva dos 50 primeirosespectáculos do Teatro Experimental do Porto 1982 Aspectos da Arte Abstracta 1970-1980, Lisboa, SNBA;Arteder/82 – Muestra Internacional de Arte Gráfica, Bilbao; Gráfica de Portugal, Berlim, Galeria Am Weldandam;Realiza a exposição O Pintor e a cidade (aguarelas de António Cruz sobre o Porto e outros lugares, na Casa doInfante); 1ª Exposição Nacional de Desenho, Porto, Coop Árvore; Mostra de Artes Gráficas Grafiporto 83, Porto,Museu Nacional Soares dos Reis – 1º Prémio 1984 Quadros de uma Exposição, Matosinhos, Posto de Turismo daCâmara Municipal; Colectiva, Lisboa, Galeria Altamira; Artistas Portugueses, RFA, Goethe Institut; IV BienalInternacional de Vila Nova de Cerveira, Vª Nª Cerveira; 1985 Colectiva, Lisboa, Atelier 15; Os Quatro Vintes vinteanos depois, Porto, Casa do Infante, com catálogo editado pela Oiro do Dia; Exposição individual de Serigrafiasno Museu dos Biscainhos, Braga; Exposição individual de Pintura na Cooperativa Árvore, Porto, com catálogoeditado pela Oiro do Dia 1986 Arte Portuguesa, Bordéus 1987 Colectiva de Desenho da Cooperativa Árvore,Porto, Mercado Ferreira Borges; Exposição individual na Galeria Nasoni, Porto; Esteve representado na MARCA87, Madeira – Stand Galeria Nasoni 1988 Exposição individual; FIAC’88, Paris, Stand Galeria Nasoni 1990Exposição individual Objectos, na Galeria Nasoni, Porto 1993 Exposição individual na Cooperativa Árvore, Porto1994 7 Artistas Trabalham a Prata, Porto, Galeria F Santos; Exposição individual na Galeria Degrau Arte, Porto; ARMANDO ALVES
  20. 20. .../ Nota Biográfica:.../ Exposições e outras actividades relevantes:Zeitgenõssische Kunst aus Portugal, Wiesloch 1995 Exposição de Arte Portuguesa Contemporânea, Amarante eMatosinhos; Bienal Internacional de Arte de Vila Nova da Cerveira, Vila Nova da Cerveira; Exposição individual naGaleria Fernando Santos, Porto; Justiça, Porto, Galeria da Praça; Zeitgenõssische Kunst aus Portugal, Heidelberge Bona 1996 Dimensão no Desenho, Rio de Janeiro, Paço Imperial; Dez Pintores Portugueses, Zamora, Bienal deZamora; Expo na Pousada de S. Francisco, Beja; Colectiva, Vila do Conde, Galeria Delaunay; Colectiva, Lisboa,Associação Nacional de Farmácias 1997 Farmácia, Porto, Galeria da Praça; Expo na Galeria Municipal de VilaFranca de Xira 1997-1998 Dimensão do Desenho, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Salvador,Recife, Belém, Santos, Niterói, São Paulo, Rio de Janeiro, e Santiago do Chile 1998 Expo da Cruz Vermelha,Lisboa, Expo’98; Expo do Prémio Nacional de Pintura António Joaquim (artista de Gaia), Gaia; VIII CimeiraIbérica, Porto, Coop Árvore; 1999 “50 anos, 50 Quadros” – Cores do Porto, Porto, Colégio Universitário; Tesourosde Portugal, Macau; CIRCA 1968, Porto, Fundação de Serralves (expo inaugural do Museu de ArteContemporânea); Trajectos do Sentir, Lisboa, Galeria Domus Vários (exposição inaugural) 2000 1ª Bienal dePintura Domingos Sequeira, Lisboa, Galeria Bairro Alto; Expo individual na Pousada de Nossa Senhora daAssunção, Arraiolos 2001 Porto 60/70 – Os Artistas da Cidade, Porto, Museu de Serralves e Coop Árvore; Arte deVanguarda no Porto anos 60/70, Porto, Galeria da Biblioteca Almeida Garrett; Exposição individual na GaleriaDomus Vários, Lisboa 2002 Exposição inaugural da Galeria «Arte Doze», em Lisboa; Exposição «Cordeiros 2002»Arte Contemporânea, no Centro de Congressos do Estoril; Exposição individual «Os Lugares do Desenho», noPalacete Viscondes de Balsemão, no Porto; XIX Exposição Colectiva dos Sócios da Cooperativa Árvore, noMercado Ferreira Borges, no Porto; Exposição «Um Sopro de Respiração» (Luisa Dacosta), na Biblioteca AlmeidaGarrett, no Porto; Exposição da Galeria «Arte Doze», em viseu 2003 Exposição individual na Galeria das Antas,Porto; Exposição «Viagem Ilha de Moçambique» na Fundação Júlio Resende; Exposição «A Árvore no Porto Arte»Feira de Arte Moderna e Contemporânea; Exposição «Portugal de Relance» A Viagem O Encontro de Dois Povosno Museu Brasileiro de escultura em S. Paulo, Brasil; Exposição «Mestre de Pintura» na Galeria Cordeiros noPorto; Exposição «Artistas Portugueses Contemporâneos», colecção da Casa da Cerca no Palácio da GaleriaTavira, 2004 Exposição «Ilha de Moçambique» Maputo, Moçambique; Organizada pela Fundação Júlio Resendecom o apoio da Fundação Oriente; Exposição Individual de Desenho na Casa da Cerca em Almada comapresentação do Cartaz para o Festival Intern. de Almada; Um sentimento da Paisagem - Galeria São Mamede,Lisboa. ARMANDO ALVES
  21. 21. .../ Nota Biográfica:.../ Exposições e outras actividades relevantes:2006 “A mesma Morada”, Galeria São Mamede, Lisboa 2007 Exposição colectiva “Paisagem PortuguesaContemporânea”, em Ryhad, na Arábia Saudita. Exposição Colectiva da Galeria Cordeiros na Alfandega doPorto. Exposição Colectiva “25 Artistas”, na Galeria Cordeiros, no Porto. Exposição Colectiva "20 PintoresContemporâneos Portugueses", Claustros, Instituto Politécnico de Setúbal. 2008 Exposição individual“Paisagens” no sétimo aniversario da Eurogaleria, no Porto. Exposição “Linha do Horizonte – O motivo dapaisagem na arte portuguesa contemporânea”, Rio de Janeiro, Brasil. Exposição de Artes Plásticas “Escola doPorto – Duas Gerações”, Bienal de Arte de Chaves, na Biblioteca Municipal. Exposição “Linha do Horizonte – Omotivo da paisagem na arte portuguesa contemporânea”, Museu Nacional de Soares dos Reis, Porto.Exposição Colectiva “Escultura Abstrata nas Décadas de 1960 -1970 na Colecção da Fundação de Serralves”,no Centro de Arte Contemporânea Graça Morais, Bragança. Feira “Arte Lisboa 2008”, na Galeria São Mamede.2009 Exposição colectiva do acervo da Fundação de Serralves “Serralves 2009 A Colecção”, Fundação deSerralves, Porto. Exposição colectiva “Arte Tecida – Tapeçaria de Portalegre na Arte Contemporânea”, noFórum Cultural de Ermesinde. Exposição colectiva na galeria São Mamede, de 4 de Julho a 15 de Setembro,no Porto. Exposição individual, na Galeria Valbom, em Lisboa. Feira “Arte Lisboa 2009”, na Galeria SãoMamede e Galeria Valbom. Atribuição do “Prémio de Artes Casino da Póvoa 2009”, em Dezembro, na Póvoado Varzim. Exposição individual “O Sentido de Um Trajecto”, em Dezembro, no Fórum de Ermesinde. 2010Exposição colectiva "Desenho Português no Egipto", Palácio Amir Taz, Cairo. Exposição colectiva "9 x 16", EuroGaleria, Porto. Exposição individual “O Sentido de Um Trajecto”, em Março, no Armazém das Artes –Fundação Cultural, em Alcobaça. Exposição colectiva "7 Caminhos Partilhados", em Maio, na Galeria CorEspontânea, no Porto. Exposição colectiva "Tapeçarias de Portalegre – Expressão de Arte Contemporânea”, noMuseu do Neo-Realismo, em Vila Franca de Xira; exposição individual “Um olhar na paisagem”, em Novembroe Dezembro na Galeria São Mamede, Porto.ARMANDO ALVES
  22. 22. Para mais informações contacte: Galeria São Mamede (Direção de Francisco Pereira Coutinho) Rua da Escola Politécnica, 167 1250-101 LISBOA Telefone: 21 397 32 55 Rua D. Manuel II, 260 4050-343 PORTO 226 099 589 galeria@saomamede.com Ou, visite-nos em: www.saomamede.com Ou no FaceBookARMANDO ALVES

×