PATRIMONIO CULTURAL do Município de PRINCESA ISABELPALESTRA PROFERIDA POR FRANCISCO FLORENCIO, EM 27/11/2014 NO IFPB- PRIN...
CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988 –ART 216 
•Art. 216 -Constituem patrimônio cultural brasileiro os bens de natureza material e...
CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988 ART 216§1º 
•§1º -O Poder Público, com a colaboração da comunidade, promoverá e protegerá o p...
PRINCESA ISABEL –PB MARCOS HISTÓRICOS 
•1766 –OCUPAÇÃO INICIAL –SESMARIA DE LOURENÇO DE BRITO 
•1858 -INICIO DA URBANIZAÇÃ...
PATRIMONIO CULTURAL -definição 
•Patrimoniocultural é o conjunto de saberes, fazeres, expressões, práticas e seus produtos...
PATRIMONIO CULTURAL PRINCESENSEUMA PEQUENA AMOSTRA 
•POR ABSOLUTA IMPOSSIBILIDADE DE APRESENTAR TODO O CATÁLOGO DO PATRIMO...
PALACETE DOS PEREIRA (foto em 2010) 
Um dos cartões postais da cidade. Construidoem 1926 por amigos do Coronel José Pereir...
CASARÃO DA FEIRA 
Predioconstruído em 1896, pelo Coronel Florentino, líder político na época. Destinava- se a modernizar o...
ESTÁTUA PRESIDENTE EPITACIO PESSOA 
Instalada em 1924 pelo Coronel José Pereira em homenagem ao Presidente EpitacioPessoa,...
ANTIGA “USINAS REUNIDAS JOSÉ PEREIRA LIMA “–FUTURO MUSEU 
Predioindustrial construído em 1924 pelo Coronel José Pereira, p...
ESCOLA GAMA E MELO (2010) 
Predioconstruído em 1925-1926 pelo governo da Paraiba, por influencia direta do chefe político ...
ESCOLA GAMA E MELO –VISTA INTERIOR
GALERIA ALEXANDRINA LIMA (2005) 
Predioconstruído no final do século 19, com fachada recoberta por azulejos portugueses. M...
MAUSOLÉU CANHOTO DA PARAIBA (2010) 
Túmulo que abriga os restos mortais do músico princesenseFrancisco Soares, o “Canhoto ...
MAUSOLÉU CANHOTO DA PARAIBA (DETALHE) 
Mosaico sobre a fachada do mausoléu. Concepção do Eng. Francisco Florencioe realiza...
CASA –PRAÇA 15 DE NOVEMBRO 
Predioresidencial construído em 1924 e pertencente à família do Major Feliciano Florencio, um ...
PREDIO DO ANTIGO CONSELHO MUNICIPAL E FORUM –(foto em 2009) 
O mais antigo prédio conhecido em Princesa Isabel. Construido...
PREDIO COMERCIAL (Foto 2008) 
Prediocomercial construído no final do século 19, pelo Ten. Coronel Marcolino Pereira. Local...
ANTIGA MATRIZ (1876) –DEMOLIDA EM 1969 
Matriz inicial da história de Princesa. Concluidaem 1876, como expansão da antiga ...
CASA CADASTRADA EM 2005 E DEMOLIDA SEM AUTORIZAÇÃO EM 2013 
Casa na Rua Coronel Marcolino. Foi cadastrada para tombamento ...
PREDIO COMERCIAL – TRAVESSA VICENTE CARNEIRO 
CADASTRADO PARA TOMBAMENTO PELO IPHAEP EM 2005 E ATUALMENTE COM FACHADAS ENC...
IGREJA DO ROSÁRIO DOS PRETOS 
Construidaem 1886, pelo Padre Francisco Tavares Arcoverde (fundador da cidade), com recursos...
PAISAGEM NATURALCACHOEIRA DE MINAS 
Local de queda das aguas do Riacho Cachoeira de minas (Talhado), situado próximo do po...
CACHOEIRA DE MINAS 
Um turista extasiado – Laurindo Medeiros
CACHOEIRA DE MINAS – 
INSCRIÇÕES RUPESTRES – fotos Laurindo Medeiros-
PERSONALIDADE PRINCESENSE –Ministro Alcides Carneiro 
NasceuemPrincesaIsabelnodia11dejunhode1906.Orador,ensaísta,crítico, ...
PERSONALIDADE PRINCESENSE – Coronel José Pereira 
Nasceu em 4 de dezembro de 1884. Chefe político de 1915 até 1930. Deputa...
PERSONALIDADE PRINCESENSE –Músico Chico Soares –o “Canhoto da Paraiba” 
NasceuemPrincesaIsabelnodia19demarçode1926.Violoni...
EVENTO HISTORICO – Revolta de Princesa - 1930 
Grupo de homens armados concentrados em frente à casa do Coronel Zé Pereira...
EVENTO HISTÓRICO – Revolta de Princesa - 1930 
Grupo de revoltosos, tendo à frente o Coronel Zé Pereira e seu estado- maio...
MANIFESTAÇÕES CULTURAIS –GRUPO DE CULTURA ABOLIÇÃO (fundado em 1975)
MAPEAMENTO CULTURAL DE PRINCESA ISABEL 
(dança, música, artesanato, festas populares e outros). 
(alguns exemplos) 
Comuni...
SÍTIO CACHOEIRA DE MINAS: 
-Turismo: Talhado da Cachoeira. (rede entre coqueiros) 
-Fato histórico: extração do ouro / ins...
? 
E AGORA? O QUE FAZER? COMO SAIR DO IMOBILISMO? COMO AGIR PARA SE TORNAR ATOR ATIVO , COMPROMETIDO COM A PRESERVAÇÃO DO ...
UMA RESPOSTA: EDUCAÇÃO PATRIMONIAL, INSERIDA NA GRADE CURRICULAR DE TODO O SISTEMA DE EDUCAÇÃO NO NOSSO MUNICIPIO , DA CRE...
EDUCAÇÃO PATRIMONIAL -CONCEITOS 
Educação patrimonial é um processo permanente e sistemático de trabalho educacional centr...
A METODOLOGIA DA EDUCAÇÃO PATRIMONIALA Educação Patrimonial objetiva o estabelecimento de uma relação de afeto dacomunidad...
As atividades desenvolvidas sob a égide da Educação Patrimonial oferecem aosenvolvidos a oportunidade de acessarem informa...
FINALMENTE , DEIXO UMA PROPOSTA: QUE O IFPB –CAMPUS PRINCESA ISABEL, DE FORMA INOVADORA, REVOLUCIONÁRIA, PIONEIRA, INTRODU...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Patrimonio cultural do municipio de princesa isabel

2.579 visualizações

Publicada em

PALESTRA PROFERIDA POR FRANCISCO FLORENCIO, EM 27/11/2014 NO IFPB- PRINCESA ISABEL, DENTRO DAS ATIVIDADES DA 11ª SEMANA NACIONAL DE CICENCIA E TECNOLOGIA –II JORNADA DE EDUCAÇÃO, CIENCIA E TECNOLOGIA “ Cinco anos de IFPB em Princesa Isabel: integração de saberes”

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.579
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.293
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Patrimonio cultural do municipio de princesa isabel

  1. 1. PATRIMONIO CULTURAL do Município de PRINCESA ISABELPALESTRA PROFERIDA POR FRANCISCO FLORENCIO, EM 27/11/2014 NO IFPB- PRINCESA ISABEL, DENTRO DAS ATIVIDADES DA 11ª SEMANA NACIONAL DE CICENCIA E TECNOLOGIA –II JORNADA DE EDUCAÇÃO, CIENCIA E TECNOLOGIA “ Cinco anos de IFPB em Princesa Isabel: integração de saberes”
  2. 2. CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988 –ART 216 •Art. 216 -Constituem patrimônio cultural brasileiro os bens de natureza material e imaterial, tomados individualmente ou em conjunto, portadores de referência à identidade, à ação, à memória dos diferentes grupos formadores da sociedade brasileira, nos quais se incluem: •I -as formas de expressão; •II -os modos de criar, fazer e viver; •III -as criações científicas, artísticas e tecnológicas; •IV -as obras, objetos, documentos, edificações e demais espaços destinados às manifestações artístico-culturais; •V -os conjuntos urbanos e sítios de valor histórico, paisagístico, artístico, arqueológico, paleontológico, ecológico e científico.
  3. 3. CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988 ART 216§1º •§1º -O Poder Público, com a colaboração da comunidade, promoverá e protegerá o patrimônio cultural brasileiro, por meio de inventários, registros, vigilância, tombamento e desapropriação, e de outras formas de acautelamento e preservação.
  4. 4. PRINCESA ISABEL –PB MARCOS HISTÓRICOS •1766 –OCUPAÇÃO INICIAL –SESMARIA DE LOURENÇO DE BRITO •1858 -INICIO DA URBANIZAÇÃO –POVOAÇÃO DO BOM CONSELHO •1876 -CRESCIMENTO E EMANCIPAÇÃO POLÍTICA –VILA DA PRINCESA •1921 -EXPANSÃO E MATURIDADE –CIDADE DE PRINCESA •1930 -A GRANDE EPOPEIA –A REVOLTA DE PRINCESA •1960 -A RETOMADA DO DESENVOLVIMENTO –PRINCESA ISABEL •2009 -A ENTRADA NO SÉCULO 21 –CRIAÇÃO DO CAMPUS DO IFPB •EM PRINCESA ISABEL.
  5. 5. PATRIMONIO CULTURAL -definição •Patrimoniocultural é o conjunto de saberes, fazeres, expressões, práticas e seus produtos de uma sociedade ao longo da sua história. Assim são considerados como patrimônio cultural os monumentos e bens históricos, registros arqueológicos e paleontológicos, paisagens naturais, festas tradicionais, manifestações culturais, artesanato e tantas outras expressões que se revestem de importância para a memória e identidade de um povo.
  6. 6. PATRIMONIO CULTURAL PRINCESENSEUMA PEQUENA AMOSTRA •POR ABSOLUTA IMPOSSIBILIDADE DE APRESENTAR TODO O CATÁLOGO DO PATRIMONIO CULTURAL PRINCESENSE EM RÁPIDOS 60 MINUTOS, VEREMOS A SEGUIR, AMOSTRAS SIGNIFICATIVAS DOS CONJUNTOS QUE COMPOEM ESTE PATRIMONIO. •ESTE CATÁLOGO É INACABADO, INCOMPLETO, RECOLHIDO DE FONTES DISPERSAS, SEM TRATAMENTO PROFISSIONAL E PIOR: A MAIOR PARTE SEM REGISTRO DE RECONHECIMENTO E VALORIZAÇÃO. •O OBJETIVO DESTA APRESENTAÇÃO É O DE ESTIMULAR AS NOVAS GERAÇÕES A PARTICIPAREM E EXIGIREM DOS PODERES PÚBLICOS AS AÇÕES NECESSÁRIAS PARA PRESERVAÇÃO DESTE RICO PATRIMONIO.
  7. 7. PALACETE DOS PEREIRA (foto em 2010) Um dos cartões postais da cidade. Construidoem 1926 por amigos do Coronel José Pereira, e doado posteriormente à sua filha Luiza, em 1955. Serviu de hospital durante a revolta de Princesa em 1930. Prediotombado pelo DECRETO Nº 26.101 do Estado da Paraiba. Atualmente funciona a Secretaria Municipal de Cultura. O prédio encontra-se com sérios problemas de conservação.
  8. 8. CASARÃO DA FEIRA Predioconstruído em 1896, pelo Coronel Florentino, líder político na época. Destinava- se a modernizar o local da feira local, oferecendo múltiplos espaços para o comercio de produtos e outras atividades. Um precursor dos shopping centers atuais. Cadastrado para tombamento.
  9. 9. ESTÁTUA PRESIDENTE EPITACIO PESSOA Instalada em 1924 pelo Coronel José Pereira em homenagem ao Presidente EpitacioPessoa, como agradecimento pelas importantes obras que o governo federal havia realizado em Princesa. É a única estatua de corpo inteiro do presidente paraibano em todo o Brasil. Executada em bronze, por escultor baiano, em Recife. Bem cadastrado para tombamento.
  10. 10. ANTIGA “USINAS REUNIDAS JOSÉ PEREIRA LIMA “–FUTURO MUSEU Predioindustrial construído em 1924 pelo Coronel José Pereira, para processamento de algodão e fabricação de rapaduras. Movido a energia elétrica, também fornecia à cidade energia para iluminação noturna. É uma das primeiras contruçõesindustriais de todo o sertão paraibano. Bem tombado pelo decreto 26.100 do Estado da Paraiba, em 2005. O destino previsto do prédio é de servir de museu da cidade, projeto esse que está parado desde 2005, por irresponsabilidade administrativa do poder municipal, que não prestou contas da primeira fase do projeto de recuperação do prédio.
  11. 11. ESCOLA GAMA E MELO (2010) Predioconstruído em 1925-1926 pelo governo da Paraiba, por influencia direta do chefe político princesense, o então Coronel joséPereira. Nele funciona atualmente o ensino para jovens adultos (EJA). Bem tombado pelo Decreto nº 26.102 do Governo da Paraiba, em 2005. Encontra-se em razoável estado de conservação.
  12. 12. ESCOLA GAMA E MELO –VISTA INTERIOR
  13. 13. GALERIA ALEXANDRINA LIMA (2005) Predioconstruído no final do século 19, com fachada recoberta por azulejos portugueses. Moradia de diversos personagens da historia princesense, e a partir de 1925, passou à família do Coronel Marçal Florentino, sogro do Coronel José Pereira. Bem cadastrado para tombamento pelo IPHAEP em 2005. Só resta do prédio original a fachada frontal, servindo atualmente de galeria para lojas comerciais. Fachada alterada sem autorização.
  14. 14. MAUSOLÉU CANHOTO DA PARAIBA (2010) Túmulo que abriga os restos mortais do músico princesenseFrancisco Soares, o “Canhoto da Paraiba”. Construidosobre túmulo abondonado, recuperado e estilizado em forma de violão, em 2008. Projeto do Eng. Francisco Florencioe realização pela Prefeitura Municipal. Um dos monumentos mais visitados pelos turistas e visitantes da cidade. Bem em processo de tombamento.
  15. 15. MAUSOLÉU CANHOTO DA PARAIBA (DETALHE) Mosaico sobre a fachada do mausoléu. Concepção do Eng. Francisco Florencioe realização do artista pernambucano Paulo Rodrigues.
  16. 16. CASA –PRAÇA 15 DE NOVEMBRO Predioresidencial construído em 1924 e pertencente à família do Major Feliciano Florencio, um dos mais ricos proprietários do município. Bem cadastrado pra tombamento pelo IPHAEP.
  17. 17. PREDIO DO ANTIGO CONSELHO MUNICIPAL E FORUM –(foto em 2009) O mais antigo prédio conhecido em Princesa Isabel. Construidoem 1875 para servir como fórum judicial e administração municipal, pelo então líder politico Coronel Florentino. Bem cadastrado para tombamento pelo IPHAEP. Só a fachada se encontra conservada, apesar de encoberta por painéis comerciais. Funciona loja comercial no local.
  18. 18. PREDIO COMERCIAL (Foto 2008) Prediocomercial construído no final do século 19, pelo Ten. Coronel Marcolino Pereira. Localizado em pleno centro da feira local, era um dos pontos mais bem valorizados do comercio local. Bem cadastrado para tombamento pelo IPHAEP em 2005. Pertence À família Cardoso, descendentes do Marcolino.
  19. 19. ANTIGA MATRIZ (1876) –DEMOLIDA EM 1969 Matriz inicial da história de Princesa. Concluidaem 1876, como expansão da antiga capela ali existente, ao longo de 20 anos, pelo fundador da cidade, o Padre Francisco Tavares Arcoverde. Em 1969, após um acidente no prédio, o então vigário Frei AnastacioPalmeira, em conluio com o prefeito na época, Gonzaga Bento, decidiram pela demolição do prédio, e construção de nova matriz ( a atual). Poucas pessoas se mobilizaram na busca de soluções alternativas psrapreservação deste patrimônio histórico.
  20. 20. CASA CADASTRADA EM 2005 E DEMOLIDA SEM AUTORIZAÇÃO EM 2013 Casa na Rua Coronel Marcolino. Foi cadastrada para tombamento pelo IPHAEP em 2005, por conter elementos de arquitetura de época. Sem autorização do IPHAEP, e em conluio com autoridades municipais, a casa foi demolida, apesar de todas as advertências que foram feitas aos envolvidos. Exemplo de inoperância dos órgãos envolvidos, dentre eles, o IPHAEP e a Prefeitura, aliados aos interesses meramente econômicos dos proprietários.
  21. 21. PREDIO COMERCIAL – TRAVESSA VICENTE CARNEIRO CADASTRADO PARA TOMBAMENTO PELO IPHAEP EM 2005 E ATUALMENTE COM FACHADAS ENCOBERTAS POR PAINEIS COMERCIAIS, TORNANDO-O IRRECONHECIVEL.
  22. 22. IGREJA DO ROSÁRIO DOS PRETOS Construidaem 1886, pelo Padre Francisco Tavares Arcoverde (fundador da cidade), com recursos de escravos, escravos já libertos e pequenos proprietários locais. Ficava situada no lado norte da praça EpitacioPessoa, inicio da rua da saudade. Demolida pela paróquia em 1967, sem nenhuma reação da comunidade.
  23. 23. PAISAGEM NATURALCACHOEIRA DE MINAS Local de queda das aguas do Riacho Cachoeira de minas (Talhado), situado próximo do povoado de mesmo nome, a 22 quilômetros da sede do município. É no período das chuvas que o fenômeno das quedas se mostra imponente.
  24. 24. CACHOEIRA DE MINAS Um turista extasiado – Laurindo Medeiros
  25. 25. CACHOEIRA DE MINAS – INSCRIÇÕES RUPESTRES – fotos Laurindo Medeiros-
  26. 26. PERSONALIDADE PRINCESENSE –Ministro Alcides Carneiro NasceuemPrincesaIsabelnodia11dejunhode1906.Orador,ensaísta,crítico, biógrafo,escritorepoeta.FoiDeputadoFederalparaibano.MinistrodoSuperiortribunalMilitar.ÉconsideradoofilhomaisilustredePrincesaenomedemaiorrespeitonaculturaparaibana. FaleceuemBrasílianodia22demaiode1976efoisepultadonoRiodeJaneiro.
  27. 27. PERSONALIDADE PRINCESENSE – Coronel José Pereira Nasceu em 4 de dezembro de 1884. Chefe político de 1915 até 1930. Deputado Estadual paraibano por 4 legislaturas. Comandante da chamada revolta de Princesa em 1930, contra o governo da Paraiba. Faleceu em Recife em 13 de novembro de 1949. A maior parte do que é considerado patrimônio arquitetônico da cidade foi construído no período onde o coronel esteve a frente dos destinos do município.
  28. 28. PERSONALIDADE PRINCESENSE –Músico Chico Soares –o “Canhoto da Paraiba” NasceuemPrincesaIsabelnodia19demarçode1926.Violonista,compositoremúsicodetalentoreconhecidointernacionalmente.Éreferênciadamúsicanacional..Compôsmaisde150músicas.FaleceuemPaulista–Pe,em2008.Em2010seusrestosmortaisforamtransferidosparaPrincesa,ondeforamdepositadosnummausoléuespecialmentefeitoemsuahomenagem
  29. 29. EVENTO HISTORICO – Revolta de Princesa - 1930 Grupo de homens armados concentrados em frente à casa do Coronel Zé Pereira, comandante da revolta – maio 1930 Observe-se a rua calçada em pedras, postes de iluminação elétrica e o belo casario
  30. 30. EVENTO HISTÓRICO – Revolta de Princesa - 1930 Grupo de revoltosos, tendo à frente o Coronel Zé Pereira e seu estado- maior. (maio 1930)
  31. 31. MANIFESTAÇÕES CULTURAIS –GRUPO DE CULTURA ABOLIÇÃO (fundado em 1975)
  32. 32. MAPEAMENTO CULTURAL DE PRINCESA ISABEL (dança, música, artesanato, festas populares e outros). (alguns exemplos) Comunidades / principais manifestações culturais e ícones correspondentes. SÍTIOGAVIÃO: -GrupodeCultura“GaviõesdePrincesa”/músicos. -(Carasteatro/sanfona). SÍTIOVÁRZEA: -EventosReligiosos–festadapadroeira(igrejinha) -NossaSenhoraPerpétuadeSocorro16/07. SÍTIOMOÇABRANCA: -Festa da mandioca (raiz da mandioca) -Artesanato:louceirastrabalhomanualcombarro.(jarro). SÍTIOLAGOADESÃOJOÃO: -FestadaMandioca(Raizdemandioca)Artesanatomanualcombarro(jarro). -GrupodeCultura(carasdeteatro) -Culinária:pratoscommandioca -Tijolosartesanaisconfeccionadoscomamanipoeira(tijolinhos). -FestaReligiosa:SãoJoão–23/06.
  33. 33. SÍTIO CACHOEIRA DE MINAS: -Turismo: Talhado da Cachoeira. (rede entre coqueiros) -Fato histórico: extração do ouro / inscrições rupestres nas pedras (pergaminho). SÍTIO ENTREMONTES: -Evento Religioso: Padroeiro -Poetas e sanfoneiros (sanfona) -Emboladores. SÍTIO SERRINHA DOS BEZERROS: -Festas Culturais quadrilha (fogos de artifício). -Quadrilhas matutas, forró pé de serra. BAIRRO MAIA: -Festas Culturais quadrilhas dos casados (fogos de artifício). -Escritores e poetas (livro) -Teatro (casas de teatro) -Festa Padroeira Virgem dos Pobres (igreja). JARDIM KARLOTA: -Festas Culturais quadrilhas matutas (fogos de artifício) -Festa Padroeira –São Joaquim (Igrejinha
  34. 34. ? E AGORA? O QUE FAZER? COMO SAIR DO IMOBILISMO? COMO AGIR PARA SE TORNAR ATOR ATIVO , COMPROMETIDO COM A PRESERVAÇÃO DO PATRIMONIO CULTURAL DE PRINCESA ISABEL, DA PARAIBA, DO BRASIL?
  35. 35. UMA RESPOSTA: EDUCAÇÃO PATRIMONIAL, INSERIDA NA GRADE CURRICULAR DE TODO O SISTEMA DE EDUCAÇÃO NO NOSSO MUNICIPIO , DA CRECHE AO FUNDAMENTAL ATÉ O SUPERIOR.
  36. 36. EDUCAÇÃO PATRIMONIAL -CONCEITOS Educação patrimonial é um processo permanente e sistemático de trabalho educacional centrado no Patrimônio Cultural como fonte primária de conhecimento e enriquecimento individual e coletivo. A partir da experiência e do contato direto com as evidências e manifestações da cultura, em todos os seus múltiplos aspectos, sentidos e significados, o trabalho da Educação Patrimonial busca levar as crianças e adultos a um processo ativo de conhecimento, apropriação e valorização de sua herança cultural, capacitando-os para um melhor usufruto destes bens, e propiciando a geração e a produção de novos conhecimentos, num processo contínuo de criação cultural.
  37. 37. A METODOLOGIA DA EDUCAÇÃO PATRIMONIALA Educação Patrimonial objetiva o estabelecimento de uma relação de afeto dacomunidade pelo patrimônio histórico-cultural, sendo a sua metodologia aplicável aos maisvariados grupos sociais e podendo ter como objeto qualquer tipo de bem cultural. Em suasimplicidade, funcionalidade, aplicabilidade e eficácia residem as maiores qualidadesmetodológicas da Educação Patrimonial
  38. 38. As atividades desenvolvidas sob a égide da Educação Patrimonial oferecem aosenvolvidos a oportunidade de acessarem informações sobre o patrimônio histórico-cultural,propiciando a identificação e o estabelecimento de elos emocionais que culminam noreconhecimento desse patrimônio como pertencente aos envolvidos; favorecendo aconscientização sobre a necessidade real de conservação e preservação deste patrimônio aoestabelecerem laços de identidade e cidadania com os bens patrimoniais; reconhecendo-oscomo seus, as pessoas passam a zelar por eles.
  39. 39. FINALMENTE , DEIXO UMA PROPOSTA: QUE O IFPB –CAMPUS PRINCESA ISABEL, DE FORMA INOVADORA, REVOLUCIONÁRIA, PIONEIRA, INTRODUZA A “EDUCAÇÃO PATRIMONIAL” DENTRO DAS GRADES CURRICULARES DOS SEUS DIVERSOS CURSOS. FICO À DISPOSIÇÃO PARA AJUDA-LOS NESTA CAMINHADA.

×