A oração

122 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
122
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A oração

  1. 1. “A prece, qualquer que ela seja, é ação provocando a reação que lhe corresponde. Conforme a sua natureza, a prece paira na região em que foi emitida ou eleva-se mais, ou menos, recebendo a resposta imediata ou remota, segundo as finalidades a que se destina”. Quantas pessoas passam toda uma existência acumulando valores materiais e não sabem fazer uma oração, por mais simples que ela seja? Quantos fazem uma prece que nasce e morre nos lábios? Você tem orado? Vamos ver se conhece essa história. Um homem sonhou que entrava no céu. Logo de início, encontrou uma área imensa que não podia ser abrangida com os olhos, que mais parecia se confundir com o infinito.
  2. 2. Uma multidão incontável de seres angelicais trabalhava ali. A correria era muito grande, apesar da organização. Não conteve a curiosidade e perguntou: - Que local é este? Por que tanto trabalho? Diria até que os trabalhadores se confundem com o número de estrelas do Universo. - Ah! Aqui, esclareceu o Ser responsável daquele lugar, é o lugar aonde chegam, a cada segundo, os pedidos de auxílio que o homem dirige ao Criador. São incontáveis... Saíram daquela região imensa e, logo depois, quase emendando com ela, estava outro local que se perdia de vista. Era tão imenso como o primeiro. De novo a curiosidade venceu a discrição, e o visitante perguntou: - E aqui, por que tantos igualmente trabalhando sem cessar?
  3. 3. - Ah!, respondeu o responsável novamente. Daqui saem o atendimento a todos os pedidos que partem dos homens aflitos... Como Deus socorre a todos, um número incontável de trabalhadores labuta sem cessar e sem cansaço. Mais alguns passos e entraram num pequeno lugar onde só havia um ser angelical sentado em uma cadeira com o olhar perdido no horizonte. Se os anjos ficassem tristes, até se diria que esse estava com ar de tristeza. Espantado com a brutal diferença com os dois lugares anteriores, o visitante tornou a perguntar: - E aqui? Por que somente um trabalhador? O Ser que o acompanhava, deixando a amargura invadir o seu semblante, respondeu tristemente:
  4. 4. - Aqui, meu amigo, é o lugar aonde chegam os agradecimentos a Deus pelo auxílio recebido. Se você já conhecia essa história até aqui, nos acompanhe mais um pouco. - O que devemos agradecer ao Pai? Perguntou o visitante. - Meu filho! Bastaria uma palavra, e tudo viria por consequência: a Vida. Mas, relacionemos uns poucos exemplos. Se tu tens alimento em tua casa, roupa sobre o teu corpo, um lar onde morar e uma casa limpa onde repousar, és mais rico do que 75% de pessoas que nada disso possuem; se tens dinheiro no banco para um imprevisto qualquer, um pouco de dinheiro em tua carteira, você está entre os 8% dos mais bemsucedidos no mundo.
  5. 5. Se acordou com mais saúde do que doença, você tem infinitamente mais do que aqueles que não sobreviverão a esse dia, prisioneiros do leito do sofrimento de onde se despedem da existência material. Se nunca experimentou o temor de uma guerra, a solidão de uma prisão, a agonia de uma tortura, está na frente de 700 milhões de seres infelizes que experimentaram na própria pele esses sofrimentos. Se podes cultuar a tua fé livremente sem temor de apanhar, sem ser preso, torturado, é invejado por mais de 3 bilhões de pessoas que não possuem esse direito. Se podes manter a cabeça erguida e sorrir, não és a regra, mas o raro exemplo a tantos que estão na dúvida e no desespero. Esse pedaço você já conhecia? Mesmo que você duvide desses cálculos, creio que na sua consciência você encontrará outra matemática que conduzirá à mesma conclusão.
  6. 6. A oração é um veículo por meio do qual se produz a sintonia mental com Deus. Ela faculta uma análise das necessidades humanas em relação às finalidades essenciais da existência, ao tempo em que propicia o relaxar das tensões, estimulando as forças enfraquecidas e renovando-as, graças ao que se abrem às possibilidades de recuperação da saúde. Ah! A propósito, se você visitasse o céu como o homem da história, haveria alguma correspondência sua naquele último departamento esquecido? Muita Paz! Meu Blog: http://espiritual-espiritual.blogspot.com.br

×