Eua economia

662 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
662
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Eua economia

  1. 1. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  2. 2. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Vários fatores contribuíram para o crescimento da economia americana, dentre os quais a Primeira e a Segunda Guerra Mundial (espaço físico europeu) Berlim após bombardeio feito pelas tropas britânicas em 1945
  3. 3. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  4. 4. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Apesar da possibilidade de haver perdas humanas nas guerras, em razão do envio de soldados, o fato de a guerra não ocorrer no próprio território minimiza consideravelmente o número de mortos, particularmente de civis, e evita boa parte dos prejuízos materiais, que ficam restritos aos equipamentos bélicos.
  5. 5. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Por ele, os Estados Unidos decidem abandonar a colaboração com a URSS e investir maciçamente na Europa ocidental, a fim barrar a expansão comunista e assegurar sua própria hegemonia política na região. Washington fornece matérias-primas, produtos e capital, na forma de créditos e doações. Em contrapartida, o mercado europeu evita impor qualquer restrição à atividade das empresas norte-americanas. PLANO MARSHAL
  6. 6. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  7. 7. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Nos Estados Unidos, o acesso à propriedade da terra foi organizado de forma peculiar, diferentemente do ocorrido em outras áreas coloniais no mundo. O colonizador fixou-se com sua família, formando pequenas glebas camponesas, e ali desenvolveu uma forma de agricultura voltada para o atendimento de suas necessidades.
  8. 8. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  9. 9. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  10. 10. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  11. 11. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia -Áreas pouco povoadas -Campo altamente modernizado (poucas pessoas, muitas máquinas) -Alta Produção (trabalho altamente produtivo) -Grandes complexos agrícolas
  12. 12. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  13. 13. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Com gigantescas dimensões territoriais, os Estados Unidos possuem uma das maiores produções agrícolas do mundo. Desde os tempos coloniais, em toda a faixa centro-leste do país se desenvolveram os belts (cinturões agrícolas), aglomerados de grandes fazendas nas quais é cultivado apenas um produto.
  14. 14. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia No zoneamento agrícola, vários fatores foram levados em conta: -o clima e o solo; -a proximidade do mercado consumidor; -a oferta de mão de obra; -a infraestrutura de armazenagem (silos); -a facilidade de escoamento da produção (transporte); -a localização das indústrias de transformação dos produtos agrícolas.
  15. 15. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Os benefícios trazidos por esse zoneamento, levando em conta os critérios que determinaram a escolha de cada cultivo para cada cinturão.
  16. 16. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia O maior benefício é a escolha das melhores condições possíveis para determinado plantio, de modo a otimizar a produção dessa matéria-prima tanto em qualidade quanto em quantidade. Por isso, o zoneamento foi feito levando em consideração fatores como o clima, o solo, a proximidade do mercado consumidor, a oferta de mão de obra, a infraestrutura de armazenagem, a facilidade de escoamento da produção e a localização das indústrias que trabalham com cada produto agrícola. Os benefícios trazidos por esse zoneamento, levando em conta os critérios que determinaram a escolha de cada cultivo para cada cinturão.
  17. 17. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia As atividades agrícolas absorvem menos de 3% da população economicamente ativa dos Estados Unidos, o que mostra que o sucesso do país com suas exportações se deve a outros fatores: -alto grau de mecanização, -as tecnologias aplicadas à produção, -elevados subsídios oferecidos aos agricultores pelo governo e -as barreiras à importação de produtos agrícolas, com o fim de proteger a produção nacional.
  18. 18. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  19. 19. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  20. 20. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Inicialmente, o cultivo do milho atendia ao mercado de alimentos para consumo humano, mas depois passou a ser empregado também como matéria-prima para ração animal (que abastece o grande rebanho norte-americano). Nos últimos anos, o milho tem sido usado para gerar um importante biocombustível (combustível de origem orgânica), o álcool.
  21. 21. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Nos últimos anos acentuou-se a preocupação de todos os países do mundo com a geração de energia, pois o petróleo é uma fonte energética que, a médio ou longo prazo, vai se esgotar. Além disso, prejudica o meio ambiente, porque sua queima polui a atmosfera.
  22. 22. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Os Estados Unidos são o país que mais consome energia e dependem principalmente da energia do petróleo. Para tentar diminuir essa dependência, o governo norte-americano tem investido bilhões de dólares em pesquisas que buscam novas fontes de energia. Uma dessas novas fontes já em utilização é o milho.
  23. 23. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  24. 24. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  25. 25. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Em torno das megalópoles e grandes cidades dos Estados Unidos, existem inúmeras pequenas e médias propriedades rurais voltadas ao abastecimento desses centros urbanos. Chamados de Green Belts (Cinturões Verdes), esses espaços rurais produzem hortaliças, frutas, ovos, que fazem parte da alimentação diária da população.
  26. 26. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia O que são as chamadas medidas protecionistas? Fornecimento de subsídios para ajudar os produtos/cultivos locais a chegar com um preço competitivo no mercado internacional.
  27. 27. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia O que são subsídios? Subsídios governamentais fornecidos a empresas (comércio e indústrias) possuem o intuito de reduzir o preço final dos produtos vendidos por tais, para que estes produtos possam competir com os produzidos por outras empresas a preços menores (entre outras razões, por causa dos menores custos de mão-de-obra e de diferenças de taxas cambiais)
  28. 28. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Na verdade, os cultivos norte-americanos são produzidos a custos altos, uma vez que geralmente usam mais pesticidas, sementes geneticamente modificadas, tratores, colheitadeiras, silos, estufas e mão-de-obra altamente qualificada/especializada e bem remunerada. Mesmo assim, os produtos chegam aos consumidores com preços mais baixos, porque são subsidiados, isto é, são produzidos com auxílio do governo.
  29. 29. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Desse modo, os agricultores norte-americanos ficam protegidos da acirrada concorrência internacional. Os subsídios chegam sob a forma de vários incentivos governamentais, como financiamentos com juros mais baixos do que os de mercado e isenção de impostos.
  30. 30. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia No fim do século XIX a indústria norte-americana emergiu em plena Segunda Revolução Industrial, com novos produtos e recursos energéticos. Além de pioneiro na aplicação da eletricidade em larga escala e na extração e refino de petróleo, o país criou grandes conglomerados industriais formados pelas indústrias mecânica, metalúrgica e siderúrgica.
  31. 31. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia No início do século XX, firmou-se na cidade de Detroit a produção automobilística, com a instalação da Ford e a criação de um novo modelo de produção baseado na linha de montagem, que ficou conhecido como fordismo. Essa concentração urbano-industrial formou o Manufacturing Belt (Cinturão Fabril).
  32. 32. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia FORDISMO PRODUÇÃO EM MASSA... Termo que engendrado do nome do industrial norte-americano Henry Ford, um pioneiro da indústria automobilística no inicio do século XX. O grande lema do fordismo era produção em massa e consumo em massa. Ford absorveu algumas técnicas do taylorismo como a disciplina na produção ou racionalização, otimização da produção com a redução do tempo de produção, porém ele vai além, pois acrescenta como fator fundamental de diferenciação do taylorismo o aumento do consumo, coisa que Taylor não teorizou
  33. 33. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Ford Modelo T, produzido com custo reduzido para a sociedade de massa, totalmente aos moldes fordistas- tayloristas.
  34. 34. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Ford Modelo T, produzido com custo reduzido para a sociedade de massa, totalmente aos moldes fordistas- tayloristas. O inconveniente é que todos os carros eram exatamente iguais, até da mesma cor, o que levou Ford a lançar uma série de propagandas dizendo que: “qualquer americano poderia ter o seu Ford Modelo T, da cor que quisesse, contanto que fosse preto.”
  35. 35. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  36. 36. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Atualmente, a participação da produção industrial do nordeste dos Estados Unidos diminuiu significativamente. Os principais motivos dessa redução são: ■ o envelhecimento das indústrias e as dificuldades para modernizá-las, o que provoca a elevação do custo de produção do aço nelas fabricado e, portanto, do preço para o consumidor;
  37. 37. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Atualmente, a participação da produção industrial do nordeste dos Estados Unidos diminuiu significativamente. Os principais motivos dessa redução são: ■ o envelhecimento das indústrias e as dificuldades para modernizá-las, o que provoca a elevação do custo de produção do aço nelas fabricado e, portanto, do preço para o consumidor; ■ a concorrência da produção do aço a custos mais baixos, principalmente em países em desenvolvimento (como, por exemplo, o Brasil);
  38. 38. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Atualmente, a participação da produção industrial do nordeste dos Estados Unidos diminuiu significativamente. Os principais motivos dessa redução são: ■ o envelhecimento das indústrias e as dificuldades para modernizá-las, o que provoca a elevação do custo de produção do aço nelas fabricado e, portanto, do preço para o consumidor; ■ a concorrência da produção do aço a custos mais baixos, principalmente em países em desenvolvimento (como, por exemplo, o Brasil); ■ a forte concorrência de automóveis japoneses, europeus e os produzidos pelos chamados “Tigres Asiáticos”;
  39. 39. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Atualmente, a participação da produção industrial do nordeste dos Estados Unidos diminuiu significativamente. Os principais motivos dessa redução são: ■ o envelhecimento das indústrias e as dificuldades para modernizá-las, o que provoca a elevação do custo de produção do aço nelas fabricado e, portanto, do preço para o consumidor; ■ a concorrência da produção do aço a custos mais baixos, principalmente em países em desenvolvimento (como, por exemplo, o Brasil); ■ a forte concorrência de automóveis japoneses, europeus e os produzidos pelos chamados “Tigres Asiáticos”; ■ o encarecimento da mão de obra decorrente da atuação enérgica e organizada dos sindicatos de trabalhadores na região.
  40. 40. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Na Califórnia formou-se um extenso eixo industrial que avança até a Flórida. Nessa região destacam-se, além das empresas do Vale do Silício, companhias como a Lockheed Martin e a divisão da Boeing que produz aviões militares, além da Nasa.
  41. 41. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Na Califórnia formou-se um extenso eixo industrial que avança até a Flórida. Nessa região destacam-se, além das empresas do Vale do Silício, companhias como a Lockheed Martin e a divisão da Boeing que produz aviões militares, além da Nasa. Essa nova área industrial, amparada em indústrias de alta tecnologia, é conhecida como Sun Belt.
  42. 42. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Após a Segunda Guerra Mundial teve início nos Estados Unidos um longo processo de descentralização industrial. Ocorreu também a emergência do Pacífico como importante área econômica, graças à rápida reconstrução do Japão.
  43. 43. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Após a Segunda Guerra Mundial teve início nos Estados Unidos um longo processo de descentralização industrial. Ocorreu também a emergência do Pacífico como importante área econômica, graças à rápida reconstrução do Japão. Durante a Guerra Fria, com a descentralização da indústria bélica, o foco da competitividade entre os países passou para a área tecnológica, o que atraiu investimentos de empresas interessadas em tecnologia de ponta para algumas regiões dos Estados Unidos, como a costa do Pacífico (estados de Washington, Califórnia e Oregon).
  44. 44. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia TIPOS DE INDUSTRIAS do SUN BELT Indústrias de tecnologia de ponta como informática, microeletrônica e semicondutores. Ao longo da costa oeste, em especial na Califórnia, e no sul dos Estados Unidos.
  45. 45. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Essa região, atraiu as indústrias de elevada tecnologia graças a uma combinação de diversos fatores: -proximidade com o Pacífico (devido à importância estratégica adquirida por essa região desde a Segunda Guerra Mundial, com a presença do Japão, dos chamados “Tigres Asiáticos” e da China, hoje muito importante economicamente).
  46. 46. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Na década de 1970 esse tecnopolo passou a ser chamado de Vale do Silício, por agrupar a maior concentração mundial de empresas de tecnologia da Terceira Revolução Industrial: semicondutores, circuitos integrados, chips, computadores e produtos da indústria microeletrônica. Essas novas empresas também inovaram no processo de produção, com a adaptação do toyotismo ou sistema de acumulação flexível.
  47. 47. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  48. 48. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia TOYOTISMO... PRODUÇÃO ENXUTA... Originou-se no Japão, mais precisamente na fábrica de automóveis da Toyota. Ele consiste na produção em larga escala, mas, no entanto, com a otimização da produção, do mercado e do trabalho, pois ocorreram mudanças significativas no mundo do trabalho, o trabalhador passa e ser polivalente, e não desenvolve apenas uma única função, quando da época do fordismo.
  49. 49. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia TOYOTISMO... PRODUÇÃO ENXUTA... Originou-se no Japão, mais precisamente na fábrica de automóveis da Toyota. Ele consiste na produção em larga escala, mas, no entanto, com a otimização da produção, do mercado e do trabalho, pois ocorreram mudanças significativas no mundo do trabalho, o trabalhador passa e ser polivalente, e não desenvolve apenas uma única função, quando da época do fordismo. Características: -Produção flexível -A fabricação torna-se controlada na qualidade e quantidade com a utilização da robótica e da -informática - importância crescente do conhecimento cientifico -O objetivo é evitar o desperdíçio de capital em forma de grandes estoques de matérias-primas e - produtos acabados
  50. 50. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Responda à questão com base na leitura do mapa dos Estados Unidos da América e nas afirmativas. Sobre a área assinalada no mapa, conhecida como Sun Belt, afirma-se: I. Nela predomina a indústria tradicional, que ainda emprega mão de obra numerosa. II. É uma área estratégica de comércio, pois está situada junto aos Grandes Lagos. III. Compreende um conjunto de núcleos industriais resultantes da política de descentralização da indústria estadunidense. IV. Nesta área está situado o Silicon Valley. Estão corretas apenas as afirmativas: a) I, II e IV. c) I e IV. e) III e IV. b) I, II e III. d) II e III.
  51. 51. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Responda à questão com base na leitura do mapa dos Estados Unidos da América e nas afirmativas. Sobre a área assinalada no mapa, conhecida como Sun Belt, afirma-se: I. Nela predomina a indústria tradicional, que ainda emprega mão de obra numerosa. II. É uma área estratégica de comércio, pois está situada junto aos Grandes Lagos. III. Compreende um conjunto de núcleos industriais resultantes da política de descentralização da indústria estadunidense. IV. Nesta área está situado o Silicon Valley. Estão corretas apenas as afirmativas: a) I, II e IV. c) I e IV. e) III e IV. b) I, II e III. d) II e III.
  52. 52. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Cerca de 80% da população dos Estados Unidos vive em cidades. A intensa urbanização do país acompanhou suas fases de industrialização e deu origem a amplas malhas urbanas, resultantes da união de várias metrópoles. Essas concentrações recebem o nome de megalópoles. Existem três megalópoles nos Estados Unidos. Nova York, Los Angeles e Chicago são, respectivamente, as três maiores metrópoles do país e cada uma delas é núcleo de uma dessas megalópoles (figura 6).
  53. 53. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  54. 54. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Nova York é a metrópole central de uma imensa megalópole dos Estados Unidos denominada Boswash – nome formado pelas abreviaturas de Boston e Washington, pontos extremos da área que ela abrange. A megalópole se estende por Nova York, Filadélfia e Baltimore; atualmente avança sobre a cidade de Norfolk. Nessa estreita faixa urbana de aproximadamente 700 quilômetros de comprimento vivem mais de 50 milhões de pessoas: de cada seis habitantes do país, um mora nessa megalópole.
  55. 55. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  56. 56. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  57. 57. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia
  58. 58. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Desde meados do século XIX, Chicago passou a se consolidar como um polo comercial e industrial. Localizada no estado de Illinois, às margens do lago Michigan, Chicago é a terceira maior metrópole dos Estados Unidos. Com quase 3 milhões de habitantes, é o centro de uma região metropolitana que envolve várias cidades vizinhas, perfazendo um total de mais de 9 milhões de habitantes.
  59. 59. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Chicago
  60. 60. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Chicago é outro polo financeiro e de serviços do país e a metrópole central de outra enorme megalópole norte-americana, denominada Chipitts – nome formado pela abreviatura de Chicago e Pittsburgh e que indica que a área compreende Chicago, em um dos extremos, e Pittsburgh, no outro, abarcando ainda Cleveland e Detroit.
  61. 61. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Los Angeles é a segunda maior metrópole dos Estados Unidos e a maior cidade do estado da Califórnia. Tem quase 4 milhões de habitantes e cerca de 14 milhões na sua enorme região metropolitana. Está entre as cidades mais multiculturais do mundo e abriga indivíduos de muitas partes do planeta, sobretudo hispânicos e asiáticos. Assim como Toronto, no Canadá, quase metade de sua população nasceu no estrangeiro.
  62. 62. Apresentação elaborada pela Professora FERNANDA LOPES, disciplina de Geografia Na costa oeste dos Estados Unidos, quando vista em conjunto com as cidades de San Francisco, San Diego e Sacramento, Los Angeles forma uma megalópole dinâmica denominada San-San, cujos extremos são as cidades de San Francisco e San Diego.

×