Marketing Sensorial por Clarinda Rodrigues

7.351 visualizações

Publicada em

Apresentação de Clarinda Rodrigues na conferência Powered by Creativity realizada no âmbito do MARKETING SHOW 2010 na EXPONOR

Publicada em: Tecnologia
1 comentário
20 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Os dejo el link de mi nuevo blog, donde pretendo seguir escribiendo sobre marketing, y mi último post es sobre el neuromarketing y la importancia de éste en el lugar de venta.
    espero vuestra visita...

    http://naiketing.wordpress.com/

    gracias
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.351
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.025
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
20
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Marketing Sensorial por Clarinda Rodrigues

  1. 1. O QUE PROCURA O CONSUMIDOR DO SEC. XXI? DIVERTIMENTO FANTASIA NOVAS EXPERIÊNCIAS SENSAÇÕES __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  2. 2. SÉC. XXI: UM NOVO PARADIGMA DE MARKETINGMARKETING TRANSACCIONAL Estratégias Transaccionais + MARKETING RELACIONAL Estratégias Relacionais MARKETING SENSORIAL – A TERCEIRA VAGA DO MARKETING NO SEC. XXI __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  3. 3. __________________________________________________MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  4. 4. Adaptado de Húlten et al (2009)__________________________________________________MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  5. 5. __________________________________________________MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  6. 6. __________________________________________________MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  7. 7. Adaptado de Húlten et al (2009)__________________________________________________MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  8. 8. SABIA QUE...?__________________________________________________MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  9. 9. OS SENTIDOS ESTÃO DIRECTAMENTE RELACIONADOS COM ASMEMÓRIAS, AS EMOÇÕES E AS SENSAÇÕES E ESTABELECEMUMA FORTE RELAÇÃO FÍSICA E PSICOLÓGICA ENTRE OS BENS,OS SERVIÇOS E OS CONSUMIDORES.
  10. 10. • Existe uma forte correlação entre a qualidade do design dos estímulos visuais e a performance financeira (Hertenstein e Platt, 2001; Wallace,2001)• A publicidade, a cor, o design, a luminosidade, o logótipo, o packaging, o design do produto, os websites e outros estímulos visuais tornam possível diferenciar os produtos, evitar cópias, aumentar o grau de lealdade entre o consumidor e as marcas e proteger as marcas contra a concorrência. __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  11. 11. • O sentido do olfacto é considerado como um dos mais poderosos sentidos para criar associações e evocar memórias (Aggleton e Waskett, 1999)• A percepção do olfacto é hedónica (Ellen e Bone, 1998)• A aromatização de espaços tem efeitos positivos na avaliação de lojas e de produtos (Spangenberg et al, 2006)• Aromas agradáveis podem aumentar o tempo de permanência numa loja e o volume de compras (Spangenberg et al, 2006; Morrin e Chebat, 2005)• No marketing sensorial os aromas podem ser utilizados no marketing estratégico para expressar a identidade de uma marca e intensificar a sua imagem (scent signature) ou no marketing táctico para promover um produto. __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  12. 12. • O sentido do paladar é considerado o mais distinto dos sentidos do ponto de vista emocional, em virtude da sua capacidade para facilitar a interacção social, das suas relações estreitas com outros sentidos e do seu elevado grau de interacção entre as empresas e os consumidores a um nível personalizado.• Uma experiência gustativa pode persuadir os consumidores a permanecerem mais tempo numa loja, o que conduz ao aumento do consumo.• As empresas podem utilizar diversos sabores para “dar sabor a uma marca” e atribuir-lhe novas dimensões hedónicas. __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  13. 13. . Existem diferentes motivações pessoais associadas ao sentido do toque.. Os produtos contém diferentes atributos relacionados com o toque que podem ser explorados de forma singular. Os estímulos tácteis agem de forma bastante individualizada sobre as percepções. Ao utilizar o toque, como uma forma preferencial de obter informação sobre determinado produto, uma resposta afectiva positiva pode resultar em atitudes mais positivas sobre o produto (Peck e Wiggins, 2006). Os materiais, as superfícies, a temperatura, o peso, a forma e a robustez podem contribuir positivamente para uma experiência táctil com a marca, diferenciá-la face aos seus concorrentes e aumentar o grau de lealdade dos consumidores face à marca. __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  14. 14. • A música tem um impacto positivo no comportamento de compra e na atmosfera da loja ao criar associações e ao evocar memórias (Areni e Kim, 1993; Donavan e Rossiter, 1982; Morrison, 2002)• Existe uma correlação positiva entre a música e o tempo passado numa loja (Milliman, 1982; Kelllaris et al, 1992; Morrison, 2002) em virtude do poder evocativo da música como um elemento que permite diferenciar uma empresa ou influenciar o estado de espírito do consumidor ou o seu comportamento de compra.• Diferentes formas de expressões sensoriais – jingles, vozes, música, sound brand ou assinatura musical) – podem facilitar uma experiência sonora e pode ser aplicada de forma consistente à estratégia de marketing para alcançar a diferenciação face à concorrência (Húlten et al, 2009) __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  15. 15. MARKETING SENSORIAL – PORQUÊ? • DIFERENCIAÇÃO • NOTORIEDADE • LEALDADE • COMPRA POR IMPULSO__________________________________________________MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  16. 16. MARKETING SENSORIAL – EXEMPLOS INTERNACIONAIS: O QUE TÊM EM COMUM? __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  17. 17. MARKETING SENSORIAL – CASE STUDIES MY.SENSYS EM PORTUGAL __________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS
  18. 18. _____________________________________________________ MARKETING SENSORIAL | Clarinda Rodrigues | MY.SENSYS A SUA MARCA ÉMULTISENSORIAL?

×