Gonorreia

2.330 visualizações

Publicada em

Trabalho apresentado pelos alunos na Escola Estadual Antônio Valadares, Terenos/MS
Alunos: Luciano, Érica, Juliana, Helen Jeisse, Joice Mara;
Professoras Responsáveis: Marisa Gonzaga, Cátia, Roberta e Sandra Paulino;

Palestrantes: Doutor: Luiz Otávio e Enfermeira: Denise; Parceria: Secretaria Municipal de Saúde de Terenos.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.330
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gonorreia

  1. 1. O que é Gonorreia? Gonorreia, também conhecida como blenorragia ou esquentamento, é uma doença sexualmente transmissível (DST) comum, causada pela bactéria Neisseria gonorrhoeae. A doença pode afetar todas as partes do corpo embora apareça primeiramente nas áreas genitais.
  2. 2. Sintomas: ● Sensação de queimação ou dor ao urinar; ● Vontade frequente de urinar; ● Corrimento turvo e denso do pênis; ● Corrimento vaginal turvo, amarelo e com odor desagradável; ● Dor de estômago (nas mulheres); ● Sangramento menstrual anormal; ● Ânus ou reto inflamados (após relação sexual anal); ● Inflamação de garganta (após relação sexual oral); ● Dor no escroto ou testículos.
  3. 3. Imagens: http://nt.estiga.com http://williamenatashabioifes.wordpress.com
  4. 4. Contágio: Seu contágio é feito através de relação sexual e em contato com boca, pênis, vagina ou ânus. Não é preciso o homem ejacular para que haja a contaminação da gonorreia.
  5. 5. Prevenção: ● Uso de preservativo em todas as relações sexuais; ● Evitar ter muitos parceiros sexuais; ● ● ● ● ● Consultar um ginecologista periodicamente (no caso das mulheres) ou um urologista (no caso dos homens); Se você foi diagnosticado com gonorreia, trate também o (a) parceiro (a); Controle regular e sistemático em caso de relações sexuais com inúmeros parceiros, mesmo na ausência de sintomas (lembre-se que a doença pode ser assintomática); Evite relações sexuais com pessoas que tenham sintomas de doenças venéreas ou algum outro sintoma desconhecido; Evite relações sexuais com desconhecidos.
  6. 6. Tratamento: O tratamento é feito através de antibióticos específicos, prescritos pelo médico. Para evitar seu contágio suspenda a relação sexual ou use camisinha corretamente.
  7. 7. Curiosidade: A gonorreia é uma doença antiga e recebeu esse nome do médico grego Galeno em 150 d.C. Mais de 60% dos pacientes com gonorreia tem entre 15 e 24 anos de idade. No Brasil, as estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), de infecções de transmissão sexual na população sexualmente ativa a cada ano é de 1.541.800 novos casos.

×