Distúrbios da Circulação
Morte Celular






Morte Celular é um processo que às vezes
torna-se difícil estabelecer o fator que
determina a irrev...


Há também a morte celular por um
processo ativo no qual a célula sofre
contração e condensação de suas
estruturas,
frag...
Exemplos da importância da Morte Celular Programada
no desenvolvimento embrionário em mamíferos
HIPEREMIA


Consiste no aumento de sangue no
interior dos vasos de um órgão ou
tecido.
Hiperemia Ativa – dilatação da art...
Hiperemia v/s Congestão







Apresenta uma cor
vermelho vivo



Cianosis (cor azul –
vermelho-escuro)

Aumento de vo...
HEMOSTASIAS


É um processo fisiológico envolvido
com a fluidez do sangue e com o
controle de sangramento quando
ocorre l...
HEMORRAGIA
O mesmo que sangramento.
 Saída de sangue do espaço vascular
(vasos
ou
coração)
para
o
compartimento
extravasc...


Nomenclatura:
Hemartrose : sangue nas articulações
 Hematêmese: vômito de sangue
 Hematoma: sangramento circunscrito
...


Hemorragia por Rexe: sangramento
que ocorre por ruptura da parede
vascular ou do coração, com saída do
sangue em jato.
...


Hemorragia por Diapedese: é a que
se manifesta sem grande solução de
continuidade da parede do vaso e na
qual as hemáci...
Patologia3
Patologia3
Patologia3
Patologia3
Patologia3
Patologia3
Patologia3
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Patologia3

576 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
576
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Patologia3

  1. 1. Distúrbios da Circulação
  2. 2. Morte Celular    Morte Celular é um processo que às vezes torna-se difícil estabelecer o fator que determina a irreversibilidade da lesão. Se a morte celular ocorre em um organismo vivo e é seguida de autólise, o processo é denominado necrose. Autólise significa a degradação enzimática dos componentes celulares por enzimas da própria célula liberadas pelos lisossomos após a morte celular.
  3. 3.  Há também a morte celular por um processo ativo no qual a célula sofre contração e condensação de suas estruturas, fragmenta-se e é fagocitada por células vizinhas ou por macrófagos residentes, não ocorrendo o fenômeno de autólise.  É a Apoptose (“morte programada”)
  4. 4. Exemplos da importância da Morte Celular Programada no desenvolvimento embrionário em mamíferos
  5. 5. HIPEREMIA  Consiste no aumento de sangue no interior dos vasos de um órgão ou tecido. Hiperemia Ativa – dilatação da artéria com aumento do fluxo sangüíneo local. (vasodilatação)  Hiperemia Passiva – também chamada congestão que resulta da redução da drenagem venosa, provocando distensão das veias distais, vênulas e capilares. 
  6. 6. Hiperemia v/s Congestão    Apresenta uma cor vermelho vivo  Cianosis (cor azul – vermelho-escuro) Aumento de volume  Aumento de volume Maior temperatura Diminuição da temperatura local 
  7. 7. HEMOSTASIAS  É um processo fisiológico envolvido com a fluidez do sangue e com o controle de sangramento quando ocorre lesão vascular.  Depende da ação integrada: Parede vascular  Plaquetas  Sistema de coagulação 
  8. 8. HEMORRAGIA O mesmo que sangramento.  Saída de sangue do espaço vascular (vasos ou coração) para o compartimento extravascular (cavidades ou interstício) ou para fora do organismo.  Internas  Externas 
  9. 9.  Nomenclatura: Hemartrose : sangue nas articulações  Hematêmese: vômito de sangue  Hematoma: sangramento circunscrito formando coleção volumosa  Hematúria: sangue na urina  Hemotórax: sangue na cavidade pleural  Menstruação: sangramento uterino cíclico e fisiológico da mulher  Petéquia: sangramento puntiforme 
  10. 10.  Hemorragia por Rexe: sangramento que ocorre por ruptura da parede vascular ou do coração, com saída do sangue em jato. Traumatismos  Enfraquecimento da parede do vaso  Aumento da pressão sangüínea 
  11. 11.  Hemorragia por Diapedese: é a que se manifesta sem grande solução de continuidade da parede do vaso e na qual as hemácias saem dos capilares ou vênulas individualmente entre as células endoteliais. Anóxia  Embolia Gordurosa  Alergia a penicilina 

×