Ética Geral e Profissional  Prof. Elvis Magnohttp://www.4shared.com/get/7zAam0P0/livro_-_antologia_ilustrada_da.html;jsess...
Cap. 2 – Ética e o Pensar                      É impossível             Deve-se ter um                                    ...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.1 Platão: Como buscar o que se ignora? Problema: Sócrates (seu professor) ensi...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.1 Platão: Como buscar o que se ignora? Proposições:    Sócrates (sue professo...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.2 Tales: Os animais também pensam. Problema: Em que consiste o pensamento huma...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.2 Tales: Os animais também pensam. Proposição:    Toda tentativa de interpret...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.3 Bacon: Estudar os erros para evitá-los. Problema :    É possível evitar os ...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.3 Bacon: Estudar os erros para evitá-los. Proposições:    A percepção revela ...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.4 Kant: Uma             revolução       na     filosofia     do  conhecimento....
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.4 Kant: Uma              revolução        na     filosofia      do  conheciment...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.5 Fichte: Cada eu se põe a si mesmo. Problema :    Pode-se identificar o prin...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.5 Fichte: Cada eu se põe a si mesmo. Proposições:    Se um princípio for verd...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.6 Schopenhauer: O eu é o mundo? Problema :    O que é o mundo? Tese:    Tud...
Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.6 Schopenhauer: O eu é o mundo? Proposições:    Conhecer é construir represen...
Cap. 3 – Ética e o Significado de Conhecer   exclui a    exclui a                       O engano muitas                  o...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

ÉTICA GERAL E PROFISSIONAL - Cap. 3 – Ética e o Significado de Conhecer

1.083 visualizações

Publicada em

Publicada em: Design
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.083
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ÉTICA GERAL E PROFISSIONAL - Cap. 3 – Ética e o Significado de Conhecer

  1. 1. Ética Geral e Profissional Prof. Elvis Magnohttp://www.4shared.com/get/7zAam0P0/livro_-_antologia_ilustrada_da.html;jsessionid=27926C21A731CA033D1B31FE883C93AE.dc322
  2. 2. Cap. 2 – Ética e o Pensar É impossível Deve-se ter um Deve-se ter um Aplicação do Aplicação doTodos tem Todos tem conhecer alguma método que garanta método que garanta método método lógos lógos coisa sem a legitimidade dos a legitimidade dos científico aos científico aos Tudo flui Tudo flui reconhecer a resultados resultados problemas problemas própria ignorância filosóficos filosóficos Não julgues a doutrina Não julgues a doutrina Todo conhecimento é Todo conhecimento é A mente humana é, A mente humana é, do ser com base em do ser com base em uma recordação uma recordação ao nascer, um papel ao nascer, um papel sensação, mas, sim com sensação, mas, sim com em branco em branco base na lógica racional base na lógica racional
  3. 3. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.1 Platão: Como buscar o que se ignora? Problema: Sócrates (seu professor) ensinava que sábio é aquele que sabe que não sabe. Sendo assim, como é possível o conhecimento? Se as ideias não nascem das experiências sensíveis, de onde se originam? Tese: Platão exclui a hipótese de que as ideias derivam dos sentidos: elas são pura visão intelectual. Sócrates recorre à doutrina da reminiscência, segundo a qual conhecer é, para a alma, lembrar o que já sabia antes de encarnar em um corpo. É a tese central do Platonismo, sustentada por uma série de doutrinas colaterais.
  4. 4. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.1 Platão: Como buscar o que se ignora? Proposições:  Sócrates (sue professor) refere-se às doutrinas dos Órficos. Os órficos sustentavam a imortalidade da alma e a metempsicose (passagem de uma alma para um novo corpo);  Desta forma, conhecer significa recordar;  Descordando de seu professor, Platão coloca que esta forma de pensar deixaria as pessoas preguiçosos (as mentes preguiçosas);  Platão então propõe que o raciocínio torna todos operosos e dedicados à pesquisa;  Desta forma então é possível o conhecimento.
  5. 5. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.2 Tales: Os animais também pensam. Problema: Em que consiste o pensamento humano? Existe diferença entre a capacidade intelectiva (capacidade não sensível – cerebral, intelectual) humana e a animal? Tese: Todo conhecimento humano reduz-se à simples sensação, porque esta, sem a participação da inteligência, já é suficiente para explicar as leis da natureza. Não há nada de especial naquilo a que denomina-se inteligência, nada de qualitativamente diverso ou superior a uma sensibilidade bem refinada.
  6. 6. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.2 Tales: Os animais também pensam. Proposição:  Toda tentativa de interpretar racionalmente o mundo fracassa; porque se aplicam à natureza esquemas próprios do homem;  Expansão e condensação são as duas leis físicas fundamentais;  Também no mundo animal e até no vegetal existem formas de espiritualidade;  Aplicando a lógica da percepção sensível e empírica chega-se a um conhecimento verdadeiro e universal;  Pode-se verificar, por exemplo, que também os animais são capazes de usar conceitos universais.  Calor e frio são os dois princípios cósmicos universais.
  7. 7. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.3 Bacon: Estudar os erros para evitá-los. Problema :  É possível evitar os erros de raciocínio inventando um método para isso? Tese:  O engano muitas vezes é decorrência da presença, no intelecto humano, de uma série de crenças inconscientes, suposições, prejulgamentos e preconceitos que condicionam a aquisição do novo saber.
  8. 8. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.3 Bacon: Estudar os erros para evitá-los. Proposições:  A percepção revela mais o modo de conhecer do homem do que a realidade.  A mente, metaforicamente, é semelhante a um espelho.  O erro pode nascer de uma predileção (preferência) do indivíduo.  Toda leitura é sempre uma interpretação a partir de um ponto de vista pessoal.  A linguagem dá origem a equívocos. As palavra são um excelente instrumento para mentir.
  9. 9. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.4 Kant: Uma revolução na filosofia do conhecimento. Problema :  Qual é o fundamento do saber? A filosofia do conhecimento pode tornar-se uma ciência? Tese:  Os esquemas mentais já presentes na mente que determinam o que podemos conhecer do objeto. Esses esquemas funcionam como um filtro, selecionando as modalidades da realidade que podem ser acolhidas pela mente.
  10. 10. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.4 Kant: Uma revolução na filosofia do conhecimento. Proposições:  A filosofia deve renovar-se, pois fracassaram todas as tentativas de explicar o conhecimento como a adequação da mente ao objeto conhecido.  Assim como Copérnico tirou a Terra do centro do universo e ali colocou o Sol, no centro da investigação deve ser colocado o sujeito observador, não mais o objeto.  A relação entre observador e objeto só admite duas possibilidades, ou é a mente do observador a se adequar ao mundo externo, ou é o objeto a se adequar aos conceitos do observador.
  11. 11. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.5 Fichte: Cada eu se põe a si mesmo. Problema :  Pode-se identificar o princípio fundamental do conhecimento? O que é a consciência? Tese:  O inteiro sistema do saber funda-se em um ato de espontânea, intuitiva e incondicionada autocriação do sujeito pensante. Portanto, o verdadeiro princípio de todo saber reside na autoconsciência (atividade totalmente interior do sujeito e independente do mundo).
  12. 12. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.5 Fichte: Cada eu se põe a si mesmo. Proposições:  Se um princípio for verdadeiramente fundamental, não pode ser demonstrado, mas somente aceito.  O princípio de identidade parece ser prioritário, fundamental. Mas um juízo de identidade é um produto do pensamento.  A auto consciência do sujeito é o princípio fundamental.  Na base de todo conhecimento está um originário e incondicionado autocolocar-se criativo do sujeito.
  13. 13. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.6 Schopenhauer: O eu é o mundo? Problema :  O que é o mundo? Tese:  Tudo o que sabemos do mundo é puro fenômeno, ou seja, aparência, ilusão, fantasia. Qualquer objeto de conhecimento é sempre condicionado ou, melhor, determinado pelos esquemas radicados na mente do sujeito: espaço, tempo, relação causa- efeito, [...].
  14. 14. Cap. 3 – Ética e oSignificado de Conhecer3.6 Schopenhauer: O eu é o mundo? Proposições:  Conhecer é construir representações mentais. O mundo existe apenas em relação ao sujeito.  Nada sabemos dos objetos em si [hoje já se tem os estudos de micropartículas como prótons e nêutrons, etc], que sempre conhecemos por meio da nossa percepção e da nossa psicologia.  Sujeito e objeto do conhecimento são reciprocamente dependentes: o sujeito depende do objeto, e vice-versa. [o objeto só é o que é porque eu atribuo valor e identidade a ele].  Espaço, tempo e princípio de causa-efeito condicionam todo conhecimento.
  15. 15. Cap. 3 – Ética e o Significado de Conhecer exclui a exclui a O engano muitas o verdadeiro o verdadeiro hipótese de hipótese de vezes é decorrência princípio de todo princípio de todoque as ideias que as ideias da presença,de saber reside na saber reside naderivam dos derivam dos uma série de autoconsciência autoconsciência sentidos sentidos crenças Todo conhecimento Todo conhecimento Os esquemas mentais já Os esquemas mentais já Tudo o que sabemos Tudo o que sabemos humano reduz-se à humano reduz-se à presentes na mente que presentes na mente que do mundo é puro do mundo é puro simples sensação simples sensação determinam o que determinam o que fenômeno, ou seja, fenômeno, ou seja, podemos conhecer do podemos conhecer do aparência, ilusão, aparência, ilusão, objeto objeto fantasia fantasia

×