Os relatos de decepções em redes sociais #Fail

2.088 visualizações

Publicada em

0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.088
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
440
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os relatos de decepções em redes sociais #Fail

  1. 1. #Fail: Os relatos de decepções em redes sociais
  2. 2. #FailÉ um meme de internet, amplamente utilizado no Twitter erefere-se ao estado ou condição de não cumprir um objetivodesejado. No caso de um produto ou serviço, refere-se aaqueles que não atingem as expectativas do consumidor.
  3. 3. Metodologia utilizada
  4. 4. #Fail• Através do E.Life Tweetmeter – software que varre a twitosfera e coleta todos os depoimentos referentes a um dado assunto, marca ou produto através de termos pré-cadastrados – isolamos depoimentos com #Fail sobre uma série de categorias de mercado ↘ Estudar os causadores de decepção em categorias pode trazer diferenciais entre a sua marca e seus concorrentes, além de revelar principais pontos de insatisfação com a sua marca e permitir que estes sejam trabalhados.
  5. 5. SumárioApresentação .......................................................................... 6Principais categorias ................................................................ 7Divisão de gêneros ................................................................... 8O buzz por dia 26/fev a 12/mar................................................ 9Top Apps ................................................................................... 10#Fail hour by hour – 3/mar ...................................................... 11Aprendizados ............................................................................ 12
  6. 6. ApresentaçãoA E.life realizou um estudo com dados do dia 01/03/12 ao dia 12/03/13 paraanalisar o intuito dos internautas no momento de inserir o termo “ #fail”em alguma publicação. 371.121 tweets durante o período e estima-se queForam levantados482.353.905 internautas foram impactados por estasinformações.
  7. 7. Principais categorias 12,227 4,699 3,189 2,348 2,013 1,955 1,856 Provedores Alimentação Moda e Revistas e Informática Aparelhos de Bancos de internet / vestuário Jornais telefone telefonia As operadoras de telefonia móvel foram bastante criticadas no twitter, junto à provedores de telefone fixo e internet banda larga. O internauta Caio Lívio desabafou: “minha fatura veio simplesmente o dobro, estou a 2 horas no telefone ouvindo a musiquinha e ninguém atende... #fail”. Os bancos foram mencionados de maneira negativa, tanto por causa do SAC quanto pelo atendimento presencial. Não houve grande disparidade na quantidade de posts referentes a cada empresa. O quesito alimentação foi marcado pela quantidade de queixas baseadas no tempo de espera do delivery em alguns restaurantes, rótulos de alimentos não aprovados pelos consumidores e falta de informações acerca da forma de pagamento dos estabelecimentos. O termo #fail marcou presença na categoria moda e vestuário. Neste tópico os consumidores alegaram fragilidade em algumas peças de roupa e criticaram o desconforto ocasionando pelas vestimentas. Os sistemas operacionais para computadores obtiveram a maior parte dos #fail’s dedicados a categoria de informática. Os SmartPhones roubaram a cena e tornaram-se alvo de críticas dos consumidores. Alguns dos motivos são as constantes atualizações de sistema, o insucesso na utilização dos aplicativos e a duração da vida útil da bateria do aparelho.
  8. 8. Divisão de gêneros As mulheres se mostraram mais ativas em relatar suas decepções na rede. Esse público focou nas novelas, nos programas de entretenimento e em 49% 51% queixas do dia-a-dia. Os homens citaram o futebol, os provedores de internet e as operadoras de telefonia móvel. Ficou constatado que enquanto o público masculino fez uso do termo #fail para se queixar de problemas reais, as mulheres o adicionaram em seus posts voltados a situações um pouco mais fictícias. Masculino Feminino
  9. 9. O buzz por dia – 26/fev a 12/mar Big Brother Brasil: O maior alvo de #fail’s no twitter Os dias de maior quantidade de 2947 depoimentos foram os finais de 2544 semana, com destaque para o 2444 2418 2355 2273 2252 domingo, dia 3 de março. Durante os 2188 2208 2062 2082 dias úteis, a terça-feira, 05 de março, foi a maior detentora de publicações 1590 contendo a hashtag, devido ao programa Big Brother Brasil. Nos demais 943 dias da semana a maioria queixas foram841 903 direcionadas às organizações.
  10. 10. Top Apps Pela web, os internautas se queixaram do cotidiano, fizeram piadas e criticaram empresas de diversos setores. Através do aplicativo para Android, usuários comentaram suas percepções em bancos e estabelecimentos comerciais. O Big Brother Brasil e os jogos de futebol da copa Libertadores da América, foram os temas mais publicados através do iPhone.
  11. 11. #Fail hour by hour – 03/03 Depoimentos sobre entretenimento ajudaram a somar as 512 publicações correspondentes 512 ao #fail 201 188 177 144 156 129 161 103 93 132 148 156 86119 64 87 57 52 62 25 29 35 31 0h 01h 02h 03h 04h 05h 06h 07h 08h 09h 10h 11h 12h 13h 14h 15h 16h 17h 18h 19h 20h 21h 22h 23h O dia 03/03 gerou 2.947 posts. Dentre eles, 876 mencionaram o programa Big Brother Brasil através da publicação “Discurso direcionado pro FAIL da UOL! Pra todo mundo aprender de uma vez por todas que enquete não tira NINGUÉM DA CASA!!!! #FicaKamilla” via (@KamillaRSalgado). O pico no volume, às 23hs, foi o momento em que essa publicação foi mais retweetada. Às 18hs, houve a segunda maior quantidade de posts; 201. O conteúdo da maioria das postagens era de discordância aos artistas eleitos “Melhores do ano”, no programa do Faustão.
  12. 12. Aprendizados• A emissora Rede Globo, em especial o reality show Big Brother Brasil, foi programa de entretenimento responsável pela maioria de posts contendo o termo #fail analisados durante o período.• O público feminino associa a hashtag para assuntos menos direcionados à queixas contra empresas, os homens utilizam o termo para criticar o atendimento ou o serviço prestado por alguma organização.• As plataformas mais utilizadas pelos internautas para exprimirem seus sentimentos são a web e o mobile. No primeiro, os usuários costumam relatar qualquer tipo de crítica, decepção ou brincadeira. No segundo, os posts são mais objetivos e mencionam como #fail algum acontecimento no ambiente em que se encontram.• Muitas piadas prontas contém a hashtag como parte da frase. É o caso dos slogans dos bancos e das operadoras de telefonia móvel, que são bastante utilizadas para elaboração de cantadas no twitter.• Os provedores de internet banda larga e as operadoras de telefonia são os maiores alvos de críticas do consumidor; eles questionam a qualidade dos serviços oferecidos, criticam o sinal e alegam extrema dificuldade em cancelar o pacote. O público masculino é maioria.
  13. 13. Jacqueline CanavarroE.Life Group - We deliver it SocialTelefone:(11) 2339-4928Endereço: Rua Pamplona, 518 - 4° andarCEP 01405-000 São Paulo SPwww.elife.com.br

×